**/

Início Site Página 204

Integrantes do Conselho LGBT serão empossados nesta quarta-feira (29)

0

Os membros do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da População LGBT+ serão empossados nesta quarta-feira (29) em cerimônia que acontece no auditório do CIAM, às 9h30.

O órgão, criado pela Lei 2.905/2019, é voltado para a população de lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais, transgêneros e demais identidades sexuais e de gênero, ficando vinculado administrativamente à Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES). O objetivo principal do Conselho é atuar na promoção da cidadania e na defesa dos direitos, assim como contribuir no combate à discriminação e à violência contra a população LGBTT+.

O Conselho LGBT+ será composto por 12 membros, sendo 6 da sociedade civil e 6 representantes do governo. A mesa diretora, composta por presidente, vice-presidente e secretária executiva, que terá mandato de um ano, será eleita após a posse dos conselheiros em data a ser agendada.(Ascom)

Dos 52 mortos pelas chuvas em Minas, 42 foram vítimas de soterramento

0
 (Foto: Divulgação/Prefeitura de Luisburgo)
Foto: Divulgação/Prefeitura de Luisburgo
A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec) divulgou novo boletim sobre as vítimas da chuva das últimas semanas em Minas Gerais na noite desta terça-feira (28). Segundo o órgão, mais dois óbitos, em Divinópolis (Centro-Oeste) e Luisburgo (Zona da Mata), foram confirmados.

Com isso, o número de mortos pela chuva desde sexta-feira (24) aumentou para 52. No período chuvoso como um todo, isto é, desde outubro, 63 pessoas perderam a vida pela soma entre a força das águas e a falta de infraestrutura das cidades do estado.

Das 52 mortes desde a última semana, 42 foram por soterramento: resultado da sequência de dias com altas quantidades de precipitação, o que amplia o risco de acidentes geológicos. Outras oito pessoas morreram arrastadas pelas águas e duas por afogamento.

O número de afetados pelas precipitações recentes chega a 33.408 pessoas: 28.893 desalojados, 4.397 desabrigados, 65 feridos e uma pessoa desaparecida (em Conselheiro Lafaiete, Região Central), além dos 52 mortos.

A situação caótica que o estado enfrenta com as chuvas forçou o governo de Minas a decretar situação de emergência em 101 municípios. Outras 24 cidades tomaram a mesma medida, porém por conta própria. Mais três localidades – Orizânia (Zona da Mata), Ibirité (Grande BH) e Catas Altas (Central) – decretaram calamidade pública.

Os decretos facilitam a gestão pública dos municípios em três sentidos. Primeiro, eles podem receber recursos federais para reduzir os danos das chuvas. No domingo, a União informou que tinha R$ 90 milhões à disposição para os estados atingidos.

Também podem receber doações e apoio de órgãos do estado, como a Defesa Civil e os bombeiros. Nesta terça, o governo antecipou uma verba de R$ 3,4 milhões para os municípios castigados pelas chuvas.

Por último, as prefeituras podem realizar obras sem licitação, ou seja, pular etapas para reparar os danos mais rapidamente.(Agência Brasil)

29 de Janeiro, dia nacional da ´Visibilidade Trans`.Governo de Pernambuco promove campanha de respeito à população transexual

0
Governo de Pernambuco promove campanha de respeito à população transexual e ao nome social
Resultado de imagem para 29 de Janeiro, dia nacional da ´Visibilidade Trans`.
A primeira ação da campanha acontece nesta quarta (29), data que marca o Dia Nacional da Visibilidade Trans, percorrendo as unidades da Agência do Trabalho da Região Metropolitana do Recife (RMR)

Para marcar o Dia Nacional da Visibilidade Trans, lembrado nesta quarta-feira (29), o Governo de Pernambuco inicia a campanha Do Seu Jeito, que vai percorrer instituições públicas e privadas, além de espaços de lazer e turismo, conscientizando a população sobre o respeito à identidade de gênero e à cidadania das pessoas transexuais, além de reafirmar o direito ao nome social. A ação, que vai se estender por todo o ano, começa as atividades visitando as 29 Agências do Trabalho de Pernambuco, numa parceria com a Secretaria de Trabalho, Emprego e Qualificação. Para o primeiro dia, as equipes técnicas da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ) vão até as unidades localizadas na Região Metropolitana do Recife (RMR). A atividade começa às 6h30, na unidade da Boa Vista.

A ação, que segue até o meio dia, vai orientar os servidores das unidades e adesivar em murais e nos banheiros etiquetas pontuando informações sobre a importância do respeito à população trans e sobre o direito ao nome social.

De acordo com o secretário estadual da SDSCJ, Sileno Guedes, a ação vai gerar reflexão sobre a importância de dar visibilidade e reconhecer as pessoas transsexuais enquanto cidadãs. “A campanha tem como foco conscientizar a sociedade, mas nosso objetivo principal é ressaltar a importância de todas as instituições, sejam elas públicas ou privadas, investirem na inserção educacional, formação profissional e promoção da cidadania das pessoas trans, um público que muitas vezes é posto em situação de vulnerabilidade social pela discriminação familiar e social”, destaca o gestor.

A secretaria executiva de Segmentos Sociais, da SDSCJ, Laura Gomes, explica que a campanha iniciará nas Agências do Trabalho justamente para que haja a compreensão de que é preciso discutir e solucionar a falta de diversidade no mercado de trabalho. “É necessário que haja urgentemente uma reparação dos déficits educacionais e uma maior inserção profissional da comunidade LGBTQI+ como todo. As equipes de trabalho ainda são pouco diversas e precisamos esclarecer a importância social que é investir na pluralidade, e por isso iniciamos a campanha nas Agências do Trabalho, para reiterar a importância de dar oportunidade e incluir essas pessoas no universo corporativo”, afirma.

Contratada no ano passado como primeira travesti da Rede Boticário em Pernambuco, Dandhara Lúcia de Souza, 26 anos, fala sobre a importância de ser chamada pelo nome social, de ser reconhecida profissionalmente. “Estou completamente realizada, conquistei tudo por meu mérito porque fui atrás. Estou numa empresa multinacional e é muito bom ser reconhecida como a Dandhara, é uma honra. Eu lutei muito para conseguir. Numa desisti de nada, numa desanimei diante do preconceito que a gente vive na sociedade, diante dos ‘nãos’ que a gente enfrenta quando vai procurar emprego. Não é um ‘não’ comum (que uma trans recebe). É aquele “não” com um olhar estranho, o “não” na forma de receber você mal só por você ser quem você é”, destacou, emocionada. Dandhara participou do programa Fortalece a Igualdade no ano passado. Ela estava desempregada no início de 2019, antes de passar pelo curso de qualificação oferecido pela Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação.(Ascom Governo de Pernambuco)

SERVIÇO

Campanha DO SEU JEITO – Ação de conscientização sobre o direito da pessoa transexual

Dia: Quarta-feira, dia 29 de janeiro

Horário: 6h30 às 12h

Início: Agência do Trabalho da Boa Vista – Rua da Aurora, 425

Atriz Bruna Marquezine perde contrato com a Globo

0

Na última semana, a notícia de que Malvino Salvador não teve o contrato renovado com a Globo pegou muita gente de surpresa, principlamente após a atuação de destaque na novela “A Dona do Pedaço”. Agora, a surpresa fica por conta de Bruna Marquezine, que também perdeu seu contrato fixo com a emissora.

A informação foi dada, pelo site Observatório da TV, e confirmada, pela própria Globo, por meio de um comunicado.“Desde o meio do ano passado que mudou nosso modelo de trabalho com a atriz. Ela manifestou a vontade de ter mais tempo para investir nos estudos – no Brasil e fora do País – e, de comum acordo, o contrato não foi renovado”, foi o texto encaminhado, pela emissora, ao portal.

Com isso, a atriz passará a ser contratada apenas por obra, sem vínculo fixo com a empresa. Vale lembrar que a famosa atriz está longe das novelas, desde que interpretou a vilã Catarina, em Deus Salve o Rei.

Além de Bruna, recentemente, Bruno Gagliasso e Malvino Salvador também não renovaram o contrato fixo com a emissora.(bnews.com.br)

Superior Tribunal de Justiça libera divulgação do resultado do Sisu

0

Decisão foi tomada após recurso da Advocacia-Geral da União

Resultado de imagem para Superior Tribunal de Justiça libera divulgação do resultado do Sisu

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro João Otávio de Noronha, decidiu hoje (28) liberar a divulgação do resultado das inscrições no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A divulgação pelo Ministério da Educação (MEC) estava prevista para esta terça-feira, mas foi suspensa por uma liminar da Justiça de São Paulo, que também impediu o início das inscrições no Programa Universidade para Todos (Prouni).

A decisão do presidente foi motivada por um recurso protocolado na noite de ontem (27) pela Advocacia-Geral da União para derrubar a liminar proferida pela desembargadora Therezinha Cazerta, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), que decidiu manter em vigor outra liminar concedida pela primeira instância da Justiça Federal para suspender a divulgação, sob alegação de que o governo ainda precisa dar um posicionamento “seguro e transparente” sobre a correção do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. As notas no exame são usadas pelos estudantes para fazer inscrição no Sisu e concorrer a vagas em universidades públicas em todo o país.

Na sexta-feira (25), a Justiça Federal de São Paulo havia determinado a suspensão da divulgação dos resultados do Sisu até que o governo federal demonstrasse a correção das provas do Enem que foram apontadas com problemas por estudantes de todo o país. O tribunal deu prazo de cinco dias para o cumprimento da decisão, sob multa diária de R$ 10 mil. A decisão foi motivada por um pedido da Defensoria Pública da União (DPU).

Na semana passada, o Ministério da Educação (MEC) informou que houve erros na atribuição de notas para cerca de 6 mil alunos. Segundo a pasta, a falha teria ocorrido na impressão das provas aplicadas em algumas cidades, sendo responsabilidade de uma gráfica. O MEC acrescentou que corrigiu o problema e não houve prejuízos para os estudantes.

Na decisão, o presidente do STJ diz ainda que os erros na correção das provas de 6 mil alunos, que foram resolvidos pelo MEC e pelo Inep, órgão responsável pelo Enem, não justificam a paralisação do todo o calendário universitário, que depende da divulgação das notas da prova.

“Se erros pontuais e individuais houve, certamente que devem ser sanados pelas vias próprias. Contudo, a simples possibilidade de rever nota específica não pode servir de substrato para impossibilitar o acesso de milhares a vagas já ofertadas e o início das atividades acadêmicas nas mais variadas entidades públicas e privadas”, afirmou.

Lista não oficial

Nesta terça-feira, antes da decisão do presidente do STJ, candidatos se manifestaram, pelas redes sociais, informando que tinham tido acesso a uma lista de resultados do Sisu, no site do MEC. Em seguida, o ministério divulgou nota informando que as listas publicadas por alguns minutos em seu portal “não representam resultado oficial” e que, em razão de decisão judicial, a divulgação do resultado final “continuava suspensa”.(Agência Brasil)

Celpe abre seleção para programa de estágio 2020. Inscrições até 28 de fevereiro

0

 Inscrições podem ser realizadas pela plataforma Eureca.me e seguem até o dia 28 de fevereiro. São mais de 30 oportunidades, além de cadastro reserva

A Celpe, empresa parte da Neoenergia, abriu, nesta terça-feira (28), as inscrições para o Programa de Estágio 2020. Reformulado e com maior foco no protagonismo do estudante dentro da organização, o novo programa deve preencher 33 vagas imediatas em diversas áreas, além do cadastro reserva – oportunidades que podem ser abertas ao longo do ano ou até a realização de nova seleção.

As vagas são para as áreas de Engenharia, Tecnologia, Jurídico, Finanças e Relações com Investidores, Recursos Humanos, Clientes, entre outras. Os candidatos passarão por um Fit Cultural, onde será analisada a aderência com a companhia, realizarão também um Desafio em Vídeo, com um pitch de apresentação pessoal, sendo então selecionados para as etapas presenciais, com dinâmicas e cases para resolução.

Além das vagas em Pernambuco, as oportunidades também se estendem às demais empresas da Neoenergia. Estudantes do Rio Grande do Norte podem participar do programa de estágio da Cosern, em São Paulo as oportunidades estão na Elektro, na Bahia os estudantes podem se inscrever para o estágio da Coelba e no Rio de Janeiro, as vagas são para a Holding, sede da companhia. Ao todo são mais de 200 oportunidades para estudantes de diversas áreas e cinco estados do País.

Todas as inscrições devem ser realizadas pela plataforma Eureca.me, e seguem até o dia 28 de fevereiro. Por isso, é importante que o estudante fique atento ao prazo, além dos requisitos mínimos como a previsão de formação, que deve ser entre julho de 2021 e dezembro de 2022. O programa de estágio da Neoenergia/Celpe oferece bolsa-auxílio e benefícios compatíveis com o mercado (vale refeição e alimentação, plano de saúde, seguro de vida e vale transporte).(Folhape)

Ministro confirma primeiro caso suspeito de coronavírus no Brasil

0

Estudante de 22 anos está em observação em hospital de Belo Horizonte

Resultado de imagem para Ministro confirma primeiro caso suspeito de coronavírus no Brasil"

 

O Ministério da Saúde confirmou hoje (28) o primeiro caso suspeito de coronavírus no país e elevou o nível de atenção para alerta de perigo iminente para a presença do vírus no país. De acordo com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, uma estudante de 22 anos que esteve na China está internada, em Belo Horizonte, em observação.

“O que muda é o grau de vigilância nessa fase. Aumenta a nossa vigilância de portos e aeroportos, triagem de pacientes, o uso de determinado equipamentos de proteção, mas o nosso foco principal nesta fase é a vigilância”, disse Mandetta, em entrevista coletiva para falar sobre as medidas tomadas pelo governo para evitar a entrada do vírus no país.

“Nessa fase a gente tem um olhar com muito mais atenção para dentro do país, para identificar se o vírus está circulando em território nacional, e outro [olhar] muito presente em informações técnicas e científicas a respeito do comportamento do vírus”, disse Mandetta..

Resultado de imagem para Ministro confirma primeiro caso suspeito de coronavírus no Brasil"

Suspeita de coronavírus

A estudante brasileira esteve em viagem para a cidade de Wuhan no período de 29 de agosto de 2019 a 24 de janeiro deste ano. A paciente está em observação e, de acordo com o ministro, o estado dela é estável. Caso a infecção por coronavírus seja confirmada, o nível de alerta no país sobe para emergência de saúde pública nacional, quando há a possibilidade de o vírus já estar em circulação no país.

“Ela está em isolamento, e os 14 contatos mais próximos estão sendo acompanhados. O nome, por motivos óbvios, não deve ser divulgado, por respeito à pessoa, a seus familiares e sua privacidade,” disse o ministro.

Investigação

De acordo com dados apresentados na coletiva do Comitê de Operações de Emergência do Ministério da Saúde, no período de 3 a 27 de janeiro foram analisados 7.063 rumores de pessoas com coronavírus, dos quais 127 exigiram a verificação mais detalhada. Dessa verificação, 10 casos se enquadraram inicialmente na definição de suspeitos. Desses, nove foram descartados, e o único caso tratado como suspeito é o da paciente internada em Belo Horizonte.

O ministro informou ainda que, após a Organização Mundial da Saúde (OMS) ter aumentado para alto o nível de alerta em relação ao cenário global do novo coronavírus, o governo vai passar a tratar como casos suspeitos os das pessoas que estiveram em toda a China, não apenas na província de Wuhan, nos últimos 14 dias e que apresentarem sintomas respiratórios suspeitos.(Agência Brasil)

Colesterol: aprenda a importância de manter o controle da taxa

0

Embora muitas pessoas achem o colesterol uma substância maléfica, ele é primordial para o funcionamento do corpo humano

No começo do ano, a maioria das pessoas deseja mudar de vida e dar início a uma alimentação saudável, mas não sabem por onde começar. Um planejamento bem feito e o auxilio de um profissional nutricionista, são itens fundamentais para alcançar a meta e obter bons resultados. Para isso, o controle do colesterol é algo primordial para a boa saúde, já que é um tipo de gordura que faz parte da estrutura das células do cérebro, nervos, músculos, pele, fígado, intestinos e coração.

Embora muitas pessoas achem o colesterol uma substância maléfica, ele é primordial para o funcionamento do corpo humano. Para isso, seus níveis devem estar sempre controlados. “O colesterol no sangue circula ligado à lipoproteínas, chamadas de colesterol bom (HDL) e colesterol ruim (LDL). O excesso de LDL é que está associado às doenças cardíacas. O excesso de colesterol bom (HDL), por outro lado, até protege dessas doenças. Por isso, quando medimos o colesterol total no sangue, precisamos sempre saber o quanto se deve ao colesterol bom e o quanto se deve ao ruim”, explica a nutricionista, Ana Karla Ferrer.

Para evitar doenças cardiovasculares, o tratamento do colesterol deve ser preventivo e para a vida toda. Cerca de 70% do colesterol no sangue vem do fígado e apenas 30% vêm da alimentação. Seu tratamento deve ser contínuo e pode ser feito por medidas de estilo de vida ou medicamentos. Alimentos como o abacate; azeite de oliva, óleo de milho, óleo de girassol, óleo de canola, óleo de amendoim; amêndoas, castanha, linhaça, semente de girassol, gergelim ajudam a manter o bom colesterol. Estes alimentos são ricos em gorduras monoinsaturadas e polinsaturadas e, juntamente com a perda de peso e a atividade física, ajudam o organismo a melhorar o bom colesterol, também conhecido por colesterol HDL, que deve ser superior a 35 mg/dL.

Ainda de acordo com Ana Karla, quando se fala em emagrecimento, existe uma controvérsia em relação ao uso do óleo de coco que por muito tempo tem sido considerado como adjuvante no processo de emagrecimento e como parte das gorduras utilizadas em receitas ditas como saudáveis. Recentemente, um estudo publicado pela American Heart Association(2020) aponta aumento no LDL colesterol (colesterol ruim) em decorrência do consumo excessivo do óleo de coco quando comparado com outros óleos vegetais. “Este estudo nos trás um alerta para o consumo deste óleo de forma indiscriminada, embora sejam também notórios os efeitos benéficos da gordura do coco em vários outros aspectos, em especial a imunidade”, ressalta.

SERVIÇO:

SERVIÇO:

Nutricionista: Ana Karla Ferrer Soares

CRN6: 2820

Empresarial Italo Brasil Renda

Av Conselheiro Aguiar, 1748 – sala 508 – Boa Viagem

Fone: (81) 9931-1201 /  98865-6164

Governo publica decreto para contratar militares no serviço público

0

Contratação depende de autorização de ministérios da Defesa e Economia

Resultado de imagem para Governo publica decreto para contratar militares no serviço público

O decreto que regulamenta a contratação de militares inativos para atividades em órgãos públicos foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União na noite desta quinta-feira (23). De acordo com o Palácio do Planalto, os militares poderão ser contratados, por meio de um edital específico de chamamento público, para trabalhar em órgão ou entidade federal ganhando adicional com valor igual a 30% sobre o salário recebido na inatividade.

Pelo texto do decreto, assinado pelo presidente em exercício Hamilton Mourão, a contratação dependerá de autorização prévia tanto do Ministério da Defesa quanto do Ministério da Economia. A pasta da Defesa vai examinar se a contratação não compromete eventual necessidade de mobilização de pessoal, além de estabelecer o quantitativo máximo de militares inativos passíveis de contratação, por posto ou graduação, observada a compatibilidade com as atividades indicadas pelo órgão ou pela entidade requerente. Já a equipe econômica vai examinar se há recursos para o pagamento do adicional e se há necessidade real de contratação.

“Como já de conhecimento público, existe a intenção de aplicar o ato para resolver problema do INSS [Instituto Nacional de Seguridade Social]. Contudo, tecnicamente, o decreto não se restringe ao INSS e poderá ser utilizado em dezenas de outras situações. A hipótese do INSS é apenas destacada por ser a com maior escala”, informou o Planalto, em nota enviada à imprensa.

Ainda segundo o governo, a contratação não será automática. “Ainda se precisará analisar o pleito de cada órgão ou entidade interessado na nova forma de alocação de mão de obra, fazer o edital de chamamento público para cada hipótese e verificar a disponibilidade orçamentária e financeira em cada caso”, acrescenta a nota.

Militares da reserva

Na semana passada, o governo anunciou que pretende contratar temporariamente cerca de 7 mil militares da reserva para atuar nos postos da Previdência, pagando o adicional de 30%. Esse percentual está definido na lei que trata da estrutura da carreira militar, aprovada em 2019 pelo Congresso Nacional.

A medida foi a forma encontrada pelo governo para reduzir o estoque de pedidos de benefícios em atraso no INSS. A expectativa é que o acúmulo de processos caia para próximo de zero até o fim de setembro. Atualmente, o número de pedidos de benefícios previdenciários com mais de 45 dias de atraso está em cerca 1,3 milhão.

A contratação direta dos militares pelo INSS chegou a ser questionada pelo Tribunal de Contas da União (TCU), que considerou que o governo poderia estar rompendo o princípio da impessoalidade, ao direcionar a contratação exclusivamente para o grupo militar. Nesta quinta pela manhã, antes de embarcar para Índia, o presidente Jair Bolsonaro disse que o governo estava aguardando apenas um ajuste no entendimento com o TCU para poder publicar o decreto e iniciar o processo de contratação temporária dos militares. Para o presidente, a medida está prevista na legislação e exige menos burocracia que a contratação de civis. “Não é privilegiar militar, até porque não é convocação, é um convite, é a facilidade que nós temos desse tipo de mão de obra”, disse.(Agência Brasil)

Inédita! Parceria Prefeitura e Universidade Federal de PE traz mais de 40 oficinas de capacitação em diversas áreas para Dormentes-PE. Inscrições já começaram e vão até sexta(31)

0

Inscrições começaram nessa segunda-feira (27). Oficinas serão ministradas por toda a sede e também nos distritos de Caatinga Grande e Lagoa de Fora

Dormentes-PE

A Prefeitura Municipal em parceria com a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) traz pela primeira vez para Dormentes o projeto UFPE No Meu Quintal, que oferece 45 oficinas de capacitação, gratuitas, para toda a população. Às inscrições começaram nessa segunda-feira (27) e devem ser feitas nas secretarias municipais e na prefeitura.

Para fazer a inscrição é muito simples, basta escolher as oficinas desejadas e comparecer a secretaria relacionada ao tema até a próxima sexta-feira (31). Os eixos temáticos das oficinas variam desde arte, cidadania, meio ambiente, política, saúde, esportes e assistência social (Confira lista completa abaixo).

Dormentes é a primeira cidade do Sertão de São Francisco a receber o projeto que está em sua 6ª edição. Cada oficina tem em média 4 horas de duração e serão realizadas nos turnos da manhã, tarde e noite, na sede e nos distritos de Caatinga Grande e Lagoa de Fora. “Vamos ter uma semana inteira de muitos cursos e atividades em todo o município. São oficinas fantásticas, com temas atuais e importantes e que trazem conhecimento para nossa cidade”, comemora a prefeita, Josimara Cavalcanti.

O PROJETO

Desenvolvido pela Diretoria de Esporte, Lazer e Cultura (Delc) da Pró-Reitoria para Assuntos Estudantis (Proaes) da Universidade Federal de Pernambuco, o projeto UFPE No Meu Quintal envolve cerca de 80 estudantes da instituição. O Programa tem o objetivo de oferecer a oportunidade aos discentes da UFPE de agregar novas vivências em educação experiencial por meio de uma imersão na dinâmica social de municípios pernambucanos.

CONFIRA OS CURSOS DISPONÍVEIS

1

SUBJETIVIDADES, CIDADANIA E ARTE: OFICINAS CRIATIVAS COM MULHERES NO SERTÃO PERNAMBUCANO

2

A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO MIDIÁTICA NA SALA DE AULA: POR QUE ‘COMBATER’ AS FAKE NEWS E OS DISCURSOS DE ÓDIO NA ATUALIDADE?

3

PESSOA IDOSA: QUAIS OS SEUS DIREITOS?

4

MEDIDAS PREVENTIVAS DE DOENÇAS BUCAIS COM PRÁTICAS COTIDIANAS: UMA PROMOÇÃO A QUALIDADE DE VIDA

5

ILUMINAÇÃO COM GARRAFAS PET: ESTRATÉGIA PARA PROMOÇÃO DE SUSTENTABILIDADE E ECONOMIA DE ENERGIA ELÉTRICA

6

AVALIAÇÃO DOS RISCOS E BENEFÍCIOS DO USO DE PLANTAS MEDICINAIS EM IDOSOS

7

OFICINAS SOBRE SEXUALIDADE E GÊNERO COM ADOLESCENTES EM CONTEXTO ESCOLAR

8

UM DOCE REMÉDIO: CONSCIENTIZAÇÃO E PREVENÇÃO DE INTOXICAÇÃO CAUSADA POR MEDICAMENTOS EM CRIANÇAS

9

COZINHA SUSTENTÁVEL: ALTERNATIVAS DE ATIVIDADES DOMÉSTICAS ALIADAS AO REAPROVEITAMENTO DOS BENS NATURAIS E À CONSERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE.

10

O ENSINO DE HISTÓRIA E O TEMPO PRESENTE

11

INTERFACES DO RACISMO: PRIVILÉGIOS? NÃO TEMOS

12

APLICAÇÃO DAS PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES: AURICULOTERAPIA E MEDITAÇÃO NA MELHORIA DO BEM-ESTAR E DA QUALIDADE DE VIDA

13

AME AMAMENTAR

14

USO RACIONAL DE MEDICAMENTOS COMO ESTRATÉGIA DE PROMOÇÃO DA SAÚDE ENTRE INDIVÍDUOS COM DIABETES MELLITUS E HIPERTENSÃO ARTERIAL

15

UM DIÁLOGO SOBRE OS DIREITOS DOS JOVENS SEGUNDO O ESTATUTO DA JUVENTUDE E SEUS DESDOBRAMENTOS

16

BEIJO DE LÍNGUAS: RELACIONAR FALANTES DO PORTUGUÊS ORAL COM A LIBRAS, UMA LÍNGUA ESPAÇO-VISUAL

17

CARTILHA SOBRE OS CUIDADOS NA GESTAÇÃO, PARTO E PÓS-PARTO

18

A ARGUMENTAÇÃO COMO ESTRATÉGIA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA À VIOLÊNCIA ESCOLAR

19

A UTILIZAÇÃO DO PAPERCRAFT COMO FERRAMENTA DIDÁTICA-PEDAGÓGICA NO ENSINO DE SOLOS NA ESCOLA

20

A HUMANIZAÇÃO COMO DISPOSITIVO EDUCATIVO E ESTRATÉGICO PARA MELHORIA NO ACOLHIMENTO

21

CONSTRUÇÃO E LANÇAMENTO DE FOGUETES PARA INCENTIVAR ALUNOS DO ENSINO BÁSICO

22

CONSTRUINDO CONHECIMENTOS: O MUNDO DAS PARASITOSES INTESTINAIS VISTO PELO OLHAR DA DIDÁTICA

23

IDENTIFICAÇÃO DA PUREZA DO AR ATMOSFÉRICO NO MUNICÍPIO DE DORMENTES-PE; UMA CONTRIBUIÇÃO PARA O ENSINO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL

24

ESPORTES ADAPTADOS PARA POTENCIAIS FORMADORES E POPULAÇÃO DEFICIENTE DE DORMENTES, PE

25

AÇÃO PEDAGÓGICA DE CONSCIENTIZAÇÃO E ENFRENTAMENTO À VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

26

SEXUALIDADE E ENVELHECIMENTO: PROMOVENDO QUALIDADE DE VIDA ATRAVÉS DO CONHECIMENTO

27

DIÁLOGOS PARA INCLUSÃO: O PAPEL DA ESCOLA PARA UMA SOCIEDADE INCLUSIVA COM O INDIVÍDUO NO ESPECTRO AUTISTA

28

INFORMASÍFILIS: EDUCAÇÃO EM SAÚDE COMO FERRAMENTA DE ENFRENTAMENTO À SÍFILIS

29

PARA ALÉM DAS PALAVRAS: ENTENDENDO AS HISTÓRIAS EM QUADRINHOS ATRAVÉS DA LEITURA VERBO-VISUAL

30

ABORDAGENS DIDÁTICO-METODOLÓGICAS PARA A EDUCAÇÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA VISUAL E AUDITIVA

31

NOÇÕES DE PRIMEIROS SOCORROS

32

COMO MELHORAR A QUALIDADE DE VIDA DE PESSOAS COM DORES CRÔNICAS NA COLUNA ATRAVÉS DA EDUCAÇÃO EM NEUROCIÊNCIA DA DOR

33

PRODUÇÃO DE SABÃO LÍQUIDO ECOLÓGICO A PARTIR DO REAPROVEITAMENTO DO ÓLEO DE COZINHA: UMA ALTERNATIVA PARA PROMOVER A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E O PENSAMENTO SUSTENTÁVEL

34

OFICINA DE REPLICAGEM DE FÓSSEIS

35

PRODUÇÃO DE TINTURA E REPELENTE NATURAL NO COMBATE ÀS ARBOVIROSES NA COMUNIDADE DE DORMENTES, NO SERTÃO DO SÃO FRANCISCO – PE

36

PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES NA PROMOÇÃO DO BEM-ESTAR, AUTOCUIDADO E ENVELHECIMENTO SAUDÁVEL

37

A PROPAGANDA É A ALMA DO NEGÓCIO: APROPRIAÇÃO DAS MÍDIAS SOCIAIS PARA O FORTALECIMENTO DO COMÉRCIO LOCAL

38

POR UMA EDUCAÇÃO INCLUSIVA

39

SAÚDE DO HOMEM: UM OLHAR VOLTADO À PREVENÇÃO DO CÂNCER DE PULMÃO E PRÓSTATA NA CIDADE DE DORMENTES

40

TERAPIA NÃO FARMACOLÓGICA NA PREVENÇÃO DE DOENÇAS CARDÍACAS NO SERTÃO PERNAMBUCANO

41

REFORMA DA PREVIDÊNCIA BRASILEIRA: EM QUE ME AFETA?

42

EDUCAÇÃO SOBRE O CÂNCER DE MAMA COMO PRÁTICA DE PREVENÇÃO E ORIENTAÇÕES SOBRE O AUTO-EXAME

43

O USO DE MAPAS TÁTEIS COMO FERRAMENTA DE INCLUSÃO NO ENSINO DA GEOGRAFIA

44

FERRAMENTAS DE ANÁLISE E IDENTIFICAÇÃO DE INFORMAÇÕES ENGANOSAS ONLINE PARA A POPULAÇÃO DE DORMENTES (PE)

45

FAMÍLIA/ESCOLA – ESCOLA/FAMÍLIA: DESAFIOS E ESTRATÉGIAS PARA UMA GESTÃO DEMOCRÁTICA

TEXTO: Isabella Mendes, Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Dormentes
FOTOS/ARTE: Divulgação PMD

Prefeitura inicia inscrições para escolha do Rei e Rainha do Carnaval de Petrolina 2020

0

Os interessados em participar da disputa para Rei e Rainha do Carnaval de Petrolina 2020 já podem fazer a inscrição. A prefeitura vai  selecionar dez casais para concorrer à vaga de casal real da folia de Momo. As inscrições estão abertas e seguem até a quarta-feira (29), das 7h às 17h, no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo de sua casa, tanto na área urbana, quanto na rural.

Para se inscrever, é preciso ter idade igual ou superior a 18 anos e apresentar o comprovante de residência na unidade do CRAS referência para seu bairro. Um casal de cada CRAS será escolhido para participar da competição.

A escolha final será na terça-feira (4), às 18h, no Parque Municipal Josepha Coelho, com a participação de jurados que vão analisar critérios como beleza, simpatia, desenvoltura e conhecimentos gerais. A seleção está sendo realizada pela Secretaria Executiva de Desenvolvimento Social e a Secretaria Executiva de Cultura.

Entenda a diferença entre surto, epidemia e pandemia

0

A distinção é algo cinzenta, mas uma infecção que pode ajudar a ilustrar o problema é o sarampo

Campanha de vacinação contra o sarampo

Quando muitos casos de uma doença contagiosa começam a ser reportados, logo surgem manchetes falando sobre determinado surto, epidemia e do risco de uma pandemia. Nem sempre, porém, fica claro o que é cada um desses níveis e exatamente em que momento passa-se de um estágio para o outro.

O primeiro conceito importante é o de endemia. Trata-se de uma certa quantidade de casos que historicamente já ocorrem em determinada região do país. Exemplos brasileiros: doença de Chagas e esquistossomose (barriga d’água).

Quando esse nível endêmico (que pode ser 0) é rompido pelo aumento de casos, pode-se considerar que há um surto ou uma epidemia. Geralmente fala-se em “surto” para designar que novos casos estão concentrados em determinada região, como um bairro de uma cidade ou uma região metropolitana.

A palavra “epidemia” costuma ser reservada para quando a delimitação geográfica (uma vila ou um bairro, por exemplo) já não ajuda a definir tão bem onde os casos da doença estão acontecendo e/ou quando muitas pessoas são afetadas.

A distinção é algo cinzenta, mas uma infecção que pode ajudar a ilustrar o problema é o sarampo. Os surtos recentes de sarampo mataram 140 mil pessoas só em 2018, segundo a OMS. Calcula-se que as epidemias de sarampo na década de 60 chegaram a matar 2,5 milhões de pessoas.

Quando a epidemia afeta vários países ou continentes, trata-se de uma pandemia. Um caso ou outro de uma doença fora do local onde houve inicialmente o surto não implica necessariamente uma pandemia. Outros fatores, como a capacidade de disseminação do agente infeccioso (como no vírus da gripe) e presença de vetor (mosquito Aedes aegypti, no caso de arboviroses como dengue e zika) contribuem para a contenção ou espalhamento da moléstia.

Mas em que momento exatamente uma grande epidemia se transforma numa pandemia? Quantos países têm de ser afetados? Em que proporção? A gravidade da doença importa?

Há um consenso de que a gripe espanhola, que há cem anos matou pelo menos 50 milhões de pessoas, pode ser chamada de pandemia. Também se diz que o surto de gripe suína, em 2009, que matou 200 mil pessoas em todo o mundo, foi uma pandemia.

Em um artigo publicado no periódico The Journal of Infectious Diseases, em 2009, os autores, entre eles Anthony Fauci, diretor do Niaid (Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas dos EUA) fazem uma reflexão do que seria necessário para atestar esse patamar extremo:

– Grande distribuição geográfica: um dos consensos é que a doença tem que afetar uma grande porção territorial, como no caso da peste negra, da gripe (influenza) e de HIV/Aids.

Rastreabilidade do movimento da doença: é possível identificar para o caminho percorrido pela doença, como no caso da influenza, transmitidas por via respiratória, da cólera, pela água, ou da dengue, que se dá de acordo com a presença de vetores (mosquitos do gênero Aedes).

– Alta taxa de infecção: quando a taxa de transmissão é fraca ou há baixa proporção de casos sintomáticos, raramente uma doença é tratada como pandemia, mesmo com grande disseminação. A febre do Nilo Ocidental saiu do Oriente Médio e foi parar na Rússia e no Ocidente em 1999, mas nunca carregou a alcunha de epidemia

– Imunidade populacional baixa: É maior a chance de haver uma pandemia quando a imunidade da população for baixa para o patógeno

– Novidade: o uso do termo pandemia está associado ao risco de novos patógenos (caso do HIV, nos anos 1980) ou novas variantes (caso do vírus influenza, da gripe, que apresenta sazonalmente novas configurações)

– Infecciosidade: o termo “pandemia” é menos comumente ligado a doenças não infecciosas, como obesidade, ou comportamento de risco, como tabagismo. Quando isso ocorre, a ideia é destacar aquele problema como uma área que merece atenção, mas, segundo os autores do artigo, trata-se de um uso coloquial, não tão científico.

– Tipo de contágio: a maioria dos casos de epidemias é de doenças transmitidas entre pessoas, como a gripe (influenza).

– Gravidade: geralmente a palavra “pandemia” é associada a moléstias graves, capazes de matar, como peste negra, HIV/Aids e SARS (síndrome respiratória aguda severa). Mas doenças menos severas, como sarna (causada por um ácaro) ou conjuntivite hemorrágica aguda (provocada por vírus), também foram consideradas pandemias.

A principal forma de se prevenir contra os efeitos de uma pandemia é com sistemas vigilância para detectar rapidamente os casos, ter laboratórios equipados para identificar a causa da doença, dispor de uma equipe habilitada para conter o surto, evitando novos casos e sistemas de gerenciamento de crise, para coordenar a resposta.

A OMS (Organização Mundial da Saúde), por sua vez, emprega termos específicos para classificar certas situações. Uma emergência se dá quando uma autoridade decide que é hora de tomar medidas extraordinárias, como restrição de viagens e de comércio e estabelecimento de quarentena. Essa mesma autoridade também pode suspender esse estado de emergência. Geralmente uma emergência é bem-definida no tempo e no espaço e depende de um certo limiar para ser declarada. Esse limiar pode ser definido como uma taxa de mortalidade de 1 para cada 10.000 pessoas por dia ou mortalidade de 2 crianças abaixo de 5 anos a cada 10.000 pessoas por dia.

Crise é uma situação classificada como difícil, difícil de se estudar, classificar e combater. Uma crise pode não ser necessariamente evidente e necessita de um trabalho de análise para ser totalmente conhecida e e combatida.(Folhape)

MEC suspende inscrições no ProUni

0
Foto: Divulgação

O Ministério da Educação (MEC) informou na noite desta segunda-feira, 27, que vai suspender por tempo indeterminado a abertura de inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni). Segundo o ministério, como a divulgação do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) está suspenso pela Justiça Federal, não é possível dar continuidade ao cronograma de outros programas do ensino superior.

As inscrições para o ProUni teriam início nesta terça-feira, 28. Apesar de não abrir as inscrições, o ministério diz que os estudantes poderão consultar as 251 mil bolsas que serão ofertadas.

No domingo, 23, a presidente do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3), desembargadora Therezinha Cazerta, rejeitou o pedido da AGU para derrubar a decisão que suspendeu a divulgação do Sisu. Para ela, os entendimentos da Justiça Federal de São Paulo “nada mais fizeram do que proteger o direito individual dos candidatos do Enem a obterem, da administração pública, um posicionamento seguro e transparente a respeito da prova que fizeram”.

“Os cronogramas definitivos dos programas de acesso à educação superior serão publicados após descisão final da justiça, tendo em vista que o resultado do Sisu é condição necessária para inscrição no ProUni e Fies”, disse o ministério em nota.

O caso

Na segunda-feira, 20, o MEC divulgou ter identificado erro na correção de 5.974 provas, de 3,9 milhões participantes da última edição da prova. O ministro Abraham Weintraub garantiu que, após essa análise, todos os candidatos estavam com as notas corretas e, por isso, abriria as inscrições no Sisu. No entanto, não foi apresentado nenhum documento ou estudo técnico sobre o procedimento feito.

O erro só foi identificado pelo ministério após reclamação dos alunos. O ministro Abraham Weintraub admitiu o erro depois de afirmar diversas vezes que a gestão Bolsonaro havia feito o “melhor Enem da história”.

Apesar de ter informado que encontrou erro em 5,9 mil provas, o MEC recebeu mais de 175 mil pedidos de recorreção da nota, mas não respondeu aos candidatos se fez uma reavaliação ou uma justificativa que comprovasse que a correção estava segura.

Foi emocinalmente saudável a 1ª edição do Janeiro Branco. Mais de 800 atendimentos

0


O Instituto Eliana Sicsú, em parceria com a plataforma digital de voluntariado ´Transforma Petrolina`, realizou a 1ª edição do EMOCIONALMENTE SAUDÁVEL, uma manhã de cuidados com a saúde mental e emocional.

O evento aconteceu nesse domingo, das 8h às 12h, no Parque Municipal Josepha Coelho – Petrolina/PE, e contou com a presença de 104 profissionais de saúde realizando atendimentos gratuitos.

Os serviços oferecidos foram: Psiquiatria, Psicanálise, Psicologia, ThetaHealing, Reiki, Massoterapia, Auriculoterapia, Biomagnetismo, Microfisioterapia, Barras de Acces, Medicina Vibracional e Meditação Terapêutica.

Foram ofertados 694 atendimentos, 116 Aferição da Pressão, mais de 100 voluntários no apoio e 464 kg de alimentos não perecíveis, os quais foram doados para a ONG AJUDAR.

O Janeiro Branco  visa conscientizar as pessoas da importância da saúde mental e emocional como um estado de equilíbrio sistêmico.

Vale lembrar que saúde mental não é a  ausência de transtornos mentais, como muita gente pensa,  significa ter equilíbrio emocional, capacidade de lidar positivamente com os desafios da própria  realidade,  viver com propósito e significado cotidianamente  e vivenciar paz de espírito.

“O EMOCIONALMENTE SAUDÁVEL oportuniza uma reflexão consciente de como estamos vivenciando o autocuidado e uma oportunidade de experimentarmos  terapias e processos que contribuem para nosso bem-estar mental e emocional”, comentou  no final a organizadora do evento a Dra. Eliana Sicsú.

Pastor Teobaldo avança no interior e se fortalece ainda mais na pré-campanha a Prefeito de Juazeiro

0

O pré-candidato a Prefeito de Juazeiro-BA, Pastor Teobaldo Pedro, tem viajado bastante ao interior de Juazeiro construindo novas alianças e se fazendo mais conhecido do Povo dos Distritos. Na opinião do Pre-candidato: “é preciso nesta fase da pre-campanha desenvolver a ‘escutatoria’, que é se dedicar a ouvir o que o Povo, almeja e tem a dizer sobre seus anseios e necessidades. Não peço votos, nem apresento soluções mágicas. Ouço para aprender com a sabedoria do Povo e depois retornar a fim de juntos produzirmos soluções reais para cada problema existente.”

O pre-candidato Pastor Teobaldo é filiado ao Patriota. Nas palavras do jovem Maurício Cavalcanti, Presidente do mesmo, “até o final de julho de 2020, teremos a candidatura do Pastor homologada em Convenção.” Já o pre-candidato a vereador Gilvan Alberto de Souza acrescentou que “tudo em nossa pre-campanha segue os trâmites da Lei. Não incorreremos em quebrar as regras, pois acreditamos ser importante darmos exemplo nisso, desde já, respeitando prazos e limites preestabelecidos pela Justiça Eleitoral nas eleições de 2020.”

Os próximos passos e reuniões do pre-candidato deverão ser continuados. Mas desta vez, serão nos bairros periféricos da cidade de Juazeiro, sempre ouvindo o povo, antes que se apresente soluções à Cidade.(Ascom)