Sistema de audiência ainda será priorizada nesta fase  

Acabar com Justiça do Trabalho provocaria “abalo” republicano | Sindicato  dos Bancários

A partir da próxima quinta (1°), começa a segunda etapa da retomada de atividades da Justiça do Trabalho e,  com isso, a volta gradual das audiências de instrução  nas Varas do Trabalho e nos Postos Avançados do TRT, em Pernambuco. As audiências permanecerão sendo determinadas de forma, preferencialmente, em formato de videoconferência.

De acordo com o advogado trabalhista, Erick Marques, esse sistema remoto será para as pessoas que possuírem aparelho celular ou computador, com internet, que suportem o sistema indicado pelo tribunal. “Caso o equipamento não comporte tal tecnologia ou a internet não tenha capacidade ideal, é indicado que a pessoa informe ao advogado para não ter prejuízos no processo”, explica.

Já as audiências unas ou de instrução, poderão ser realizadas presencialmente com determinação dos horários de início, intervalo mínimo de 1h, nas Varas do Trabalho ou nos Postos Avançados. Haverá também rodízio entre as vinte e três Varas do Trabalho do Recife, com alternância semanal por grupo de varas de numeração ímpar e par, começando pelas numerações ímpares. Além disso, todo acesso às audiências será restrito aos participantes das audiências: partes, advogados e testemunhas.

Ainda de acordo com doutor Erick, é importante salientar que é de grande importância que o reclamante esclareça as dúvidas, inclusive quanto ao seu comparecimento e o das testemunhas. “Caso as testemunhas não compareçam de forma espontânea, elas receberão uma carta convite para que estejam prontas para ser ouvidas no horário marcado para as audiências”, explica.

Caso a testemunha não compareça à audiência de instrução e os pedidos forem relacionados ao motivo do processo, o reclamante ficará prejudicado e poderá arcar com o valor de honorários do advogado da parte contrária, em cima dos pedidos que não conseguir provar. Exemplos como horas extras, intervalo não concedido, acúmulo ou desvio de função e assédio moral são alguns exemplos de pedidos que devem ser comprovados com o depoimento das testemunhas.

SERVIÇO: 

Erick Marques & Advogados Associados 

Endereço: PREZERES – Estrada da Batalha, n° 59 – 1° andar, sl 1 e 2

BOA VISTA – Rua da Aurora, n° 295, sl 309, ed. São Cristóvão

Fone: (81) 3376 7394 / 98353 2909 / 99899 5671

Instagram: @erickmarquesadv

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui