A conscientização ainda é a melhor forma de combater a disseminação do coronavírus, que tem causado mortes e muita apreensão em todo o mundo. Com base nessa argumentação, o Comitê ‘Petrolina no Combate ao Coronavírus – formado por entidades dos setores da economia, cultura e segurança pública – lança nesta segunda (06), a campanha ‘Vai passar, mas só se você fizer a sua parte’.

O objetivo é sensibilizar a população sobre a importância de redobrar a atenção para cuidados como o uso de máscara sempre que precisar sair de casa, higienizar as mãos corretamente com água e sabão, além do álcool em gel; bem como evitar aglomerações. Com a campanha, o Comitê pretende estimular as pessoas a só saírem de casa se de fato houver necessidade, ao mesmo tempo que possam utilizar de várias alternativas para continuarem ajudando o comércio local: compras através de sites e redes sociais, WhatsApp, delivery, além de compras físicas programadas. A ideia é realmente evitar a disseminação da Covid 19.

Com a liberação gradual das atividades econômicas, há um mês, os setores representados no Comitê sentiram a necessidade de envolver a sociedade nesta luta, dentro de um contexto de responsabilidade social coletiva.

Campanha
A campanha será dividida em ações estratégicas e pontuais junto aos consumidores, com a participação de grupos teatrais abordando o tema de forma lúdica e educativa nas ruas; além da veiculação de spots na programação local das emissoras de rádio, matérias nos blogs e TV, testemunhais, outdoors espalhados pela cidade e, claro, redes sociais e grupos de WhatsApp. A proposta é, de fato, engajar o maior número de pessoas possível.

Comunicação
O conceito da campanha foi criado pelas assessorias de imprensa e marketing das instituições envolvidas no Comitê. Jornalistas e publicitários resolveram unificar a linguagem utilizada para que a campanha possa atingir o êxito esperado, com um alcance significativo de pessoas. Cada assessoria se responsabilizará, também, pela divulgação junto ao público alvo de cada entidade.

Além de 22 entidades ligadas ao comércio, estão envolvidas ainda instituições como CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) e Sindilojas, Prefeitura de Petrolina, OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Fasj (Faculdade São Francisco de Juazeiro), River Shopping, Fiepe e entidades do Sistema S.(Ascom)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui