**/

Sem categoria

Início Sem categoria Página 3

Taxa de transmissão da covid no Brasil é a maior desde maio, diz Imperial College

0

O índice passou de 1,10 no dia 16 de novembro para 1,30 no balanço divulgado nesta terça-feira, dia 24

Taxa de transmissão da covid no Brasil é a maior desde maio, diz Imperial College

A taxa de transmissão do novo coronavírus (Rt) no Brasil nesta semana é a maior desde maio, de acordo com monitoramento do centro de controle de epidemias do Imperial College de Londres, no Reino Unido. O índice passou de 1,10 no dia 16 de novembro para 1,30 no balanço divulgado nesta terça-feira, dia 24.

A última vez que a taxa de transmissão se aproximou deste patamar no País foi na semana de 24 de maio, quando atingiu 1,31. A taxa de contágio (Rt) indica para quantas pessoas um paciente infectado consegue transmitir o novo coronavírus. Quando ele é superior a 1, cada infectado transmite a doença para mais de uma pessoa. Isso representa o avanço da doença. Para a epidemia em um país ser considerada controlada, a taxa de transmissão precisa estar abaixo de 1. De acordo com os números atuais, cada 100 pessoas contaminadas transmitem o vírus para outras 130.

Há duas semanas, o número ficou em 0,68, o menor valor desde abril. A data coincide com o atraso na atualização de casos e mortes por Covid-19 pelo Ministério da Saúde. Problemas técnicos atrasaram o registro de novos casos e mortes. A pasta reconheceu na sexta-feira, 13, indícios de um ataque cibernético em seu sistema, mas ainda não há laudo conclusivo. Como o estudo considera esses dados, as estimativas também foram afetadas. A taxa de contágio retrata uma média nacional, sem abordar as particularidades de cada estado ou região.

A média móvel diária de mortes causadas pelo novo coronavírus no Brasil ficou em 496 nesta segunda-feira, 23. O cálculo registra as oscilações dos últimos sete dias e elimina distorções entre um número alto de meio de semana e baixo de fim de semana. Desde ontem, foram registrados mais 17.585 casos e 344 mortes, segundo levantamento feito por Estadão, G1, O Globo, Extra, Folha e UOL junto às secretarias estaduais de saúde.

Mega Revisão Enem UniFTC estreia em formato talkshow com a presença de mais de 60 professores

0

Oficialmente lançada nesta segunda (23), a sexta edição do projeto Mega Revisão Enem UniFTC reuniu mais de 1,5 mil estudantes em ambiente virtual e contou com a presença de renomados mestres como Paulo Serrão e Ricardo Carvalho (História), Zelão Teixeira (Sociologia), Gilton Carmos e Bartilloti (Geografia) que revisaram temas importantes e que podem ser cobrados no exame. Também estiveram presentes no palco o cantor Alexandre Leão e o youtuber Ivan Mesquita, divertindo e entretendo os participantes da Mega enquanto eles aprendiam.

Na noite desta terça-feira (24), o movimento pela aprovação no Enem continua com a revisão dos assuntos de Matemática (Adroaldo Lima e Matheus Lordelo) e Língua (Alex Valadares), além de entrevistas, música e dicas de professores especialistas em aprovação – neste ano, o projeto reúne mais de 60 mestres da Bahia e de Pernambuco. Quem ainda não garantiu a sua participação no evento, pode realizar a inscrição gratuita para os próximos encontros por meio do site http://bit.ly/MegaRevisãoEnemUniFTC2020.

Já no dia 30 de novembro será a vez de discutir as questões de Ciências Naturais e, no dia 01 de dezembro, os participantes atualizam a preparação para a Redação. O simulado acontece no dia 06 de dezembro, depois de um esquenta de 1h30 com revisão geral de todas as disciplinas. A proposta é que os estudantes possam testar e avaliar o nível de conhecimento adquirido e, se necessário, focar nas disciplinas que precisam de mais atenção e prática. A avaliação contará com 25 questões e 1 redação.

“Sabemos que quem vai prestar o Enem já está se preparando há muito tempo, já teve acesso a outras revisões. O que nós queremos é trazer conhecimento de uma forma rica e profunda e oferecer um grande repertório cultural para esse estudante, uma mescla entre conhecimento e cultura. A ideia é tornar o aprendizado leve, interessante e proveitoso”, afirma Ricardo Carvalho, coordenador pedagógico da Mega revisão Enem UniFTC.

|SERVIÇO|

MEGA REVISÃO ENEM UNIFTC

Quando: 24 e 30 de novembro

               01 e 06 de dezembro

Horário: 19h

Onde: Canal do Youtube Rede UniFTC 

Inscrições gratuitas: http://bit.ly/MegaRevisãoEnemUniFTC2020

Coronavírus: As características físicas que aumentam o risco de infecção

0

Segundo informações divulgadas pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, o principal meio de propagação do coronavírus dá-se através da exposição a gotículas respiratórias expelidas por indivíduos infectados, sobretudo ao tossir ou espirrar

Coronavírus: As características físicas que aumentam o risco de infecção

Pesquisadores da Universidade da Florida Central (UCF) identificaram características fisiológicas com o potencial de tornar determinados indivíduos mais prováveis de espalhar vírus, incluindo o SARS-CoV-2, avança um artigo publicado na revista Galileu.

No novo estudo divulgado na revista científica Physics of Fluids, investigadores do Departamento de Engenharia Mecânica e Aeroespacial da UCFutilizaram modelos gerados por computador de modo a simular espirrosem vários tipos de pessoas e assim apurar possíveis associações entre as suas características naturais e a distância que as gotas de espirro expelidas por elas viajam e pairam na atmosfera.

Durante a experiência, a Galileu explicou, que os acadêmicos detectaram que as características de algumas pessoas, especificamente um nariz entupido ou a dentição completa, podem potencializara disseminação devírus, na medida em que afetama distância em que as gotículas viajam quando espirram.

Segundo informações divulgadas pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, o principal meio de propagação do coronavírus dá-se através da exposição a gotículas respiratórias expelidas por indivíduos infectados, sobretudo ao tossir ou espirrar.

“Este é o primeiro estudo que visa compreender o ‘porquê’ da distância percorrida pelos espirros”, conta Michael Kinzel, co-autor do estudo e professor assistente do Departamento de Engenharia Mecânica.

“Mostramos que o corpo humano tem influenciadores, como um complexo sistema de dutos associado ao fluxo nasal que, na verdade, interrompe o jato de sua boca e impede que ele se espalhe por longas distâncias”, acrescenta.

Também os dentes restringem a área de saída do espirro e fazem com que as gotas aumentem de velocidade.

Kinzel refere: “os dentes criam um efeito de estreitamento no jato que o torna mais forte e turbulento”.

“Realmente parecem conduzir a transmissão. Então, se vir alguém sem dentes, pode esperar um jato mais fraco ao espirrarem”, conclui.

Informações da LIFESTYLE

Louro Santos, cantor e compositor de forró, morre após um mês na luta contra Covid-19

0

Louro Santos havia feito parte de bandas como Aveloz, Arretados do Forró e Forró da Malagueta, mas nos últimos anos apostava em carreira solo.

Louro Santos, cantor e compositor de forró, morre após um mês na luta contra Covid-19
Louro Santos

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Conhecido no meio do forró, o cantor e compositor Louro Santos, morreu neste domingo (22) aos 49 anos vítima de Covid-19. A morte do artista foi confirmada por familiares, amigos e colegas de trabalho. Santos lutava contra o novo coronavírus há pelo menos um mês, e estava internado há 15 dias.

 Louro Santos deixa a esposa, Nathalia Santos, e dois filhos, um deles, Victor Santos, também cantor como o pai. O corpo do músico foi sepultado no Cemitério Morada da Paz, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife, no início da tarde desta segunda-feira (23). Por questões de segurança sanitária, não houve velório e a cerimônia foi restrita apenas à família e pessoas mais próximos.

Nascido em Goiânia, Louro Santos também atuava como compositor, e chegou a trabalhar com nomes conhecidos. A cantora Joelma, inclusive, se manifestou nas redes sociais sobre a morte de Santos. “Perdemos esse grande compositor para a Covid-19. Que Deus te receba e que Ele conforte e alivie o coração de toda sua família. Vamos continuar nos cuidando para que esse vírus não leve mais ninguém que amamos”, escreveu Joelma.

O sanfonista Flávio José afirmou que o “forró hoje amanheceu de luto”. “Neste momento de dor quero deixar meus profundos e sinceros sentimentos aos familiares e amigos deste grande artista, cantor e compositor.”

O vocalista da banda Calcinha Preta, Bell Oliver, compartilhou uma mensagem em suas redes sociais. “A música está de luto. Que Deus conforte a família do nosso amigo e o receba em seus braços.” Raí Soares, cantor do grupo Saia Rodada também escreveu um recado: “Tive a oportunidade de gravar suas musicas, sempre teve minha admiracao, um artista completo, que vai fazer muita falta.”

Louro Santos havia feito parte de bandas como Aveloz, Arretados do Forró e Forró da Malagueta, mas nos últimos anos apostava em carreira solo. Antes de receber diagnóstico positivo para Covid-19, Louro Santos se apresentou em Campina Grande, Paraíba, no dia 18 de outubro.

Morre aos 69 anos o jornalista Fernando Vanucci

0
Fernando Vanucci sofre infarto e é internado às pressas em São Paulo - SBT
Fernando Vanucci

Morreu nesta terça-feira (24) em São Paulo, aos 69 anos, o jornalista Fernando Vanucci. Locutor, apresentador e comentarista esportivo, Vanucci deixa quatro filhos. A causa da morte não foi divulgada. Velório e sepultamento devem ocorrer no Rio de Janeiro.

O jornalista passou mal pela manhã, socorrido pela empregada e levado ao Pronto Socorro Central de Barueri, na Grande São Paulo. No entanto, não resistiu.

Vanucci havia sofrido um infarto em 2019 e colocado um marca-passo. Desde então, tinha a saúde comprometida.

Fernando Vanucci trabalhou na Globo Minas entre 1973 e 1977. Em seguida, passou a trabalhar no Rio de Janeiro, apresentando diversos programas, como Globo Esporte, RJTV, Esporte Espetacular, Jornal Nacional, Jornal Hoje e Fantástico.

Na passagem pela Globo, Fernando Vanucci cobriu seis Copas do Mundo: 1978, 1982, 1986, 1990, 1994 e 1998. Ainda ficou marcado pela criação do bordão “Alô, você!”.

Ele também trabalhou na TV Bandeirantes, TV Record, Rede TV e Rede Brasil de Televisão.

Fonte: Globo Esporte

Prefeito Vilmar Cappellaro e a vice eleita Catharina Garziera, destacam o desenvolvimento de Lagoa Grande em entrevistas nas rádios Grande Rio FM e AM

0
Wilmar Cappllaro  acompanhado pela vice-prefeita, Catharina Garziera na Rádio Grande Rio FM

Em entrevista nesta terça-feira(24) nas rádios Grande Rio FM e Grande Rio AM (Petrolina), o prefeito reeleito de Lagoa Grande, PE, Wilmar Cappllaro  acompanhado pela vice-prefeita, Catharina Garziera, elogiou o trabalho realizado no período eleitoral por todas as instituições do município incluindo o poder judiciário, ministério público, polícia civil e militar, cartório eleitoral e demais órgãos vinculados. “Quero de fato agradecer a todos e parabenizar o povo de Lagoa Grande por esta brilhante vitória. Agradeço demais nossa vice-prefeita, Catharina Garziera, a toda a nossa equipe da Prefeitura, a minha família, aos produtores da agricultura, enfim a todos; nosso objetivo sempre será o de unir todas as instituições públicas, privadas, sindicatos, associações, conselhos e etc., para oferecer as melhores condições dignas a toda a população de Lagoa Grande”, iniciou Vilmar Cappellaro.

Sobre os maiores desafios do segundo mandato, Vilmar fez questão de enfatizar todo o trabalho em obras estruturantes realizadas no primeiro mandato, “Temos muitos desafios, preparamos Lagoa Grande para o desenvolvimento, novas empresas, geração de empregos e renda. Com certeza, o maior desafio é preparar nossa rede de Atenção Básica da Saúde, para atender bem e com qualidade a nossa população. Temos um Hospital Municipal que atende toda a região circunvizinha, com uma população flutuante, principalmente Izacolândia e não temos nenhuma contrapartida de Petrolina para isso. Atendemos 102 mil pessoas neste período, 40% de pessoas de fora. Vamos procurar novamente o prefeito Miguel Coelho e buscar esta parceria. Estamos fazendo Termos de Parcerias com FACAPE, UNIVASF e outras Instituições para colocar o nosso Hospital como referência de saúde destas Universidades. Vamos buscar junto aos governos Estadual e Federal para atendermos melhor a nossa comunidade”, pontuou.

Wilmar Cappllaro  acompanhado pela vice-prefeita, Catharina Garziera na Rádio Grande Rio AM

“Vamos continuar desenvolvendo toda a cadeia produtiva do agronegócio como na área de sequeiro a caprinovinocultura, com a distribuição de vacinas, reativando nosso pátio de feiras em Jutaí, estamos atuando no melhoramento genético, estamos fazendo melhorias no abastecimento de água e o abatedouro municipal, que vamos inaugurar em breve, estas são algumas iniciativas.  Nas áreas irrigadas, temos buscado muito investimentos de novas empresas que já estão se instalando, vamos construir o Pátio de Feiras em Vermelhos, temos hoje cerca de 1.300 pequenos produtores e queremos sobretudo fortalecer a nossa agricultura familiar”, destacou Cappellaro.

Tanto o prefeito Vilmar quanto Catharina, reforçaram a importância da união entre os poderes, executivo e legislativo, com os vereadores, para buscarem o desenvolvimento e a melhor qualidade de vida da população. “Temos muitos potenciais de crescimento, um povo trabalhador e muitos atrativos em nosso município. Parabenizamos todos os vereadores eleitos. Precisamos juntos, preparar o nosso receptivo turístico para atender bem aos nossos turistas, capacitar toda a rede do enoturismo, fortalecer o artesanato, o comércio, a rede hoteleira, a gastronomia, apoiar a vitivinicultura para que novos recursos sejam investidos na cidade. Nada se constrói sozinho. Com a ajuda da população, dos empresários, de Catharina e todos faremos uma gestão ainda muito melhor. Só temos a agradecer a Deus, as nossas famílias e a população”, concluiu Vilmar Cappellaro.  

(Ascom)

SECULTE divulga resultado dos trabalhos inscritos nos editais da Lei Aldir Blanc

0

A Prefeitura Municipal de Juazeiro, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes, realizou triagem dos trabalhos inscritos nos editais contemplados pela Lei Aldir Blanc. Os editais foram Manifestações Populares, Culturas Identitárias e Usinas Culturais. Cada um deles teve 29, 27 e 181 inscrições, respectivamente.

Além dos representantes da Superintendência de Cultura e Turismo, a banca examinadora que avaliou os trabalhos foi composta por Chico Egídio (cineasta, fotógrafo e produtor cultural), Wechila Andrade (artista visual e professora de Arte do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI), campus Paulistana) e Marcos Velasck (diretor teatral, ator, produtor e roteirista).

Após a triagem, a superintendente municipal de Cultura e Turismo, Bárbara Pontes, falou sobre os trabalhos inscritos. “Tivemos muitos trabalhos inscritos e bem elaborados. A próxima etapa é a assinatura do contrato, aguardar o repasse dos recursos e executar os projetos. O pagamento será feito através de transferência bancária. A SECULTE executou com afinco a implementação da Lei Aldir Blanc no município, tendo realizado, até o momento, todas as etapas previstas. Esse momento demonstra importância de uma política pública para a cultura, através da realização de editais, que torna o processo democrático e a distribuição do recurso mais transparente, avaliando o mérito das propostas”, ressalta Bárbara.

O produtor cultural Chico Egídio agradeceu a oportunidade de participar da comissão de avaliação. “Vimos uma diversidade grande nos projetos e isso vai deixar um legado para Juazeiro, esse exercício dos artistas fazerem projetos. Espero que as próximas gestões culturais da cidade continuem a fazer políticas públicas na forma de editais, que é forma mais democrática de fomentar cultura”, afirma.

Para a também examinadora Wechila Andrade, a cidade de Juazeiro tem um grande potencial artístico. “Tivemos projetos com excelentes qualidades, muito difíceis de avaliar. Precisamos de políticas públicas que estimulem ainda mais a produção artística aqui em Juazeiro e esse edital vem confirmar essa necessidade”, disse.

Confira os resultados:

Portaria resultado TRIAGEM Usinas Culturais 2020

Portaria resultado TRIAGEM Manifestações Populares 2020

Portaria resultado TRIAGEM Culturas Identitárias 2020

Ascom SECULTE

Petrolina de luto! Morreu o médico Dr. César Obara após complicações da Covid-19

0

Petrolina foi surpreendida com a noticia do falecimento do médico Dr. César Obara, de 66 anos, que  na noite dessa segunda-feira (23).  Ele foi vítima da Covid-19. Dr. César  estava internado em um unidade hospitalar privada, deste o dia 5 de novembro, quando a pandemia o atingiu a um estágio mais grave.

Dr. Cesar César Minor Obara era médico anestesista e um dos sócios do Hospital Memorial, em Petrolina. Nesta terça-feira (24), às 14h, o corpo sairá do Hospital Unimed em cortejo, passa em frente ao Memorial e segue para um Cemitério particular na estrada da Tapera onde será o sepultamento. Ele  tinha três filhas.

No meio profissional, onde Dr. César tinha transito livre pelo bom profissional que foi e que desempenhou muito bem suas funções, com referencia em sua especialidade.

O corpo médico de petrolinenses, se manifestou com muito pesar pelo desaparecimento do profissional.

Em nota, o  Sindimed-BA se solidarizou com familiares e amigos do médico anestesista Dr. César Obara, que faleceu nessa segunda-feira, 23 de novembro. Dr. César atendia no Hospital Memorial de Petrolina.

Que Deus o tenha!

Começa a programação dos 30 anos do ´Irpaa` que destaca as principais linhas de atuação da instituição na construção da Convivência com o Semiárido

0

Até o dia 27 de novembro, o Irpaa celebrará 30 anos de existência e atuação na construção da proposta de convivência com o semiárido. E para divulgar e reafirmar as principais linhas de atuação da instituição, junto à sociedade, serão realizadas atividades virtuais, através do canal do Youtube do Irpaa (TV Irpaa), recheadas de debates e discussões acerca do tema central do evento, que este ano traz no título “Irpaa 30 anos: Construindo a Convivência com o Semiárido”. Este momento contará com participações especiais de pessoas que fizeram parte da história da instituição.

Nessa seegunda-feira,  23 de novembro,  a programação começou com a  celebração de uma live com a  temática “O que é Convivência com o Semiárido e que sociedade queremos?”, com o presidente do Irpaa, Haroldo Schistek, e o sócio e agricultor, Luís Mota, mediada pela sócia Maísa Antunes. Participaram também desse momento, Mirtes Cordeiro, Dom André de Witte e Marilene Bispo, parceiros na caminhada da Convivência. A live elucidou, ao público que  acompanhou virtualmente, o significado do lema principal do Irpaa e salientar a busca por uma sociedade mais justa, na qual os direitos e as necessidades de povos e comunidades tradicionais que vivem no Semiárido sejam garantidos. No evento também teve apresentação musical do cantor e compositor Neudo Oliveira, além da interação constante com o público.

Já nesta  quarta-feira, dia 25, a partir das 15h, será realizado o seminário técnico-científico com o tema “Elementos fundamentais/centrais da Convivência com o Semiárido”, através da plataforma Zoom, e com transmissão pelo Youtube. A ideia é debater questões históricas que envolvem a construção da proposta da convivência, pelo Irpaa, aqui na região: Terra e Território, com Judenilton Oliveira (Irpaa) e Gilmar Santos (CPT); Clima e Água, com André Rocha (Irpaa) e Cristina Nascimento (Asa Nacional); Produção apropriada ao Semiárido, com Moacir Santos (Irpaa) e Egnaldo Xavier (Poder público); e Comunicação e Educação no contexto do Semiárido, com Karine Pereira (Irpaa) e Ana Célia (Resab). Dentro do tema deste dia, também será discutido o atual contexto político do Brasil, que vem sendo marcado por muitos retrocessos e pela perda de direitos.

Encerrando a semana de celebração dos 30 anos do Irpaa, a live temática “Perspectivas e defesa da Convivência com o Semiárido” será realizada na sexta-feira, dia 27, a partir das 19h30. Entidades parceiras, movimentos sociais, agricultores e agricultoras farão parte desse momento, pontuando os principais entendimentos acerca da proposta da convivência, avaliando o que já foi feito ao longo dos anos e construindo novas possibilidades de atuação na sociedade, reforçando o protagonismo e o engajamento dos povos e das comunidades da região. No dia, também haverá música e o lançamento das cartilhas produzidas pelo Irpaa: “Experiências de Recaatingamento no Semiárido brasileiro”; “Balaio de Histórias – Entre as Caatingas e as águas: Educomunicação no Sertão do São Francisco”; e “Comunicação para a Convivência com o Semiárido”. Além do livro de autoria da Jornalista Jacira Felix, “O amor conduz a verdade”.

Para Tiago Pereira, coordenador institucional do Irpaa, a programação do evento evidencia o trabalho de construção da Convivência com o Semiárido durante três décadas, e a celebração dessa trajetória é também uma forma de renovar forças para seguir com o propósito da instituição. “A convivência dá conta de perceber o fator da seca e aponta essa compreensão de que é um fenômeno natural. E dá conta de tratar de questões estruturantes nessa região do semiárido, que historicamente foram negligenciadas, principalmente pela ação do estado brasileiro, como o debate de terra, território, políticas públicas, produção apropriada […] Então, a celebração dos 30 anos é um momento de reencontro e reflexão de quão foi importante esse trabalho ao longo desses anos […] Nós estamos num momento de muitos retrocessos, muitas perdas, e que a gente precisa retroalimentar a esperança, e esse trabalho da convivência tem ajudado as populações a viverem de forma digna em seus territórios”, afirma.

Comunicação  IRPAA

Abertas inscrições para aulão solidário ‘Professores Ativar’ visando o Enem e Vestibulares 2021

0

O público-alvo são alunos de escola pública.

Aulão solidário de redação para Enem e Concurso será realizado em Petrolina – Blog Edenevaldo Alves

Por G1 Petrolina

Estão abertas as inscrições para o Aulão solidário para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e Vestibulares 2021 ‘Professores Ativar’ . Serão três sábados seguidos de aulas, dia 05, 12 e 19 de dezembro, transmitidos remotamente, sempre às 14h, com duração de uma hora para cada professor.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do link. O público-alvo são alunos de escola pública.

Serão ofertadas as seguintes disciplinas: Gramática, Redação, Literatura, Matemática, Química, Física, História do Brasil, História Geral, Inglês, Filosofia e Sociologia e Espanhol. As aulas serão ministradas por professores de várias partes do Brasil.

Outras informações podem ser obtidas pelo whatsapp: (87) 9 9998-5680.

Pernambuco tem prefeita mais jovem do Brasil

0
Prefeita mais jovem do Brasil: a empresária Talita Fonseca é de Pernambuco

Camutanga, na Mata Norte pernambucana, elegeu a prefeita mais jovem do Brasil: a empresária Talita Fonseca, mais conhecida como Talita de Doda (MDB), recebeu a confiança do povo aos 23 anos de idade. Ela também é a primeira mulher escolhida para governar o município.

“Faremos uma gestão que olhará para todos e atenderá a necessidade da grande maioria”, disse, em um vídeo de agradecimento divulgado nas redes sociais. Talita obteve 60,65% dos votos válidos (3.614 votos).(Blog de Magno Martins)

Mega-Sena da Virada vai sortear prêmio estimado em R$ 300 milhões

0

Mega-Sena da Virada vai sortear prêmio estimado em R$ 300 milhões Jornal da  Manhã - 48 anos

As apostas para o sorteio especial da Mega-Sena da Virada já podem ser feitas nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet. O prêmio estimado para esta edição é de R$ 300 milhões e o sorteio será realizado no dia 31 de dezembro.

Como nos demais concursos especiais, o prêmio principal não acumula. Se não houver ganhadores na faixa principal, com acerto de seis dezenas, o valor será dividido entre os acertadores da segunda faixa, com cinco acertos, e assim por diante.

De acordo com a Caixa, o valor do prêmio principal, caso aplicado na poupança, renderia no primeiro mês mais de R$ 347 mil. Um volante, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4.50.

O apostador também pode aumentar as chances de ganhar adquirindo os bolões que são comercializados nas lotéricas. Na Mega-Sena, os bolões têm preço mínimo de R$ 10. Porém, cada cota não pode ser inferior a R$ 5. É possível realizar um bolão de no mínimo duas e no máximo 100 cotas. (Agência Brasil)

Histórias da vida. Baiano que se perdeu da família em viagem de trem reencontra irmãos após 70 anos

0

Baiano que se perdeu da família em viagem de trem reencontra irmãos após 70 anos

Nascido no sul da Bahia, no ano de 1950, o trabalhador rural Laudelino Martins da Silveira, que vive atualmente no distrito de Parnaso, em Tupã, São Paulo, se perdeu após se atrasar para um embarque de trem durante uma viagem de família. À época ele tinha apenas 13 anos. Passados 70 anos desde o ocorrido, no último mês, Laudelino descobriu que a realização do sonho de reencontrar a família estava mais próxima do que ele esperava.

De acordo com reportagem do G1, parentes decidiram compartilhar a história do seu Laudelino na internet e, com a ajuda de um especialista, encontraram os familiares em Campinas, Adamantina e Pacaembu.

Segundo a neta de um dos irmãos de Laudelino, Taís Silveira, o corte que seu Lau fez na mão quando criança em uma máquina de cana foi uma das provas que ajudou os parentes a se reconhecerem.

O reencontro foi marcado pela comemoração do aniversário de 83 anos do seu Lau, ao lado dos irmãos.  Na festa, tios, sobrinhos e primos também tiveram a chance de se conhecer.

A família de Laudelino é composta por oito irmãos, mas uma das irmãs já é falecida. Eles nasceram na região sul da Bahia e, em 1950, seu Lau, o pai e um irmão decidiram viajar para São Paulo em busca de melhores condições de vida.

De acordo com a neta de seu Lau, a ideia da família era encontrar uma cidade onde poderiam morar e retornar para Bahia para buscar o restante da família. No entanto, em uma das paradas da viagem, Laudelino tomou uma decisão que mudaria o seu futuro.

“Eu saí com meu pai e meu irmão para ir para o estado de São Paulo. Quando chegou antes do Rio de Janeiro, eu desci do trem, saí fora e fui andar um pouco. Meu irmão ainda conseguiu montar no trem de volta, mas eu não consegui. Fiquei sozinho uns três dias andando para cima e para baixo”, lembra seu Laudelino.

A reportagem conta ainda que um dos funcionários, ao perceber que Laudelino estava perdido, o levou para um abrigo em São Paulo, onde ele ficou por cerca de cinco meses e fez um plano com um dos amigos para sair do local.
Naquela época, ao final de cada ano, as crianças do abrigo podiam pegar um passe para ver parentes em outras cidades. Laudelino mentiu que tinha família em Tupã para viajar com um amigo que estava indo para o município.

“Só que quando ele saiu para viajar, a Justiça descobriu que ele tinha saído escondido e quando ele desceu na estação de Tupã, já tinha uma pessoa esperando e deixou ele internado no Juizado de Menores de Tupã dos 13 aos 17 anos”, conta à reportagem Valdinéia, cuidadora de Laudelino.

Foi neste local que ele conheceu o homem que se tornaria o seu sogro. Aos 17 anos, ele foi chamado para trabalhar na fazenda de um dos funcionários do abrigo no distrito de Parnaso, onde mora até hoje. Lá, ele conheceu sua esposa, filha do patrão, casou-se e teve quatro filhos.

‘Em Uma Só Voz’ de Mirielle Cajuhy será apresentado no Teatro Dona Amélia. Evento é hoje, dia 24

0
Mirielle Cajuhy

Samba, bossa nova, baião e muita brasilidade. Essa mistura boa dá o tom do show ‘Em Uma Só Voz’ que a compositora e cantora Mirielle Cajuhy realiza na próxima terça-feira (24), às 20h, no Teatro Dona Amélia. A apresentação integra a programação da 12ª Mostra de Música Leão do Norte, considerada a maior ação de música regional do Sesc Pernambuco, este ano sediada em Petrolina.

A bonfinense radicada no Vale do São Francisco leva ao público um repertório com composições autorais, parte delas do EP homônimo lançado em 2019 e disponível nas plataformas digitais de áudio. “Esse show é muito especial, traz canções de várias épocas da minha vida, além de ser uma grande homenagem à música popular brasileira”, conta a artista.

Essa edição da Mostra Leão do Norte promove uma série de atividades que enfatizam o trabalho autoral das mulheres na música, contando com concertos, bate-papos e oficinas. A programação inicia na segunda-feira (23) e segue até o sábado (28), com participação de artistas locais e nacionais, incluindo as baianas Margareth Menezes (Salvador-BA) e Larissa Luz (Salvador-BA).

O show de Mirielle Cajuhy será no palco do Teatro Dona Amélia, contando com plateia presencial e virtual, seguindo os protocolos de segurança no local e também com transmissão simultânea para o ambiente virtual, permitindo que o público possa assistir de casa. Os ingressos custam R$ 20,00, para quem é comerciários e dependentes com carteirinha do Sesc fica R$ 10,00. A venda está sendo feita na Central de Relacionamento com o Cliente do Sesc Petrolina, no horário das 8h às 12h e 13h às 16h, ou na bilheteria do Teatro Dona Amélia, que abre sempre uma hora antes do início do evento. Os ingressos para as transmissões simultâneas podem ser adquiridos através da plataforma cursos.sescpe.com.br

Festival Edésio Santos da Canção – Uma música inédita composta por Mirielle Cajuhy está entre as 24 canções selecionadas para a 24° edição do Festival Edésio Santos que acontecerá em Juazeiro-BA, entre os dias 10 e 12 de dezembro. Essa é a segunda vez que a artista participa desse que é um dos espaços mais importantes da cena musical da região. Ela defenderá a música ‘Lugar’ no festival que será transmitido pela internet.

Serviço:

  • Show musical ‘Em Uma Só Voz’ na Mostra Leão do Norte
  • Quando: 24/11 (ter), 20h.
  • Onde: Teatro Dona Amélia, Sesc Petrolina.
  • Duração: 60 min.
  • Classificação: Livre.
  • Mais informações: (87) 3866-7454

Sobre Mirielle Cajuhy:

Natural de Senhor do Bonfim, no norte da Bahia. Começou a compor aos 13 anos de idade e a se apresentar comercialmente aos 15. Com 18 anos, passou a morar em Juazeiro-BA, onde cursou Jornalismo. A trajetória acadêmica coincidiu com a oportunidade de iniciar, de fato, a carreira musical através do lançamento de um disco autoral. Aos 19 anos a cantora lançou o trabalho Em Comum como vocalista da banda Cajuhina, com 12 faixas de autoria da artista. O disco concorreu, com mais de 200 artistas e bandas, como um dos melhores do ano de 2014. A votação foi lançada pelo site especializado em música baiana, El Cabong. Em Comum ficou entre os 15 melhores discos da Bahia. Em 2019, após um tempo afastada, Mirielle retornou aos trabalhos de canto e composição com o disco Em uma só voz, unindo elementos que mais aprecia na música: canto com amor, composição com propósito e arranjos com brasilidade.

UPAE de Petrolina lança campanha: “Sua falta faz falta para nós”

0

A Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE/IMIP) está lançando a campanha “Sua falta faz falta para nós”, com o objetivo de diminuir o índice de absenteísmo, que consiste na falta do paciente após confirmação da marcação.

Na Atenção Especializada este índice, em outubro de 2020, ficou em 26,10%. O que significa que 828 pacientes deixaram de comparecer às consultas, exames e cirurgias.

“Ainda não fechamos novembro, mas sabemos que teremos índices altos de absenteísmo também. E a gente prevê o mesmo cenário para dezembro, devido às festividades de final de ano e dificuldade de transporte, entre outras questões pessoais. Então, tivemos que tomar uma providência, a pedido da nossa coordenadora geral, já que ainda temos demanda reprimida, resultante dos meses que passamos funcionando como hospital da campanha”, esclarece a coordenadora de enfermagem, Paloma Almeida.

Os prejuízos, nesse caso, atingem inclusive o próprio usuário do SUS, que terá que retornar para a atenção básica (posto de saúde) para reiniciar o seu atendimento na rede especializada. “A partir do momento que o paciente falta a uma consulta ele perde a sua vaga e tem que refazer todo o trajeto. Aqui na UPAE, por exemplo, nós não remarcamos consulta de pacientes faltosos”, justifica Paloma.

Para a coordenadora geral da Unidade, Grazziela Franklin, além do prejuízo pessoal, o absenteísmo representa uma falta para a Unidade. “Se eu já sei que não vou poder ir à consulta no dia agendado, o ideal é que eu informe isso à UPAE, para que aquela vaga não fique ociosa, o médico não deixe de atender e outra pessoa não deixe de ser beneficiada. Caso ocorra algum imprevisto, é importante tentar desmarcar com pelo menos 24h de antecedência”, ressalta.

No momento, a UPAE Petrolina não está realizando a marcação de novas consultas. Mas, a partir de dezembro já estará liberando vaga para a VIII Gerência Regional de Saúde (Geres) para marcação dos municípios. Com o retorno da Atenção Especializada em outubro, a Unidade priorizou os pacientes que estavam agendados antes da pandemia.

 Todas as regras de distanciamento social e orientações para o período estão sendo mantidas e respeitadas na UPAE. “Não há motivo para preocupação. Retornamos com toda a segurança e cuidados necessários para os nossos profissionais e pacientes”, finaliza a coordenadora médica, Bruna Spíndola sobre a retomada das atividades.

Fonte: UPE/IMIP Petrolina