Sem categoria

Início Sem categoria

CDL, Sindilojas e Transforma Petrolina firmam parceria para ações sociais do Natal da Cidade

0
A coordenadora do Transforma Petrolina, Lara Secchi Coelho, parabenizou a CDL e o Sindilojas pelo engajamento em atividades sociais durante o lançamento do projeto.

Um projeto para levar ações sociais aos bairros e estimular o empreendedorismo entre estudantes da rede pública foi lançado nesta quarta (02). Numa parceria entre o CDL, Sindilojas e Transforma Petrolina, a partir deste mês escolas municipais receberão aulas para incentivar os alunos a empreender usando a criatividade. A iniciativa denominada Talento Empreendedor contará ainda com o apoio de organizações sociais da cidade para estimular a solidariedade no meio estudantil.

O projeto será dividido em duas etapas. Na primeira, especialistas do CDL e Sindilojas visitarão as escolas para monitorar aulas sobre empreendedorismo. Os professores da rede municipal incentivarão os alunos a praticarem atividades criativas como artesanato, gastronomia e música. O processo terá a participação também das organizações sociais.

Após esse momento, as turmas selecionadas pelo Talento Empreendedor irão expor seus trabalhos nos finais de semana de novembro em cinco bairros. As apresentações estarão dentro da programação do Natal da Cidade, que oferecerá serviços e atividades culturais nas comunidades. Todo o material produzido pelos alunos que for comercializado será redirecionado para alguma ação que ajude as escolas.

A coordenadora do Transforma Petrolina, Lara Secchi Coelho, parabenizou a CDL e o Sindilojas pelo engajamento em atividades sociais durante o lançamento do projeto. “São duas instituições de grande impacto na sociedade. Além da importante iniciativa do projeto Talento Empreendedor, essa parceria vai ajudar a estimular o voluntariado em todo o segmento econômico, no comércio, nas lojas, empresários. Todos estes segmentos poderão propiciar mais ações que apoiem instituições sociais e todo o público que precisa de nossa solidariedade”.

Já o presidente da CDL Petrolina, Manoel Vilmar, ressaltou que o trabalho social é tradição na campanha Natal da Cidade. “O alinhamento com os parceiros é essencial para o sucesso da campanha. Mais uma vez, a CDL e Sindilojas abraçam esse projeto social que é sem dúvidas, uma importante ferramenta de inclusão e promoção do desenvolvimento sociocultural que estaremos realizando com a parceria da Prefeitura e o Transforma Petrolina”.

Também presente no lançamento do projeto, o presidente do Sindilojas, Joaquim de Castro, defendeu a união de entidades para levar uma mensagem de solidariedade à sociedade. “Uma junção de forças que, sem dúvida, marca um dos principais sentidos da Campanha Natal da Cidade, que é o de sensibilizar a comunidade para os sentimentos positivos que ficam muito mais evidentes no período natalino, como a solidariedade e o amor ao próximo”, destacou.(Ascom)

Quase 2 mil caminhoneiros se mobilizam em grupos de WhatsApp por paralisação

0

 (Foto: Arquivo/Agência Brasil)

Quase 2 mil caminhoneiros estão em, no mínimo, 15 novos grupos do WhatsApp recém-criados para discutir uma possível paralisação da categoria na segunda (22).

Eles estão contrariados com a resolução da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) que estipulou a nova tabela de preços mínimos do frete rodoviário, divulgada na quinta (18), com valores abaixo dos esperados. A realização da paralisação não é consenso entre os participantes. Parte dos grupos é refratária à ideia por conta da dificuldade financeira que teriam com os dias sem trabalhar.

Os administradores dos novos grupos negam ser articuladores do movimento, ao mesmo tempo em que algumas lideranças que tomaram a dianteira durante a paralisação de 2018 não estão em nenhum deles. O nome dos grupos segue sempre o mesmo formato, com o título formado por paralisação, a data de 22/07 e a abreviação do nome de um estado.

Apesar serem vinculados a um estado, a maior parte deles é formada por pessoas de regiões diferentes da indicada. Eles trazem em suas descrições o mesmo texto: “Publicações fora do contexto das pautas dos caminhoneiros não serão aceitas. FOCO NA MISSÃO!” Nesses grupos, há desde convocações para greve, com críticas ao presidente Jair Bolsonaro, por vezes chamado de traidor, até alguns vídeos cômicos e imagens eróticas. Os caminhoneiros emitem suas opiniões também em áudio ou vídeos nos quais discursam enquanto são filmados pela câmera frontal de seu telefone.

Foram disparados avisos sobre o risco de uma ação de contra-inteligência estar sendo realizada dentro dos grupos, com membros do governo se passando por caminhoneiros. Parte dos trabalhadores se diz intervencionista, defendendo um regime militar. A rotatividade dos grupos é alta. São muitos os avisos de pessoas que entraram usando um link compartilhado por outra pessoa no WhatsApp e outros de pessoas que decidiram sair. Também circulam ali convites para entrar em grupos do gênero, de estados diferentes. A reportagem localizou queixas de caminhoneiros em relação à falta de liderança dos grupos, o que dificultaria a paralisação de segunda. Há administradores em comum entre eles. Porém, quando contatados, eles disseram não ser líderes e se negaram a dizer se havia uma liderança que articulasse a criação dos grupos.

A reportagem foi expulsa de dois deles por um desses administradores após procurá-lo em particular pelo WhatsApp para pedir informações. Outra administradora que trocou mensagens com a reportagem disse que não poderia dizer nada, pois não falava em nome dos caminhoneiros. Segundo ela, o movimento começou simultaneamente em vários locais. Wanderlei Alvez, o Dedeco, um dos articuladores da paralisação de 2018, diz que não participa dos novos grupos e já foi retirado de alguns deles por seus organizadores. Ele afirma acreditar que os grupos da paralisação de segunda não foram criados por caminhoneiros, pois, segundo ele, a categoria o trata com respeito. Dedeco diz que o principal problema da classe é justamente a falta de liderança e cobra maior protagonismo da CNTA (Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos) para defender o interesse dos caminhoneiros junto ao governo.

O ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, deve se reunir com representantes de caminhoneiros e outras entidades afetadas pela nova tabela de fretes na próxima semana. A data ainda não foi confirmada. Sobre a reunião, uma das mensagens compartilhadas seguidamente pelo WhatsApp dizia que os caminhoneiros não arredariam pé e, caso o ministro quisesse fazer reunião, teria de fazer na pista. A nova tabela de fretes foi elaborada pela Esalq-Log, da USP, e a próxima revisão oficial está prevista para o início de 2020.(Diário de Pernambuco)

Polícia do Pará identifica suspeitos de provocar queimadas na Amazônia

0

Resultado de imagem para queimadas

A Polícia Civil do Pará identificou três suspeitos de provocar queimadas em área de floresta nativa no sudeste do estado. Nesta quinta-feira (29), policiais cumpriram mandados de busca e apreensão na casa dos suspeitos. Dois são irmãos e proprietários da fazenda Ouro Verde, em São Félix do Xingu, e o terceiro é gerente da propriedade. A fazenda fica localizada dentro da Área de Proteção Ambiental Triunfo do Xingu.

Segundo a polícia, foi encontrado no local um grupo de trabalhadores em condições análogas à escravidão. A operação está ainda em andamento.

Durante a operação, um dos suspeitos foi preso em flagrante com um revólver calibre 38, sem porte legal, durante cumprimento de busca e apreensão, na sede da fazenda em São Félix do Xingu. Os três vão responder por danos em área de proteção ambiental, poluição, queimadas e associação criminosa. De acordo com a Polícia, equipes fazem buscas na fazenda e em outras propriedades dos investigados, localizadas no estado de Goiás.

Segundo o diretor de Polícia do Interior da Polícia Civil do Pará, delegado José Humberto Melo, as investigações mostram que o grupo já derrubou e tocou fogo em mais de 5 mil quilômetros de mata. As investigações indicam que um dos suspeitos pode ter contratado mais de 50 homens para derrubar 20 mil hectares na fazenda Ouro Verde, que dica em área de proteção ambiental.

IF  Sertão-PE prorroga inscrições para curso de Iniciação à Flauta Doce

0

Resultado de imagem para campus Petrolina Zona Rural do IF Sertão-PE

Resultado de imagem para Flauta Doce

O campus Petrolina Zona Rural do IF Sertão-PE prorrogou, até o dia 5 de novembro, as inscrições para o curso de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Músico de Banda: Iniciação à Flauta Doce. O curso tem carga horária de 40 horas.

Estão disponíveis 20 vagas. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas na Coordenação de FIC do campus, das 8h às 12h e das 13h às 17h, mediante apresentação de ficha de inscrição devidamente preenchida (disponível no Edital nº 23/2019), cópia e original de RG e CPF e cópia de comprovante de residência.

Os interessados devem ter no mínimo 15 anos e estar cursando ou ter concluído o Ensino Médio e levar sua própria flauta. As aulas acontecerão nas quartas e quintas-feiras, das 15h às 17h, no Núcleo de Arte e Cultura do campus Petrolina Zona Rural, iniciando no dia 13 de novembro.

Clique aqui para conferir a retificação nº 01 o edital nº 23/2019 completo.(Ascom)

Projeto que inclui suco de uva integral na merenda escolar avança na Alepe

0

Resultado de imagem para suco de uva integral

O projeto de lei que inclui o suco de uva integral na merenda escolar da rede pública estadual de Pernambuco foi aprovado em duas comissões temáticas da Assembleia Legislativa. A iniciativa, de autoria do deputado Antonio Coelho (DEM), ganhou parecer favorável das comissões de Finanças, Orçamento e Tributação e de Desenvolvimento Econômico e Turismo. A matéria ainda passa por outros colegiados antes de ser avaliada pelo Plenário da Casa.

“A nossa ideia é incluir, sempre que possível, o suco de uva integral, que tem propriedades 100% naturais e é produzido em Pernambuco, com grande destaque na região do Vale do São Francisco. Essa iniciativa também garante que a aquisição seja feita preferencialmente de agricultores familiares, em especial nos assentamentos rurais da reforma agrária. Será de grande valia para o pequeno produtor, que terá a garantia de escoar a sua produção”, destacou Antonio Coelho.(Ascom)

Estudantes de Pernambuco podem se inscrever no programa de estágio da MRV

0

As inscrições estão abertas até o próximo dia 15 para alunos de engenharia civil

A MRV, maior companhia da América Latina em seu segmento, está com inscrições abertas para o Programa de Estágio Jovens Talentos. Estudantes de engenharia civil nas mais de 155 cidades onde a construtora atua podem se inscrever até o dia 15 de setembro por meio do link www.mrv.com.br/programadeestagio.

O processo de seleção é composto por cinco etapas, que são: inscrição e prova de raciocínio lógico, game online individual, game online em grupo, dinâmica online e entrevistas presencial e online.  Os jovens selecionados irão participar de um programa que prevê o fomento ao conhecimento técnico, o protagonismo e a visão sistêmica do negócio, alinhados com os valores e propósito da MRV.

“A MRV está em constante transformação para oferecermos soluções de habitação cada dia mais inovadoras e aderentes às necessidades da população. E para isso queremos contar com profissionais jovens, dispostos a inovar e a construir a habitação do amanhã”, fala Teresa Raquel de Rabelo Campos, gestora de desenvolvimento humano da construtora.

Ainda com o objetivo de aproximação com o universo acadêmico e impulsionamento da educação no país, a MRV desenvolve também o Programa de Trainee e o Portas Abertas. Este último tem o objetivo de oferecer aos alunos de ensino técnico e universitário a oportunidade de vivenciar o dia a dia da companhia, os métodos construtivos, as inovações adotadas e os processos e gestão sustentável.

Empregadores mais atraentes – Divulgado no início deste ano, os Rankings de Empregadores Mais Atraentes, desenvolvidos pela consultoria internacional Universum, apontou a MRV como a segunda empresa mais lembradas pelos universitários de engenharia do país. “Para nós estar na lembrança e no plano de carreira destes jovens é um grande orgulho. Comprova que estamos no caminho certo, construindo sonhos que transformam o mundo dentro de pilares e valores sólidos, como ética, inovação e comprometimento com clientes, parceiros, colaboradores e sociedade”, finaliza a gestora.

Sobre a MRV

Em 40 anos de atuação propomos uma transformação que vai muito além dos muros dos nossos empreendimentos: pensamos na vizinhança, promovemos a convivência, buscamos a sustentabilidade. Nos últimos três anos, investimos mais de meio bilhão de reais em infraestrutura e na construção de praças, creches, escolas, postos de saúde, estações de tratamento de esgoto, postos de vigilância, avenidas e outros espaços de convivência. E isso faz uma diferença enorme não apenas na vida de quem compra um imóvel, mas de toda a população. Pois urbanizar com responsabilidade, suprindo as necessidades reais de cada comunidade faz parte do nosso propósito de construir sonhos que transformam o mundo. Esse é o compromisso da MRV! Acesse: www.mrv.com.br

Com inflação mais baixa, salário mínimo pode ter reajuste menor e ficar em cerca de R$ 1.030 em 2020

0

Resultado de imagem para salário mínimo

Índice que baseia a correção do salário mínimo passou de 3,67%, em setembro, para 3,26% em outubro. Última previsão oficial do governo para o salário mínimo foi de R$ 1.039.

A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia revisou nesta quinta-feira (7), por meio do “Boletim Macrofiscal”, a sua estimativa oficial para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) deste ano de 3,67% para 3,26%.

Até o momento, a área econômica tem informado que a correção do salário mínimo, em 2020, terá por base apenas a variação da inflação registrada no acumulado deste ano – com base no INPC.

Assim, a estimativa de um índice inflacionário mais baixo para 2019 também implicará, se o formato de correção for mantido, em um valor menor para o salário mínimo no ano que vem. Atualmente, o salário mínimo é de R$ 998.

A última previsão oficial do governo para o salário mínimo no ano que vem apontava um valor de R$ 1.039. Entretanto, se for feita uma correção com base na nova estimativa para o INPC deste ano, o reajuste do salário mínimo seria menor, e o valor seria de R$ 1.030,53.

Mesmo assim, 2020 deve ser o primeiro ano em que o salário mínimo, que serve de referência para mais de 45 milhões de pessoas, ficará acima da marca de R$ 1 mil. A correção é feita em janeiro de cada ano, com pagamento em fevereiro.

No fim de agosto, o secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, afirmou que a definição do valor do salário mínimo de 2020 com a correção somente pela inflação, sem aumento real, não representa, necessariamente, que essa será a política do governo para os próximos anos.

“Esse número não é a nossa política de salário mínimo. Temos até dezembro desse ano para estabelecermos a política de salário mínimo”, disse Rodrigues na época.

A política de aumentos reais (acima da inflação) vinha sendo implementada nos últimos anos, após ser proposta pela então presidente Dilma Rousseff e aprovada pelo Congresso.

Os reajustes pela inflação e variação do PIB vigoraram de 2011 a 2019, mas nem sempre o salário mínimo subiu acima da inflação.

Em 2017 e 2018, por exemplo, foi concedido o reajuste somente com base na inflação porque o PIB dos anos anteriores (2015 e 2016) teve retração. Por isso, para cumprir a fórmula proposta, somente a inflação serviu de base para o aumento.

Dois falsos dentistas são detidos em Araripina

0

Em um dos casos foi encontrado um consultório odontológico com diversos equipamentos foi encontrado dentro da residência do acusado

O CRO-PE acompanhou apuração de duas denúncias sobre exercício ilegal em Distritos regionais de Araripina na última sexta-feira (16) em conjunto com as autoridades policiais competentes. As ações conduziram a um flagrante de atividade odontológica/exercício odontológico prestes a acontecer em um dos casos e no outro, um consultório odontológico com diversos equipamentos foi encontrado dentro da residência do acusado.

Na primeira localidade a acusada, uma auxiliar de laboratório, foi encontrada na sua residência com instrumentais e material preparado para realização de atendimento cirúrgico odontológico. No segundo caso, a residência do acusado continha uma antiga cadeira odontológica, instrumentais, equipamentos e materiais destinados à confecção de próteses dentárias e cirurgias odontológicas.

Foto: CRO-PE

Em ambos os casos, os insumos e instrumentais foram recolhidos pelas autoridades policiais competentes e ambos acusados foram encaminhados à delegacia municipal para registro de TCO. Posteriormente, pretende-se solicitar à Vigilância local a busca da cadeira odontológica e demais equipamentos maiores.

A atuação de pessoa não habilitada em Odontologia é crime previsto no Código Penal – Art 282, assim como o acobertamento do exercício ilegal da Odontologia. O CRO-PE tem recebido, apurado e, quando confirmado a não habilitação legal do acusado, encaminhado e solicitado às autoridades competentes a resolução de casos como este, que desvalorizam a profissão, colocam em risco a saúde da população e serem crimes previstos no Código Penal Brasileiro. (Com informações do Conselho Regional de Odontologia de PE)

Governo Federal libera R$ 250 milhões para bolsas do CNPq

0

Resultado de imagem para Governo Federal libera R$ 250 milhões para bolsas do CNPq

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira (4), em publicação em sua conta pessoal no Twitter, a liberação de recursos para garantir o pagamento, até o fim do ano, de 100% das bolsas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). “Organização e enxugamento dos gastos gigantescos do passado para focar aonde podemos crescer. Foram R$ 250 milhões: importância da comunidade científica nacional”, escreveu.

No dia 17 de outubro, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) já havia anunciado que os recursos estão garantidos até o fim do ano. Do total, R$ 93 milhões foram disponibilizados por meio do Projeto de Lei 41, aprovado pelo Congresso Nacional, e R$ 156,9 milhões por meio de portaria assinada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, na semana passada.

O MCTIC informou que são quase 80 mil bolsistas beneficiados atuando em diferentes áreas de pesquisa. E, para 2020, já foi garantido o mesmo orçamento deste ano para o conselho. Além das bolsas, o CNPq custeia projetos de pesquisa feitos em instituições de ensino superior e centros de investigação.( Agência Brasil)

Tristeza e crueldade. Morto garoto de 4 anos que estava desaparecido em Arco Verde-PE. Os pais podem ser os assassinos

0

Um garoto de 4 anos que estava desaparecido desde a última sexta feira (02), foi encontrado morto na manhã desse sábado (03),  em um matagal no residencial Maria de Fátima  em Arcoverde, no Sertão de Pernambuco.

A policia encontrou José Wellington Alexandre de Lima, com o corpo que apresentava marcas de agressão e lesões na cabeça, provocadas por espancamento.

A Policia em levantamento cadavérico, foi informada que o pai do menino bebia excessivamente e costumava agredir o garoto e que na ultima sexta-feira(02) havia passado em casa a tarde e teria agredido o filho.

Ainda durante o levantamento o crime foi desvendado, o menino foi espancado pelos pais dentro da casa onde moravam. O pai levou o menino para dentro do mato e os enganou,  deixando o corpo jogado, dissimulada a mãe começou a procurar o menino e chegou a registrar um Boletim de Ocorrência do seu desaparecimento.

Com os esclarecimentos feitos, os assassinos Andréia Alexandre da Silva, de 34 anos, e José Evandro de Lima, de 35 anos, foram autuados em flagrante e vão se apresentados na audiência de custódia.

Terapia inédita na América Latina salva brasileiro com câncer terminal

0
Brasileiro com câncer terminal que tomava morfina todos os dias terá alta após método inédito aplicado por pesquisadores da USP. Esposa do paciente celebra e descreve situação como “inacreditável”

Vamberto Luiz de Castro, 62, funcionário público aposentado de Belo Horizonte, sofria de um linfoma terminal e tomava morfina todos os dias. Seu destino parecia tragicamente irreversível, mas ele receberá alta no próximo sábado (12).

Após ser submetido a um tratamento inédito na América Latina, o paciente deixará o hospital livre dos sintomas do câncer graças a um método 100% brasileiro baseado em uma técnica de terapia genética descoberta no exterior e conhecida como CART-Cell.

Os médicos e pesquisadores do Centro de Terapia Celular (CTC-Fapesp-USP) do Hemocentro, ligado ao Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto, apontam que o paciente está “virtualmente” livre da doença.

Os especialistas só não falam em ‘cura’ porque o diagnóstico final só pode ser dado após cinco anos de acompanhamento. Tecnicamente, os exames indicam a “remissão do câncer”.

Os pesquisadores da USP, apoiados pelo Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq), desenvolveram um procedimento próprio de aplicação da técnica CART-Cell.

A técnica está em fase de pesquisas e é pouco acessível. No EUA, os tratamentos comerciais já receberam aprovação e podem custar mais de US$ 475 mil.

Antes de ser submetido ao tratamento, Vamberto tentou quimioterapia e radioterapia, mas seu corpo não respondeu bem a nenhuma das técnicas.

Vamberto estava em fase terminal do câncer, com dose máxima de morfina. Ele deu entrada no dia 9 de setembro no Hospital das Clínicas em Ribeirão Preto (SP) com muitas dores, perda de peso e dificuldades para andar. O tumor havia se espalhado para os ossos.

Os médicos deram a Vamberto mais alguns meses de vida. Como uma última tentativa, os médicos incluíram o paciente em um “protocolo de pesquisa” e testaram a nova terapia, até então nunca aplicada no Brasil.

O método CART-Cell consiste na manipulação de células do sistema imunológico para que elas possam combater as células causadoras do câncer. A estratégia consiste em habilitar células de defesa do corpo (linfócitos T) com receptores capazes de reconhecer o tumor. O ataque é contínuo e específico e, na maioria das vezes, basta uma única dose.

Segundo os médicos, Castro respondeu bem ao tratamento e logo após quatro dias deixou de sentir as fortes dores causadas pela doença. Após uma semana, ele voltou a andar.

“Essa primeira fase do tratamento foi milagrosa. Não tem mais manifestação da doença, ele era cheio de nódulos linfáticos pelo corpo. Sumiram todos. Ele tinha uma dor intratável, dependia de morfina todo dia. É uma história com final muito feliz”, disse o hematologista Dimas Tadeu Covas.

Renato Luiz Cunha, outro dos responsáveis pelo estudo, explicou que a terapia genética consegue modificar células de defesa do corpo para atuarem em combate às que causam o câncer.

“As células vão crescer no organismo do paciente e vão combater o tumor”, disse Cunha. “E desenvolvemos uma tecnologia 100% brasileira, de um tratamento que nos EUA custa mais de R$ 1 milhão. Esperamos que ela possa ser, no futuro, acessível a todos os pacientes do SUS.”

O hematologista Rodrigo Calado, professor da FMRP-USP, afirma que “esse tratamento foi possível pelo investimento em pesquisa e formação de pessoas feito pela Fapesp e CNPq ao longo dos anos e que agora se traduz em um tratamento melhor e mais eficaz em casos de linfomas refratários.(Pragmatismopolitico.com.br)

Hospital Regional de Juazeiro abre processo para agente administrativo

0

No período de 12 a 15 de agosto de 2019, estará aberto no Hospital Regional de Juazeiro, o processo seletivo (cadastro reserva) para o cargo de Agente Administrativo.  As inscrições serão realizadas através do envio de currículo para o e-mail hrj.selecao@gmail.com.

Sinalizar no campo Assunto, a função Agente Administrativo. O Processo Seletivo constará de etapas de  avaliação de conhecimentos e habilidades específicas ao cargo, de caráter eliminatório e classificatório. (Ascom)

Rajada celebra sua padroeira com muita fé e devoção

0

Ex-prefeito Julio Lossio e o vereador Paulo Valgueiro são recebidos com muito carinho e gratidão

O ex-prefeito de Petrolina Julio Lossio e o vereador e líder da Bancada de Oposição da Casa Plínio Amorim, Paulo Valgueiro, estiveram juntos no Distrito de Rajada, neste domingo (15), para a festividade católica da Padroeira que há 102 anos celebra Nossa Senhora das Dores, na Paroquia que leva o mesmo nome da santa. Acompanhados dos comunitários Rivaldo Amorim e Dino de Rajada e dos fiéis católicos, eles participaram da procissão e da missa campal, em seguida, visitaram amigos na localidade.

A festa cristã arrastou uma multidão pelas ruas que em devoção cumpriram promessas e renovaram sua fé, mesmo na escuridão pela falta de iluminação no Distrito. A praça principal está totalmente às escuras, sem iluminação pública, os poucos fleches de luzes, são reflexos das residências que mantêm as lâmpadas acesas para evitar o breu e melhorar a sensação de segurança. De acordo com Amorim, nenhum investimento foi feito pela atual gestão no Distrito que tem aproximadamente 18 mil habitantes.

“Nossa comunidade está desprezada pela atual gestão, o Governo Novo Tempo não existe em Rajada, tudo que temos aqui foi realizado pelo ex-prefeito Julio Lossio. Há quase 3 anos estamos esquecidos. O interior está abandonado, não tem médico, a estrada carroçal está intransitável, escolas estão precisando de investimentos, a saúde não existe, não tem projeto, não tem nada. O que temos aqui é o Cras, o Bolsa Família, o matadouro, o campo iluminado, a praça e os calçamentos que temos foi feito pelo velho tempo do ex-prefeito do povo, Julio Lossio”, destacou Amorim.

Mesmo com a escuridão, os fiéis abrilhantaram a festa com demonstração de devoção e fé. A missa foi presidida pelo pároco Pedro Andrade, filho da terra.

Valgueiro relembrou que a quadra coberta foi um equipamento público construído pelo ex-prefeito Guilherme Coelho e a praça pelo então prefeito Julio Lossio, mas hoje está abandonado. “É o prefeito de obras para a orla da cidade e que abandona o interior do município”.

Rajada 102 anos

A primeira missa de Rajada foi celebrada em 15 de Setembro de 1913 pelo padre Deocleciano, que chegou na comunidade montado no cavalo vindo do município de Santa Maria da Boa Vista, especialmente para presidir a festa cristã.

A um mês do Enem, escolas contam como contornam ansiedade de alunos

0

exame_do_enem_2015.jpg

Falta um mês para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que será aplicada em todo o país para 5 milhões de estudantes, nos dias 3 e 10 de novembro. Na reta final, escolas contam como estão se preparando e os cuidados necessários sobretudo para controlar a ansiedade dos estudantes.

Na escola Lysia Pimentel Gomes Sampaio Sales, em Sobral (CE), nas últimas semanas de aula até o exame, os estudantes participarão de vários debates e de atividades que além de trabalhar a revisão dos conteúdos, contribuem para deixá-los mais seguros. “Eles precisam relaxar para usar o conhecimento que adquiriram o ano inteiro. Temos palestras, integração das turmas, debates, para sair um pouco da rotina”, diz a professora de redação Diana Kelly Alves Oliveira. De acordo com ela, é importante trabalhar também a parte socioemocional dos alunos.

A unidade está entre as escolas públicas que, segundo o estudo “Excelência com Equidade no Ensino Médio: a dificuldade das redes de ensino para dar um suporte efetivo às escolas”, se destacaram por melhores desempenhos em avaliações como o Enem. Lá, os estudantes obtiveram média de 582,43 pontos na provas objetivas e 716,84 na redação, sendo que nota máxima nessa prova é mil.

Ao longo do ano, a escola realizou uma série de simulados. Desde agosto, foram cinco simulados e ainda haverá mais dois até novembro. Neles, a escola percebeu que os alunos ficavam muito nervosos, sobretudo na hora de fazer a prova de redação. “Alguns estudantes travavam na hora de iniciar a redação, demoraram mais de 20 minutos só para começar, pela ansiedade. Começamos então a trabalhar isso”, diz Diana.

No Colégio e Curso Progressão, no Rio de Janeiro, a ansiedade também é trabalhada na reta final. “O importante é manter a calma e a tranquilidade. Falo sempre para os estudantes se mentalizarem aprovados. Não verem o Enem como um monstro, mas como uma chave que vai mudar o futuro. Faça a prova acreditando no que estudou”, diz o diretor-geral do colégio, Leonardo Chucrute.

A tática ajuda a estudante do 3º ano da escola, da unidade de Cabo Frio (RJ), Maria Eduarda Oliveira. “Eu, particularmente, tento pensar como seria no próximo ano, como se  estivesse lá dentro da universidade e alcançado meu sonho”, diz. A estudante pretende concorrer a uma vaga de medicina. “O curso que quero fazer é bem concorrido, bem complicado, mas estou tentando ficar mais tranquila porque me desesperar não vai ajudar em nada”, acrescenta.(Agência Brasil)

Prefeito de Santa Maria da Boa Vista fecha cooperação técnica com o INCRA

0

Em evento realizado em Santa Maria da Boa Vista (PE), numa concorrida solenidade na Câmara de Vereadores da cidade, o prefeito Humberto Mendes, assinou documento oficializando Termo de Cooperação Técnica entre o INCRA e a Prefeitura. A parceria irá beneficiar agricultores que vivem nos cerca de 50 Assentamentos de Santa Maria da Boa Vista, o que foi bastante comemorado por lideranças que marcaram presença no evento.

Após a oficialização do Termo de Cooperação Técnica, a Prefeitura em parceria com o INCRA, já poderão trabalhar para que esses produtores rurais possam ser contemplados com acesso ao credito, regularização fundiária, demarcação de lotes entre outros benefícios que se estenderão ao longo de 2020.

É a primeira vez que o município firma um  convênio dessa natureza. O coordenador do MST na região, Adailto Cardozo, durante o ato, parabenizou a iniciativa do prefeito Humberto Mendes, ao destacar que se faz importante um  olhar específico para os assentados e acampados. “Há muito tempo estamos sem assistência técnica e, agora, diante dessa parceria vemos a possibilidade e viabilidade de crédito para os assentamentos. Esse termo vai ajudar os agricultores a voltar a produzir com resultados imediatos”, pontuou.

O superintende do Incra, Bruno Medrado, disse que o termo é de grande importância para regularizar vida socioeconômica dos agricultores que trabalham nos assentamentos e precisam de uma atenção do ponto de vista da assistência para produção continuada.”O Incra tem produtos de que eles precisam e que passarão a ser liberados de acordo com as demandas. Agora vamos aguardar que os projetos de todos cheguem para que a gente os encaminhe a Brasília e a liberação dos recursos seja imediata”, observou.

O prefeito Humberto Mendes destacou que a assinatura dá um grande salto na agricultura local e  significa uma ação importante no sentido de se tornar uma parceria de dados técnicos que passará pela assistência de um modo amplo, concepção de projetos e fiscalização das demandas e recursos. “No final, o mais importante será fomentar a produção agrícola no nosso município. Ganham os assentados e a economia da região”, completou.

A solenidade contou ainda com a participação do  secretário de agricultura Roberto Alexandre e demais secretários do município, vereadores, do deputado federal Gonzaga Patriota e representantes dos assentamentos.(Ascom)