Home Sem categoria O que é segmentação de público e como aliar à estratégia de...

O que é segmentação de público e como aliar à estratégia de monitoramento?

698
0

Saber como fazer uma boa segmentação de público é fundamental para uma estratégia de comunicação eficiente e que gere bons resultados para a empresa. No entanto, muitas lideranças e gestores das empresas ainda não sabem como esse processo pode ser desenvolvido de forma eficiente ou entendem o real valor do que também é um primeiro passo antes da execução.

Com a evolução da tecnologia e a expansão da internet, cada vez mais pessoas estão conectadas e consumindo conteúdo em diferentes plataformas. Redes sociais, sites, blogs, canais de vídeos e outras plataformas que oferecem aquilo que elas desejam consumir no momento certo.

A concorrência entre os criadores de conteúdo também é grande, o que exige mais criatividade e assertividade das pessoas e das empresas em busca da audiência. Diante desse cenário, a segmentação de público se torna uma parte fundamental de qualquer estratégia. Quer saber como implementar a segmentação de público na sua empresa? Acompanhe!

O que é segmentação de público?

O processo consiste em fracionar ou dividir seus atuais e potenciais clientes em grupos com base em suas características, comportamentos e outros aspectos que possuem em comum. O objetivo da segmentação de público na estratégia de comunicação é trabalhar as mensagens de forma mais autêntica e personalizada, aproximando as marcas das pessoas.

Segundo o estudo “The value of getting personalization right—or wrong—is multiplying“, desenvolvido pela McKinsey, 76% das pessoas afirmaram que receber comunicações personalizadas é um fator chave para levar a consideração de uma marca. A mesma pesquisa ainda mostrou que 78% das pessoas consideram que o conteúdo os tornava mais propensos a recomprar.

Esse trabalho de monitoramento, mensuração e análise antecede as iniciativas de comunicação e marketing das empresas. Ele é fundamental para o marketing, vendas, atendimento e qualquer ponto de contato com os clientes conforme esses consumidores buscam cada vez mais relações personalizadas, além de um atendimento que esteja de acordo com as suas preferências.

Por que a segmentação de público é importante para a estratégia de empresa? 

Com a segmentação de público é possível identificar entre uma quantidade imensa de potenciais clientes, isso sem falar nos atuais, quem são os que têm mais chances de fechar um negócio com a sua empresa ou receber uma determinada comunicação.

Quem tiver as características e interesses mais próximos com os benefícios oferecidos pela sua marca, terá mais chances de engajar com a campanha ou até convertê-la em uma oportunidade de negócio. Dessa forma, você não só otimiza o uso do orçamento em campanhas, como também evita impactar pessoas pouco interessadas, prejudicando a imagem da sua marca.

Outros ganhos com a segmentação de público são a agilidade e o tempo dedicados de forma mais assertiva em iniciativas de comunicação que vão trazer algum tipo de resultado. Realizado esse processo de inteligência e análise de dados, é possível:

  • fortalecer a marca no segmento de atuação;
  • evitar ruídos de comunicação;
  • transmitir mensagens e campanhas de forma clara e direcionada;
  • monitorar os canais de comunicação mais usados pelos prospects, leads e clientes.

Portanto, aprender a segmentar o público aproxima as marcas dos clientes, garantindo resultados positivos para os indicadores de satisfação do cliente.

Quais são os tipos de segmentação de público que existem?

Ao decidir implementar a segmentação de público à sua estratégia de comunicação, você sabe quais critérios utilizar? Nos tópicos que virão a seguir, nós separamos algumas referências que podem ajudar a estruturar a sua estratégia. Acompanhe:

  • Segmentação demográfica

É a segmentação por meio de critérios como faixa etária, o local onde vive, nível de escolaridade, sexo, renda familiar, entre outros. Esses dados podem ser usados para anúncios nas redes sociais como Facebook, Instagram e LinkedIn, além de campanhas específicas para as pessoas que correspondem a esse determinado público.

  • Segmentação comportamental

Esse modelo leva em conta os hábitos do cliente. Nele, são levados em consideração o nível de engajamento da marca, conversão, tempo de compra e outros critérios importantes. Ele permite saber em que etapa da jornada de compra seu consumidor está e como sua marca pode se aproximar a partir da escolha da mídia e do conteúdo certo.

  • Segmentação psicográfica

O levantamento leva em consideração as características da personalidade de cada pessoa, como os interesses e estilo de vida. Ele é um pouco mais complexo de implementar na estratégia de comunicação, pois requer uma análise de dados bastante específica. 

  • Segmentação geográfica

Como o próprio nome diz, é o formato de segmentação a partir da região onde o público mora, como a rua, o bairro, a cidade, o estado e o país. Características como o clima, hábitos e até renda parecidos, conectando também as outras segmentações nessa estratégia.

Procure sempre estudar bastante o seu público para fazer a segmentação com critérios mais específicos que tornem os pontos de contato entre marcas e pessoas autênticos e orgânicos. Quanto menos invasivo e forçado, melhor para a sua marca.

Lembre-se que a segmentação de público deve estar conectada de alguma forma com os objetivos do negócio. Essa sinergia pode fazer toda a diferença nos resultados.

Como fazer a segmentação de público?

O primeiro passo é contar com o apoio da tecnologia e da inteligência de dados em todas as etapas do processo. Sem esses dois pilares, dificilmente você conseguirá estabelecer uma análise assertiva das pessoas com quem deseja falar, permeando no campo da suposição e das referências. Para segmentar é preciso saber com quem a empresa deseja se comunicar.

Então, faça o benchmarking e avalie os seus concorrentes. Com quem eles estão falando? Depois, defina os espaços dentro do ambiente digital ou do mundo real com mais chances de concentrar potenciais clientes da sua empresa. Quais são suas referências de informação e conteúdo?

Por fim, entenda quais são os tipos e formatos de conteúdo que poderiam agradar ou interessar a essas pessoas. Apresente sua marca e ocupe esse espaço. Com o passar do tempo, ela será identificada e vinculada ao canal rapidamente.

Lembre-se que a segmentação de público é importante para impactar as pessoas certas. Porém, a conversão acontece a partir de insights criativos e que desperte aquela curiosidade no seu atual e no potencial cliente. Duas formas diferentes de falar que geram resultados complementares à sua estratégia de comunicação. E o mais importante de tudo…

Para uma segmentação ágil e eficiente, conte com apoio da tecnologia

Isso mesmo! Existem diversas soluções de mercado que fazem o processo de monitoramento, análise e levantamento com base em Inteligência Artificial e Machine Learning. Com a automação da parte burocrática, as pessoas podem se concentrar nas atividades e decisões mais estratégicas, reforçando o planejamento de comunicação para torná-lo mais assertivo.

Na Knewin, por exemplo, nós temos duas soluções complementares que atuam em sinergia para entregar a melhor segmentação aos nossos clientes. São elas:

Knewin Monitoring

Para auxiliar no estudo de notícias, mapeamento da jornada de monitoramento de marca, relatórios e obtenção de insights para novas estratégias, alertas de comunicação e muito mais. Com a nossa curadoria feita por profissionais especializados em coleta e análise de dados, sua marca pode desfrutar de todo o potencial do seu clipping de forma prática e estratégica.

Knewin Intelligence 

Para oferecer análises de dados em um painel de interface amigável e descomplicada. Com ele, é possível automatizar e personalizar a visualização dos dados que são mais importantes para a empresa de forma estratégica, apoiando na geração de insights e tomada de decisão. Em outras palavras, são dados precisos e unificados de notícias, redes sociais e outras bases externas.

Segmentação de público precisa de tecnologia e uso inteligente de dados

Depois de compartilhar o potencial da segmentação de público na sua estratégia de comunicação, é importante ressaltar que a base dessa estratégia é o levantamento ágil e assertivo de dados de qualidade e que possam ser utilizados na comunicação da sua empresa.

Em outras palavras, sem esse trabalho de inteligência, dificilmente será possível obter melhores resultados. Para dar esse primeiro passo na busca por uma segmentação de público de qualidade, conte com o apoio das soluções da Knewin. Entre em contato com nossos especialistas!

monitoring

https://www.knewin.com