Home Sem categoria Fenagri 2021 será realizada em Petrolina e vai ter como tema ‘Agricultura...

Fenagri 2021 será realizada em Petrolina e vai ter como tema ‘Agricultura 4.0: Tecnologia e Inovação’  

115
0

Com o tema ‘Agricultura 4.0: Tecnologia e Inovação’, 28ª edição da Feira Nacional da Agricultura Irrigada – FENAGRI foi assunto de uma reunião nesta quarta-feira (20), entre o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Flávio Guimarães; o secretário executivo de Desenvolvimento Econômico, Thiago Brito e do presidente da Valexport, José Gualberto, parceiro executor do evento, para tratar de ações da operacionalização da Feira e definição do seu lançamento oficial.

A Fenagri tem como objetivo fortalecer e ampliar as relações do agronegócio em toda a cadeia produtiva, contribuindo para a consolidação do Brasil como produtor de frutas, desenvolver o mercado interno e externo e, de modo especial, abrir possibilidades de sucesso para os investimentos no Vale do São Francisco e a introdução de novas culturas.

 “A Fenagri 2021 tem como importante vetor o desenvolvimento da fruticultura irrigada, as novas tecnologias aplicadas e tendências para todo ecossistema do agronegócio, inclusive para a agricultura familiar da região do Vale do São Francisco. A introdução de novos conhecimentos oferecerão o suporte para a geração de novos negócios que fazem da região semiárida do Estado, um polo constante de desenvolvimento”, destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Flávio Guimarães.

A Feira contará com a realização de um grande fórum de debates com nomes importantes do setor, mas também de áreas da economia e do setor público, além de oficinas, seminários, visitas técnicas e encontros empresariais. O evento está previsto para ser realizado de 06 a 09 de outubro, no novo pátio de eventos Ana das Carrancas, em Petrolina.

“Vamos continuar acompanhando o andamento da pandemia no município e, juntamente com a equipe ir montando o formato da Feira. Porém, seguiremos todos os protocolos de segurança”, pontuou o secretário.(Ascom)