A Usina Solar Fotovoltaica Flutuante, da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), é o maior projeto de pesquisa e desenvolvimento desse tipo de tecnologia flutuante no país, em reservatório de hidrelétrica. (Foto: Chesf/Divulgação

O presidente da República, Jair Bolsonaro, estará na Bahia na próxima segunda-feira (5) para inaugurar a primeira etapa da Usina Solar Fotovoltaica Flutuante, no reservatório de Sobradinho. Ele virá acompanhado do ministro de Minas e Energia, Bento Costa Lima Leite, e do presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Junior. O evento de inauguração acontece a partir das 10 horas.

A Usina Solar Fotovoltaica Flutuante, da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), é o maior projeto de pesquisa e desenvolvimento desse tipo de tecnologia flutuante no país, em reservatório de hidrelétrica. A plataforma flutuante já instalada em Sobradinho tem 7,3 mil módulos de placas solares, área total de 10 mil metros quadrados e capacidade de gerar 1 megawatt-pico (MWp). A usina terá capacidade de abastecer 20 mil casas populares.

Outros 4 MWp deverão ser instalados em 2019. Quando o projeto estiver concluído, com 5MWp, a usina flutuante deverá contar com 35 mil módulos e 50 mil metros quadrados de área sobre o reservatório de Sobradinho. O investimento total da Chesf é R$ 56 milhões.

Em nota, a Chesf diz que tem “grande orgulho de receber em suas instalações o Presidente da República, para prestigiar um projeto voltado para a inovação de tecnologia do Setor Elétrico realizado por uma empresa estatal, com uma linha de pesquisa ambientalmente sustentável, mostrando o seu compromisso com o desenvolvimento da Região Nordeste do Brasil”.

Esta é a segunda vez que o presidente estará na Bahia. No último dia 23 de julho ele esteve em Vitória da Conquista onde inaugurou o Aeroporto Gluaber Rocha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui