Em virtude da pandemia do novo Coronavírus, o Governo da Bahia anunciou nesta quinta que decidiu pagar as contas de água e luz das famílias mais vulneráveis pelos próximos três meses. Segundo o governador da Bahia, Rui Costa, 677.524 mil famílias que consomem até 80 kilowatt (kW) por mês terão suas contas de energia pagas pelo Estado.

Já os clientes da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) com consumo de um volume de até 25 metros cúbicos de água por mês também terão os tributos pagos pelo governo baiano, durante o mesmo período. Rui Costa informou ainda que o projeto de lei que viabilização a ação será enviado para apreciação da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) nesta quinta-feira (2). A previsão é que as duas medidas juntas representem um impacto de R$ 50 milhões nas contas do governo.

“Espero que esse projeto seja aprovado o mais rápido possível. Trata-se de mais uma iniciativa para ajudar quem mais precisa, pessoas em situação de extrema pobreza inscritas no CadÚnico. São mais de 860 mil de baianos que se encaixam nesses critérios e vão poder economizar o dinheiro que seria usado para pagar a conta de água. Além disso, as 677 mil ligações de energia elétrica beneficiam diretamente mais de dois milhões de pessoas que residem na Bahia. Juntos, esses valores representam mais do que uma cesta básica, por exemplo”, explicou o governador.(Ascom)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui