Home Sem categoria Profissionais de enfermagem realizam protesto por reajuste salarial em Juazeiro e Petrolina

Profissionais de enfermagem realizam protesto por reajuste salarial em Juazeiro e Petrolina

454
0

NesSa sexta-feira (9), profissionais de enfermagem, realizaram um protesto em Juazeiro e Petrolina. Os trabalhadores se concentraram na praça Dom Malan, no centro e partiram em direção à Ponte Presidente Dutra, que dá acesso à cidade de Juazeiro, Bahia.

Os enfermeiros e técnicos em enfermagem reivindicam a aprovação do salário-base de R$ 4.750. De acordo com o Assessor do Sindicato de Enfermeiros de Pernambuco, Bruno de Melo, os planos de saúde tiveram aumento no lucro e não reajustaram o salário para a categoria.

“O valor inicial do piso era 7 mil, o salário dos enfermeiros, então, fruto de um acordo para que o piso fosse aprovado, esse valor foi reduzido para 4.750 e aprovado pelas duas casas do congresso e infelizmente o ministro Barroso está cedendo à pressão dos empresários que querem manter seus lucros, como têm mantido e aumentado seus lucros. Os planos de saúde aumentaram em 50% seus lucros e não querem dividir esses lucros com os profissionais da enfermagem”, ressaltou.

A nova faixa de remuneração havia sido aprovada pelo congresso e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro, mas a lei de reajuste nº 14.434/2022 foi suspensa pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, no último domingo (4). Ele apontou risco ao sistema de saúde, após entidades do setor indicarem possibilidade de demissão em massa e de sobrecarga na rede. A decisão vale até que governos informem impacto da lei.(TV Grande Rio – Petrolina)

Previous articleDatafolha: Lula tem 45% das intenções de voto e Bolsonaro, 34%
Next articleCuidado! Setembro Vermelho alerta para cuidados com as doenças cardiovasculares