Home Sem categoria  Juventude é destaque no tradicional Concurso de Sanfoneiros de Petrolina 

 Juventude é destaque no tradicional Concurso de Sanfoneiros de Petrolina 

1471
0

“Um espetáculo”, assim definiu o agricultor Fernando Carvalho, a 23ª edição do Concurso de Sanfoneiros de Petrolina, que aconteceu na noite desta terça-feira (13), na Concha Acústica, na Praça Dom Malan. O local, um dos cartões postais da cidade, reuniu 12 sanfoneiros e uma legião de apaixonados pela cultura nordestina e pelo som da sanfona.

O evento é promovido pela Prefeitura de Petrolina, através de uma parceria com a Fundação Nilo Coelho e a emissora Rádio Rural FM. O espaço ficou lotado e fez a alegria dos forrozeiros e casais que aproveitaram o momento para ensaiarem os passos para o São João. O compositor, sanfoneiro e petrolinense, Adãozinho de Rajada, fez abertura do Concurso cantando alguns sucessos na voz do Rei do Baião, Luiz Gonzaga. Já durante as apresentações individuais, o público acompanhou os belos solos instrumentais, músicas como “Tico Tico no Fubá”, ”Riquezas do Sertão”, “Neném Mulher”, “Um Xodó”, entre outros grandes sucessos. Todos se encantavam no fim de cada apresentação, eram gritos e aplausos exaltando os artistas.

Após o final das performances dos candidatos, a ansiedade era para saber quem seriam os primeiros colocados e quem levaria o troféu o principal da noite. Com a avaliação e as notas do júri, a primeira colocação foi para o jovem de Juazeiro do Norte, no Ceará, Pedro Gabriel Ferreira Feitosa, de 17 anos, que recebeu o prêmio de R$ 5 mil reais. O segundo lugar, que levou o prêmio de R$ 3.500, ficou com o petrolinense, Laudeilson da Costa Bagagi. A terceira colocação também foi para outro sanfoneiro cearense, Cícero Paulo Ferreira Feitosa, de Juazeiro do Norte, que recebeu R$ 2.500 em prêmio. Para encerrar o evento, Adãozinho de Rajada voltou ao palco com muito forró e animação.

Para o Secretário Executivo de Cultura, Cássio Lucena, a edição deste ano mostrou, mais uma vez, que a cultura da sanfona está a cada ano mais fortalecida. “Vimos grandes apresentações dignas da nossa cultura. Ver e ouvir a juventude tocando a sanfona com canções do nosso baião e xaxado, nos enche de alegria e nos dá a certeza que o nosso forró é imortal e a nossa tradição nordestina continuará sempre viva e forte. Com o apoio de sempre do nosso prefeito Simão Durando, continuaremos investindo em eventos culturais essencialmente nordestinos”, enfatiza Cássio Lucena.

  • Assessoria de Comunicação da Secretaria Executiva de Cultura 
  • Coordenadoria de Comunicação de Petrolina