Home Sem categoria Espaço Arte, Ciência e Cultura (EACC) da UNIVASF inicia atendimentos a escolas...

Espaço Arte, Ciência e Cultura (EACC) da UNIVASF inicia atendimentos a escolas no novo prédio na Orla de Petrolina

1128
0

Iniciada em 2011, obra do museu Espaço de Arte, Ciências e Cultura da Univasf continua inacabada | Petrolina e Região | G1

Estudantes são recepcionados pelos educadores do EACC.

Uma turma de estudantes do 9º ano da Escola Poeta José Raulino Sampaio foi a primeira a participar das atividades do Espaço Arte, Ciência e Cultura (EACC), da Universidade Federal do Vale do São Francisco, na sua nova sede, localizada na orla de Petrolina (PE). A visita aconteceu na manhã da terça-feira (16), com a presença do reitor da Univasf, Telio Nobre Leite, e do diretor do EACC, Marco Aurélio Gallo de França, que deram as boas-vindas ao grupo de visitantes.

Também estiveram presentes à abertura desse primeiro atendimento na nova sede do EACC a pró-reitora de Extensão, Michelle Vieira; a diretora de Arte, Cultura e Ações Comunitárias, Flora Romanelli Assumpção; o coordenador do Núcleo de Ecologia e Monitoramento Ambiental (Nema), Renato Garcia; o coordenador do Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna), Luiz César Pereira; conselheiros do EACC; servidores; educadores científicos e funcionários terceirizados.

O prédio, cuja construção teve início em 2011, tem três pavimentos, mas neste primeiro momento as atividades do EACC serão desenvolvidas no térreo, que conta com sala expositiva, sala de oficinas científicas com capacidade para 25 alunos e sala administrativa, além do Bosque da Caatinga com diversas espécies nativas do bioma e trilha ecológica à beira do rio São Francisco. No início desse ano, houve o processo de mudança e a preparação do espaço para receber as escolas na nova sede.

A abertura do EACC na casa nova também trouxe novidades, de acordo com o professor Marco França. A exposição “Micro ao Macro” foi reformulada e apresenta desde átomos, células e outras estruturas microscópicas até planetas, estrelas, galáxias e buracos negros, formas gigantes do universo. Além disso, foram criadas 15 novas instalações interativas, com as quais os visitantes podem interagir e aprender mais sobre diversos conceitos de Física, Matemática e Biologia. O acervo também tem outras exposições, a exemplo da “Faces da Evolução”, que trata da evolução das espécies.

“É uma grande satisfação iniciar as atividades do nosso museu de ciência na nova sede. O uso do prédio ainda é parcial, mas as possibilidades de atividades se ampliaram muito”, afirmou o diretor. França destaca ainda que a nova localização irá facilitar a visitação das escolas, o que contribuirá para melhorar a popularização científica na região e aproximar mais o EACC da comunidade em geral.

E foi com olhos e ouvidos bem atentos que os estudantes da Escola Poeta José Raulino Sampaio acompanharam todas as explicações dos educadores científicos do EACC. Os visitantes participaram de uma oficina de Processos Físicos e Químicos, na qual fizeram experimentos e aprenderam sobre reações exotérmicas e endotérmicas. Também viram as exposições e participaram das atividades propostas pelas instalações interativas.

Esta não foi a primeira visita da Escola Poeta José Raulino Sampaio ao EACC. A professora de Ciências Talita Braga já acompanhou outras turmas em visitas ao EACC, realizadas no Espaço Plural, onde eram feitos os atendimentos às escolas até o ano passado. “É muito gratificante estar aqui hoje no novo prédio”, afirmou a professora. Segundo ela, as atividades educativas realizadas pelo EACC são importantes para os estudantes, que têm a oportunidade de ver na prática os conhecimentos teóricos estudados na sala de aula.

O reitor Telio Leite destacou a importância do momento para a Univasf e a região. “Esse é um momento histórico, pois abrimos as portas para receber a primeira escola na sede definitiva do EACC, após mais de uma década de luta para dar início às atividades nesse novo espaço, que muito irá contribuir para a população do Vale do São Francisco”, afirmou. Ele ressaltou que o prédio ainda não está funcionando em sua plenitude, pois haverá melhorias em sua infraestrutura, como a instalação da escada central e dos aparelhos de ar-condicionado e a recuperação da cobertura, para correção de infiltrações.

 Telio Leite lembrou que esse ano a Univasf completará 20 anos de atividades acadêmicas no mês de outubro e o EACC é um dos grandes presentes para a Instituição e a região “Vamos continuar trabalhando ainda mais para entregar o prédio em sua totalidade, ampliando as possibilidades de realização de exposições e atividades de arte e ciência nesse espaço. Nosso desejo é receber muitos visitantes na nova sede e que esse espaço seja incorporado à cultura educacional da nossa região”, concluiu o reitor.

Entre as novidades, destacam-se as novas instalações interativas.

Vinculado à Pró-Reitoria de Extensão (Proex), o EACC é um museu interativo de ciência, que tem o propósito de difundir e popularizar arte e ciência no Vale do São Francisco por meio de atividades lúdicas. As atividades do EACC funcionaram no Espaço Plural da Univasf, no bairro Malhada da Areia, em Juazeiro (BA), até o ano passado. Desde sua reabertura, em 2015, realizou mais de 600 atendimentos a escolas de 16 municípios da região. Somente no ano passado, cerca de 5,5 mil pessoas passaram pelo EACC. Além dos atendimentos na Univasf, o EACC também leva as atividades para as unidades escolares no projeto “EACC vai à Escola” e promove atividades diversas, como observação do céu e oficinas de astronomia, entre outras.

O horário de atendimento às escolas é de terça a sexta-feira, das 9h às 12h. As visitas devem ser agendadas com antecedência. Mais informações sobre as atividades do EACC estão disponíveis no site e no Instagram. (Ascom)