Chegou ao fim na madrugada deste domingo, 1º de setembro, a programação dos 15 anos da ‘Aldeia do Velho Chico’ – Festival de Artes do Vale do São Francisco, realizado pelo Sesc Petrolina. Depois de 16 dias de muita efervescência cultural, o projeto se despede das cidades de Petrolina, Juazeiro (BA) e Lagoa Grande (PE) deixando no público da região um clima de saudade. A 15ª edição da Aldeia do Velho Chico contou com a parceria da Prefeitura de Petrolina.

Como acontece todos os anos, o tradicional ‘Virarte’ encerou o festival com mais de 10 horas ininterruptas de atividades culturais. A programação contou com espetáculos de dança, teatro, mercado cultural e shows musicais de artistas da região e atrações conhecidas no cenário nacional, como a baiana Larissa Luz que apresentou ao público da região seu novo trabalho, o show ‘Trovão’. Além dela, quem subiu ao palco montado em frente ao Sesc Petrolina foi o cantor e compositor pernambucano, Almério. O artista é ganhador da 29ª do Prêmio da Música Brasileira (PMB), na categoria ‘Cantor Revelação’.

Para o secretário executivo de Cultura, Cássio Lucena, apoiar um dos maiores eventos culturais da região reforça o compromisso da Prefeitura de Petrolina. “Nós que formamos a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, através da Secretaria Executiva de Cultura, nos sentimos bastante orgulhosos de ser parceiros de um dos festivais mais importantes do país, diga-se de passagem. A edição 2019 da Aldeia do Velho Chico terminou com toda luz e ousadia, jorrando arte pelos quatro cantos da cidade. Foi lindo demais de ver. Esperamos repetir essa parceria no próximo ano”, ressalta.(Ascom)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui