Home Sem categoria Cuidado! Sintomas da Ômicron podem ser confundidos com intoxicação alimentar

Cuidado! Sintomas da Ômicron podem ser confundidos com intoxicação alimentar

601
0

A maioria das pessoas infectadas pela variante Ômicron do novo coronavírus SARS-CoV-2, causador da Covid-19, apresentam sintomas semelhantes aos de uma gripe comum.

Estes sintomas da Ômicron podem ser confundidos com intoxicação alimentar

Contudo, os especialistas alertam que há um sinal pouco conhecido do vírus que pode fazer com que a pessoa sinta que está tendo uma intoxicação alimentar, reporta um artigo publicado no jornal The Sun.

As autoridades afirmam que a infecção pode levar ao aparecimento de sintomas que diferem de problemas respiratórios.

Segundo o Serviço Nacional de Saúde Britânico (NHS), os três principais sintomas de coronavírus são uma tosse persistente nova, temperatura elevada, ou a perda de paladar e olfato – fenômeno que também é conhecido como anosmia.

Dados anteriores, revelaram que os três sinais mais comuns da Ômicron que assolam os britânicos são tosse, fadiga e dor de cabeça.

Estes variam dos três principais sintomas de coronavírus estabelecidos pelo NHS que não mudaram desde que o começo da pandemia da Covid-19 em março de 2020.

O médico norte-americano Bill Admire disse que a maioria das pessoas que contraíram a variante Delta sofreram de alguma forma de problema respiratório – com condições respiratórias superiores sendo o fator chave.

“Mas com a Ômicron, predominam pacientes com problemas gastrointestinais, ao mesmo tempo que também têm sintomas”, mencionou.

Em entrevista à WPMI-TV, disse que há vários sintomas que podem surgir associados à variante.

Admire indicou que náuseas, dor abdominal, vômitos, perda de apetite e diarreia podem ser sinais de Covid.

Por outro lado, o Office for National Statistics (ONS) afirma que os sintomas menos comuns relatados têm sido consistentemente dor abdominal, diarreia e náuseas ou vômitos.

Especialistas, no entanto, dizem que, embora náuseas ou vômitos não sejam sinais chave do vírus, podem manifestar-se juntamente com outros sintomas.

Estudos têm demonstrado que pessoas que têm Covid-19 podem, por vezes, experienciar sintomas gastrointestinais.

Numa pesquisa publicada no Journal of Microbiology, Immunology and Infection, especialistas descobriram que náuseas e vômitos eram dois dos sintomas mais comuns em doentes com outros sintomas de Covid, como dor de garganta ou anosmia.

A razão pela qual as pessoas adoecem, sugerem os investigadores, deve-se à resposta inflamatória do corpo à infecção pelo coronavírus.

Os dados da ONS também determinaram que os sintomas mais relatados diminuíram em dezembro de 2021 em comparação com novembro de 2021, e a porcentagem de pessoas que relataram dor de garganta aumentou no mesmo mês.

POR NOTÍCIAS AO MINUTO BRASIL

Previous articlePrefeitura de Juazeiro informa. Hoje, 31, ultimo dia para a adesão ao ´Programa de Parcelamento Incentivado`
Next articleBrasil se aproxima da marca de 150 milhões com vacinação completa contra a covid