Home Sem categoria Acompanhe o ´Boletim da Covid-19` dessa quinta-feira (01/07) em Pernambuco

Acompanhe o ´Boletim da Covid-19` dessa quinta-feira (01/07) em Pernambuco

215
0

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta quinta-feira (1º/07), 1.997 casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 58 (3%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 1.939 (97%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza 552.289 casos confirmados da doença, sendo 49.642 graves e 502.647 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Além disso, o boletim registra um total de 467.422 pacientes recuperados da doença. Destes, 28.205 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 439.217 eram casos leves.

Também foram confirmados laboratorialmente 35 novos óbitos (24 masculinos e 11 femininos), ocorridos entre os dias 27/03/2021 e 30/06/2021. 

Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 30.344 casos foram confirmados e 53.337 descartados. As testagens entre os trabalhadores do setor abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada. O Governo de Pernambuco foi o primeiro do país a criar um protocolo para testar e afastar os profissionais da área da saúde com sintomas gripais.

CIRURGIAS ELETIVAS – Pernambuco autorizou, a partir desta quinta-feira (01/07), a retomada da realização de cirurgias e procedimentos eletivos – aqueles que podem ser adiados e/ou reprogramados sem prejuízo à saúde do paciente – e que demandem qualquer tipo de anestesia e internação hospitalar nas unidades de saúde da rede assistencial, pública ou privada. A autorização, publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), amplia a última portaria divulgada no dia 18/06, que permitia apenas os procedimentos com anestesia local onde o paciente, a princípio, não necessitaria de intubação e internação hospitalar.

No entanto, a realização dos procedimentos eletivos fica condicionada à disponibilidade de leitos, insumos e medicamentos do chamado kit intubação na unidade onde será realizado a cirurgia. Dessa forma, as unidades devem estabelecer medidas de gestão que possibilitem a organização dos fluxos e garantam a retomada dos serviços assistenciais eletivos de forma gradativa, com cronograma estabelecido adequado ao contexto e a especificidade de cada unidade.

Nas unidades que precisarem manter medidas restritivas devido aos atendimentos relacionados à Covid-19, os servidores públicos poderão ser mantidos em outras atividades no âmbito da assistência hospitalar ou teletrabalho.

BALANÇO DA VACINAÇÃO – Pernambuco já aplicou 4.229.323 doses de vacinas contra a Covid-19 na sua população, desde o início da campanha de imunização no Estado. Desse total, 1.130.267 pernambucanos completaram seus esquemas vacinais, sendo 1.078.714 pessoas que foram vacinadas com imunizantes aplicados em duas doses e outros 51.553 pernambucanos que foram contemplados com vacina aplicada em dose única.

Em relação às primeiras doses, foram 3.099.056 aplicações. Ao todo, foram feitas a primeira dose em 306.636 trabalhadores de saúde; 26.073 povos indígenas aldeados; 43.367 em comunidades quilombolas; 7.700 idosos em Instituições de Longa Permanência; 666.423 idosos de 60 a 69 anos; 602.957 idosos de 70 e mais; 1.554 pessoas com deficiência institucionalizadas; 389.242 pessoas com comorbidades; 29.449 pessoas com deficiência permanente; 55.656 gestantes e puérperas; 301.071 trabalhadores de serviços essenciais; 1.011 pessoas em situação de rua; 8.090 pessoas privadas de liberdade, além de 659.827 pessoas de 18 a 59 anos.

Em relação às segundas doses, já foram beneficiados 220.825 trabalhadores de saúde; 25.702 povos indígenas aldeados; 14.279 em comunidades quilombolas; 5.783 idosos institucionalizados; 308.845 idosos de 60 a 69 anos; 494.889 idosos de 70 e mais; 1.181 pessoas com deficiência institucionalizadas; 1.739 pessoas com comorbidades; 5.471 trabalhadores de serviços essenciais; totalizando 1.078.714 pernambucanos.

Em relação à dose única, foram beneficiadas 905 idosos de 60 a 69 anos; 128 idosos de 70 anos e mais; 496 pessoas com comorbidades; 68 pessoas com deficiência permanente; 6.411 trabalhadores de serviços essenciais; 56 pessoas em situação de rua, além de 43.489 pessoas de 18 a 59 anos.(Ascom)

Previous articleGovernador Paulo Câmara prorroga estado de calamidade pública em PE até setembro
Next articleCovid-19: idosos faltosos ainda podem ser imunizados com a primeira dose da vacina em Petrolina