Home Sem categoria IFPE anuncia abertura de seleção com 3.261 vagas em cursos técnicos e...

IFPE anuncia abertura de seleção com 3.261 vagas em cursos técnicos e superiores; veja como se inscrever

882
0

Segundo instituto, cadastramento começa na segunda-feira (23) e segue até 12 de junho, pela internet. Há atividades em 16 campi e e em oito polos de Educação a Distância.

Sede do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) fica na Zona Oeste do Recife — Foto: Pedro Alves/G1

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) anunciou, nessa sexta (20), a abertura de uma seleção com 3.261 vagas para cursos técnicos e superiores, presenciais e a distância. As inscrições começam na segunda (23) e seguem até 12 de junho, pela internet.

O edital do Processo de Ingresso 2022.2 foi divulgado nessa sexta. Todas as etapas da seleção serão realizadas pela internet. O cadastramento é gratuito. Os cursos serão ministrados em 16 campi e em oito polos de Educação a Distância (EaD).

Segundo o instituto, haverá análise do desempenho escolar do ensino fundamental ou médio ou da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), de acordo com o nível da atividade escolhida.

As vagas estão distribuídas da seguinte forma:

  • 2065 vagas para cursos técnicos na modalidade Subsequente (voltada para quem já concluiu o ensino médio)
  • 352 vagas para cursos técnicos na modalidade Integrada ao Ensino Médio (para quem já concluiu o ensino fundamental)
  • 35 vagas para a modalidade Proeja e qualificação profissional
  • 809 vagas para cursos superiores, sendo 449 no modo presencial e 360 na modalidade (Ead)
    O IFPE informou que serão reservadas 60% das vagas para estudantes que fizeram integralmente o ensino fundamental ou médio em escolas da rede pública.

Haverá, ainda, cotas para pessoas com deficiência, pretas, pardas e indígenas e nos cursos com vocação agrícola para estudantes que são do campo.

Para os candidatos que se inscreverem nos cursos técnicos nas modalidades Integrado, Proeja e Subsequente, a seleção será feita por meio da análise do desempenho escolar em língua portuguesa ou matemática.

Quem se inscrever nos cursos Subsequentes poderá optar por utilizar a pontuação obtida em linguagens, códigos e suas tecnologias e em matemática e suas tecnologias, de uma das últimas cinco edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Os candidatos às vagas nos cursos superiores deverão utilizar a nota-geral do Enem de uma das cinco últimas edições do Exame, de 2017 a 2021.

Inscrição
Durante o processo de inscrição, o candidato deve inserir a pontuação obtida nas disciplinas e anexar a documentação comprobatória das notas, média ou pontuação de acordo com a modalidade de curso escolhida.

Quem optar por utilizar o histórico escolar, certificado de conclusão ou documento equivalente deve anexar a cópia digital da frente e do verso.

O documento deverá conter o nome completo do candidato, as notas ou médias obtidas, identificação da escola e assinatura física ou eletrônica do responsável pela emissão do documento. Ou seja, da escola ou instituição de ensino.

Os candidatos também devem ficar atentos aos modelos para inserir as notas, de forma manual. Elas variam de acordo com a modalidade.

O candidato que optar por utilizar a nota do Enem para cursos Subsequentes ou superiores deverá anexar o boletim individual.

O documento precisa conter o nome completo do candidato, edição do exame (2017, 2018, 2019, 2020 ou 2021); CPF, número de inscrição e pontuações obtidas.

O boletim precisa ser digitalizado na íntegra e estar legível e sem rasuras. Quem se inscrever para os cursos Subsequentes utilizando a nota do Enem deve ainda inserir manualmente a nota obtida em linguagens, códigos e suas tecnologias e em matemática e suas tecnologias.

Quem optar por curso superior deverá inserir as notas das cinco áreas de conhecimento descritas no edital da seleção.

Resultados
A lista preliminar das inscrições será divulgada no dia 22 de junho, na internet. Os candidatos que tiverem problema no cadastramento poderão retificar os dados e anexar nova documentação. O prazo para retificação será de 27 a 28 de junho. A lista final de inscrições será publicada no dia 4 de julho.

Além da lista final das inscrições, no dia 4 de julhoserá divulgado o resultado preliminar do processo de ingresso. As pessoas que tiverem interesse podem apresentar recursos no dia 5 de julho.

A previsão é que o resultado final do processo seja divulgado no dia 8 de julho, após a análise dos recursos ao resultado preliminar.

No mesmo dia, serão publicadas a relação dos candidatos classificados e a convocação para heteroidentificação e aferição da condição de indígena.

Os candidatos que concorrem às vagas reservadas para pessoas autodeclaradas pretas, pardas ou indígenas serão convocadas para o procedimento de heteroidentificação complementar e de aferição da condição de indígena, no dia 8 de julho.

Os procedimentos terão início no dia 11 de julho e serão realizados presencialmente no campus ou no polo para o qual o candidato concorre.(Ascom)

Previous articleSESI-PE oferece 500 vagas gratuitas para Educação de Jovens e Adultos. Tem vagas para Petrolina
Next articleApós dois anos, público lota pátio de eventos do José e Maria na abertura do São João dos Bairros