Sem categoria

Início Sem categoria Página 55

Tristeza. Choque elétrico mata dois animais em Petrolina

0

Dois jegues morreram após receberem uma descarga elétrica, no   na manhã desta segunda-feira(04). O fato  aconteceu na rua das Sensações, no bairro Dom Avelar em Petrolina-PE.

Segundo testemunhas, os animais sofreram uma carga elétrica depois que se encostaram em um poste de ferro, localizado na quadra de esportes do Bairro.

Moradores em depoimentos, disseram que na o é a primeira vez que isso acontece na posteação da quadra de esportes. O fato foi comunicado a Prefeitura de Petrolina para que as devidas providencias.

Campanha Papai Noel dos Correios 2019 será lançada nesta segunda-feira. Petrolina e Juazeiro participam

0

Imagem relacionada

Nesta segunda-feira (04), a partir das 15h, acontece o lançamento da campanha ‘Papai Noel dos Correios 2019’ em Pernambuco, que comemora o seu 30º ano de existência. A cerimônia contará com a presença de estudantes da Escola Municipal Edison Gomes do Rêgo, que fica em Paulista. Na ocasião, um dos pedidos será lido e as primeiras cartas desta edição serão colocadas em um mural. A abertura acontece na Agência Central do Recife, localizada na Avenida Guararapes, Centro do Recife.

Ao longo das três décadas, a campanha conseguiu atender mais de 6 milhões de pedidos que são feitos através das cartas enviadas aos Correios. A iniciativa exige esforços de empresas, empregados e voluntários da sociedade que atendem alguns pedidos enviados, dentro do possível, para presentear crianças que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Em 2018, só em Pernambuco, mais de 27 mil presentes foram entregues.

Resultado de imagem para Campanha Papai Noel dos Correios 2019

Como tudo começou?

A campanha dos Correios começou por conta da iniciativa de alguns empregados que, em meio à rotina de trabalho, recebiam cartas escritas por crianças endereçadas ao ‘bom velhinho’, o Papai Noel. Por se sensibilizar com alguns dos pedidos, eles resolveram adotar as cartinhas e enviar os primeiros presentes. Com o passar do tempo, a atitude social foi tomando forma e proporção na empresa e acabou se transformando em um projeto corporativo dos Correios.

Aprendizado

A campanha do Papai Noel também tem o seu lado educativo. Isto por conta do incentivo à escrita e leitura. Desde 2010, os Correios estabeleceram essas parcerias com a intenção de trabalhar ações como o desenvolvimento da habilidade da redação, o endereçamento e o uso do CEP.

Como é o processo de recebimento e atendimento aos pedidos?

Depois de recebidas e lidas, as cartas são selecionadas por uma equipe dos Correios. Os pedidos são disponibilizados para adoção em agências e pela internet. A adoção das cartinhas pela versão web acontece em 11 capitais: Recife, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Goiânia, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador e Região Metropolitana de São Paulo. Para apadrinhar o pedido de uma criança, clique aqui. A entrega será feita pelo padrinho no ponto indicado pelos Correios. O período de adoção online será de 11 a 29 de novembro.

Fisicamente, onde posso escolher uma cartinha?

As cartas poderão ser adotadas nas Agências dos correios de Petrolina e Juazeiro. O prazo de adoção vai até o dia 20 de dezembro.

Os presentes poderão ser deixados em qualquer um dos locais de adoção, facilitando ainda mais o processo para padrinhos e madrinhas, que têm até o dia 27 de dezembro para isto. Para proteger a criança e a sua privacidade, não é permitida a entrega direta do presente, segundo a recomendação do Ministério Público.

STF retomará julgamento sobre prisão após segunda instância nesta quinta-feira(07)

0

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, confirmou que a Corte vai retomar o julgamento sobre a constitucionalidade da execução provisória de condenações criminais, conhecida como prisão após segunda instância, no dia 7 de novembro.

Na quinta-feira (24), o julgamento foi suspenso com placar de 4 votos a 3 a favor da medida. Faltam os votos dos ministros Gilmar Mendes, Celso de Mello, Toffoli e da ministra Cármen Lúcia. A análise da questão ocorre há quatro sessões.

No dia 17 de outubro, a Corte começou a julgar definitivamente três ações declaratórias de constitucionalidade (ADCs), relatadas pelo ministro Marco Aurélio e protocoladas pela Ordem dos Advogados, pelo PCdoB e pelo antigo PEN, atual Patriota.

O entendimento atual do Supremo permite a prisão após condenação em segunda instância, mesmo que ainda seja possível recorrer a instâncias superiores. No entanto, a OAB e os partidos sustentam que o entendimento é inconstitucional e uma sentença criminal somente pode ser executada após o fim de todos os recursos possíveis, fato que ocorre no STF e não na segunda instância da Justiça, nos tribunais estaduais e federais. Dessa forma, uma pessoa condenada só vai cumprir a pena após decisão definitiva do STF.

A questão foi discutida recentemente pelo Supremo ao menos quatro vezes. Em 2016, quando houve decisões temporárias nas ações que estão sendo julgadas, por 6 votos a 5, a prisão em segunda instância foi autorizada. De 2009 a 2016, prevaleceu o entendimento contrário, de modo que a sentença só poderia ser executada após o Supremo julgar os últimos recursos.

Segundo o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o julgamento terá impacto na situação de 4,8 mil  presos com base na decisão do STF que autorizou a prisão em segunda instância. Os principais condenados na Operação Lava Jato podem ser beneficiados, entre eles, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde 7 de abril do ano passado, na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, após ter sua condenação por corrupção e lavagem de dinheiro confirmada pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), no caso do tríplex do Guarujá (SP), além do ex-ministro José Dirceu e ex-executivos de empreiteiras.(Agência Brasil)

Começou a 2ª etapa de vacinação contra Aftosa em Pernambuco

0

Em Pernambuco, começou hoje (1º) a segunda etapa da campanha de vacinação contra Febre Aftosa. Em Petrolina, são 13.314 animais, mas nesta fase só devem ser imunizados os bovinos e bubalinos com até dois anos.

A vacinação do rebanho deve ser informada nos escritórios da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro) num prazo de 15 dias. A campanha vai até o dia 30 de novembro.

De acordo com a Adagro, para manter o status de área livre da doença com vacinação, a expectativa é imunizar no mínimo 90% do rebanho contra a Febre Aftosa, que é uma doença infecciosa que causa febre, seguida do aparecimento de aftas principalmente na boca e nos pés do animais. A vacinação é uma das principais estratégias para erradicar a doença.(Ascom)

Enem 2019: Portal Uai e Chromos e o Globo, divulgam o gabarito extraoficial do 1° dia de provas

0

ENEM 2019 – Acompanhe as notícias do exame em tempo real

ENEM 2019 – Acompanhe a correção ao vivo feita por professores da Plataforma de Ensino Eleva e veja o gabarito extraoficial: https://glo.bo/2C7kDUt

Posted by O Globo on Sunday, November 3, 2019

Em parceria com o Portal Uai, o Chromos faz a correção e a divulgação antecipada do gabarito extraoficial do Enem 2019. Nos dois domingos de prova, 3 e 10 de novembro, a equipe de professores da instituição, além de fechar e lançar as respostas, gravará vídeos, em tempo real, resolvendo e comentando todas as questões.

O gabarito Chromos/Enem, como é conhecida a ação, reúne mais de 90 professores de diversas áreas do conhecimento, todos especializados no exame nacional.

Mega-Sena acumula e poderá pagar R$ 40 milhões

0

Resultado de imagem para mega sena

O sorteio 2.203 da Mega-Sena, que ocorreu neste sábado em São Paulo (SP), não teve acertadores do prêmio principal. Sem ninguém marcar as seis dezenas, o prêmio acumulou em cerca de R$ 40 milhões e será sorteado nesta segunda-feira, conforme a Caixa Econômica Federal.

Confira os números: 17 – 34 – 46 – 49 – 50 – 57.

A Quina foi marcada por 57 cartelas que poderão sacar R$ 49.414,01. Já a Quadra teve 4.811 ganhadores que recebem R$ 836.35.

Enem: 1,2 milhão de inscritos faltaram; 376 foram eliminados

0

Abstenção é a mais baixa da história, avalia Weintraub

Resultado de imagem para enem 2019

Cerca de 3,9 milhões de pessoas fizeram nesse domingo(03) o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os cerca de 1,2 milhão de faltosos representam 23% do total de 5,1 milhões de inscritos. Ao todo, 376 pessoas foram eliminadas por descumprirem as regras do exame. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

“Deu tudo certo, foi tudo perfeito, funcionou tudo bem. Tivemos a mais baixa abstenção da história”, avaliou o ministro da Educação, Abraham Weintraub. A taxa é mais baixa que a de faltas no primeiro dia de prova do ano passado, quando 24,9% dos inscritos não compareceram ao exame.

O índice total de abstenções no Enem 2019 será fechado apenas após o segundo dia de aplicação, no próximo domingo (10). Quem não fez a prova neste domingo ainda poderá comparecer ao segundo e último dia do exame.

O ministro avaliou o número de eliminados como baixo. Neste ano, o Enem passou a ter uma nova regra, candidatos cujos aparelhos eletrônicos que emitissem qualquer som, mesmo dentro do envelope porta-objetos seriam eliminados.

O Ministro da Educação, Abraham Weintraub, falam sobre primeiro dia de provas do ENEM
O ministro da Educação, Abraham Weintraub, falam sobre primeiro dia de provas do ENEM – Wilson Dias/Agência Brasil

Vazamento da prova

Uma foto da prova de redação do Enem vazou hoje nas redes sociais. Segundo Weintraub, as investigações, a cargo da Polícia Federal, indicam que a foto foi tirada por um aplicador de prova.

O ministro explicou que a suspeita de que tenha sido um aplicador se deve ao fato de que aparecem na imagem três provas de pessoas que faltaram ao exame e apenas aplicadores têm acesso ao caderno de provas de candidatos faltosos. A identificação é possível devido ao código de cada prova. “Houve a tentativa de macular, de colocar em xeque o Enem, ele foi um péssimo profissional, péssima pessoa ao fazer isso, mexe com a vida de 5 milhões de pessoas”, disse o ministro.

Segundo o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Lopes, ao contrário dos participantes, que são eliminados se os celulares estiverem fora do envelope porta-objetos, os aplicadores podem portar os aparelhos.

“Porque eles entram em contato com os coordenadores para reportar problemas ou pedir orientações”, explicou Lopes. No entanto, no momento de abertura dos malotes e distribuição das provas, os aplicadores são orientados a não portarem celulares.

Segundo o ministro da Educação, apesar de a imagem ser verdadeira, o vazamento não causou prejuízo aos participantes, uma vez que a imagem foi divulgada após o início da aplicação: “O impacto foi zero”.

O ministro defendeu uma punição severa ao culpado por divulgar a imagem: “O que a gente vai tentar fazer é escangalhar ao máximo a vida dele. Eu sou a favor sempre de que pessoa que é um transgressor pague o preço da transgressão dela”, disse. “A gente vai atrás de absolutamente tudo que puder fazer para essa pessoa pagar pela má-fé dela, pela falsidade, pela traição que ela cometeu. Absolutamente tudo. Se der para ser criminal, criminal, cível, absolutamente tudo que a gente puder fazer para essa pessoa realmente se arrepender amargamente de um dia ter vindo ao mundo”, complementou.

Tema da redação

tema da redação deste ano foi Democratização do acesso ao cinema no Brasil. “Antigamente para ter acesso ao cinema, precisava de estrutura grande para produzir um filme e estrutura para ver o filme. Hoje, [a gente] vê o filme aqui”, disse levantando o celular. “Consegue fazer filme de coisa barata, isso democratizou”.

Segundo o ministro, não há uma resposta única para a redação. “O objetivo da redação é a pessoa conseguir elaborar um texto com argumentos racionais tangíveis e bem escrito. Achei muito bom o tema, gostei do tema, porque tinha várias possibilidades”, disse.

Sobre os conteúdos da prova como um todo, ele ressaltou que a orientação foi a elaboração de uma prova por meio da qual fosse possível selecionar pessoas qualificadas para entrar na faculdade: “O objetivo do Enem é selecionar as pessoas mais capacitadas. E acho que foi plenamente atendido”. Ele reafirmou que nem ele, nem o presidente do Inep tiveram acesso às provas com antecedência. “Tivemos contato com a prova hoje”.

Os participantes fizeram nesse domingo(03) as provas de redação, ciências humanas e linguagens. No dia 10, farão as provas de matemática e ciências da natureza.(Agência Brasil)

TRT-PE quer conciliar 900 processos na Semana Nacional da Conciliação a partir desta segunda-feira(04)

0

O Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-PE) irá realizar pautas extras de audiência exclusivamente para as partes que desejam negociar acordos para finalizar seus processos. A mobilização faz parte da Semana Nacional da Conciliação, mobilização que alcança todos os Tribunais Trabalhistas, Federais e Estaduais do país entre 4 e 8 de novembro, e tem iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Os advogados, trabalhadores e empregadores com processos no TRT de Pernambuco podem solicitar o agendamento de uma audiência para tentativa de acordo preenchendo formulário eletrônico no site do Tribunal (www.trt6.jus.br , no banner “Quer Conciliar?”) ou entrando em contato com um dos cinco Centros Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Cejusc) – endereços e telefones no final da matéria.

Em 2018, foram conciliadas 951 ações no evento, o que representou o pagamento de R$ 20 milhões em dívidas trabalhistas. (Ascom)

Com 20 mil sessões agendadas, TJPE inicia nesta segunda-feira(04) a 14ª Semana Nacional de Conciliação. Petrolina participa

0

 

A 14ª Semana Nacional de, promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), tem início nesta segunda-feira (04) e termina na sexta-feira (08). O evento é direcionado àquelas pessoas que pretendem resolver rapidamente e de forma pacífica processos relacionados a conflitos de família, como divórcio, guarda de menores, pensão alimentícia e partilha de bens, por exemplo, e ações de direito do consumidor. No Estado, foram pautadas cerca de 20 mil sessões de conciliação, para resolver demandas espontâneas e processuais no âmbito das unidades do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).

A abertura da Semana Nacional de Conciliação de Justiça, em Pernambuco, será realizada no Hall Monumental do Fórum Desembargador Rodolfo Aureliano, Ilha Joana Bezerra, no Recife, às 8 h, e contará com um recital de poesia e apresentação do coral do TJPE. No mesmo local, das 16h às 17h30, serão reconhecidas uniões estáveis previamente cadastradas no Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Cejusc) da Capital.

Durante o evento, além de realizar as conciliações, o Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec), órgão do Tribunal de Justiça responsável pela política pública de tratamento adequado dos conflitos de interesses, promove também palestras, workshops e Caravana da Conciliação em todo o estado dentro dos âmbitos dos processos de conciliação da semana. Outras atividades são desenvolvidas pelos Cejuscs. As Câmaras Privadas de Conciliação e Mediação (CPCMs), que funcionam nas universidades, também promoverão atividades.

Em 2018, em Pernambuco, foram formalizados mais de 4,4 mil acordos entre as partes, além da movimentação de aproximadamente 27 milhões de reais em valores homologados durante a 13ª Semana da Conciliação. Também foram realizadas atividades de cidadania, com serviços de saúde, orientação jurídica e emissão de documentos, oferecidas a mais de 4 mil pessoas atendias. Esse resultado ajudou a impulsionar o TJPE a passar da oitava para a segunda colocação entre os dez tribunais de médio porte do país em resolução de conflitos.

Com o lema “Conciliação todo dia, perto de você”, a 14ª Semana Nacional da Conciliação 2019, em Pernambuco, tem o apoio de instituições de ensino superior; Ministério Público; Defensoria Pública, Procuradorias do Estado e Município; Ordem dos Advogados; e empresas das áreas de saneamento e água, energia elétrica, telefonia, transporte, planos de saúde e bancos. Confira abaixo as ações de cidadania, palestras, cursos e atividades itinerantes que ocorrem entre os dias 4 e 8 de novembro. Para mais informações: http://www.tjpe.jus.br/web/resolucao-de-conflitos/ 

Enem 2019.Tema da redação surpreende professores

0

Enem

O tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano pegou professores de surpresa. Muitas apostas eram nas áreas da saúde, meio ambiente, educação e tecnologia. O tema escolhido é Democratização do acesso ao cinema no Brasil. A prova é aplicada neste domingo (3) junto com linguagens e ciências humanas.

O tema foi divulgado após às 13h30, no horário de Brasília, quando o exame começou a ser aplicado em todo o país. “Eu achei totalmente inesperado, totalmente fora do que a gente estava imaginando”, disse a professora de redação do Colégio Mopi, no Rio de Janeiro, Tatiana Nunes. “Não estava no rol das grandes apostas que os alunos estavam comentando, e isso pode gerar certa ansiedade, mas acho que é um tema legal e acessível ao jovem, algo do tempo dele”, complementa a professora de redação do curso online Descomplica Carol Achutti.

Para o professor de redação do ProEnem, plataforma online de preparação para o exame, Romulo Bolivar, no entanto, o tema não surpreende “quem está se preparando há algum tempo para o Enem, que tem o perfil de cobrar temas atuais, sociais, relacionados à realidade brasileira e que não são moralmente polêmicos”. O tema da redação, segundo o professor, é escolhido no primeiro semestre do ano.

“Eu acho que é um tema interessante, é bem interessante pensar essa questão cultural no Brasil, principalmente com as questões recentes que vêm acontecendo. Acho que é um tema que tem bastante coisa a ser discutida”, diz a professora do Colégio Seriös, em Brasília, Jade Nobre.

A redação do Enem deve ser do tipo dissertativo-argumentativo, com até 30 linhas, desenvolvida a partir da situação-problema proposta e de subsídios oferecidos pelos textos motivadores. Os textos motivadores ainda não foram divulgados. Redações com menos de sete linhas recebem nota zero, assim como as que reproduzem integralmente trechos dos textos motivadores e de itens do Caderno de Questões.

Um texto dissertativo-argumentativo deve ser opinativo e organizado para a defesa de um ponto de vista. A opinião do autor deve estar fundamentada com explicações e argumentos.

Na opinião dos professores, dependendo conforme o que for pedido na prova e nos textos de apoio, os estudantes podem tratar, por exemplo da expansão do cinema por canais da internet. Podem também tratar de incentivos à cultura e de fechamentos de salas de cinema.

“É bom a gente lembrar que em alguns lugares, em alguns centros urbanos do país, tem-se acesso bem fácil ao cinema, com shopping centers, promoções, acesso mais barato para idosos e estudantes. Mas, em muitas cidades, não há sequer uma sala de cinema”, destaca Bolivar.

De acordo com a Agência Nacional do Cinema (Ancine), a Região Sudeste concentra 52% de todas as salas de cinema do país. Ao todo, o Brasil tem 3.347 salas de cinema, das quais 373 são salas de rua. Os dados são do Informe Salas de Exibição 2018, que apontou naquele ano um crescimento de 3,8% do parque exibidor em relação a 2017.

Segundo Tatiana, dependendo da orientação da prova, é possível também abordar a questão da acessibilidade a pessoas com deficiência e também o incentivo ao cinema brasileiro. “Se o tema tiver falando de questão da acessibilidade, pode-se pensar na necessidade de empresas que detêm esse tipo de entretenimento darem condições para as pessoas com deficiência terem acesso aos cinemas. Também pode-se pensar na valorização do cinema brasileiro, porque nosso cinema ainda é muito visto como sendo menor [que o estrangeiro].”

A aplicação do Enem vai até as 19h, no horário de Brasília. O exame segue no próximo domingo, quando os estudantes fazem provas de matemática e ciências da natureza.

Veja os temas da redação de edições anteriores:

Enem 2009: O indivíduo frente à ética nacional

Enem 2010: O trabalho na construção da dignidade humana

Enem 2011:  Viver em rede no século XXI: Os limites entre o público e o privado

Enem 2012: O movimento imigratório para o Brasil no século XXI

Enem 2013:  Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil

Enem 2014: Publicidade infantil em questão no Brasil

Enem 2015: A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira

Enem 2016: Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil e Caminhos para combater o racismo no Brasil – Neste ano houve duas aplicações do exame.

Enem 2017: Desafios para formação educacional de surdos no Brasil

Enem 2018: Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet

Enem: imagem de prova que circula em redes sociais é real, diz Inep

0

Resultado de imagem para Enem: imagem de prova que circula em redes sociais é real, diz Inep

Resultado de imagem para Enem: imagem de prova que circula em redes sociais é real, diz Inep

Uma imagem da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 que circula nas redes sociais é real. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) confirmou a informação, em nota divulgada há pouco. Segundo a autarquia, que é responsável pelo exame, a divulgação não prejudica os participantes.

“É importante esclarecer que a divulgação, que ocorreu após o início da aplicação, não prejudicou o andamento do exame. Todos os participantes já tinham passado pelos procedimentos de segurança e estavam nos locais de prova”, diz o Inep.

Os órgãos competentes foram acionados pelo Inep para identificar a origem e o responsável pela divulgação da imagem.

Pelas regras do exame, é proibido o uso de aparelhos eletrônicos no local de aplicação do Enem, como celulares. Eles devem ser desligados e colocados dentro do envelope porta-objetos que cada candidato recebe. O uso desses objetos leva à eliminação do candidato.

Cerca de 5,1 milhões de candidatos estão inscritos no Enem. Hoje (3), eles fazem provas de redação, linguagens e ciências humanas. No próximo domingo (10), os participantes fazem provas de matemática e ciências da natureza.(Agência Brasil)

Democratização do acesso ao cinema no Brasil é tema da redação do Enem

0

Exame tem mais de 5 milhões de inscritos e ocorre em 1,7 mil cidades

Democratização do acesso ao cinema no Brasil é o tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. Hoje (3), os participantes do exame fazem, além da redação, as provas de linguagens e ciências humanas. As provas começaram a ser aplicadas às 13h30 e vão até as 19h, no horário de Brasília.

O tema foi anunciado pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub, pelo Twitter. “Esse é o tema, estou aqui em Palmas, capital do estado de Tocantins, no colégio da Polícia Militar conferindo se o Enem está indo tudo bem. Tudo 100%, zero de atraso, zero de problemas, tudo caminhando para ser o melhor Enem de todos os tempos”, disse em vídeo.

A prova de redação é a única subjetiva do exame e um bom desempenho pode ser decisivo para os candidatos. Cada redação é corrigida por duas pessoas. Elas dão notas de 0 a 200 para cada uma das cinco competências avaliadas no Enem. A nota final é a média aritmética das duas notas.

Caso haja uma diferença entre as notas de mais de 100 pontos na nota final ou de mais de 80 pontos em qualquer uma das competências, a redação passa por um terceiro avaliador.

Se a diferença entre as notas dadas se mantiver, a redação é avaliada por uma banca presencial composta por três professores, que define a nota final do participante.

As cinco competências avaliadas na redação do Enem são:

1: Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa.

2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa.

3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.(Agência Brasil)

IF  Sertão-PE prorroga inscrições para curso de Iniciação à Flauta Doce

0

Resultado de imagem para campus Petrolina Zona Rural do IF Sertão-PE

Resultado de imagem para Flauta Doce

O campus Petrolina Zona Rural do IF Sertão-PE prorrogou, até o dia 5 de novembro, as inscrições para o curso de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Músico de Banda: Iniciação à Flauta Doce. O curso tem carga horária de 40 horas.

Estão disponíveis 20 vagas. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas na Coordenação de FIC do campus, das 8h às 12h e das 13h às 17h, mediante apresentação de ficha de inscrição devidamente preenchida (disponível no Edital nº 23/2019), cópia e original de RG e CPF e cópia de comprovante de residência.

Os interessados devem ter no mínimo 15 anos e estar cursando ou ter concluído o Ensino Médio e levar sua própria flauta. As aulas acontecerão nas quartas e quintas-feiras, das 15h às 17h, no Núcleo de Arte e Cultura do campus Petrolina Zona Rural, iniciando no dia 13 de novembro.

Clique aqui para conferir a retificação nº 01 o edital nº 23/2019 completo.(Ascom)

Juazeiro-BA ganha novo cemitério SAF

0

Para honrar as celebrações deste dia de Finados (02/11), a Rede SAF anuncia que em breve inaugurará um novo cemitério na cidade de Juazeiro-BA

Na semana em que antecede as celebrações do dia de Finados, a Rede SAF deu entrada na prefeitura da cidade de Juazeiro-BA, na Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano, para a construção do novo cemitério da cidade.

Juazeiro é uma das cidades mais populosas e influentes do Estado da Bahia e há anos busca soluções em como  promover uma despedida digna aos cidadãos e colaboradores da cidade, deixando as famílias em um ambiente confortável e acolhedor.

A superlotação dos cemitérios da cidade promoveu a necessidade de se buscar alternativas, e a Rede SAF, empresa de Salgueiro-PE e que já possui dois cemitérios próprios, em sua cidade sede e em Petrolina, traz agora para Juazeiro um espaço moderno, tecnológico, acessível e em um formato inovador para a região: o cemitério vertical.  Que não agride o solo e mantém a qualidade ambiental. Uma das grandes preocupações da Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano – SEMAURB.

“Investir em mais um cemitério na região faz parte da missão da Rede SAF que tem por propósito promover às famílias que atende, uma despedida digna, humanizada e que garanta a eternização de boas memórias para familiares e amigos que perderam um ente querido. O SAF já atende milhares de clientes em Juazeiro por meio de seus planos funerários e em breve poderá entregar um serviço completo, com a instalação da nova unidade do Cemitério Memorial SAF de Juazeiro”, declara Geraldo Neto, presidente da Rede SAF.

O secretário Jadson Barros, da SEMAURB, em nome também do prefeito Paulo Bonfim, declarou ser uma grande honra para Prefeitura de Juazeiro estar presente neste anúncio da Rede SAF para toda comunidade juazeirense, de mais um Cemitério com início das obras, previsto para janeiro de 2020.(Ascom)

Começou o defeso da piracema no Rio São Francisco

0

Começou nessa sexta-feira (1º) o defeso da piracema no Rio São Francisco, época em que os peixes fazem a reprodução e desova. Até 29 de fevereiro de 2020, só é permitido pescar para o consumo. Os pescadores só podem utilizar anzóis para a pesca, mas com algumas restrições. O limite máximo é de 5 kg de espécies nativas e mais um exemplar de outras espécies por pescador. O objetivo é deixar a natureza descansar e seguir o ciclo natural.

A piracema é a época em que os peixes nadam em direção à nascente para reprodução e desova. Atinge estados como Pernambuco, Bahia e Sergipe. Aqueles, que desobedecem podem sofrer multa e pode responder por crime ambiental.

A fiscalização é feita pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Mas o que conta mesmo é a conscientização dos pescadores. “Nossos peixes já desapareram quase tudo e nós só temos três espécies, o Pacu, o Piau e o Curumatá. Então, esse é um período de defeso, um período de reprodução dos peixes, a gente tem a consciência que não pode pescar, já está difícil, se pegar os peixes que vão reproduzir, pior vai ficar no futuro, aí a gente não vai ter mesmo”, destacou o presidente da Associação de Pescadores da Ilha do Fogo, Tadeu Reis.

Nesse período do defeso, os pescadores recebem um seguro-desemprego do Governo Federal. O pagamento é de um salário-mínimo.”O que a gente conta é com ele, é essa ajuda, é pouco, mas a gente vêm solucionando as necessidades dos pescadores”.