Home Blog Page 3

Coronel PM Valter Santos de Araujo não é mais o comandante do CPRN – Comando de Policiamento Regional Norte da Bahia

0

O Coronel PM Valter Santos de Araújo não é mais o Comandante do CPRN – Comando de Policiamento Regional Norte. A exoneração foi publicada no Diário Oficial do Estado na edição desta quinta-feira (23). O Coronel PM Valter Araújo estava no comando do CPRN desde 23 de fevereiro de 2021 quando foi publicada a sua nomeação. Confira NOTA A IMPRENSA

        NOTA PARA A IMPRENSA

Em atenção à Legislação Policial Militar do Estado da Bahia, quanto ao limite de tempo no último posto da Corporação (06 anos), em razão do qual na data de ontem, 22 de maio de 2024, foi a publicada a agregação funcional do Coronel PM Valter Santos de Araújo, deixando de responder pelo Comando de Policiamento da Região Norte, após mais de três anos de grandes realizações no âmbito da segurança pública, nos 19 (dezenove) municípios da área de responsabilidade, deixando o legado de redução nos índices de criminalidade e de fortalecimento do trabalho integrado com todos os órgãos do Sistema de Defesa Social, em prol da promoção da paz e bem-estar do cidadão.

Assim, é com a plena e honrosa sensação do dever cumprido, que o Comandante enaltece o nome da Polícia Militar da Bahia, pois sempre primou pelo respeito ao próximo, lealdade aos subordinados, pares e superiores hierárquicos, construindo uma História de muitas lutas e conquistas! Homem de coturno, sempre junto à tropa, caminhou com genuíno amor à causa pública: cuidando de GENTE, e nunca se afastando de suas origens sertanejas, de honradez, humildade e de fazer o BEM!

                     Em seu pronunciamento o Comandante Regional ressaltou:

“Senhoras e Senhores, nossa gratidão por toda a deferência durante nossa carreira profissional, e saibam que sempre estarei à disposição para continuar a servir e proteger. Sigo confiante que a Segurança Pública de nossa Bahia está em excelentes mãos, e, que, sem dúvida, “Melhor é o fim das coisas do que o princípio delas” (Eclesiastes/7:8); Alguns ciclos se encerram para que outros prosperem, com novos projetos e alegrias!”

FONTE: ASCOM/CPRN

Por unanimidade, TSE rejeita cassação de mandato de Sergio Moro

0

Ministros entenderam que não há provas suficientes para comprovar desvios de recursos partidários

Senador Sergio Moro (União-PR) (foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Senador Sergio Moro (União-PR) (foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou, por decisão unânime, nesta terça-feira (21) a cassação do mandato do senador Sergio Moro (União-PR), ex-juiz da Operação Lava Jato.

O tribunal negou recursos do PL e do PT contra a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Paraná, que manteve o mandato do parlamentar no mês passado. Moro foi acusado pelos partidos de realizar gastos irregulares no período de pré-campanha. Cabe recurso da decisão.

No final de 2021, Moro estava no Podemos e realizou atos de pré-candidatura à Presidência da República. De acordo com a acusação, houve “desvantagem ilícita” em favor dos demais concorrentes ao cargo de senador diante dos “altos investimentos financeiros” realizados antes de Moro deixar a sigla e se candidatar ao Senado pelo partido União Brasil.

Ao julgar os recursos, o TSE seguiu voto proferido pelo relator, ministro Floriano de Azevedo Marques, para quem não há prova convincente de desvio de recursos partidários.

O ministro considerou gastos irregulares de R$ 777 mil, mas entendeu que não ficou comprovada tentativa de fraudar a candidatura. Além disso, o relator ponderou que não há regra objetiva para gastos de pré-campanha.

“Para caracterizar uma conduta fraudulenta ou desvio de finalidade, aptos a atrair a severa sanção de cassação de mandato e de inelegibilidade, é preciso mais que indícios, é preciso haver prova robusta”, afirmou o ministro.

O voto foi seguido pelos ministros André Ramos Tavares, Nunes Marques, Raul Araújo, Maria Isabel Galotti, Cármen Lúcia e o presidente, Alexandre de Moraes.

O vice-procurador eleitoral, Alexandre Espinosa, defendeu a absolvição de Moro. Segundo o procurador, não há regras específicas para restrição de pré-campanhas. “Não há prova segura a cogitar de uma candidatura simulada à presidência da República”, afirmou.

Defesa

Durante o julgamento, o advogado Gustavo Guedes disse que as acusações foram “infladas” pelos partidos e nenhum deles apontou valor correto para acusar o senador. Segundo o advogado, não há legislação que defina critérios para gastos de pré-campanha.

“Não há parâmetros, não há jurisprudência, não há doutrina. Por isso, cada um que atua nesse caso aponta um número. Não há base, não há parâmetro”, argumentou.

Entenda o julgamento

No final de 2021, Moro estava no Podemos e realizou atos de pré-candidatura à Presidência da República. De acordo com a acusação, houve “desvantagem ilícita” em favor dos demais concorrentes ao cargo de senador diante dos “altos investimentos financeiros” realizados antes de Moro deixar a sigla e se candidatar ao Senado pelo partido União Brasil.

Para o Ministério Público, foram gastos aproximadamente R$ 2 milhões, oriundos do Fundo Partidário, com o evento de filiação de Moro ao Podemos e com a contratação de produção de vídeos para promoção pessoal, além de consultorias eleitorais. O PL apontou supostos gastos irregulares de R$ 7 milhões. Para o PT, foram R$ 21 milhões.

‘Desnecessário e intempestivo’, diz Abiarroz sobre importação de arroz pelo governo

0

Entidade afirma que compra pode gerar super oferta e desestimular o produtor a semear na próxima safra

arroz importação

O leilão de compra pública de arroz importado, beneficiado e polido agendado para esta terça-feira (21) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) foi suspenso.

Em comunicado, a entidade afirmou que a nova data será publicada oportunamente, sem esclarecer o motivo do adiamento. A Associação Brasileira da indústria do Arroz (Abiarroz) comemorou a decisão, mas acredita que o cancelamento da iniciativa seria o mais adequado.

A diretora executiva da instituição, Andressa Silva, afirma que o movimento do governo para evitar a falta do produto nas redes varejistas é “desnecessário e intempestivo”.
PUBLICIDADE

Conab suspende leilão de compra pública de 104 mil t de arroz importado
“Isso porque a própria indústria já vinha se movimentando para fazer a importação no primeiro momento em que ela percebeu que existia a possibilidade de restrição de oferta muito em decorrência das questões logísticas no Rio Grande do Sul”, afirma.

Aumento de preços do arroz
Andressa lembra que tradicionalmente o excedente de produção de arroz no Mercosul costuma ser encaminhado ao Brasil pela isenção de imposto e proximidade logística.

“Para além dessa importação que já é corrente, a indústria se antecipou e fez a importação da Tailândia para assegurar a oferta nesse momento de incertezas do mercado por conta das possíveis perdas em lavouras e armazéns”.

Segundo a Abiarroz, o anúncio do leilão do governo fez com que o preço do arroz no Mercosul para o Brasil aumentasse em cerca de 30%. “Trata-se de uma medida onerosa por parte do governo pelo dinheiro que sai dos cofres públicos sem que haja a necessidade dessa importação uma vez que existe arroz no mercado”.

A Conab projeta que a safra 2024 brasileira de arroz será superior a 10 milhões de toneladas. Para Andressa, o número é mais do que suficiente para garantir a oferta interna. “Pode haver importação superior à necessidade e isso pode desestimular o produtor para o plantio da próxima safra”.

Canal Rural

CDL Petrolina promove treinamento gratuito nesta sexta-feira(24) para inserção no mercado de trabalho

0

Investir em treinamentos de curta duração pode ser uma alternativa para crescer na empresa ou acelerar a colocação no mercado de trabalho. Sendo assim, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Petrolina, promove gratuitamente nesta sexta-feira (24), às 14h, no auditório da entidade, o “Treinamento: Aceleração Profissional”.

A iniciativa visa oferecer aos jovens e a população em geral um suporte especializado e gratuito, voltado para a atualização profissional e inserção no mercado de trabalho. Além disso, a CDL também vai receber currículos das mais diversas áreas profissionais a serem encaminhados para empresas que deles necessitem.

O treinamento será ministrado pelo empresário e mentor de empreendedores, Diego Mendonça e pelo administrador de empresas e pós-graduado em gestão de pessoas, Diego Fillol. As inscrições já podem ser feitas no link https://sun.eduzz.com/2379841

“Conseguir o primeiro emprego e construir uma carreira de sucesso é um verdadeiro desafio para milhares de pessoas. E uma boa parte tem dificuldade pela falta de experiência. Então, é preciso planejamento, conhecimento e dedicação. Reconhecendo a importância desse treinamento eu quero convidar a população para participar desse momento de capacitação e orientação. Eu, ressalto também que ao final todos receberão certificado digital de participação”, convida o presidente da CDL Petrolina, Deusemar dos Santos.

Serviço

  • O que é: “Treinamento de Aceleração Profissional” – Evento gratuito!
  • Quando:24 de maio, às 14h
  • Onde: Auditório da CDL Petrolina.

Ascom

 

Palestras e outras atividades marcam a Semana da Enfermagem no HU-Univasf

0

O Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HU-Univasf), vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), promoveu, entre os dias 08 e 20 de maio, diversas atividades com o objetivo de ampliar as discussões sobre conquistas e desafios, contradições e dilemas na Enfermagem. A programação fez parte da 10ª Semana da Enfermagem realizada no hospital. Mais de 30 mil profissionais de enfermagem compõem a categoria na Rede Ebserh. Só no HU-Univasf, são mais de 500.

A abertura do evento contou com a palestra “A enfermagem do futuro: como desenvolver uma vida profissional”, ministrada pelo especialista em Planejamento e Gestão Estratégica, Estevão Lira. Participaram da solenidade, via videoconferência, o superintendente do HU-Univasf, Julianeli Tolentino, o gerente de Atenção à Saúde, Aristóteles Cardona, e o gerente de Ensino e Pesquisa da instituição, Ricardo Lima. Além deles, compuseram a mesa de honra o gerente Administrativo, Roberto Rivellino, a chefe da Unidade de Gestão de Graduação, Ensino Técnico e Extensão, Paula Maduro, o chefe da Divisão Médica, Pedro Diniz, e o chefe da Divisão de Enfermagem, Saulo Xavier. As atividades aconteceram no auditório do HU-Univasf ao longo de 15 dias, tendo o encerramento na área externa do hospital.

A enfermeira Jackeline Ferreira acompanhou a Semana da Enfermagem participando das palestras e minicursos. Com quase 30 anos de carreira e aproximadamente 10 anos na Rede Ebserh, ela, que está no HU-Univasf há quase um ano, conta que acompanhar o evento trouxe uma experiência incrível. “No aspecto profissional, de desenvolvimento profissional. No aspecto da união da enfermagem, no aspecto de valorização, que é tão importante. Poder compartilhar saberes, conhecimentos com os seus pares de profissão é fantástico”, enfatiza.

Jackeline conta também que participou de minicursos voltados para curativos e lesões, o que considera ter enriquecido ainda mais seu conhecimento na área para aplicação na rotina hospitalar. “As palestras e os minicursos foram muito bem escolhidos, voltados realmente para o nosso foco. Aqui no HU-Univasf, que é um hospital porta aberta, que recebe muitas vítimas de acidentes. Eles tiveram muito cuidado na escolha da programação”, complementa a enfermeira.

Reconhecimento e celebração

Na Semana da Enfermagem do HU-Univasf, foram celebrados, no dia 12 de maio, o Dia Internacional da Enfermagem e o Dia Internacional do Enfermeiro. Já no dia 20 de maio, comemora-se o Dia Nacional do Técnico e Auxiliar de Enfermagem. Neste ano, o tema nacional proposto pela Associação Brasileira de Enfermagem (Aben) remete às necessidades do conhecimento e reconhecimento da história da categoria.

Para o chefe da Divisão de Enfermagem do HU-Univasf, Saulo Xavier, são datas que precisam sempre serem comemoradas. “A enfermagem de hoje pode ser considerada a espinha dorsal dos sistemas de saúde em todos os sentidos, tanto por ter o maior número de colaboradores na força de trabalho mundial nas áreas da saúde, como também por estarem envolvidos em todos os fluxos assistenciais. Ela acompanha todas as etapas do cuidado. A gente faz questão de destacar o quanto a enfermagem precisa ser valorizada”, destaca.

Além disso, o chefe da Divisão de Enfermagem ressalta o papel do Colegiado de Enfermagem na organização do evento. “Não foi fácil, mas valeu a pena o esforço de cada pessoa, porque a gente sentiu o quanto todos gostaram desses momentos de alegria, de integração e (principalmente) de conhecimento”, conclui Saulo.

História

O Dia Internacional do Enfermeiro é alusivo ao aniversário de Florence Nightingale, considerada a fundadora da enfermagem moderna. No Brasil, a data foi instituída há 85 anos, por meio do Decreto nº 2.956, de 10 de agosto de 1938. Encerrando o marco do mês, o dia 20 de maio é considerado o Dia Nacional do Técnico e Auxiliar de Enfermagem, instituído por meio da resolução do Conselho Federal de Enfermagem (COFEN) nº 294, de 15 de outubro de 2004. Essa data também é simbólica porque lembra o falecimento de Ana Néri em 1880, enfermeira que, voluntariamente, cuidou de soldados durante a Guerra do Paraguai.

Sobre a Ebserh
O Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HU-Univasf) faz parte da Rede Ebserh desde janeiro de 2014. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Ebserh foi criada em 2011 e, atualmente, administra 41 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência. Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) ao mesmo tempo que apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas e inovação.(Ascom)

Sucesso no lançamento da pré-candidatura de Zó a prefeito de Juazeiro

0

O evento aconteceu nessa sexta-feira, 17, no centro de Juazeiro.

Na oportunidade, vários pré-candidatos também estiveram presentes: o deputado Roberto Carlos, do PV, Andrei Gonçalves, do MDB, e Célia Regina, do Agir, além de representante do Podemos, marcaram presença e exaltaram o sentimento de unidade do grupo do time de Lula e Jerônimo para reposicionar Juazeiro num nível de importância política e econômica no cenário estadual e nacional.

Diante de um grande público, o representante do diretório estadual e nacional do PCdoB, Caio Botelho, destacou Zó como um dos melhores quadros do partido. “É uma satisfação ter os demais partidos aqui. Somos de um partido que sempre clamamos pela unidade popular. Com muita humildade e respeito aos outros pré-candidato, mas a gente vem apresentar o nome de um dos nossos melhores quadros na Bahia. Zó e Juazeiro são prioridades para a executiva nacional e estadual”, destacou o dirigente.

Para Gilson Araújo, explicando a metodologia do #movimentoporjuazeiro, este é um momento de ouvir as demandas, saber dos anseios da comunidade e mostrar que o pré-candidato do PCdoB é o mais preparado para recolocar Juazeiro em sintonia com os governos estadual e federal, de União e Reconstrução. “Esta noite está linda. Aviso a vocês que vamos visitar cada comunidade, ouvir cada sugestão, montar um plano de governo e apresentar Zó como nosso pré-candidato,  uma pré-candidatura de verdade”, enfatizou o presidente do diretório municipal do PCdoB.

Após ser recebido com aplausos e abraços efusivos, Zó relembrou que existe um sentimento de unidade, representado na presença dos diversos partidos e lideranças presentes. Também ressaltou a importância de fazer a escuta da população, de fazer um governo participativo e colaborativo. “Estamos fazendo um planejamento de ouvir as demandas do povo juazeirense. A partir daí vamos formatar um documento produzido pelas diversas ideias em todos os setores, infraestrutura, saúde, cultura, educação e tantos outros. Com isso, poderemos formatar um programa para nortear a nossa possível campanha e, na sequência, a gestao”, pontuou.

O pré-candidato a prefeito de Juazeiro enumerou diversos problemas existentes na atual gestão, como o mal funcionamento dos postos de saúde, da maternidade, o desmonte da educação, falta de pavimentação, o mato e o lixo, que tomam conta da cidade, dentre tantos outros absurdos do caos administrativo que vive Juazeiro. “Não queremos pessoas de fora mandando em Juazeiro. Queremos pessoas daqui, que amam esta cidade, que sabem trabalhar e que não querem se locupletar do erário público, que administrem este município. Não queremos modelos que já foram testados. Nós viemos aqui para construirmos juntos, sem enganação. Vamos vencer com a verdade”, declarou Zó do Sertão.

Ascom PCdoB Juazeiro

Café & Prosa debate acessibilidade e inclusão. É nesta quinta-feira(23) no SESC Petrolina

0

A escritora Raquel de Souza, autora do livro “Crônicas de uma intérprete”, é a convidado da projeto

No mês de maio é celebrado o Dia Mundial de Conscientização sobre a Acessibilidade. Com foco neste importante tema, o Sesc Petrolina realiza no dia 23, às 19h, na Biblioteca da unidade, uma nova edição do Projeto Café & Prosa, com a participação da escritora, tradutora e intérprete de Libras, Raquel de Souza, autora do livro “Crônicas de uma intérprete”.

A obra, publicada pela Editora Letramento em 2023, reflete sobre a profissão do intérprete de Libras, inclusão de pessoas surdas e os seus desafios. Durante o encontro, Raquel trará para o debate a importância de abordar a acessibilidade. A conversa com a escritora contará com interpretação em Libras (Língua Brasileira de Sinais).

Natural de Cabrobó e radicada em Petrolina, Raquel de Souza publicou seu primeiro livro, “Notas de uma depressiva”, em 2023. O segundo livro, foi lançado no mesmo ano, “Crônicas de uma intérprete”. O terceiro livro, “Nó(s)”, seu primeiro romance, foi publicado de forma independente através do KDP da Amazon, em 2024.

Realizado a cada dois meses, o Café & Prosa tem a proposta de criar momentos em que os participantes possam compartilhar suas impressões, experiências e conhecer o trabalho dos escritores de Petrolina-PE  e Juazeiro-BA.

Sesc – Fundado em 1947 em Pernambuco, o Serviço Social do Comércio é uma instituição privada mantida pelos empresários do comércio de bens, serviços e turismo. Atuante na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata Norte, Zona da Mata Sul, Agreste e Sertão, por meio de 23 unidades fixas, incluindo os hotéis Guadalupe (Sirinhaém), Triunfo e Garanhuns. Oferece atividades gratuitas ou a preços populares nas áreas de Educação, Cultura, Lazer, Assistência e Saúde, inclusive para quem dispõe do Cartão do Empresário da Fecomércio/PE. No campo digital, a instituição oferece o aplicativo Sesc-PE, facilitando acesso às atividades, renovação e habilitação da credencial entre outras funcionalidades, e disponibiliza a plataforma Sesc Digital (https://digital.sescpe.com.br/todos). Por ela, é possível conhecer o cronograma de cursos e realizar a inscrição de forma online e segura. Para acompanhar todas as informações sobre o Sesc, acesse www.sescpe.org.br.

Serviço: Café e Prosa

  • Data: Dia 23 de maio, às 19h
  • Local: Biblioteca do Sesc Petrolina (R. Pacífico da Luz, 618 – Centro)
  • Entrada gratuita     
  • Informações: (87) 3866-7454

Dez profissões que serão diretamente impactadas pela revolução da Inteligência Artificial

0

Inteligência artificial: o que é e como aplicar no seu negócio

Segundo Alan Nicolas, fundador da Comunidade Lendár.I.A, uma mudança significativa está acontecendo no mercado de trabalho, com funções tradicionais sendo substituídas por sistemas automatizados e inteligência artificial

A integração da inteligência artificial no mercado de trabalho está causando uma verdadeira transformação nas mais diversas profissões. Diversos estudos indicam que, até o final desta década, uma fração significativa de profissionais poderá ser substituída por sistemas automatizados e soluções baseadas em IA.

De acordo com Alan Nicolas, referência no mercado digital e fundador da Comunidade Lendár.I.A, as profissões com maior probabilidade de substituição por IA são:

  1. 97% | Caixas e bilheteiros

Um estudo realizado pela Universidade de Oxford, em 2020, e outro feito pela Consultoria Gartner, estimam que 97% dos empregos de caixas e bilheteiros estão em alto risco de serem automatizados até 2030.

Segundo o especialista, esse cenário ficou ainda mais evidente, durante uma viagem que fez aos EUA, quando observou que boa parte dos estabelecimentos comerciais já contam com atendimento automatizado. “Fiquei 15 dias com um Tesla e, em nenhum momento, precisei falar com alguém, sequer para passar um cartão. A maioria dos supermercados dispõem de caixas e até mesmo carrinhos inteligentes, em que o comprador não precisa ser atendido e as compras são debitadas rapidamente”, revela o empresário.

  1. 96% | Assistente administrativo/financeiro

Em 2020, a Universidade de Oxford (2020) previu que 89% das tarefas administrativas, contábeis e financeiras estão sob risco de automação. Enquanto isso, um estudo da OECD indicou que cerca de 96% dos empregos administrativos têm alto potencial de automação por Inteligência Artificial. “Em minhas empresas, por exemplo, boa parte das atividades são potencializadas por IA, enquanto outros setores estão crescendo sem aumentar seu time administrativo por conta das automações e da inteligência que ganharam com essas ferramentas”, declara.

  1. 95% | Call center/telemarketing/suporte ao cliente

Um estudo publicado em 2023 pela Consultoria Gartner estima que 95% dos empregos em call centers nos Estados Unidos serão automatizados. “O mesmo deve acontecer aqui no Brasil. A implementação de IA em centrais de atendimento aumenta muito a eficiência e a produtividade, uma vez que essas soluções não precisam de descanso, de um computador, de uma mesa, décimo terceiro ou férias. Além disso, não exige constantes treinamentos, tendo em vista que a rotatividade nos setores de call center é bem alta”, relata.

A Inteligência Artificial pode, rapidamente, pesquisar em uma base de conhecimento e fornecer as respostas necessárias, o que melhora a capacidade de lidar com situações de forma rápida e eficaz. “Além disso, pode prever possíveis problemas e resolvê-los de forma proativa, analisando dados históricos e padrões de comportamento do cliente. A IA que substitui 20 pessoas, é a mesma que substitui 2.000”, pontua.

  1. 85% | Gestor de tráfego da web

Segundo Nicolas, a IA pode analisar dados de tráfego da web com mais precisão do que os humanos, o que pode levar a insights mais profundos sobre o comportamento do usuário. “Além disso, pode automatizar tarefas que, atualmente, são realizadas de forma manual, fazendo com que os gestores de tráfego possam se concentrar em obrigações cada vez mais estratégicas”, revela.

O aumento do volume, complexidade e disponibilidade de dados está fazendo empresas investirem cada vez mais em soluções inteligentes e automatizadas de tráfego. Como consequência, grandes instituições de pesquisa, como a Gartner, apontam que até 85% das profissões de gestor de tráfego podem desaparecer nos próximos anos e, mesmo as instituições mais conservadoras, apontam para um número entre 60% e 70%.

O especialista acredita que as previsões sobre a automação da análise de tráfego são consistentes. “Profissionais de Marketing Digital já notaram isso e migraram para funções mais estratégicas, delegando ou automatizando o tráfego. Conheço empresas que criaram integrações com diferentes IAs, com o tráfego 100% automatizado, e alcançaram um retorno sobre anúncios quatro vezes maior do que quando um humano fazia o tráfego. Essa é uma tendência que está chegando com força não só para gestores, mas para todos os profissionais de marketing digital”, alerta.

  1. 75% | Analistas de pesquisas

Uma pesquisa da Universidade de Harvard sugere que analistas e planejadores que usaram o ChatGPT como assistente melhoraram a qualidade de seus relatórios em cerca de 40% em comparação com aqueles que não utilizaram a ferramenta. “Soluções como ChatGPT, Copilot, Gemini, Claude e Perplexy maximizam a produtividade e facilitam o trabalho para esses profissionais”, declara.

  1. 70% | Contabilidade

Um estudo publicado em 2023, pela empresa de inteligência artificial UiPath, estima que 70% dos empregos em contabilidade e processamento de dados financeiros entre 2024 e 2030 serão substituídos por IAs.

  1. 70% | Diagnóstico e atendimento médico

Um estudo recente da Universidade da Califórnia, em São Francisco, descobriu que o ChatGPT4 foi capaz de fornecer respostas mais precisas e detalhadas a perguntas médicas quando comparadas aos próprios médicos.

Os autores compararam respostas de médicos e da IA a quase 200 perguntas, e descobriram que aproximadamente 80% das respostas do ChatGPT eram mais sutis, precisas e detalhadas do que as compartilhadas pelos médicos. Enquanto menos de 5% das respostas dos médicos foram consideradas “empáticas” ou “muito empáticas”, esse número subiu para 45% nas respostas fornecidas pela IA.

Outros estudos, realizados pela Universidade de Oxford e pelo McKinsey Global Institute, apontam que os empregos médicos estão entre os mais propensos a serem automatizados, com 70% dos empregos em medicina sendo considerados automatizáveis, estimando que 20% dos trabalhos na área poderiam ser automatizados até 2025. “Se alguém acha que uma IA não seria tão competente quanto um médico, se enganou”, declara Alan Nicolas.

A revista Nature Medicine, em 2022, descobriu que um modelo de IA foi capaz de diagnosticar o câncer de mama com uma precisão de 99%, superando a precisão de 97% dos radiologistas humanos.

Enquanto isso, um estudo publicado na revista Radiology apontou que um modelo de IA foi capaz de diagnosticar a doença de Alzheimer com uma precisão de 95%, superando a precisão de 85% dos patologistas humanos. “Existem muitos outros estudos como esses. Em todos eles, a IA ultrapassou a precisão humana. São centenas de pesquisas que validam isso”, ressalta.

Quando o assunto é doenças raras, a IA brilha ainda mais. “Um exemplo claro disso foi o caso de uma criança que passou por 17 médicos que não identificaram seu quadro, até sua mãe fazer uma pesquisa no ChatGPT e descobrir a doença rara que 17 médicos não conseguiram. Existem outros casos relatados de pessoas que descobriram patologias por meio do ChatGPT”, pontua.

Outras profissões:

  1. 68,8% | Profissionais de Marketing (copywriters/SEO/estrategistas)
  2. 65% | Designer gráfico/editor de vídeos
  3. 42% | Escritores criativos e de ficção

Um estudo do Ipea prevê que até 56% das ocupações de emprego formal no Brasil poderão ser afetadas pela automação e IA nos próximos cinco anos. Enquanto isso, um levantamento do Goldman Sachs aponta que até 1/4 de todo o trabalho mundial já poderia ser realizado 100% por inteligência artificial. “Estamos falando de aproximadamente 600 milhões de empregos que poderiam desaparecer hoje mesmo, se as empresas tivessem capacidade técnica ou consciência do que já é possível fazer com IA. Este cenário está se tornando uma realidade cada vez mais presente”, finaliza.

 

Sobre Alan Nicolas

Alan Nicolas é empresário e referência no mercado digital, ele está redefinindo como pessoas e empresas interagem e se beneficiam da inteligência artificial na vida cotidiana. Sua habilidade em construir e liderar empresas rumo ao sucesso reflete sua visão de que a tecnologia, quando usada corretamente, pode ser uma poderosa alavanca para crescimento pessoal, profissional e financeiro.

Fundador da Comunidade Lendár.I.A, um ambiente colaborativo repleto de trocas, conexões e evolução exponencial, Alan criou um espaço onde entusiastas, profissionais e curiosos podem se unir para explorar o universo de possibilidades desse novo momento. Essa comunidade não é apenas um fórum para discussão; é um ecossistema onde a aprendizagem e a inovação ocorrem de maneira orgânica e contínua.

Alan se destaca por sua abordagem focada em fundamentos. Ele acredita firmemente que a compreensão profunda dos princípios básicos é essencial para maximizar o potencial da inteligência artificial. Para ele, não se trata apenas de dominar as ferramentas tecnológicas, hacks ou atalhos, mas de entender os alicerces sobre os quais essas ferramentas são construídas e principalmente como aplicá-las de forma inteligente no nosso dia a dia.

Para mais informações, visite o canal no YoutubeInstagram ou X.

Com 50% da obra concluída, nova Escola no Residencial Nova Vida I ampliará ensino público em Petrolina

0

O compromisso da Prefeitura de Petrolina com o ensino vai desde a primeira infância até a Educação de Jovens e Adultos, e pode ser visto a partir das várias ações que vêm sendo realizadas pela gestão, como a ampliação da rede municipal através da construção de novas unidades escolares. Atualmente duas escolas e três Centros Municipais de Educação Infantil estão em construção, e uma dessas unidades educacionais está sendo erguida no Residencial Nova Vida I. A instituição terá capacidade para 360 alunos se for de Tempo Integral ou 720 estudantes, se for no modelo de ensino regular.

Para realizar a obra, que está com 50% dos serviços executados, a Prefeitura investe R$ R$ 6.249.537,38 em recursos próprios, com previsão de entrega para o primeiro semestre de 2025. O novo espaço educacional contará com 12 salas de aula climatizadas, laboratórios, auditório, ateliê criativo, biblioteca, cozinha moderna, refeitório, casa de gás, bloco administrativo, banheiros acessíveis, iluminação em led, subestação própria de energia, cisterna de armazenamento de água, sistema de alarme, sistemas de proteção contra incêndio e de proteção contra raios, câmeras de segurança e quadra poliesportiva coberta com vestiários. A construção da Escola no Residencial Nova Vida I, faz parte do maior pacote de investimentos lançado pela gestão municipal na área de educação, no valor de R$150 milhões.

A Secretaria de Educação está adotando um conceito muito moderno para as novas escolas que tem construído, reformado e ampliado. São obras que vão impactar de forma muito positiva na vida dos estudantes e que vai potencializar o trabalho das equipes pedagógicas. Esses investimentos vão constituir um legado muito importante para as futuras gerações da cidade e trazer perspectivas transformadoras. Tudo é feito para garantir que os profissionais e os alunos possam desempenhar suas funções da melhor forma possível, em ambientes muito bem estruturados. (Ascom)

 

Bora Conectar+: Petrolina possui 20 pontos de acesso com Wi-Fi gratuito

0

Com o intuito de facilitar o acesso da população a internet gratuita e de qualidade, a Prefeitura de Petrolina vem instalando pontos de acessos de Wi-Fi pela cidade. A iniciativa é desenvolvida através do programa Bora Conectar+, da Secretaria de Inovação e Tecnologia (SEINTEC).

O projeto inicialmente foi implantado nas feiras da Areia Branca e Cohab Massangano, para que os feirantes possam fazer suas vendas no cartão e PIX com tranquilidade e rapidez. Porém, novos locais foram contemplados e agora já são 20 pontos de acesso espelhados pela cidade atendendo todas as regiões.

O acesso é de forma gratuita e estão disponíveis nas feiras do Jardim Maravilha, Areia Branca, José e Maria, Cohab Massangano, São Gonçalo, João de Deus e Pedra Linda. Além disso, também foram disponibilizados pontos nas quadras poliesportivas do Alto do Cocar, Vale do Grande Rio e Rajada e nas praças da Sementeira, no Km2; Parque Municipal Josepha Coelho, no Centro; Portal do Rio, na Orla; Praça Esperança, na Vila Eduardo; Praça Cabrobó, na Vila Eduardo; Praça Frei Damião, no José e Maria; Praça Residencial Bernardino; Clube do Bairro Santa Luzia; Complexo Esportivo Rei Pelé, no Terra do Sul; e Clube do Bairro Rio Corrente.

Essas ampliações representam mais tecnologia para cidade e inclusão digital para população, assim, é possível utilizar a rede tanto para lazer, como para facilitar as compras no comércio

Se ligue! Hackers podem tomar controle de carros autônomos, alerta especialista

0

Soluções personalizadas de cibersegurança para veículos conduzidos por Inteligência Artificial (IA) podem garantir integridade dos usuários

É possível que um hacker controle o carro remotamente?

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 1,35 milhão de pessoas morrem anualmente em acidentes de trânsito em todo o planeta. Uma alternativa que emerge para reduzir este índice, segue em desenvolvimento: os veículos autônomos conduzidos por Inteligência Artificial (IA). Estes carros têm sido projetados com a finalidade de reduzir drasticamente os erros humanos, que são apontados como causa de 90% dos acidentes. No entanto, essa tecnologia exige cuidados especiais e alto investimento em cibersegurança, pois um ataque hacker pode ser fatal.

O especialista da dataRain, Líder de Cibersegurança, Leonardo Baiard, ressalta a preocupação em torno da cibersegurança desses veículos, destacando a importância crítica de proteger os sistemas de IA que os controlam. “Os carros autônomos representam o futuro da mobilidade, e é imperativo que avancemos com cautela e responsabilidade, garantindo a segurança não apenas dos veículos, mas também dos ocupantes e pedestres ao nosso redor. É preciso garantir que não haja interferências externas, causando efeito inverso numa tecnologia voltada justamente para proteger vidas”, afirma.

Para o executivo, a cibersegurança emerge como um pilar fundamental nessa jornada em direção à automação completa. Sem ela, a produção em escala mundial de veículos autônomos seria inviável. “Os riscos de ataques hackers direcionados a esses carros e seus sistemas de IA são variados e potencialmente catastróficos. Desde a perda de controle do veículo até a extração de dados pessoais, as ameaças são diversas e requerem medidas proativas e robustas para mitigá-las”, alerta.

Entre os principais riscos de um ataque severo, o especialista destaca consequências graves. “Qualquer tipo de ataque que subverta essas tecnologias podem resultar em danos físicos e até mesmo em morte de humanos ou animais. Existem relatos públicos de mal-funcionamento em veículos autônomos, como por exemplo, o de um motorista que ficou preso dentro do carro devido a uma falha de funcionamento que o impedia inclusive de frear. Ele percorreu 500 quilômetros em velocidade de aproximadamente de 100km/h e só conseguiu se libertar quando o carro teve a energia esgotada”.

Isto pode ocorrer, pois a IA opera nos carros autônomos para processar dados do ambiente, tomar decisões de trajetória e utilizar técnicas de aprendizado de máquina para aprimorar a condução do veículo. Estes automóveis são equipados com câmeras, radares, sensor LiDAR, GPS e lasers de detecção de alcance, que coletam dados sobre o ambiente ao redor. “A IA utiliza esses dados para identificar objetos, analisar movimentos e determinar suas posições na estrada, permitindo ao veículo interpretar faixas e sinais de trânsito, além de analisar as condições da estrada e do tráfego, traçando uma rota segura e tomando decisões como mudança de faixa, frenagem ou ultrapassagem.”

Ele afirma que, para garantir a segurança dos sistemas de IA em carros autônomos, é essencial adotar uma abordagem de “Secure by Design”, desde o início do processo de desenvolvimento. “Isso inclui análise de riscos em tempo real, gerenciamento de atualizações de software, boas práticas de codificação e testes de intrusão em todas as vias de comunicação possíveis com o veículo”.

O especialista também cita a necessidade de amparo legal no Brasil para o funcionamento pleno e seguro da nova tecnologia. “Embora regulamentações como a ISO/SAE 21434 estejam em vigor globalmente, é crucial que existam diretrizes específicas para a segurança cibernética de carros autônomos em cada país. No Brasil, o Projeto de Lei 1317/23 visa preencher essa lacuna, estabelecendo padrões claros para a proteção de veículos autônomos”.

Além de regulamentações, empresas automotivas e de tecnologia estão colaborando cada vez mais para fortalecer a cibersegurança desses veículos, compartilhando informações, desenvolvendo padrões internacionais e investindo em pesquisa e desenvolvimento. Iniciativas como o Automotive Information Sharing and Analysis Center (Auto-ISAC) exemplificam essa cooperação global.

Sobre a dataRain

A dataRain é uma empresa brasileira líder em soluções AWS na América Latina. Especialista em cibersegurança, Big Data, Inteligência Artificial, Machine Learning e Cloud Computing, atua com foco em inovação e transformação digital. Com mais de 200 certificações oficiais AWS e reconhecida como líder no AWS Partner Ecosystem pelo ISG Provider Lens, destaca-se pela qualidade técnica e pela entrega de mais de 300 projetos para empresas renomadas, além da capacitação de mais de 30 mil profissionais nas áreas de domínio de expertise. Muito além da nuvem, a consultoria oferece soluções para os setores como Serviços Financeiro, Governo, Saúde, Educação, Manufatura, e Varejo.

Assessoria de Imprensa – dataRain

  • Conteúdo Empresarial – Comunicação Integrada 11 – 3230-7434

Atendimento à Imprensa:
Christiane Disconsi – christiane@conteudoempresarial.com.br
13 – 98141.9619

Érica Amores – erica@conteudoempresarial.com.br
13- 99706.6073

Pode ser uma imagem de texto que diz "@CITOUBALHETES QUAL É A SUA MELHOR QUALIDADE? ይልር EU FALO SOZINHA E AINDA RESPONDO."

HU-Univasf promove oficina de arteterapia para colaboradores

0
O Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HU-Univasf), vinculado à Rede Ebserh, por meio da Unidade de Desenvolvimento de Pessoal (UDP), lançou a primeira edição do Projeto Arteterapia – Oficina de Pintura de Imagens. O evento tem como objetivo principal fomentar a socialização, a integração entre colegas, a criatividade e a motivação no ambiente hospitalar.
A pedagoga do HU-Univasf, Barbara Renata Veloso, explica que a ideia para o projeto surgiu a partir de uma observação feita em janeiro, durante a realização do “Pixels das Emoções”, uma iniciativa em alusão ao “Janeiro Branco”. Nesta atividade, os colaboradores foram convidados a pintar um coração para expressar seus sentimentos do dia, com cada cor refletindo uma emoção diferente.
As atividades de pintura, conforme destacou Barbara Veloso, são fundamentais para melhorar as relações interpessoais no ambiente de trabalho. “Essas atividades melhoram as relações porque estimulam a criação de vínculos entre colegas que trabalham em setores próximos, além de promover momentos de interação entre pessoas que normalmente não interagem nos espaços de trabalho”, afirmou. Ela acrescentou que as atividades são uma estratégia consciente em busca de respostas positivas que contribuem para um ambiente organizacional mais saudável, aproximando setores e melhorando a comunicação interna.
Pausas na rotina laboral
Além dos benefícios da arteterapia, a realização de pausas e pequenos intervalos no trabalho é uma ação comprovadamente eficaz no combate ao estresse laboral. A pedagoga do HU-Univasf observou que pequenos eventos e capacitações, especialmente aquelas voltadas para questões subjetivas e que fogem um pouco do cotidiano hospitalar, revelaram-se estimulantes e reenergizantes.
O projeto, ainda em sua fase piloto, já está planejando uma segunda edição que incluirá uma oficina de arte com colagem, com tema junino, e posteriormente, uma oficina de jogos educativos. A organização espera que estas atividades continuem promovendo um ambiente de trabalho mais harmonioso e motivador para todos os colaboradores do HU-Univasf.
Sobre a Ebserh
O Hospital Universitário da Universidade Federal do Vale do São Francisco (HU-Univasf) faz parte da Rede Ebserh desde janeiro de 2014. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Ebserh foi criada em 2011 e, atualmente, administra 41 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência. Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) ao mesmo tempo que apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas e inovação.(Ascom)