Home Sem categoria Feriado em Petrolina e Juazeiro. Entenda por que dia 21 de abril...

Feriado em Petrolina e Juazeiro. Entenda por que dia 21 de abril é feriado no Brasil

388
0

Getty Images

No dia 21 de abril se comemora o Dia de Tiradentes, que remete à morte do mineiro Joaquim José da Silva Xavier, em 1792. Considerado um herói nacional, recebeu esse apelido por sua profissão de dentista amador.

Quem foi Tiradentes?

Joaquim José da Silva Xavier nasceu no dia 12 de novembro de 1746 na cidade de Pombal, hoje chamada Tiradentes, em Minas Gerais.

Além de dentista, Tiradentes também tentou a sorte como tropeiro, minerador e mascate, além do posto de alferes da cavalaria de Dragões Reais de Minas. Tiradentes envolveu-se na Inconfidência Mineira, um dos movimentos revolucionários libertários do século XVIII.

O quinto e a derrama

Intelectuais como Cláudio Manuel da Costa e Tomás Antônio Gonzaga, ambos poetas, se juntaram com o objetivo de tirar o então governador da Capitania de Minas Gerais, Visconde de Barbacena.

O motivo para eles se virarem contra o Império Português era a pressão econômica sofrida na época, devido ao ouro produzido na Capitania. A Coroa Portuguesa cobrava o chamado quinto, que era o equivalente a cerca de 20% do total extraído.

O problema agravou-se ainda mais ainda quando a Coroa autorizou a implementação da chamada derrama, que obrigava os mineradores a cobrirem com suas posses o que faltava na quantia do quinto

A Inconfidência Mineira

A Inconfidência Mineira é como ficou conhecida a revolta de caráter separatista organizada na Capitania das Minas Gerais, no final do século XVIII. A conspiração dos inconfidentes foi idealizada em 1788 para que as ações passassem a se realizar no ano seguinte.

Prisão e morte

No processo de julgamento da prisão, muitos inconfidentes negaram sua participação no envolvimento, com exceção de Tiradentes, que reconheceu abertamente seu envolvimento. Alguns historiadores também afirmam que envolvidos denunciaram o papel de Tiradentes na conspiração.

Ele foi preso em 10 de maio de 1789 e a sentença dos inconfidentes saiu em 1792, que determinou a pena de morte por enforcamento a dez pessoas. Entretanto, por intermédio da Rainha D. Maria I, nove dos envolvidos na Inconfidência foram perdoados e expulsos do Brasil, enquanto a sentença de morte foi mantida apenas para Tiradentes. Ele foi enforcado na manhã de 21 de abril de 1792, na cidade do Rio de Janeiro.

Heroificação

A imagem de Tiradentes como herói foi construída com a Proclamação da República. Os republicanos desejavam exaltar as figuras de republicanos brasileiros em contraposição aos tempos de monarquia e Tiradentes foi escolhido pelo caráter da sua condenação. Republicano convicto, foi exaltado como um mártir do movimento republicano e um herói nacional.

O dia de sua execução, 21 de abril, foi estabelecido como feriado nacional, como uma forma de relacionar Tiradentes como mártir e herói.

Previous articleCom emendas de Odacy e articulação da deputada Dulci Amorim, produtores e agricultores do Sertão ganharão Centro de Comercialização
Next article“A Exportação ao seu Alcance” desmistifica atuação no Comércio Internacional para empresários