Home Sem categoria UPE divulga concorrência geral do processo seletivo das suas quatro escolas de...

UPE divulga concorrência geral do processo seletivo das suas quatro escolas de aplicação. Acompanhe as vagas para Petrolina

1270
0

Candidatos farão as provas do processo seletivo no dia 15 de novembro. Na disputa estão 388 vagas para o 6º ano do ensino fundamental e o 1º ano do ensino médio

Escolas de Aplicação da UPE abrem inscrições para o processo seletivo 2021

As vagas das quatro escolas de Aplicação mantidades pela Universidade de Pernambuco (UPE) serão disputadas por 4.269 candidatos. Esse é o total de inscritos. As provas estão marcadas para 15 de novembro.

Para o ano letivo de 2023 serão oferecidas 388 vagas, das quais 258 vagas para turmas do 6º ano do ensino fundamental e 130 para o 1º ano do ensino médio. Desse total, metade é reservada para candidatos egressos da rede pública.

Segundo a comissão organizadora do processo seletivo, as 258 vagas do 6º ano são pleiteadas por 2.668 estudantes. Significa que a concorrência geral é de 10,3 candidatos por vaga.

Para as 130 vagas do 1º ano do ensino médio há 1.601 inscritos. A disputa, nesse caso, é de 12,3 candidatos por vaga.

A previsão do presidente da comissão de seleção e pró-reitor de graduação da UPE, Ernani Martins, é divulgar a concorrência por série e escola até o próximo dia 17 de outubro.

QUALIDADE DAS ESCOLAS

As escolas de Aplicação da UPE, assim como a da UFPE, se destacam nas avaliações de qualidade realizadas pelo governo federal (Ideb) e pelo Estado (Idepe). As unidades funcionam dentro de prédios que integram os diversos câmpus da UPE.

A Escola de Aplicação do Recife, que fica dentro da Faculdade de Ciências da Administração de Pernambuco (FCAP), na Madalena, obteve o maior Ideb em Pernambuco, no ensino médio, entre as unidades públicas em 2021. Com média 7,6, ocupa também o primeiro lugar no ranking das escolas públicas de ensino médio de todo o Brasil.

Na classificação dos anos finais do ensino fundamental, a mesma Escola do Recife figura com a maior nota, 7,9. A segunda colocação é da Escola de Aplicação Professora Ivonita Alves Guerra, em Garanhuns, também ligada à UPE, com nota 7,8.

“São escolas públicas, portanto gratuitas, e de muita qualidade. Os alunos têm a possibilidade de estudar em espaços agregados à universidade, o que permite vivências acadêmicas diferenciadas”, destaca Ernani Martins. Os colégios de aplicação servem também como campo de práticas pedagógicas para os universitários que cursam licenciaturas na UPE.

COTAS
Para as vagas do 6º ano, a cota é destinada a quem estudou os anos iniciais do ensino fundamental (do 1º ao 5º ano) em escola pública brasileira (municipal, estadual ou federal).

Para os concorrentes do 1º ano do ensino médio, as cotas são para alunos que cursaram as séries finais do ensino fundamental (do 6º ao 9º ano, pelo menos) em escola pública brasileira (municipal, estadual ou federal).

DIVISÃO DAS VAGAS
Veja a distribuição das vagas por escola:

Escola de Aplicação do Recife

  • 6º ano (ensino fundamental) – 34 vagas
  • 1º ano (ensino médio) – 10 vagas

Escola de Aplicação Professor Chaves – Nazaré da Mata

  • 6º ano (ensino fundamental) – 72 vagas
  • 1º ano (ensino médio) – 56 vagas

Escola de Aplicação Professora Ivonita Alves Guerra – Garanhuns
6º ano (ensino fundamental) – 80 vagas
1º ano (ensino médio) – 4 vagas

Escola Estadual de Aplicação Professora Vande de Souza Ferreira – Petrolina
6º ano (ensino fundamental) – 72 vagas
1º ano (ensino médio) – 60 vagas

Previous articleOutubro Rosa! OAB Petrolina lança cartilha informativa sobre direitos das pessoas com câncer de mama
Next articleMicroempreendedores de Petrolina já captaram mais de R$ 255 milhões no BNB em 2022