Após registrar menos de mil mortes mortes pela Covid-19 diariamente por cinco dias seguidos, o Brasil voltou a confirmar nesta terça-feira (15/9) mais de mil fatalidades pela doença nas últimas 24 horas. De segunda-feira (14/9) para hoje, o Ministério da Saúde confirmou mais 1.113 vidas perdidas. Com isso, o país já soma 133.119 mortes pelo novo coronavírus. Além disso, novos 36.653 casos foram confirmados. Desde o início da pandemia, 4.382.263 brasileiros já foram infectados pelo vírus.

Com uma taxa de mortalidade de 3%, o Brasil vê que a maioria dos seus estados já somam mais de mil mortes cada. Atualmente, 23 estados já atingiram a marca de mil mortes cada. O Mato Grosso do Sul foi o último a atingir este patamar. O estado, que soma 1.106 óbitos, ocupa o 23º lugar do ranking dos estados que mais perderam vidas para a doença até o momento.

Abaixo de Mato Grosso do Sul estão apenas quatro estados, que são os únicos com menos de mil mortes cada. São eles: Tocantins (822), Amapá (682), Acre (642), Roraima (611). No topo da tabela, São Paulo e Rio de Janeiro são as únicas unidades federativas com mais de 10 mil mortes. O estado paulista lidera o ranking negativo de mortes provocadas pela covid-19, com 32.963 vidas perdidas pelo novo coronavírus; no Rio são 17.180 vítimas.

Em seguida estão: Ceará (8.739), Pernambuco (7.914), Pará (6.387), Minas Gerais (6.328), Bahia (6.040), Rio Grande do Sul (4.174), Paraná (3.918), Amazonas (3.907), Goiás (3.885), Maranhão (3.601), Espírito Santo (3.372), Mato Grosso (3.124), Distrito Federal (2.970), Paraíba (2.649), Santa Catarina (2.569), Rio Grande do Norte (2.326), Alagoas (1.991), Piauí (1.988), Sergipe (1.962) e Rondônia (1.269).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui