Nesta quinta-feira (28), acontece em todo o território pernambucano a aplicação das provas do Sistema de Avaliação da Educação de Pernambuco (SAEPE). Na rede Municipal de Petrolina, mais de 11 mil alunos estão participando da avaliação em 81 unidades escolares. A avaliação externa visa estimar o desempenho dos estudantes das instituições e redes de ensino em diferentes áreas de conhecimento e níveis de escolaridade e ajudar os gestores escolares no desenvolvimento de políticas educacionais e para o fortalecimento da qualidade da educação pública no estado.

Em Petrolina, cerca de 11.417 estudantes farão a avaliação composta por questões de português e matemática. Serão, 5.020 do 2º ano, 4.911 do 5º ano e 1.486 do 9º ano. A Avaliação possui duração de três horas para os estudantes do 2º ano do Ensino Fundamental e de duas horas e trinta minutos, para os estudantes do 5º e 9º anos Ensino Fundamental. Estarão envolvidos cerca de 278 aplicadores de turmas regulares e 144 aplicadores extras. A equipe organizadora é composta por um Coordenador Municipal, um Apoio Municipal e dois Apoios logísticos.

Petrolina conquistou, em 2018, o maior resultado do 5º ano em Língua Portuguesa, dos últimos 10 anos, alcançando o nível ‘Desejável’ pela primeira vez na avaliação do SAEPE. O município ficou em primeiro lugar entre os seis maiores municípios, em população, com resultados positivos no ranking, à frente de cidades como Caruaru, Recife e Jaboatão dos Guararapes. Durante uma década, Petrolina permaneceu no nível ‘Básico’.

Para a secretária executiva de Ensino, Rosane Costa, o ótimo resultado alcançado na última avaliação deve se repetir em 2019. “Sempre trabalhamos para oferecer a Petrolina uma educação na rede municipal de muita qualidade. Desde que assumimos o primeiro lugar no pódio das cidades com mais de 100 mil habitantes em Pernambuco, o resultado  que nos orgulha também nos motiva ainda mais em busca de novas conquistas“, destaca.

O resultado do Saepe sai no início de fevereiro de 2020, no site da Secretaria de Educação do Estado (www.educacao.pe.gov.br).(Ascom)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui