Home Sem categoria Cinco temas que podem cair na redação do Enem e vestibulares

Cinco temas que podem cair na redação do Enem e vestibulares

118
0

Além de se manter atualizado, é importante que o aluno se organize e siga alguns passos para fazer uma boa prova

A redação é parte fundamental das notas dos vestibulares e do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Em alguns processos seletivos é eliminatória, pois muitas instituições de ensino valorizam as produções textuais e avaliam as técnicas de escrita, a capacidade de organização de ideias e estruturação coerente de conteúdo, as habilidades de argumentação, o domínio do vocabulário e as analogias às vivências de cada estudante.

Por isso, a coordenadora de Redação do Curso Poliedro, Fabiula Neubern, sugere que os alunos treinem bastante. “É recomendável produzir um texto por semana para aprimorar a agilidade em planejar e executar a escrita dissertativa, com grande atenção à gramática, cada vez mais exigida nas provas. Também é importante que desenvolvam o hábito de leitura para enriquecer o vocabulário e aumentar o conhecimento sobre as regras gramaticais, a compreensão acerca das atualidades e o “modus operandi” da argumentação”, diz Fabiula.

Confira algumas dicas de Fabiula para ter um bom desempenho nas redações:

1. Leia a frase ou recorte temático atentamente, já sublinhando as palavras-chave para delimitar o tema e o seu recorte.  

2. Leia cuidadosamente os textos motivadores. Isso pode ajudar na composição do projeto de texto. Segundo Fabiula, esse projeto é uma espécie de esqueleto, ou seja, um conjunto de anotações do tipo: qual será a minha tese, isto é, meu posicionamento? Qual ou quais referências externas vou usar? Qual a ideia central de cada parágrafo de desenvolvimento? Qual será a proposta de intervenção? A organização é necessária, já que é uma das habilidades observadas em qualquer texto dissertativo-argumentativo.  

3. Para escrever o texto, alguns alunos fazem um rascunho completo, outros escrevem os primeiros parágrafos em rascunho e partem para a folha oficial. Outros, ainda, escrevem o texto todo diretamente na folha oficial a partir do projeto. Cada um define a estratégia que o deixa mais seguro e confortável. Independentemente da tática escolhida, é fundamental fazer uma revisão gramatical ao final. 

4. Não deixe a redação para o final. Cada pessoa deve desenvolver a sua estratégia, ou seja, aquela que a deixa mais confortável. Porém, a coordenadora não recomenda que se deixe a redação para o final da prova porque o aluno ou aluna pode se perder com o tempo e não conseguir concluir o texto.

Confira 5 linhas de pensamento para prováveis temas neste ano

Segundo Fabiula, independentemente do tema que será proposto pelo processo seletivo, é certo que terá relações com a pandemia de Covid-19. Então, algumas linhas de raciocínio são possíveis:

– As transformações na medicina, como a maior utilização da telemedicina;  

– Os benefícios do SUS para a saúde pública;  

– Os desafios do uso da tecnologia no âmbito educacional;  

– A universalização do saneamento básico no Brasil;  

– O combate aos maus tratos dos animais.