Home Sem categoria Resgate Heroico: Cavalo é salvo de telhado após enchente no RS

Resgate Heroico: Cavalo é salvo de telhado após enchente no RS

1148
0

Resgate de cavalo no RS emociona, após animal ser encontrado em telhado devido a enchentes. Teve apoio múltiplo para sua segurança.

Cavalo preso em Canoas é resgatado

Resgate de cavalo vai exigir uso de helicóptero, diz prefeito

Na manhã desta quinta-feira(09), um evento pouco comum chamou a atenção da população de Canoas, no Rio Grande do Sul. Um cavalo, que ficou conhecido como Caramelo, foi resgatado de cima do telhado de uma casa, onde estava ilhado há cerca de quatro dias devido às severas enchentes que afetam a região.

Como o Cavalo foi parar no Telhado?

Testemunhas relatam que Caramelo foi visto pela primeira vez no telhado no domingo anterior, um dia após o nível da água subir drasticamente. Acredita-se que o animal, em um ato desesperado para escapar das águas, tenha conseguido subir no telhado em um momento de menor vigilância.

Esforços Conjuntos para o Resgate do Caramelo

O resgate impressionou pela mobilização de diferentes forças: Bombeiros do Rio Grande do Sul, com apoio dos Bombeiros de São Paulo, do Exército Brasileiro e voluntários. A operação ainda contou com a ajuda de um helicóptero, que foi essencial para a visualização e planejamento da retirada do animal.

Quem Ajudou na Mobilização para Salvar Caramelo?

A história de Caramelo ganhou grande visibilidade e mobilizou diversas personalidades. A primeira-dama Janja foi uma das figuras públicas que se envolveu, utilizando suas redes sociais para solicitar auxílio ao Exército. O influenciador digital Felipe Neto também desempenhou um papel crucial, ao oferecer recursos para facilitar o resgate, incluindo o financiamento de um helicóptero para o transporte do cavalo, caso fosse necessário.

Qual o Estado de Saúde e o Destino de Caramelo Após o Resgate?

Embora muito estresse e fraco, Caramelo foi retirado com sucesso e, segundo informações do Corpo de Bombeiros, está recebendo todos os cuidados necessários. Um haras da região se ofereceu para cuidar de Caramelo até que este recupere completamente sua saúde e possa voltar a uma vida normal.

Esta situação serve como um lembrete da força da natureza e da importância da solidariedade em momentos de crise. A história de Caramelo, embora tenha iniciado com um incidente preocupante, destaca a capacidade humana de unir esforços para salvar vidas, não importa se são humanas ou animais

Imagem do alto mostra cavalo isolado — Foto: Reprodução
Imagem do alto mostra cavalo isolado — Foto: Reprodução

Cenário de destruição

As cidades do Vale do Taquari, uma das regiões mais atingida pelos temporais que atingem o Rio Grande do Sul, começam a ver os destroços deixados pelas chuvas após o nível do Rio Taquari diminuir. Durante a semana, o rio chegou a ultrapassar 30 metros.

Em determinados locais que o nível da água diminuiu é possível ver casas destruídas e destroços espalhados pelas regiões.

790 escolas afetadas

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul divulgou que 790 escolas foram afetadas de alguma forma, seja por terem sido danificadas, por problema de acesso ou até mesmo por estarem servindo de abrigo para a população atingida. Ao todo, 273.155 estudantes foram impactados em 216 municípios.

Rodovias

As chuvas que atingiram o estado provocam danos e alterações no tráfego nas rodovias estaduais gaúchas. Atualmente, são 95 trechos em 41 rodovias com bloqueios totais e parciais, entre estradas e pontes. As informações são do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), consolidadas com o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), abrangendo também rodovias concedidas e as administradas pela Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR). A Secretaria de Logística e Transportes (Selt) trabalha para desobstruir as rodovias o mais rápido possível, de maneira a garantir o tráfego de veículos e pedestres.(O Globo)