Home Sem categoria “Não sou político de promessas, mas de propostas”, afirma Anderson Ferreira durante...

“Não sou político de promessas, mas de propostas”, afirma Anderson Ferreira durante convenção

386
0

Em seu discurso na convenção do partido, que ocorreu nesse domingo (31), no Clube Português do Recife, no bairro das Graças, o candidato a governador pelo PL, Anderson Ferreira, disse que “não é um político de promessas, mas de propostas”. Segundo o ex-prefeito de Jaboatão dos Guararapes, foi assim que ele que conseguiu transformar Jaboatão de um problema em uma referência. “Vamos fazer o mesmo com Pernambuco”, garantiu.

A convenção homologou a chapa majoritária do PL, que, além de Anderson, contou com Izabel Urquiza, como candidata a vice-governadora, e Gilson Machado, para o Senado, ambos do PL. Anderson disse que os adversários, em suas respectivas convenções, devem “estar puxando Pernambuco para baixo”. “Eu vou sempre puxar Pernambuco para cima”, afirmou. Ainda se referindo aos adversários, o candidato a governador os culpou pela falta de iniciativas que melhorem o Estado. “Eles sempre culpam alguém e não trabalham. Culparam Dilma (Rousseff), (Michel) Temer e Bolsonaro, mas não apresentam resultados”.

O candidato a senador da chapa, Gilson Machado, subiu ao palco com uma sanfona e tocou, por cerca de 30 segundos, a canção Asa Branca, clássico popularizado por Luiz Gonzaga, que ele chamou de “hino do Nordeste”.

Em seu discurso, Gilson, que foi ministro do Turismo no governo Bolsonaro, ressaltou os feitos dele quando esteve à frente da chapa. “Se fiz isso tudo como ministro, imaginem como senador”, afirmou. O candidato disse, ainda, que o primeiro projeto dele, quando eleito, será, no dia 2 de fevereiro, ainda pela manhã, proibir o fechamento de toda e qualquer igreja no Brasil.

Ao final do discurso, Gilson, usando de trocadilho, sentenciou: “Prefiro um governador como Anderson, que reza o Pai Nosso, do que (sic) um governador e presidente que roubam o pão nosso”.

A candidata a vice Izabel Urquiza fez um discurso breve, com pouco mais de seis minutos. Disse que, ao contrário dos que muitos pensam, a chapa que ela integra não é metropolitana, que junta o litoral ao Sertão. Izabel também fez elogios aos programas de governo do presidente Bolsonaro, como o Auxílio Brasil.

“Com a nossa candidatura, vamos mostrar que é possível virar a chave da fome, do desemprego e mudar a história de Pernambuco”, finalizou.

Após os discursos da chapa majoritária, foi exibido no telão um vídeo do presidente Bolsonaro. Nele, além de elogiar a chapa, o mandatário listou uma série de ações que está fazendo durante sua gestão.(Folhape)

Previous articleWorkshop Da Colheita: evento exclusivo para o pólo do agronegócio do Vale do São Francisco reunirá especialistas nacionais em Petrolina (PE)
Next articleAnestesista preso por estupro de grávida ainda não conseguiu um advogado para assumir sua defesa