Home Sem categoria Justiça Federal determina que Neoenergia explique aumento médio de 18,98% na conta...

Justiça Federal determina que Neoenergia explique aumento médio de 18,98% na conta de luz em Pernambuco

625
0

Celpe unifica identidade visual e muda nome para Neoenergia Pernambuco

Justiça Federal em Pernambuco (JFPE) determinou que a Neoenergia explique o aumento médio de 18,98% na conta de luz no estado. A concessionária tem cinco dias para apresentar as justificativas para o reajuste, que entrou em vigor. O reajuste foi autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica na última terça-feira (26). A mudança afeta cerca de 3,8 milhões de clientes no estado, segundo a Neoenergia. Com o aumento, quem paga R$ 100 de conta de luz passará a desembolsar R$ 120.

A decisão é do juiz da 10ª Vara Federal em Pernambuco, Nivaldo Batista Júnior. Ele acatou um pedido encaminhado pelo deputado federal Felipe Carreras.

Segundo a Justiça, depois desse prazo, o magistrado vai decidir se mantém ou derruba o reajuste. A JFPE informou que é comum ouvir “a parte contrária” antes de apreciar o pedido liminar de tutela de urgência.

Por meio de nota, a Neoenergia informou que ainda não foi oficialmente notificada. Também no comunicado, a concessionária disse que “reitera a legalidade do reajuste definido e homologado pela Aneel.

“As distribuidoras de energia são a ponta de uma cadeia que absorve todos os custos de produção, transporte da energia e tributos, honrados previamente ao pagamento pelos clientes”, afirmou.

G1 Foto Reprodução Agencia Brasil

Previous articleImportância das Tecnologias Digitais na Farmácia foi destaque em palestra na UniFTC de Juazeiro
Next articleConcurso publico. Inscrições para professor efetivo da UNIVASF com 50 vagas terminam hoje, dia 04 de maio, às 18 horas