Home Sem categoria Estudantes gaúchas criam copo contra ‘Boa noite, Cinderela’

Estudantes gaúchas criam copo contra ‘Boa noite, Cinderela’

639
0

Jovens estudantes de 16 e 17 anos ganharam bolsa do Sesi de Gravataí para dar procedimento a testes e conseguir lançar o produto no ano que vem

Alunas do Sesi Gravataí desenvolveram copo que pode ser usado em baladas para evitar crimes
Alunas do Sesi Gravataí desenvolveram copo que pode ser usado em baladas para evitar crimes Divulgação

Por O Globo — Rio de Janeiro – Um grupo de alunas da Escola Sesi de Gravataí, no Rio Grande do Sul, desenvolveu um copo que conta com um reagente químico capaz de identificar em segundos a presença em bebidas do ácido gama-hidroxibutírico (GHB), conhecido popularmente como o “Boa noite Cinderela”, ou “a droga do estupro”, que é usado por criminosos, sobretudo em festas e baladas, para cometer crimes sexuais.

O item foi criado pelas estudantes Natally Souza, de 16 anos, Giovanna Freitas, Giovanna Moraes e Nicolli Marques, de 17, que dizem ter se preocupado com a quantidade de casos de violência contra a mulher com o uso da substância que estavam sendo veiculados na mídia. Elas utilizaram um reagente químico, que ao entrar em contato com a droga, faz com que o copo mude para uma cor avermelhada, alertando imediatamente sobre o envenenamento.

O GHB é usado por criminosos no intuito de dopar as vítimas deixando-as vulneráveis a sequestros, roubos, assaltos e abusos sexuais. A reação é tão forte que, muitas das vezes, quem acaba drogado com a substância sequer se lembra das violências sofridas.

Previous articleCinco dicas para baixar a pressão arterial rapidamente
Next articleDo Passado ao Presente: novo álbum da Calcinha Preta chegou em todas as plataformas digitais