Home Blog Page 205

Faculdade Senac oferta 550 vagas em bolsas de graduação em Pernambuco

0

Descontos permitem que estudantes realizem o sonho de um curso superior

Ter acesso ao Ensino Superior é um privilégio para poucos no Brasil. De acordo com o Censo da Educação Superior 2019, realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e divulgado pelo Ministério da Educação no final do ano passado, a maioria dos mais de 6,5 milhões de estudantes da modalidade estudam em instituições privadas. Por trás dos números, residem histórias de vida e realização, como a da estudante Emanuele Santos Gomes, que termina o curso de Design de Moda da Faculdade Senac em Caruaru este ano.

Técnica de enfermagem do hospital de Campanha Mestre Vitalino, em Caruaru, ela trabalha de plantão 12h x 36h e dá duro para realizar o sonho de atuar na área de moda. “Eu tinha uns 10 anos quando comecei a rabiscar os croquis. Escutei muito que moda não era curso para pobre. A dificuldade era muito grande. Fiz Enfermagem para ter dinheiro para fazer meu curso, comecei a trabalhar e juntar um dinheirinho” lembra a estudante que morou no Sertão de Alagoas com os avós e, apesar do apoio deles, ouviu muitos nãos. Veio para Caruaru para estudar o que sempre sonhou.

Hoje, Emanuele já tem um negócio e a faculdade está sendo fundamental para ajudá-la no seu desenvolvimento. Ela produz adereços em crochê e vende no Instagram no perfil @manuzita_moda. Conta com duas pessoas ajudando na produção, fazendo novilhos e colocando viés. Para ela, ninguém deve desistir do seu sonho. “Já passei por muitas coisas. Quem me conhece um pouco sabe que eu tenho vergonha de falar de mim, mas quero servir de inspiração e dizer para as pessoas não desistirem de seus sonhos, que é possível. Mesmo que seja um pouco demorado, não desista”, aconselhou.

Bolsas para graduação – O Censo da Educação Superior 2019, do Inep, apontou que quase metade dos alunos matriculados na rede privada (45,6%) conta com algum tipo de financiamento ou bolsa. Atenta a esse cenário e ao momento econômico, a Faculdade Senac Pernambuco (FacSenacPE) está com inscrições para 550 bolsas de estudo para graduações no Recife, Caruaru e Petrolina, na modalidade de Iniciação e Carreira Profissional. É um sistema de descontos decrescentes, que começam com 50% no início da graduação e chegam a 10% ao final dos estudos, decrescendo por semestre ou por ano, a depender do curso. As inscrições no processo seletivo terminam no dia 10 de março.

Para ter acesso ao benefício, os candidatos devem verificar o edital do Programa de Bolsas e se inscrever. Também é preciso se inscrever no processo seletivo 2021.1 da Faculdade Senac e ser aprovado. As inscrições, tanto para o Programa de Bolsas quanto para o processo seletivo, estão disponíveis no site da instituição www.facsenacpe.com.br.

Entre os critérios para inscrição estão ser egresso dos cursos do Senac, ser trabalhador empregado ou desempregado do comércio de Bens, Serviços e Turismo de Pernambuco, aluno em formação ou egresso da FacSenacPE e público em geral que comprove atuação ou aderência profissional nas programações elegíveis no edital. Há bolsas para oito cursos na unidade de Recife e quatro, em Petrolina. Em Caruaru, os cursos com disponibilidade para descontos são Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Comercial, Gastronomia e Design de Moda.

Serviço: Faculdade Senac Pernambuco | Bolsas de estudo de 50% para graduação

Descontos valem do início do curso ao final dos estudos

  • Recife: Administração, Design de Moda, Design de Interiores, Estética e Cosmética, Gastronomia, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Comercial e Marketing
  • Caruaru: Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Design de Moda, Gastronomia, Gestão de Recursos Humanos e Gestão Comercial
  • Petrolina: Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gastronomia, Gestão de Recursos Humanos e Gestão Comercial.

Inscrições:

  • – Online, no site www.facsenacpe.com.br;
  • – Edital completo disponível no site da instituição.

Formas de ingresso e submissão às bolsas:

  • – Vestibular gratuito online;
  • – Notas do Enem de 2014 a 2019;
  • – Portador de Diploma;
  • – Transferência externa;

Mais informações:

0800 081 1688 (Recife)

(81) 3727.8259/8260 (Caruaru)

(87) 3983.7602/7603/7604 (Petrolina)

Juazeiro registra um óbito e 76 novos casos da Covid-19 nesta terça-feira

0

Juazeiro registrou 76 novos casos da Covid-19 é um óbito nas últimas 24 horas. A informação está no boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde desta terça-feira (2).

O informativo mostra que 9.444 moradores foram infectados desde o início da pandemia na cidade, dos quais 7.225 já estão recuperados. Os casos descartados somam 19.307. São 2.052 casos ativos do novo coronavírus.

O óbito registrado no boletim desta terça-feira e de uma pessoa de 84 anos. Aconteceu no Hospital Universitário (HU) de Petrolina. Com isso, o total é de 167 registros.

Foram realizados desde o início da pandemia 26.385 testes rápidos pela prefeitura e 1.346 pelo Lacen, em Salvador.

Ocupação de leitos

Dos internados regulados somente pela rede municipal, houve alteração nas últimas 24 horas. Na rede hospitalar, o percentual de ocupação dos leitos de UTI para Juazeiro na rede PEBA (hospitais de Pernambuco e Bahia) é de 84%, com 21 leitos disponíveis. Somente em Juazeiro, 96% dos leitos para pacientes com covid-19 estão ocupados. A rede municipal tem 1 leito de UTI disponível.

Imunização

Das 8.823 doses de vacina contra o coronavírus  recebidas pela Prefeitura de Juazeiro, 5.997 já foram aplicadas. Isso representa 73,49% do total de doses. A Secretaria de Saúde começou a vacinar, de forma escalonada, idosos acima de 80 anos. Nesta quarta-feira estaremos vacinando idosos de 82 anos.

União Brasileira de Mulheres em Juazeiro divulga programação do Março Mulheres

0

A União Brasileira de Mulheres (UBM) em Juazeiro, ‘Rebeca Serravalle’ divulgou a programação do Março Mulheres, mês dedicado à luta por direitos iguais na sociedade.

O calendário de atividades está dentro da programação do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher de Juazeiro (CMDDM) e conta com lives com os temas: “Atuação do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher de Juazeiro (CMDDM)”, ” Importância da vacina contra a Covid-19″, “Atuação da Pastoral da Mulher durante a pandemia do novo coronavírus” e ” Violência contra as mulheres durante a pandemia e as estratégias de atuação”.

Além da programação virtual, a UBM realizará uma ação de conscientização, com faixas e distribuição de material gráfico em semáforos da cidade no dia 8 de março.

De acordo com a Dirigente Estadual da UBM, Maria Quitéria, a programação visa cumprir papel de levar informação e divulgar o nome da organização.

“A UBM é uma organização com um trabalho dedicado às Políticas Públicas de mulheres e não poderia deixar de realizar o calendário do Março Mulheres, já que é o mês dedicado à mulher. É importante nesse momento que estamos vivendo a realização de uma programação de informação para as mulheres usando as ferramentas possíveis nesse momento de distanciamento. Com nossa programação buscamos informar as mulheres da importância da sociedade civil organizada na conquista dos nossos direitos.”, ressaltou.

Confira a programação completa:

Lives 01/03 às 19h Tema: Balanço sobre a atuação do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher de Juazeiro (CMDDM) Mediadora: Maria Quitéria (representante estadual da União Brasileira de Mulheres – UBM no CMDDM) conversa com Maria de Lourdes Deodato (Presidenta do CMDDM)

09/03 às 19h Tema: Importância da vacina contra a Covid-19 Mediadora: Maria José Alves (secretária de organização da UBM e conselheira da mulher) conversa com Dr. Pedro Alcântara (médico)

15/03 às 19h Tema: Atuação da Pastoral durante a pandemia do novo coronavírus Mediadora: Maria Quitéria (representante estadual da UBM) conversa com Fernanda Lins (representante da Pastoral da mulher)

21/03 às 19h Tema: Violência contra as mulheres durante a pandemia e as estratégias de atuação Mediadora: Maria Quitéria (representante estadual da UBM) conversa com Dra. Roseineide Mota (Delegada Adjunta da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher – DEAM)

29/03 às 19h Tema: Importância dos movimentos sociais de mulheres Mediadora: Bruna Barbosa (Presidenta da UBM Juazeiro)

8 de março Dia D – Ação com faixas e distribuição de material gráfico em semáforos da cidade.

Ascom UMB

Petrobras anuncia novo reajuste: 5% na gasolina e 5% no diesel

0

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (1º/03/2021) novo reajuste de preços dos combustíveis. A gasolina sofrerá uma alta de R$ 0,1240 nas refinarias, o que equivale a 5%. Já o diesel teve acréscimo de R$ 0,1294, ou 5%.

Gasolina – era de R$ 2,48. Foi para R$ 2,60.
Diesel – era de R$ 2,58. Foi para R$ 2,71.

Hoje a Petrobras considera o preços internacionais e a cotação do dólar, entre outros itens. O governo federal gostaria que a Petrobras considerasse uma espécie de média móvel desses indicadores ao longo de um período mais longo, de 10 ou 12 meses, e que desse mais previsibilidade aos aumentos dos combustíveis. Castello Branco se negou a fazer esse ajuste e não teve seu mandato renovado. Deve ser substituído no final deste mês pelo general Joaquim Silva e Luna. Até lá, novos reajustes podem ser adotados.

Bolsonaro ficou irritado com as decisões de Castello Branco e anunciou que zeraria por 2 meses todos os impostos federais que incidem sobre o óleo diese a partir de hoje (1º.mar). Ocorre que com os aumentos aplicados pela Petrobras, o efeito de menos impostos pode ser neutralizado pelos reajustes.

A preocupação do Palácio do Planalto é que os aumentos no diesel acabe precipitando um movimento de paralisação de caminhoneiros. Essa eventual greve tem sido sempre anunciada, por causa dos reajustes nos preços dos combustíveis.

Governador Paulo Câmara negocia compra da vacina Sputnik V

0

Lobby pró-Sputnik trava, e União Química enfrenta resistência a uso  emergencial e produção de vacina - Folha PE

O governador Paulo Câmara se reúne, na terça-feira (2), em Brasília, com a diretoria da farmacêutica União Química, produtora no Brasil da vacina Sputnik V, para negociar a aquisição direta do imunizante russo. A iniciativa é uma ação conjunta do Fórum de Governadores do Brasil.

O laboratório União Química protocolou na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) o pedido para uso emergencial no Brasil de 10 milhões de doses da vacina Sputnik V. A empresa também informou que o imunizante será produzido no Brasil nas fábricas de Brasília e Guarulhos. A vacina tem origem russa e apresentou eficácia acima de 90% contra o novo coronavírus na última etapa de testes, segundo a Rússia.

Na última terça-feira (23), o Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou Estados e municípios a adquirir vacinas contra o novo coronavírus, mesmo sem a certificação da Anvisa, no caso de as doses previstas no Plano Nacional de Imunização (PNI) serem consideradas insuficientes.

NOVOS LEITOS – O Governo de Pernambuco ativou, neste final de semana, mais 20 leitos de UTI para reforçar a rede estadual de combate à Covid-19. As novas vagas foram abertas no Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa, localizado no bairro da Estância, Zona Oeste do Recife. Com isso, a unidade soma 30 vagas para receber pacientes com sintomas ou diagnóstico do novo coronavírus. Além disso, outras 10 vagas de terapia intensiva devem ser disponibilizadas à população nos próximos dias.

A expectativa é ofertar até 80 leitos para a Central de Regulação do Estado nas próximas semanas. “Neste domingo tivemos mais uma reunião importante no Gabinete de Enfrentamento à Covid-19. Recebemos o prefeito João Campos para monitorar a abertura dos novos leitos de UTI no Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa, que já estão em funcionamento e recebendo os primeiros pacientes”, disse Paulo Câmara.

O governador destacou ainda que o comitê segue analisando em tempo real todos os dados do novo coronavírus, além de acompanhar o trabalho de fiscalização das medidas restritivas no Estado. A rede estadual de saúde passou a contar também, neste final de semana, com outras duas vagas de terapia intensiva no Hospital Rui de Barros Correia, localizado em Arcoverde, no Sertão do Moxotó. A unidade conta agora com 10 leitos de UTI para pacientes com a Covid-19.

Novos casos de Covid aumentam no mundo pela 1ª vez em sete semanas

0

Segundo Ghebreyesus, ainda é muito cedo para os governos dependerem apenas dos programas de vacinação e abandonarem outras medidas para conter a disseminação do vírus

Novos casos de Covid aumentam no mundo pela 1ª vez em sete semanas

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Após sete semanas de queda, o número de novas infecções por coronavírus aumentou globalmente na semana passada, informou a OMS (Organização Mundial da Saúde) nesta segunda-feira (1º).

O diretor-geral da agência, Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse que o aumento nos casos foi “decepcionante, mas não surpreendente” e pediu aos países que não relaxem as medidas de combate à doença. O órgão comparou semana a semana.

Segundo Ghebreyesus, ainda é muito cedo para os governos dependerem apenas dos programas de vacinação e abandonarem outras medidas para conter a disseminação do vírus. “Parte disso [do aumento] parece ser devido ao relaxamento das medidas de saúde pública, à circulação contínua de variantes e às pessoas baixando a guarda”, disse.

Em entrevista coletiva, o diretor de emergências da OMS, Michael Ryan, afirmou que é irrealista acreditar que a pandemia vai acabar até o fim do ano. “Mas acho que o que podemos interromper, se formos inteligentes, são as hospitalizações, as mortes.”

A chefe técnica do órgão para a Covid-19, Maria Van Kerkhove, também alertou que o vírus vai se recuperar, “se permitirmos”.

Nesta segunda (1º), Gana e Costa do Marfim se tornaram os primeiros países a começar a vacinar sua população com doses fornecidas pela Covax, o programa internacional de fornecimento de vacinas para os mais pobres.

Ghebreyesus celebrou a aliança global de acesso ao imunizante, mas também criticou governos por acumularem doses de vacinas. “É lamentável que alguns países continuem a priorizar a vacinação de adultos jovens saudáveis, com menor risco de doenças em suas próprias populações, à frente dos profissionais de saúde e idosos em outros lugares”, disse.

Prefeitura de Juazeiro convalida decreto de toque de recolher na cidade

0

A Prefeitura de Juazeiro resolveu seguir o novo Decreto Estadual n° 20.259, de 28 de fevereiro de 2021, que prorrogou o toque de recolher para toda a Bahia, das 20h às 5h, até o próximo dia 8 de março.

Embora Juazeiro não tenha sido incluída entre as cidades que o Governo do Estado estendeu o lockdown, com fechamento das atividades não essenciais, a Prefeitura alerta a população que a não é hora para relaxar as medidas de proteção contra o coronavírus, para que a taxa de ocupação dos leitos hospitalares não volte a aumentar aqui na cidade. “É extremamente importante que não se confunda a flexibilização com o fim da pandemia, sejamos responsáveis em nossas ações e multiplicadores das boas práticas. O momento que estamos vivendo hoje ainda é muito delicado e por isso precisamos manter os cuidados que inserimos em nossa rotina nesses últimos meses”, ressalta a prefeita Suzana Ramos.

Durante o período do toque de recolher, em Juazeiro continua proibida a locomoção noturna a qualquer indivíduo em vias, equipamentos, locais e praças públicas, das 20h às 5h, de 01 a até 08 de março de 2021. Só será permitido circular pelas ruas após as 20h quem precisar ir a serviços de saúde ou farmácia, em que seja comprovada a urgência. Servidores, funcionários e colaboradores que atuam nas unidades públicas ou privadas de saúde e segurança também têm trânsito liberado durante o toque de recolher, caso estejam desempenhando suas funções.

Os estabelecimentos comerciais e de serviços deverão encerrar as suas atividades com até 30 (trinta) minutos de antecedência do período estipulado no novo toque de recolher, para garantir o deslocamento dos seus funcionários e colaboradores às suas residências, exceto:

I – o funcionamento dos terminais rodoviários, metroviários, aquaviários e aeroviários, bem como o deslocamento de funcionários e colaboradores que atuem na operacionalização destas atividades fins;

II – os serviços de limpeza pública e manutenção urbana;

III – os serviços delivery de farmácia e medicamentos;

IV – as atividades profissionais de transporte privado de passageiros.

Atendimento presencial

O atendimento presencial em bares, restaurantes e estabelecimentos similares deverá ser encerrado às 18h, ficando proibido o funcionamento após este horário. Será permitido o delivery de alimentos até às 24h.

Fica proibida durante o período do toque de recolher, a prática de quaisquer atividades esportivas coletivas amadoras, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomerações.

Também fica suspensa, a realização de eventos e atividades, independentemente do número de participantes, ainda que previamente autorizados, envolvendo aglomeração de pessoas.

Ainda de acordo com o Decreto Estadual e convalidado pela Prefeitura de Juazeiro, as celebrações religiosas poderão ocorrer, desde que respeitados os protocolos sanitários estabelecidos, especialmente o distanciamento social adequado e o uso de máscaras, bem como com capacidade máxima de lotação de 30% (trinta por cento), limitada a, no máximo, 100 (cem) pessoas.(Ascom)

Petrolina integrará consórcio de municípios para compra de vacinas contra covid-19

0
Prefeito de Petrolina, Miguel Coelho

Prefeitos de mais de 300 municípios do Brasil participaram de uma reunião virtual, nesta segunda-feira (1), para formalizar a criação de um consórcio para aquisição de vacinas contra a covid-19. Petrolina integrará o grupo formado por cidades com população acima de 80 mil moradores.

O consórcio é liderado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP). Desde semana passada, a entidade vem articulando os municípios e negociando com laboratórios para acertar a compra de doses para acelerar a imunização nas cinco regiões do Brasil.

O prefeito Miguel Coelho, que é um dos vice-presidentes da FNP, participou da reunião de formalização do consórcio. De acordo com o gestor, o passo seguinte será a criação de uma diretoria para o grupo de trabalho, nos próximos dias. Ainda este mês, a Prefeitura de Petrolina enviará também um projeto de lei para a Câmara de Vereadores a fim de garantir a participação do município na compra das vacinas via consórcio.

Miguel acredita que a criação desse bloco de lideranças terá papel estratégico no plano de imunização das cidades-polo do Brasil. “Estamos muito esperançosos. Ao mesmo tempo que seguiremos com a vacinação com as doses enviadas pelo Ministério da Saúde, criaremos esse consórcio para compra direta para os municípios que possuem maiores concentrações populacionais e são fundamentais para a rede de saúde. Dessa forma, teremos mais vacinas disponíveis e poderemos agilizar a imunização nas regiões onde há mais circulação do vírus”, explicou o gestor após a reunião da Frente Nacional dos Prefeitos.(Ascom)

Governo de PE anuncia fechamento de serviços não essenciais entre 20h e 5h de segunda a sexta-feira

0
 (Nas praias, no entanto, será permitida apenas a prática de atividades esportivas individuais. Foto: Leandro de Santana/Arquivo DP)
Nas praias, no entanto, será permitida apenas a prática de atividades esportivas individuais. Foto: Leandro de

DIÁRIO DE PERNAMBUCO – O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (1º), novas medidas restritivas, válidas para todo o estado. Estará proibida qualquer atividade não essencial das 20h às 5h de segunda a sexta. Já nos finais de semana, somente serviços essenciais poderão funcionar. Os shoppings e comércio de rua serão fechados, assim como praias, parques e clubes, nos sábados e domingos. As medidas passam a valer na próxima quarta-feira (dia 03) e seguem até o dia 17 de março.

Apesar das restrições mais severas nos finais de semana, supermercados, padarias, farmácias, postos de gasolina e serviços de delivery e pontos de coleta dos restaurantes poderão funcionar. Já nas praias será permitida apenas a prática de atividades esportivas individuais. As medidas foram anunciadas pelo governador Paulo Câmara em pronunciamento e a decisão tem o objetivo de conter o avanço da Covid-19, já que a taxa de ocupação chegou a 93% dos leitos de terapia intensiva no estado.

Nesta terça-feira (02), o governador estará em Brasília para negociar a aquisição direta da vacina Sputnik. “Vamos buscar todas as possibilidades existe

Secretários estaduais de Saúde defendem toque de recolher nacional

0

Carlos Lula presidente do Conass.

O presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Carlos Lula, divulgou nesta segunda-feira (1) uma carta com sugestões de medidas urgentes contra o iminente colapso das redes pública e privada de saúde diante do aumento dos casos de Covid-19 no Brasil.

Em resumo, o Conass afirma que:

  • Brasil vive pior momento da pandemia, com patamares altos em todas as regiões
  • Falta condução nacional unificada e coerente da reação à pandemia
  • É preciso proibir eventos presenciais, inclusive atividades religiosas
  • É preciso suspender aulas presenciais em todo o país
  • É preciso adotar toque de recolher nacional; fechar bares e praias
  • É preciso ampliar testagem e acompanhamento dos infectados e criar um Plano Nacional de Comunicação para esclarecer a população da gravidade da situação

A carta foi divulgada no momento em que o país bate recordes consecutivos de mortes e casos, e dias depois de o presidente Jair Bolsonaro ter criticado o uso de máscaras, ter provocado aglomerações e ameaçado governadores com corte de repasse de verbas no caso de adoção de medidas mais severas contra a circulação de pessoas.

O pedido do Conass contra a permissão para atividades religiosas ocorre no mesmo dia em que o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), assinou decreto que as define como serviço essencial no estado.

Veja abaixo a íntegra da carta:

“CARTA DOS SECRETÁRIOS ESTADUAIS DE SAÚDE À NAÇÃO BRASILEIRA

O Brasil vivencia, perplexo, o pior momento da crise sanitária provocada pela COVID-19. Os índices de novos casos da doença alcançam patamares muito elevados em todas as regiões, estados e municípios. Até o presente momento, mais de 254 mil vidas foram perdidas e o sofrimento e o medo afetam o conjunto da sociedade.

A ausência de uma condução nacional unificada e coerente dificultou a adoção e implementação de medidas qualificadas para reduzir as interações sociais que se intensificaram no período eleitoral, nos encontros e festividades de final de ano, do veraneio e do carnaval. O relaxamento das medidas de proteção e a circulação de novas cepas do vírus propiciaram o agravamento da crise sanitária e social, esta última intensificada pela suspensão do auxílio emergencial.

O recrudescimento da epidemia em diversos estados leva ao colapso de suas redes assistenciais públicas e privadas e ao risco iminente de se propagar a todas as regiões do Brasil. Infelizmente, a baixa cobertura vacinal e a lentidão na oferta de vacinas ainda não permitem que esse quadro possa ser revertido em curto prazo.

O atual cenário da crise sanitária vivida pelo país agrava o estado de emergência nacional e exige medidas adequadas para sua superação. Assim, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS) manifesta-se pela adoção imediata de medidas para evitar o iminente colapso nacional das redes pública e privada de saúde, a saber:

a) Maior rigor nas medidas de restrição das atividades não essenciais, de acordo com a situação epidemiológica e capacidade de atendimento de cada região, avaliadas semanalmente a partir de critérios técnicos, incluindo a restrição em nível máximo nas regiões com ocupação de leitos acima de 85% e tendência de elevação no número de casos e óbitos. Para tanto, são necessárias:

  • A proibição de eventos presenciais como shows, congressos, atividades religiosas, esportivas e correlatas em todo território nacional;
  • A suspensão das atividades presenciais de todos os níveis da educação do país;
  • O toque de recolher nacional a partir das 20h até as 6h da manhã e durante os finais de semana;
  • O fechamento das praias e bares;
  • A adoção de trabalho remoto sempre que possível, tanto no setor público quanto no privado;
  • A instituição de barreiras sanitárias nacionais e internacionais, considerados o fechamento dos aeroportos e do transporte interestadual;
  • A adoção de medidas para redução da superlotação nos transportes coletivos urbanos;
  • A ampliação da testagem e acompanhamento dos testados, com isolamento dos casos suspeitos e monitoramento dos contatos;

b) O reconhecimento legal do estado de emergência sanitária e a viabilização de recursos extraordinários para o SUS, com aporte imediato aos Fundos Estaduais e Municipais de Saúde para garantir a adoção de todas as medidas assistenciais necessárias ao enfrentamento da crise;

c) A implementação imediata de um Plano Nacional de Comunicação, com o objetivo de reforçar a importância das medidas de prevenção e esclarecer a população;

d) A adequação legislativa das condições contratuais que permitam a compra de todas as vacinas eficazes e seguras disponíveis no mercado mundial;

e) A aprovação de um Plano Nacional de Recuperação Econômica, com retorno imediato do auxílio emergencial.

Entendemos que o conjunto de medidas propostas somente poderá ser executado pelos governadores e prefeitos se for estabelecido no Brasil um “Pacto Nacional pela Vida” que reúna todos os poderes, a sociedade civil, representantes da indústria e do comércio, das grandes instituições religiosas e acadêmicas do País, mediante explícita autorização e determinação legislativa do Congresso Nacional.

Carlos Lula

Presidente do Conass”

Fonte: G1