Home Blog Page 3

Parto humanizado: Mais de mil crianças nasceram no Centro de Parto Normal em Petrolina 

0

O parto é um momento transformador na consolidação familiar. A partir do momento que uma criança vem ao mundo, nasce uma mãe dedicada e disposta a enfrentar tudo pelo seu filho. São esses sentimentos que as mulheres compartilham no Centro de Parto Normal (CPN) de Petrolina, que com pouco mais de dois anos de funcionamento já realizou 1005 partos humanizados.

O parto realizado no CPN acontece em pacientes sem histórico de alterações durante a gestação, já que a unidade atende gestantes de risco habitual e que tenham o desejo do parto natural.  A unidade funciona 24h, conta com uma equipe multidisciplinar, e atende mulheres residentes em Petrolina que são assistidas na rede de atenção básica ou particular da cidade.

A coordenadora do CPN, Francisca Castro, explica os critérios para a realização do parto na unidade. “Para as mamães que desejam ter o seu filho de forma natural e humanizada, é necessário que elas façam acompanhamento de pré-natal, com no mínimo cinco consultas e realizem todos os exames solicitados, pois através deles é possível identificar o histórico da paciente e assegurar um parto seguro e tranquilo” destaca.

Vale destacar que as futuras mamães também podem realizar uma visita guiada toda terça e quinta-feira às 10h30. Durante a visita, além de conhecer o local, também é possível tirar dúvidas com os profissionais. O Centro de Parto Normal fica localizado na Avenida José de Sá Maniçoba, próximo ao Hospital Universitário (HU), no centro da cidade.

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Saúde    

´Lions Clube Petrolina Centro 50 anos´. Veja a programação deste sábado(04)

0

Depois de um dia de muita atividade e várias ações, o Lions Clube de Petrolina – Centro, continua neste sábado(04) com a sua programação festiva, para celebrar os 50 anos do clube.

Acompanhe a programação.

Dia 04 – Sábado

  • 08.30 – Entrega de Fraldas Descartaveis ao Hospital Dom Malan
  • 09.30 – Evento de saúde e cidadania na Vila Lions – Bairro Jardim Petropolis
  • 12.00 – Almoço com o Governador por adesão, no Restaurante Casa Brasílis
  • 15.00 -Visita ao Crelps, entrega de cadeira de rodas, kits de higiene e lanche
  • 19.30 – Sessão Solene de recepção ao Governador do Distrito, admissão de novos associados e comemoração dos 50 anos de Fundação do Clube
  • 21.30 – Jantar  comemorativo

0
A jornalista e apresentadora Glória Maria, morta nesta quinta-feira aos 73 anos, deixa duas filhas adolescentes. A repórter da TV Globo era mãe de Maria, de 15 anos, e Laura, de 14. As duas foram adotadas em 2009, após uma viagem à Bahia. Durante um trabalho voluntário em um orfanato de Salvador, a carioca se encantou com Maria. Depois de conhecê-la, se apaixonou por Laura, sem saber que as duas eram irmãs biológicas. Foi então que decidiu adotar a dupla.
O processo de adoção durou 11 meses, e levou Glória Maria a se mudar de estado para ficar mais próxima às crianças enquanto a documentação tramitava na Justiça. Em várias entrevistas ao longo da carreira, a jornalista comentou que não tinha desejo de ser mãe, porque preferia se dedicar ao trabalho. Em conversa com O GLOBO, em 2018, a ex-apresentadora do “Globo Repórter” comentou que, antes da chegada de Maria e Laura, maternidade, para ela, era sinônimo de “jornalismo”.

” A vida inteira [fui pressionada para ser mãe], só que eu não estava nem aí. Eu nunca tive vontade de ser mãe, porque o meu trabalho era o meu filho. Eu cuidava, amava, dependia dele, não podia pensar na possibilidade de perdê-lo, revelou a jornalista, que, à época, confessou já ter tentado engravidar para realizar a vontade do primeiro marido, Eric, que sonhava em ser pai.”

Desde que adotou as duas meninas, a repórter se tornou referência no assunto. O título de exemplo, no entanto, não a agradava muito. Nas redes sociais, ela sempre se preocupou em mostrar aos seguidores os bastidores da “vida real” da maternidade, e compartilhar os percalços de ser uma mãe solteira.

“Recuso milhões de convites para fazer campanhas sobre adoção. Porque acho que isso é uma coisa de cada pessoa. O que que eu vou dizer para você? “Adota, que é maravilhoso”? E se não for maravilhoso para você, da maneira como foi para mim? A minha contribuição para o tema é o meu exemplo, e eu não quero ficar bancando a boazinha, porque adotar não faz de ninguém uma pessoa boazinha. É uma relação de amor e pronto. E você não tem que ficar dando satisfação para ninguém a respeito do amor,” ponderou.

Em sua última postagem sobre as filhas no Instagram, Glória lamentou não poder acompanhar as meninas no festival de música Rock in Rio, por conta de seu quadro de saúde. “Foram com a minha comadre Verônica, e a madrinha Júlia. Se divertiram, mas, se Deus quiser, no próximo evento vamos estar juntas. Por enquanto preciso me cuidar. Mas tenho fé, e logo estarei de volta brilhando” escreveu ela na postagem.

“Minhas filhas não têm pai, eu decidi tê-las sozinha. Sou eu e pronto. Preciso estar bem para vê-las no balé, nos eventos da escola. O dia em que não puder estar, que morrer, elas terão tudo encaminhado. Vão estudar nos melhores lugares, têm padrinhos maravilhosos. Tá tudo certo”,complementou.

Em 2019, ela foi diagnosticada com câncer de pulmão. (Agência Globo)

População de Petrolina indignada com as novas tarifas de ônibus

0

 

Empresas de ônibus de Mogi das Cruzes pedem aumento da passagem para até R$  7,08 | Mogi das Cruzes e Suzano | G1

Prefeitura de Petrolina aumentou as tarifas do transporte público da cidade. Segundo a AMMPLA, o  resultado da alta acumulada anual dos insumos que compõem os custos do transporte coletivo e complementar, especialmente as variações do óleo diesel e da mão de obra, a Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA) autorizou a atualização nos valores das tarifas do transporte público de Petrolina, a partir da meia-noite dessa quarta-feira (1º).

Segundo a autarquia,  a tarifa do transporte coletivo aumentou de R$ 4,10 para R$ 5,00. Estudante pagará R$ 2,50.

Segundo a AMMPLA a atualização das tarifas, publicada no Diário Oficial do Município, segue decisão contratual de reajuste anual do transporte coletivo e determinação do decreto municipal do transporte complementar.

A população que depende do transporte coletivo para trabalhar e estudar ficou na bronca. Todos os usuários ficaram indignados com o aumento da passagem e pediram mais sensibilidade as autoridades do municipio. De todos os lugares, sede e interior, chegaram reclamações.

Confira os novos valores das tarifas do transporte complementar:

Senac Petrolina oferece Ensino Médio integrado a formação técnica em Logística e Informática. Inscrições até esta sexta-feira(03)

0

Mediotec conta com unidades curriculares obrigatórias e formação profissional que prepara jovens para o mercado de trabalho

Senac Petrolina

De acordo com os dados da Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas), em 2021, Pernambuco registrou uma receita de US$ 244 milhões na venda de frutas para o exterior, gerando milhares de empregos. Grande parte dessa produção sai de Petrolina, que se destaca no cultivo de mangas, uvas e goiabas. Todo o processo de pós-colheita, transporte e distribuição é determinante para obter bons resultados na comercialização dessas frutas, onde, em todas as etapas, destaca-se o papel desempenhado pelos profissionais de logística. Ao observar as demandas do mercado e em preparar os jovens para a vida profissional, o Senac em Petrolina oferece o Mediotec, ensino médio integrado ao ensino técnico em Logística.

Durante o curso, os alunos aprendem como planejar e proceder durante a conferência de equipamentos, materiais e produtos no processo logístico, assim como o apoio das atividades de compra de equipamentos, materiais, produtos e serviços, controle e organização de sistemas de armazenagem, estoques de equipamentos, materiais e produtos, distribuição de equipamentos, além da entrega de um projeto integrador na área de Logística.

A modalidade Mediotec garante, além da formação profissional, o aprendizado em Língua Portuguesa e suas Tecnologias, que abrange o conhecimento de Português, Literatura, Redação, Língua Inglesa, Artes e Educação Física; Matemática e Ciência e suas Tecnologias, que envolve os componentes curriculares de Matemática, Biologia, Química e Física; Ciências Humanas e Sociais aplicadas que agrupa História, Geografia e Sociologia.

Informática – Outra opção oferecida pelo Senac Petrolina, é o Ensino Médio integrado à formação técnica em Informática. Durante os três anos, os estudantes vão cursar disciplinas como Planejamento e Execução da Montagem de Computadores, Instalação de Hardware e Software e Manutenção de Computadores, além da entrega de um projeto integrador em Informática.

As matrículas para o Mediotec Senac estão abertas e podem ser realizadas até o dia 3 de fevereiro por meio do site do Senac (www.pe.senac,br) ou presencialmente na Central de Atendimento do Senac Petrolina, localizado à Rua Projetada, nº 650, Bairro Maria Auxiliadora (Antigo Aeroporto). Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: (87) 3983.7602 | 3983.7603 | 3983.7626.

Serviço:

Mediotec Senac 2023

  • Carga horária: 3.200h
  • Matrículas: www.pe.senac.br
  •  ou presencialmente na Rua Projetada, 650, Maria Auxiliadora
  • Mensalidade: R$715 – Quem tem o Cartão do Empresário pode garantir 20% de desconto nas mensalidades.
  • Mais informações: (87) 3983.7602 | 3983.7603 | 3983.7626.

Feira Agroecológica e Orgânica de Juazeiro fortalece comercialização de produtos da agricultura familiar. Hoje tem

0

Juazeirenses e visitantes contam com Feira Agroecológica e Orgânica que acontece semanalmente com comercialização de diversos produtos da agricultura familiar e artesanatos. A feira acontece ao lado do Armazém da Caatinga, na Vila Bossa Nova, Orla II de Juazeiro.

O espaço tem sido uma oportunidade para escoar o excedente da produção de dezenas de agricultores/as familiares da região. “A gente tem uma coisa mais certa, a gente produzia, mas pra onde ia escoar essa produção? E hoje, a gente já tem o ponto certo. Através da Coopervida, a gente fez esse gancho de expandir essa comercialização e aí a gente não tá dando conta da demanda”, destaca a agricultora do assentamento São Francisco em Juazeiro e coordenadora do Pré-Núcleo Sertão do São Francisco, Carmem de Oliveira.

A Cooperativa Agropecuária Familiar Orgânica do Semiárido – Coopervida e a Central da Caatinga são as organizadoras da feira. A presidente da Coopervida, Gizeli Maria Oliveira, ressalta que tem trabalhado para “[…] fortalecer mais ainda as comunidades dos distritos de Juazeiro. Muitas famílias, nos quintais agroecológicos, por exemplo, que não tinham para onde escoar os excedentes da produção, com a entrega de cestas, a venda na quitanda, que é num bairro periférico aqui de Juazeiro e a Feira Agroecológica, nós estamos conseguindo absorver essa produção”.

Gizeli pontua que esse trabalho junto às famílias agricultoras conta com “um circuito de apoio” de técnicas/os de organizações que atuam na região e que “fazem essa ponte entre a Coopervida e as famílias que estão nas comunidades”. O Irpaa é uma das entidades que apoiam a feira.

A articulação com as parcerias para garantir a logística com as/os agricultoras/es resulta, por exemplo, na comercialização de cestas, com média de 25 por semana. Devido à comodidade, esse serviço tem sido bem procurado e é uma forma de garantir o acesso da população a produtos saudáveis, sem agrotóxicos. “As famílias fazem o pedido no WhatsApp uma vez por semana e recebem na sexta-feira pela manhã em suas casas. Então, a feira está se ampliando e a proposta é essa, que ela se amplie não só aqui no espaço da Orla, mas também em outras localidades de Juazeiro para a maior parte da população também ter acesso a esses produtos”, destaca Gizeli Maria.

Com essa proposta de ampliação, diferentemente das quintas-feiras, em que são comercializados apenas produtos orgânicos, às sextas há uma diversidade maior. É possível encontrar produtos orgânicos, agroecológicos e itens da economia solidária como artesanatos de couro e madeira, bordados, comidas típicas e perfumes. Nos dois dias, o horário de funcionamento é das 16h às 20h.

Para a coordenadora da Rede Mulher em Juazeiro, Karine Pereira, que participa com artesanatos, o espaço é uma oportunidade para mulheres do coletivo. “É uma novidade, ainda mais se tratando de artesanato que as mulheres ainda estão começando a produzir pensando na comercialização fora do seu ambiente domiciliar, como vender pro vizinho, para uma amiga; mas, para sair da cidade pra ir para outro município, não (ter condições). Então, é um espaço inovador para a Rede Mulher, é um espaço que a gente tá aprendendo”.

Karine avalia que é preciso a comunidade aproveitar e valorizar mais ainda a iniciativa, principalmente, porque é uma forma de apoiar a produção das famílias. “O que a gente mais acha desafiante, no momento, é a população de Juazeiro perceber o valor, a importância de ter uma feira como essa. São produtos de qualidade, com preços super acessíveis e que, além de fomentar a economia local, também contribuem para que as pessoas tenham uma melhor alimentação e com a renda de muitas famílias”.

Há um mês, aproximadamente, o jovem Maurício Fábio da Silva e os amigos participam da Feira Agroecológica e Orgânica de Juazeiro. Maurício avalia que o espaço é importante para divulgar o trabalho de artesanato com reciclagem que é realizado por eles. “A ideia da ‘Berro do Gato’ é isso, pegar material reciclado, que as pessoas não utilizam mais e a gente faz a nossa arte. Exemplo, uma empresa que vai jogar material fora, a gente vai lá e cata. As pessoas procuram mais para trabalhos encomendados e a feira, a gente usa como parte de vitrine mesmo. A gente já conseguiu muita encomenda por fora”.

A feira foi inaugurada no dia 30 de junho de 2022, como parte integrante de um projeto que engloba também o Armazém da Caatinga. O contato disponibilizado pela organização para os pedidos de cestas, via WhatsApp, é o (74) 98859-9873.

Eixo Educação e Comunicação do Irpaa

Prefeitura de Juazeiro divulga cronograma da ´Unidade Móvel de Atendimento Odontológico` para esta semana; hoje tem!

0

A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Saúde (Sesau), divulga o cronograma da Unidade Móvel de Atendimento Odontológico de 30 de janeiro a 2 de fevereiro. A unidade circulará pela sede e também no interior levando, de modo itinerante, atendimentos de saúde bucal para a população. Confira:

Nesta quinta-feira (02) o atendimento será no Centro Comunitário do terminal de ônibus do Residencial Brisa da Serra, atendendo por livre demanda.

São realizados 15 atendimentos por dia na unidade móvel. É preciso que os pacientes levem RG, CPF ou Cartão SUS.

Fonte: Ascom Sesau PMJ

Firme e competente, Deputado estadual Zó toma posse para terceiro mandato nesta quarta-feira(1)

0

O deputado estadual Zó tomou posse nessa quarta-feira, 1° de Fevereiro, para exercer o seu terceiro mandato, conquistado nas eleições de 2022, quando obteve 50.893 votos. A cerimônia aconteceu às 14h30, no plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), em Salvador.

Este é o sexto mandato eletivo do parlamentar, sendo três vezes eleito vereador, em Juazeiro, em um dos mandatos exercendo a presidência da Câmara Municipal, e este o terceiro como deputado estadual, consecutivos. Zó atuou em várias frentes, como o fortalecimento da agricultura familiar, Saúde, Esporte, geração de emprego, Cultura e Educação, dentre outros.

Militante do PCdoB a cerca de 40 anos, Zó irá manter a representação popular na ALBA, dialogando com os movimentos sociais, recebendo demandas da classe trabalhadora e mantendo a firmeza a luta para melhorar a vida das pessoas, junto com o governador Jerônimo Rodrigues e o presidente Lula.

“A população da Bahia reconheceu o trabalho feito pelo nosso mandato. Agora, vamos ampliar esta atuação e dando voz aos trabalhadores e trabalhadoras”, declarou Zó.

CDL realiza reunião preparatória para comemoração do Dia Internacional da Mulher em Petrolina

0

Com o objetivo de articular ações e atividades que serão desenvolvidas no 13º ‘Dia da Transformação’ – Evento social em comemoração ao Dia internacional da Mulher, que será comemorado no dia 08 de março, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Petrolina, realizou nessa terça (31), a primeira reunião preparatória com os parceiros.

O evento de cunho social – que já faz parte do calendário da entidade será realizado no Parque Josefa Coelho, na sede do Transforma Petrolina. Na ocasião serão oferecidos serviços gratuitos na área de beleza, saúde, atendimento psicossocial e jurídico, oficinas de geração de emprego e renda, palestras, feira do empreendedorismo com a Rede Mulher, além de atrações culturais e sorteios de brindes.

“Nesse primeiro encontro contamos com as presenças dos representantes do Transforma Petrolina, Rede Mulher, SEBRAE, Prefeitura e outros que com certeza virão para somar e nos ajudar a fazer mais uma edição de sucesso. Portanto, desde já agradeço pelo empenho de todos e ressalto a importância desse alinhamento para que possamos melhorar a cada ano”, diz o presidente da CDL, Deusemar dos Santos.

Para a coordenadora voluntária do Transforma Petrolina, Alinne Durando, a parceria também  fortalece o serviço voluntário no município. ” Estamos nessa parceria com a CDL pela  segunda vez e  ficamos muito  felizes por mais uma ação de impacto social que ofertará diversos serviços gratuitos para comemorar o Dia Internacional da  Mulher”,  afirma.

Ao final da reunião, ficou acordado entre os presentes que o outro encontro está marcado para o dia 14 de fevereiro, às 10h, na sede da CDL, com todos os parceiros.(Ascom)

Rodrigo Pacheco é reeleito presidente do Senado

0

Senador Rodrigo Pacheco é eleito presidente do Senado

O senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG) foi reeleito, na tarde de hoje (1º), presidente do Senado pelos próximos dois anos. A eleição ocorreu na segunda reunião preparatória desta quarta-feira, dia que marcou também a posse dos senadores eleitos em outubro de 2022 e o início do ano legislativo na Casa. Pacheco derrotou Rogério Marinho (PL-RN) e Eduardo Girão (Podemos-CE). Esse último chegou a discursar como candidato, mas retirou sua candidatura em seguida para apoiar Marinho.Pacheco venceu por 49 votos contra 32. Não houve votos em branco. O resultado não trouxe grandes surpresas em relação às estimativas prévias. Pacheco tinha apoio da maioria dos partidos da Casa, inclusive o PT, MDB e seu partido, o PSD, duas das maiores bancadas. Do outro lado, Marinho tinha apoio do PL. Há cerca de uma semana, esperava-se uma vitória do senador do PSD por 55 votos, uma margem bem maior do que a obtida. Marinho contava com “traições” para virar o jogo. As traições, senadores que contrariam a orientação de apoio do seu partido, ocorreram, mas não foram suficientes.

Em seu pronunciamento após a recondução ao cargo, Pacheco condenou o que chamou de “polarização tóxica” vigente no Brasil. Atribuiu a ela os atos terroristas na Esplanada dos Ministérios em 8 de janeiro e afirmou que tais acontecimentos “não podem e não vão se repetir”.

“Os brasileiros precisam voltar a divergir civilizadamente, precisam reconhecer com absoluta sobriedade quando derrotados e precisam respeitar a autoridade das instituições públicas. Só há ordem se assim o fizerem. Só há patriotismo se assim o fizerem. Só há humanidade se assim o fizerem”, disse presidente reeleito. Em seguida, Pacheco atribuiu à classe política a responsabilidade de combater práticas antidemocráticas.

“O discurso de ódio, o discurso mentiroso, o discurso golpista deve ser desestimulado, desmentido e combatido. Lideranças políticas que possuem compromisso com o Brasil sabem disso. Lideranças políticas que possuem compromisso com o futuro do Brasil não podem se omitir nesse momento”, disse. “E o recado que o Senado Federal dá ao Brasil agora é que manteremos a defesa intransigente da democracia”.

Discursos de campanha

Girão, em seu discurso como candidato, afirmou que o Senado está “desmoralizado” e atribuiu isso à “sobreposição de um Poder sobre o outro”. O senador do Podemos é conhecido por criticar constantemente ministros do Supremo Tribunal Federal e pedir a abertura de processo de impeachment contra alguns deles. Ao final do seu discurso, anunciou a retirada da candidatura e o apoio a Rogério Marinho.

Já Pacheco destacou a aprovação de vários projetos em defesa das mulheres e também no combate ao racismo durante seu mandato. Também lembrou a criação da liderança da oposição e a aprovação de projetos de interesse social urgente, como a aprovação do aumento do Auxílio Brasil e a redução do preço dos combustíveis. Citou também o arquivamento de Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI) prejudiciais ao governo da época e que “contaminariam o processo eleitoral”. “É preciso ter coragem para ser presidente do Senado e enfrentar os desafios que isso representa”.

Marinho foi o último a discursar. Estreante na Casa e ligado ao bolsonarismo, Marinho se opôs aos atos terroristas de 8 de janeiro em Brasília, mesmo não citando diretamente o episódio. Afirmou a necessidade de combater “o radicalismo e a barbárie” praticado “por quaisquer dos espectros ideológicos do campo político, tanto da direita quanto da esquerda”. Ele afirmou que o Senado precisa atuar para pacificar o país e indicou que há desequilíbrio entre os Poderes, fazendo coro ao discurso de Girão. Também referiu-se a uma crise de credibilidade da Casa com a sociedade, e disse ser seu compromisso a reconexão do Senado com o país.

Apuração dos votos

A reunião foi conduzida pelo vice-presidente do Senado, Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), uma vez que o presidente da Casa era um dos candidatos. Após discursos dos três candidatos, Pacheco, Marinho e Girão, os senadores foram chamados, um a um, para depositar seus votos na urna localizada na mesa de onde são conduzidos os trabalhos. Os senadores foram chamados por ordem de antiguidade de seus estados. Assim, os primeiros a votarem foram os senadores da Bahia e os últimos de Roraima.

Para vencer, era necessário conquistar 41 votos, mas os senadores também estavam de olho no tamanho da vitória. Uma margem maior de votos significa mais apoio dentro da Casa e, consequentemente, mais facilidade na negociação de pautas de interesse do presidente do Senado e de seus aliados.

Edição: Fábio Massalli – Agência Brasil-

Arthur Lira é reeleito para presidência da Câmara dos Deputados

0

Votação para eleger novo presidente da Câmara dos Deputados, na foto o deputado Arthur Lira, candidato a reeleição

Em uma votação recorde, o deputado Arthur Lira (PP-AL) foi reeleito nesta quarta-feira (1º) para o cargo de presidente da Câmara dos Deputados por 464 votos. O parlamentar ficará no comando da Casa pelos próximos dois anos.

Arthur Lira está em seu quarto mandato e foi o candidato a deputado federal mais votado de Alagoas nas eleições do ano passado. O parlamentar afirmou que, entre as prioridades de sua gestão, está a aprovação da reforma tributária.

No início do discurso após confirmação da vitória, ele se emocionou ao falar do pai, o ex-senador Benedito de Lira, de 80 anos, que desmaiou durante a cerimônia de posse na manhã desta quarta. O ex-congressista e prefeito de Barra de São Miguel (AL) foi imediatamente atendido por socorristas da Câmara dos Deputados e está hospitalizado para realização de exames.

Lira afirmou que buscará construir uma relação com o Poder Executivo sem relação de subordinação, mas um pacto para aprimorar e avançar nas políticas públicas, “a partir da escuta cuidadosa de opiniões e sugestões de nossas comissões”.

“Podemos ter adversários, mas não somos inimigos uns dos outros. Essa vai ser a tônica da Câmara nos próximos anos”, disse. Lira também afirmou que, se eleito, não concordará “passivamente” com a invalidação dos atos, por recursos da minoria, em Tribunais Superiores.

O parlamentar contou com apoio de 20 partidos: PT, PCdoB, PV PL, União Brasil, PP, MDB, PSD, Republicanos, PSDB, Cidadania, Podemos, PSC, PDT, PSB, Avante, Solidariedade, Pros, Patriota e PTB.

O deputado Chico Alencar (PSOL-RJ) recebeu 21 votos. O deputado Marcel Van Hatten (Novo-RS) teve 19 votos. A votação ainda teve cinco votos em branco.

Em seu discurso, Lira afirmou que os votos são o “reconhecimento a uma dinâmica de trabalho, o resultado desta eleição é a demonstração concreta de que, na boa política, é possível divergir, debater, mas ao final, construir consensos, decidir e atuar, sempre em prol do Brasil”

O parlamentar afirmou ainda que o “Brasil diverso, multicultural, só é possível porque é democrático”. O deputado criticou os atos de vandalismo que depredaram o Congresso Nacional, Supremo Tribunal Federal (STF) e o Palácio do Planalto no dia 8 de janeiro deste ano.

“Esta Casa não acolherá, defenderá ou referendará nenhum ato, discurso ou manifestação que atente contra a democracia. Quem assim atuar, terá a repulsa deste Parlamento, a rejeição do povo brasileiro e os rigores da lei. Para aqueles que depredaram, vandalizaram e envergonharam o povo brasileiro haverá o rigor da lei”, disse. “Aos vândalos e instrumentadores do caos que promoveram o 8 de janeiro passado, eu afirmo: No Brasil, nenhum regime político irá prosperar fora da Democracia.  Jamais haverá um Brasil sem eleições livres e representantes escolhidos pelo voto popular”, acrescentou.

Segundo o deputado, “é hora de desinflamar o Brasil e distensionar as relações”. Para Lira, cada um dos Poderes deve atuar dentro de suas funções definidas pela Constituição.

“É hora de ver cada um no seu quadrado constitucional – para voltarmos a ver os Poderes articulando, interagindo com a clareza exata de onde termina o espaço de um e começa o do outro”, afirmou. “Não dá mais para que as decisões tomadas nesta Casa sejam constantemente judicializadas e aceitas sem sustentação legal. Resta a nós, investidos pelo poder popular, exercer a cada dia a boa política do entendimento, da conciliação e do equilíbrio”, completou.

Pelas redes sociais, o presidente Lula disse que ligou para Lira:

Composição da mesa

A nova mesa diretora da Câmara terá a seguinte composição: 1ª vice-presidência:  Marcos Pereira (Republicanos/SP); 2ª vice-presidência: Sóstenes Cavalcante (PL/RJ); 1ª secretaria: Luciano Bivar (UNIÃO/PE); 2ª secretaria: Maria do Rosário (PT/RS); 3ª secretaria: Júlio Cesar (PSD/PI); 4ª secretaria: Lucio Mosquini (MDB/RO). Os deputados suplentes são: Gilberto Nascimento (PSC/SP), Pompeu de Matos (PDT/RS), Beto Pereira (PSDB/MS) e André Ferreira (PL-PE).

*Matéria alterada às 20h30 para inserção de discurso do presidente eleito pela Câmara, composição da mesa e postagem do presidente Lula.(Agência Brasil)

Três parlamentares disputam a presidência da Câmara dos Deputados

0

Votação terá início com 257 deputados registrados no plenário

Posse dos Deputados

Três candidatos disputarão a eleição para presidente da Câmara dos Deputados. A eleição para os cargos da Mesa Diretora está prevista para começar às 16h30 desta quarta-feira (2). A votação só será iniciada quando houver, pelo menos, 257 deputados registrados no plenário.

O deputado Arthur Lira (PP-AL) é o favorito para se reeleger ao cargo de presidente da Câmara. O parlamentar é o representante do bloco de 21 partidos, que reúne 496 congressistas: PT, PL, União Brasil, PP, MDB, PSD, Republicanos, PSDB, Cidadania, Podemos, PSC, PDT, PSB, Avante, Solidariedade, Pros, Patriota e PTB.

O deputado Chico Alencar (PSOL-RJ) também disputará a vaga de presidente da Casa e é apoiado pela federação formada pelo seu partido e Rede, que reúnem 14 deputados. O outro candidato é o deputado Marcel Van Hatten (Novo-RS), que tem o apoio de sua sigla – atualmente com três parlamentares.

A sessão será presidida pelo deputado Átila Lins (PSD-AM), o mais idoso dentre os que têm mais mandatos (nove, ao todo). A Mesa Diretora é composta por sete cargos fixos e quatro suplências.

Para os demais cargos, registraram candidatura os seguintes deputados: 1ª vice-presidência: Marcos Pereira (Republicanos/SP); 2ª vice-presidência: Sóstenes Cavalcante (PL/RJ) e Luciano Vieira (PL/RJ), como avulso; 1ª secretaria: Luciano Bivar (UNIÃO/PE); 2ª secretaria: Maria do Rosário (PT/RS); 3ª secretaria: Júlio Cesar (PSD/PI); 4ª secretaria: Lucio Mosquini (MDB/RO). Os candidatos à suplência são: André Ferreira (PL/PE), Gilberto Nascimento (PSC/SP), Beto Pereira (PSDB/MS).

A apuração é realizada por cargo, iniciando-se pelo presidente da Câmara. Para ser eleito, o candidato precisa de maioria absoluta dos votos em primeira votação ou ser o mais votado no segundo turno. Depois de eleito o novo presidente, serão apurados os votos dos demais integrantes da mesa diretora: dois vice-presidentes, quatro secretários e quatro suplentes.

Agência Brasil