Dos casos confirmados nesta quinta, 169 (15%) são considerados graves e se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 962 (85%) são casos leves

Pernambuco confirmou, nesta quinta-feira (16), mais 1.131 casos do novo coronavírus nas últimas 24 horas. De acordo com boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), também foram confirmados 64 óbitos (sendo 27 do sexo feminino e 37 do sexo masculino), que ocorreram desde o dia 24 de abril. Com os novos números, o Estado agora totaliza 76.091 casos de pessoas infectadas pela covid-19, desde o início da pandemia, com 5.836 pacientes que não resistiram à doença.

Dos casos confirmados nesta quinta, 169 (15%) são considerados graves e se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 962 (85%) são casos leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar e que estavam na fase final da doença ou já curados. Já com com relação ao total de casos, 21.653 foram diagnosticados como graves e 54.438 leves.

Óbitos

Do total de mortes, 46 (72%) ocorreram de 24 de abril a 12 de julho, enquanto as outras 18 (28%) aconteceram nos últimos três dias.

  • Faixas etárias dos óbitos

40 a 49 anos (7);
50 a 59 anos (10);
60 a 69 anos (15);
70 a 79 anos (15);
80 anos ou mais (17).

  • Distribuição de óbitos por municípios
    Abreu e Lima (1);
    Agrestina (1);
    Água Preta (1);
    Bom Jardim (2);
    Cabo de Santo Agostinho (3);
    Camaragibe (1);
    Carpina (1);
    Caruaru (2);
    Cedro (1);
    Chã de Alegria (1);
    Chã Grande (1);
    Jaboatão dos Guararapes (2);
    Moreno (1);
    Olinda (9);
    Paulista (1);
    Petrolina(2);
    Recife (27);
    Ribeirão (1);
    São Bento do Una (1);
    São Caitano (1);
    São José da Coroa Grande (1);
    São Lourenço (1);
    Tabira (1);
    Tamandaré (1).
    Comorbidades

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, dos 64 pacientes que vieram a óbito, 34 apresentavam comorbidades confirmadas.

Diabetes (20);
Doença cardiovascular (19);
Hipertensão (9);
AVC (4);
Doença respiratória (3);
Obesidade (3);
Câncer (2);
Doença neurológica (2);
Doença renal (2);
Imunossupressão (2);
Doença hematológica (1);
Doença hepática (1);
Tabagismo (1).

Dois não tinham comorbidades e os demais estão em investigação.(JC)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui