**/

Home Blog Page 110

Boletim da SESAU desta terça-feira (22) registra mais 85 casos de COVID-19 e outras 88 recuperações em Juazeiro

0

O boletim epidemiológico da Secretaria Municipal da Saúde desta terça-feira (22) registra 85 casos confirmados de COVID-19 em Juazeiro, uma taxa de 43% de testes positivos das 197 notificações realizadas no dia.

Com essa atualização o número de infectados chega a 7.322, dos quais 4.762 já apresentaram curas clínicas. Juazeiro chega a 22.679 testes realizados com 15.227 resultados negativos e aconteceram 132 óbitos desde o início da pandemia.

Dos pacientes positivados neste boletim, 56 são do sexo feminino e 29 do sexo masculino com idades entre 17 e 64 anos e todos encontram-se em isolamento domiciliar, sem gravidade.

Os resultados foram obtidos através de 83 testes rápidos anticorpo e 02 testes rápidos antígeno. Do total geral de casos confirmados, 4.100 são do sexo feminino, 3.221 do sexo masculino e destes, 345 são profissionais de saúde.

Em isolamento domiciliar agora são 2.417 pessoas e a quantidade de internados regulados pela rede municipal nas últimas 24 horas permaneceu com 11 pacientes, sendo 06 em UTIs e 05 em leitos intermediários. O Hospital de Campanha permanece com 01 paciente em leito intermediário e taxa de ocupação de 3%.

As salas vermelhas da UPA continuam com ocupação zerada e os leitos intermediários da Unidade de Pronto-Atendimento também se mantiveram com 03 pacientes e taxa de ocupação de 25%.

Confira a lista completa dos casos internados na Rede PEBA

Luiz Hélio/SESAU

Inscrições abertas para o vestibular 2021.1 da Facesf!

0

Inscrições abertas para o vestibular 2021.1 dos seguintes cursos: Direito, Psicologia, Fisioterapia, Enfermagem e Nutrição.

Para mais informações, acesse o nosso site: www.facesf.edu.br.

Clique aqui e confira os editais.

Operação de fim de ano: PRF aumenta fiscalização nas rodovias para evitar mortes nas estradas

0

PRF inicia as Operações de Final de Ano em rodovias do Piauí- Viagora

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou a operação especial de fiscalização nas rodovias baianas, por causa dos festejos de final de ano. Segundo a PRF, o objetivo da “Operação Rodovida 2020/20201”, que segue até 21 de fevereiro de 2021, é prevenir acidentes nas rodovias.

As ações terão foco em coibir ultrapassagens proibidas, embriaguez ao volante, o não uso de cinto de segurança e outros itens obrigatórios e o transporte de carga e trânsito irregular de motociclistas.

De acordo com a PRF, foram realizados levantamentos que identificaram os trechos que merecem maior atenção nesse período festivo, onde há um maior número de acidentes. O órgão prevê um efetivo maior de agentes em regiões consideradas mais críticas, na tentativa de reduzir o número de casos em relação aos anos anteriores.

Todas as 10 delegacias da corporação na Bahia adotarão as medidas para coibir as ultrapassagens irregulares, o consumo de álcool, o não uso do cinto e da cadeirinha e o trânsito irregular de motocicletas, dentre outras.

Em alguns pontos, porém, em virtude de um histórico maior de acidentes nesse período do ano, haverá uma atenção especial, inclusive com reforço de efetivo. A exemplo da BR-324, por concentrar o maior fluxo de veículos, principalmente, o trecho entre Salvador e Feira de Santana, assim como a BR-101, por conter municípios de grande atração de viajantes.

Ainda segundo a PRF, os condutores receberão orientações via panfletos virtuais, que os agentes irão distribuir por meio de smartphones durante abordagens nas rodovias. O material educacional informará aos motoristas sobre a importância de ações básicas de segurança no trânsito, como realizar a revisão antes de viajar e o uso do cinto de segurança.

A PRF destacou ainda que haverá a integração de diversos órgãos da União, estados e municípios, com o intuito de “somar forças no enfrentamento à violência no trânsito e na redução dos custos sociais decorrentes”.

Ascom PRF

22 de dezembro: aniversário de Alinne Moraes. Confira alguns momentos marcantes deste dia!

0
Alinne Moraes – Wikipédia, a enciclopédia livre
Alinne Moraes

22 de dezembro é o 356.º dia do ano no calendário gregoriano (357.º em anos bissextos). Neste dia nasceram os atores Tato Gabus Mendes e Ralph Fiennes, a atriz Alinne Moraes e o surfista Gabriel Medina.

Foi no dia 22 de dezembro de 1986 que é declarado oficial o 13.º salário para todos os trabalhadores brasileiros.

O dia também ficou marcado quando em 2018 um tsunami causado por uma erupção de Anak Krakatoa na Indonésia mata pelo menos 430 pessoas e feri mais de mil.

Nascimentos: artes

1950 – María Antonieta de las Nieves, atriz e comediante mexicana.

strong>Tato Gabus Mendes</strong> recebe visita da família em estúdio da Globo
Tato Gabus Mendes

1960 – Tato Gabus Mendes, ator brasileiro.

1961 – Eri Johnson, ator brasileiro.

1962 – Ralph Fiennes, ator britânico.

1982 – Alinne Moraes, atriz e modelo brasileira.

Nascimentos: personalidades e figuras importantes

1983 – Jennifer Hawkins, modelo australiana.

Gabriel Medina tem vídeo íntimo vazado e aciona advogados – TodaTeen
Gabriel Medina

1993 – Gabriel Medina, surfista brasileiro.

Mortes:

Joe Cocker: Formidable vocalist who triumphed at Woodstock and won a Grammy with 'Up Where We Belong' | The Independent | The Independent
Joe Cocker:

2014 — Joe Cocker, musico britânico (n. 1944).

Morre em São Paulo o músico Bira, do programa do Jô | Poder360
Bira

2019 — Bira, músico brasileiro (n. 1934).

Acontecimentos históricos:

Parque Chico Mendes terá Dança Circular

1977 — Inauguração do Parque Natural dos Esportes “Chico Mendes”, em Sorocaba, Brasil.

1986 — É declarado oficial o 13.º salário para todos os trabalhadores brasileiros.

Portão de Brandemburgo – Wikipédia, a enciclopédia livre
Portão de Brandemburgo

1989 – O Portão de Brandemburgo, em Berlim, reabre após quase 30 anos, encerrando efetivamente a divisão da Alemanha Oriental e Ocidental.

2016 — Um estudo encontra a vacina VSV-EBOV contra o vírus Ebola entre 70-100% eficaz, tornando-a a primeira vacina comprovada contra a doença.

2018 — Um tsunami causado por uma erupção de Anak Krakatoa na Indonésia mata pelo menos 430 pessoas e feri mais de mil.

Feriados e eventos:

22 de Dezembro - Dia da Consciência Ecológica - Amambai Notícias

Dia da Consciência Ecológica.

Fonte: Wikipedia

Univasf e Casa do Cordel Mulheres Cordelistas lançam e-book de cordéis sobre a pandemia de Covid-19. Evento é nesta terça-feira(22)

0

A literatura de cordel, gênero tradicional no Nordeste brasileiro, é o pano de fundo da antologia “Versos para Além dos Metros Quadrados” que, através da poesia popular, retrata o atual cenário de pandemia e distanciamento social.

A obra é organizada pela Casa do Cordel Mulheres Cordelistas, de Petrolina (PE), e reúne cordéis escritos por participantes de uma oficina online realizada em parceria com o Laboratório de Estudos da Cultura Corporal (Leccorpo) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), entre julho e setembro deste ano.

O lançamento do livro, disponibilizado em formato digital pela editora Cordelaria Castro, acontece por meio da plataforma Google Meet, na próxima terça-feira (22), a partir das 18h.

Para participar do evento, recebendo o link de acesso para a transmissão, os interessados devem entrar em contato com os organizadores através do Instagram do Leccorpo ou da Casa do Cordel Mulheres Cordelistas, além de ser possível solicitar o acesso por e-mail para o endereço da coordenadora do Leccorpo e docente do Colegiado de Educação Física da Univasf, Roberta Mélo: roberta.smelo@univasf.edu.br. Durante a atividade, haverá recitação dos cordéis e, ainda, um bate-papo com cada autor sobre as produções.

Após o lançamento, o livro estará disponível para download nas redes sociais dos projetos envolvidos na produção. O e-book reúne 24 cordéis, escritos por pessoas de diferentes regiões do Brasil, que apresentam versos sobre o contexto da pandemia, abordando a realidade social atual, bem como as inquietações, vivências, estratégias de resistência e perspectivas quanto ao futuro dos autores. Além disso, em diversos poemas há, ainda, orientações com uma linguagem coloquial, lúdica e acessível sobre como evitar a disseminação do novo coronavírus.

A oficina que originou o e-book promoveu duas turmas e buscou pontuar a Literatura de Cordel como recurso criativo de reflexões sobre o cenário da pandemia de Covid-19. Com apoio da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), o projeto contou com a participação e apoio da coordenadora da Casa do Cordel Mulheres Cordelistas, Graciele Castro, sócia fundadora da editora Cordelaria Castro, responsável pela edição do e-book, e ministrante das aulas de literatura das oficinas, e do docente da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) Rafael Rodrigues, que apresentou aos participantes conteúdos informativos sobre o novo coronavírus.

De acordo com Roberta Mélo, esta atividade é uma maneira de proporcionar um maior engajamento da universidade pública com os acontecimentos que têm marcado a realidade social do mundo, além de promover novos laços e redes de sociabilidade.

“Em tempos de aflição em relação ao presente e ao futuro, buscamos caminhos para a travessia das dificuldades atuais e encontramos na literatura de cordel, uma manifestação popular marcante de nossa região, uma maneira de estimular o potencial criativo e fazer os participantes compartilharem suas vivências e visão de mundo”, diz a docente.

Leccorpo – Vinculado ao curso de graduação em Educação Física da Univasf, o Laboratório de Estudos da Cultura Corporal (Leccorpo) visa promover estudos e ações sobre o uso e compreensão do corpo na cultura contemporânea, tendo como intuito estimular novas reflexões e debates em torno das práticas corporais, a partir de recortes diversos: sexo, identidade sócio-sexual, raça, religião, classe social, geração, dentre outros. Assim, o laboratório busca motivar posicionamentos críticos das condições oferecidas aos sujeitos e seus corpos no cotidiano, bem como dos mecanismos pelos quais elas são legitimadas.

Ascom Univasf

Marinha do Brasil inicia “Operação Verão 2020/2021– Todos por uma Navegação Segura”. Em Juazeiro já começou

0

 

Norte de Minas - Marinha do Brasil realiza ação itinerante em cidades do Norte de Minas | Jornal Montes Claros

A Marinha do Brasil iniciou, nessa segunda-feira, 21, a “Operação Verão 2020/2021 – Todos por uma Navegação Segura”, por meio de suas Capitanias, Delegacias e Agências em todo o Brasil. O objetivo é conscientizar condutores e passageiros sobre a importância das regras de segurança da navegação e preservação do meio ambiente marítimo e lacustre.

A operação vai contar com a participação da comunidade náutica e marítima e de militares e servidores civis da Marinha, além da Capitania dos Portos da Bahia, que intensificará as ações de fiscalização nas embarcações, de modo a orientar seus condutores e passageiros a aproveitar a época mais quente do ano com segurança.

Segundo o levantamento da Diretoria de Portos e Costas (DPC), os itens que mais chamam a atenção durante as ações de fiscalização são: falta de habilitação dos condutores; documentação da embarcação incompleta ou vencida; falta de material de salvatagem (coletes, boias, extintores de incêndio entre outros); desrespeito ao limite de lotação da embarcação; e falta de condições de navegabilidade do meio, que pode ser apreendido, a depender das irregularidades constatadas.

Para coibir o uso de bebida alcoólica a bordo, outro problema comum nesta época de festas e de férias, os militares utilizarão etilômetros, tendo em vista que é proibido o consumo de bebidas alcoólicas pelos condutores.

Ações de conscientização também serão realizadas em entidades náuticas, clubes, marinas e colônias de pescadores, com palestras educativas e dicas sobre as principais normas de segurança da navegação, além da preservação ambiental.

Durante as ações, serão reforçadas 15 recomendações para a segurança da navegação:

  • 1) Esteja atento e vigilante durante a navegação.
  • 2) Navegue a mais de 200 metros de distância da praia, respeite os banhistas.
  • 3) Tenha em mãos a sua habilitação e os documentos obrigatórios.
  • 4) Conduza sua embarcação com velocidade segura.
  • 5) Faça manutenção preventiva na sua embarcação.
  • 6) Não consuma bebidas alcoólicas quando for conduzir sua embarcação.
  • 7) Conheça bem todos os lugares por onde a embarcação irá navegar.
  • 8) Conheça a previsão do tempo antes de sair e fique atento às possíveis mudanças.
  • 9) Previna incêndios em sua embarcação.
  • 10) Respeite o limite de pessoas a bordo e garanta a estabilidade da embarcação.
  • 11) Informe seu plano de navegação e a lista das pessoas a bordo ao seu iate clube.
  • 12) Calcule o consumo de combustível para ir e voltar.
  • 13) Quando ancorado, não acione motores ou movimente a embarcação se tiver alguém por perto na água.
  • 14) Tenha coletes salva-vidas para todos a bordo.
  • 15) Não polua mares, rios e lagoas.
  • Em Juazeiro, o lançamento acontece dia 21, às 09 horas, na sede da Capitania.

Ascom Marinha

Em pronunciamento oficial, Rui confirma determinação de proibir festas e aglomerações no fim do ano em toda a Bahia

0

BANDEIRA DA BAHIA BRASIL | Bandeira da bahia, Estado da bahia, Bahia

O governador Rui Costa gravou na tarde desta segunda-feira (21) um pronunciamento oficial, no qual pede apoio aos baianos neste momento de segunda onda do novo coronavírus.

Rui também reiterou a sua determinação às forças policiais do Estado de proibir aglomerações durante as comemorações de fim de ano na capital e interior.

O governador lembrou que a Bahia tem o segundo menor índice de mortalidade do Brasil, mas que a pandemia deve continuar sendo tratada como “uma guerra a ser vencida”.

Durante o pronunciamento, o governador informou que a Bahia é o estado que mais investe em saúde no Brasil, o que tem ajudado a salvar milhares de vidas e, ao desejar feliz Natal, fez um apelo aos baianos: “Use máscara”.

O pronunciamento oficial será veiculado nesta terça-feira (22) nas emissoras de TV baianas e nas redes sociais do Governo do Estado e do governador Rui Costa.

Secom Bahia

Boletim Covid: Dormentes registra 16 curas clínicas nas últimas 24 horas

0

O número de casos ativos da Covid-19 tem se mantido estável em Dormentes, de acordo com o Boletim atualizado nessa segunda-feira (21) pela Secretaria Municipal de Saúde, o município contabilizou 7 casos ativos. Nas últimas 24 horas, a Secretaria registrou 14 novos casos e 16 curas clínicas.

Dormentes está com 807 casos confirmados, 798 curas e 2 óbitos. A Secretaria de Saúde reforça à população para que mantenha os cuidados essenciais, como uso da máscara, álcool em gel e o distanciamento social.

Em caso de febre, tosse seca, cansaço, perda de paladar ou olfato ou outros sintomas, procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima ou a policlínica, das 8h às 12h e em casos de urgência o Hospital Municipal para a realização de exames.

Ascom Dormentes

Lei impede prefeitos eleitos de ‘abrir cofre’ em 2021

0

Custos com o funcionalismo e contratações devem ficar congelados durante todo o primeiro ano de mandato dos prefeitos eleitos

Lei impede prefeitos eleitos de 'abrir cofre' em 2021 - Notícias - R7  Eleições 2020

Os candidatos que saíram vitoriosos da eleição de 2020 com promessas de aumentar o serviço público e fazer concursos para funcionários encontrarão, no próximo ano, uma barreira legal. Custos com o funcionalismo e contratações devem ficar congelados durante todo o primeiro ano de mandato dos prefeitos eleitos. Uma lei aprovada em maio deste ano pelo Congresso Nacional impede a União, os Estados e os municípios de fazer qualquer contratação, reajuste ou reforma administrativa que traga aumento de despesa.

A regra foi incluída na lei complementar 173, que criou o programa federal de enfrentamento à pandemia do coronavírus. O congelamento de vagas e salários foi a contrapartida a um alívio financeiro de R$ 125 bilhões e à suspensão de pagamentos da dívida com a União, e vale até 31 de dezembro de 2021.

Todos os municípios do País estão submetidos à regra. Na lei, há exceções previstas apenas para a reposição de cargos e contratações temporárias, inclusive para prestação de serviço militar.

O secretário executivo da Frente Nacional de Prefeitos, Gilberto Perre, critica a aprovação da regra única para os mais de 5 mil municípios brasileiros. Ele diz que as contas públicas em cidade têm situações muito diferentes, e lembra que a crise econômica tem pressionado o setor público a oferecer mais serviços nas áreas de saúde, educação e assistência social.

“Esses regramentos nacionais, para um país tão heterogêneo, sempre podem trazer complicações”, diz Perre, ex-prefeito de São Carlos, no interior paulista. “É óbvio que teremos de conter despesas, porque as receitas estão desfavoráveis. Mas engessar, de norte a sul e de leste a oeste, é generalizar demais.”

Entre os prefeitos da FNP, segundo Perre, ainda não há um movimento para alterar as regras da lei. Ele diz, no entanto, que isso pode mudar caso o cenário econômico de 2021 melhore a ponto de trazer mais arrecadação. “Se a economia demonstrar sinais de volta aos padrões pré-pandemia, eventualmente essa medida pode não se fazer tão necessária, ser até abreviada. Isso depende do ambiente político de 2021.

Rio de Janeiro

A exigência da lei dificulta o cumprimento dos planos de governo mais ambiciosos, que prometeram a expansão do atendimento e criação de novos serviços públicos. No caso do Rio de Janeiro, algumas propostas do prefeito eleito Eduardo Paes (DEM) são dificultadas não só pela lei complementar 173, mas pela situação fiscal da prefeitura.

Insuficiente

Para o economista Felipe Salto, diretor executivo da Instituição Fiscal Independente (IFI), do Senado, o congelamento de contratações e salários exigido na lei complementar 173 “é uma boa regra, mas insuficiente”. Ele lembra que o próprio governo federal incluiu a contratação de 50,9 mil servidores na proposta de lei orçamentária para 2021. A justificativa é que essas contratações seriam reposições de aposentados, exceção incluída no texto aprovado pelo Congresso.

Como a lei não estipulou prazo para essas reposições, essa exceção é considerada uma brecha. “A lei é importante para evitar o uso de recursos públicos gerados pelo não pagamento de dívida ou pelas transferências feitas em 2020 em despesas de caráter permanente. Segue, inclusive, o espírito dos gatilhos do teto de gastos”, diz Salto.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Petrolina registra mais 118 casos novos da Covid-19

0

Nesta segunda-feira (21), o boletim epidemiológico da covid-19 registra mais 155 curados e 118 casos novos da doença em Petrolina. Com isso, já são 9.140 recuperadas do novo coronavírus, de um total de 11.332 moradores que foram infectados desde o início da pandemia na cidade. O município manteve os 140 óbitos pela covid-19.

Dos novos infectados, 95 foram confirmados a partir de 356 testes rápidos da prefeitura e 23 através de exames laboratoriais. São 72 pessoas do sexo feminino, com idades entre 08 meses e 82 anos, e 46 do sexo masculino, entre 05 anos de vida e 85 anos.

As informações referentes à raça/cor/etnia dos casos registrados nesta segunda estão em seguida:.

A Secretaria Municipal de Saúde aguarda resultados de exames laboratoriais de três moradores da cidade que faleceram neste domingo (20) e os óbitos foram notificados como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Todos tinham histórico de outras doenças.

O primeiro óbito – de uma pessoa do sexo masculino, de 77 anos – aconteceu em um hospital público de Petrolina. A segunda morte, é também do sexo masculino, de 37 anos. O paciente também faleceu em um hospital público de Petrolina. O terceiro paciente, de 80 anos, morreu em um hospital público de Juazeiro- BA.

Ocupação de leitos

Os leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes com a covid-19 foram ampliados em Petrolina, passando de 43 para 53 leitos no total. São mais 10 leitos que entraram em funcionamento da Unidade de Pronto Atendimento Especializado (UPAE), de responsabilidade do governo estadual.

Com isso, a taxa de ocupação geral dos leitos de UTI da rede pública é de 54,71% nesta segunda-feira. Dos 53 leitos disponíveis, 29 estão ocupados, sendo 18 pacientes de Petrolina e 11 de outras cidades da região.

Os dados completos AQUI

Todas as informações sobre a pandemia na cidade estão disponíveis no site: petrolina.pe.gov.br/coronavirus.