A Diretoria de Ensino e Pesquisa do Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina comemorou, a conclusão de mais uma turma dos Programas de Residência em Medicina (Pediatria, Ginecologia/Obstetrícia e Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia) e Enfermagem (Obstetrícia e Saúde da Criança).

A  pediatra e diretora do DEP, Angélica Guimarães, celebrou a conquista e os 10 anos de atividade de ensino do HDM/IMIP. “Foi um momento muito importante e significativo para todos nós”, ressalta.

O evento foi repleto de emoção. Não faltaram discursos emocionados, relatos, agradecimentos e houve até quem se arriscou pela poesia e pelo cordel. O que as palavras não disseram, os olhos marejados entregaram.

O especialista em medicina fetal e preceptor de R4 em Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia, Marcelo Marques, foi um dos que não escondeu a honra de participar do momento. “Sem dúvida, esse é um marco para a história do Dom Malan e do ensino e pesquisa na região”, relatou.

Muitos também foram os elogios aos profissionais, que saem da experiência com o título e uma bagagem enorme de amizades, aprendizado, gratidão e experiência de vida. “Vocês agora fazem parte do nosso exército e espero que lutem pela saúde pública”, deixou Angélica como recado.

No que depender do superintendente Etiel Lins, a missão está fácil de ser cumprida. “Esperamos que todos fiquem. Afinal, nós formamos profissionais de extrema qualidade técnica, empáticos e humanos. Petrolina precisa de vocês e o Hospital Dom Malan também”, disse no momento final da solenidade.

Receberam o título de especialistas 10 médicos (sendo 7 de Pediatria, 2 de Ginecologia e Obstetrícia,  e 1 de Ultrassonografia em GO) e 8 enfermeiros (5 Enfermeiros Obstetras e 3 Enfermeiros em Saúde da Criança).(Ascom)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui