Home Sem categoria FIEPE discute problema e soluções econômicas e sociais dos resíduos sólidos

FIEPE discute problema e soluções econômicas e sociais dos resíduos sólidos

101
0

 

O Brasil é um dos países que mais gera resíduos sólidos e despeja na natureza materiais, substâncias e objetos descartados. No entanto, resíduo sólido reutilizado e reciclado é um bem econômico de grande valor social que gera renda, trabalho e promove cidadania. As conclusões acima são do último estudo/relatório da Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe) e foram o tema principal, na tarde desta quarta-feira (14), da reunião remota do Conselho Empresarial da Unidade Regional do Sertão do São Francisco da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (URSF/FIEPE).

No encontro, o CEO da Sanvale Soluções Ambientais, Rogério Ribeiro, começou a apresentação fazendo um histórico da geração de resíduos no país, onde de 2010 a 2019 foi registrado um incremento de 67 milhões para 79 milhões de toneladas por ano. Lembrando que o problema, responsável por danos e riscos à saúde pública e ao meio ambiente, está presente em todas as regiões brasileiras, ele exemplificou que somente no Nordeste existem ainda 1.309 lixões, uma destinação final ambientalmente inadequada.

Depois de enumerar algumas soluções economicamente viáveis, de acordo com a legislação e as tecnologias atualmente disponíveis e previstas na Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), o especialista falou também sobre os maiores gargalos (logística reversa e reciclagem) e alertou que ainda temos muito que avançar em coleta seletiva.

“Precisamos de grandes investimentos, um maior planejamento do setor, por meio de políticas públicas e privadas, para se atingir a universalização da destinação ambientalmente adequada ao que hoje é despejado a céu aberto, lançado na rede de esgotos ou simplesmente queimado em nossas cidades. E isso só será possível se tivermos e colocarmos em prática a educação ambiental”, concluiu.

FIEPE discute problema e soluções econômicas e sociais dos resíduos