Home Sem categoria Canal do Sertão: Guilherme Coelho inicia caravana pelo projeto que levará irrigação...

Canal do Sertão: Guilherme Coelho inicia caravana pelo projeto que levará irrigação a 15 municípios do Sertão

296
0
Guilherme Coelho, Lucinha Mota e Lamarth Piancó, e a candidata à deputada federal, Glaucia Andrade

Nesta sexta-feira (02), o candidato a senador, Guilherme Coelho, deu início a uma série de encontros com as comunidades regionais para viabilizar o Canal do Sertão Pernambucano, projeto que levará irrigação para 15 municípios do estado. As primeiras reuniões aconteceram nas cidades de Afrânio e Dormentes, e contaram com a participação dos candidatos a deputados estadual, Lucinha Mota e Lamarth Piancó, e a candidata à deputada federal, Glaucia Andrade, entre outras autoridades políticas locais.

O Canal do Sertão foi idealizado pelo ex-deputado Osvaldo Coelho para levar progresso, através da irrigação para os municípios de: Afrânio, Dormentes, Santa Filomena, Santa Cruz, Ouricuri, Trindade, Araripina, Ipubi, Bodocó, Exu, Moreilândia, Granito, Cedro, Serrita, Parnamirim. O objetivo é potencializar a produção agropecuária local, como também oportunizar a introdução de outras lavouras, a exemplo da fruticultura.

Afrânio e Dormentes são referências na caprinovinocultura, mas a escassez de água dificulta e encarece a produção. Muitos criadores da região precisam recorrer à implantação de poços artesianos, para amenizar os problemas. É o que explicou o criador do município de Dormentes, José Adenilson Gomes. “Os poços nos ajudam a manter alguma fonte de água para os animais consumirem, mas eles são caros, muita gente não tem condições de fazer um em suas propriedades”, contou.

Os criadores ainda têm gastos altos com a compra de rações. Com terras irrigadas, será possível produzir milho, sorgo, entre outros alimentos para a criação. A queda nos custos de produção poderá repercutir no preço final da carne, beneficiando os consumidores.

Segundo Guilherme Coelho a irrigação vai proporcionar o desenvolvimento não apenas no campo, mas também nas cidades. “A água não vem sozinha. Com ela vem educação, segurança, saúde, empregos no comércio e na indústria. É prosperidade para todos. Já fizemos em Petrolina e vou fazer por toda a região”, garantiu.

A caravana do Canal do Sertão ainda promoverá mais três encontros nos municípios do sertão do Araripe.(Ascom)

Previous articleEnquetes sobre intenção de voto estão proibidas; quem as fizer poderá ser notificado pelo TSE
Next articleÉ hoje(04), João Gomes no Rock Rio na Arena Itaú! Ele quer surpreender o evento com o piseiro