Durante apresentação do boletim diário do coronavírus em Pernambuco, nesta segunda-feira (20), o secretário estadual de Saúde alertou a população sobre os efeitos da baixa adesão ao isolamento social

O isolamento social ainda é a medida mais eficaz para conter a proliferação do novo coronavírus, de acordo com entidades sanitárias e a Organização Mundial da Saúde. No entanto, Pernambuco tem apresentado uma diminuição no número de pessoas aderindo ao ato de ficar em casa. Segundo o secretário estadual de Saúde, André Longo, o Estado registra 50% de isolamento social, quando o ideal seria ter 70% da população adotando a medida.

“Gostaríamos de fazer um apelo à população pernambucana. Diante do que temos visto em relação ao índice de isolamento que tem caído, nos traz grande preocupação e temor sobre as consequências dessa redução. Apesar dos esforços que o governo tem feito para que a rede pública tenha estrutura para combater os efeitos do coronavírus, a gente sabe que todos os modelos matemáticos apontam para um aumento do número de casos e, consequentemente, de mortes. Se a gente não fizer o isolamento mais adequado, resultará numa curva mais acelerada, mais íngreme de crescimento da epidemia e maior número de óbitos no estado e no país”, disse.

Pernambuco conta com 300 leitos de UTI para a covid-19 e já registra ocupação de 99% deles. Os números apresentados diariamente pela Secretaria Estadual de Saúde continuam sendo preocupantes. “O passo que estávamos à frente da epidemia não existe mais. Agora estamos alinhados, epidemia e quantidade de leitos. Esse número impõe situação crítica que já coloca algumas pessoas na fila aguardando por mais tempo do que deveria por um leito de UTI e preocupando todos os dias se abre um novo leito”, destacou.

Estados 26/2 — 20/04 Mortes Letalidade
Acre
0176
8 4,5%
Amazonas
02,2k
185 8,6%
Amapá
0433
13 3,0%
Pará
0902
35 3,9%
Rondônia
0160
4 2,5%
Roraima
0244
3 1,2%
Tocantins
034
1 2,9%
Total – Norte
04,1k
249 6,1%
Alagoas
0171
18 10,5%
Bahia
01,3k
46 3,4%
Ceará
03,5k
198 5,7%
Maranhão
01,3k
54 4,1%
Paraíba
0245
32 13,1%
Pernambuco
02,7k
234 8,7%
Piauí
0158
12 7,6%
Rio Grande do Norte
0595
27 4,5%
Sergipe
086
5 5,8%
Total – Nordeste
010,1k
626 6,2%
Espírito Santo
01,2k
33 2,8%
Minas Gerais
01,2k
41 3,4%
Rio de Janeiro
04,9k
422 8,6%
São Paulo
114,6k
1 037 7,1%
Total – Sudeste
121,8k
1 533 8,3%
Distrito Federal
0872
24 2,8%
Goiás
0403
19 4,7%
Mato Grosso do Sul
0171
5 2,9%
Matro Grosso
0181
6 3,3%
Total – Centro-Oeste
01,6k
54 3,3%
Paraná
01k
51 5,1%
Santa Catarina
01k
35 3,4%
Rio Grande do Sul
0889
27 3,0%
Total – Sul
02,9k
113 3,9%
Brasil
140,6k
2 575 7,0%

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui