STF vê com ressalvas portaria de Moro para deportar estrangeiros

Um dos pontos que mais chama a atenção é o que estabelece que o alvo do pedido terá 48 horas para apresentar a sua defesa

Mônica Bergamo – Folha de S.Paulo

A portaria baixada por Sergio Moro que permite a deportação sumária de estrangeiros “perigosos” do Brasil está sendo vista com ressalvas no STF (Supremo Tribunal Federal). Um dos pontos que mais chama a atenção é o que estabelece que o alvo do pedido terá 48 horas para apresentar a sua defesa.

Em 48 horas, afirmam ministros, a pessoa não consegue encontrar um advogado, esclarecer as denúncias de que é acusada e apresentar uma defesa formal.

A deportação ordinária, prevista na Lei de Migração, concede um prazo de 60 dias para o acusado.

Moro está preocupado com a tramitação da proposta na Câmara dos Deputados, onde ela será primeiro apreciada e também sofre resistência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui