Em novas fotos encaminhadas a imprensa, o Assessor de Comunicação da Polícia Federal em Brasília João Barconi reitera a informação contestando notas de Partidos Políticos e Movimentos Sociais da região do Vale do São Francisco de que houve conflito no cumprimento do Mandado de reintegração de posse impetrado pela Codevasf em assentamentos do MST, em Juazeiro e Casa Nova.

Segundo João Barconi, nesta segunda-feira, 25, a Polícia Federal, com apoio de outros órgãos de segurança pública e do Poder Judiciário Federal, deu cumprimento a mandados de reintegração de posse em favor da Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba).

As localidades em questão foram ocupadas pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e são conhecidas como Acampamentos Irani I e II e Abril Vermelho, localizados nos municípios de Juazeiro e Casa Nova. A área ocupada totalizou aproximadamente 1.727 hectares (19 lotes).

O início da invasão ocorreu em 2012 quando a área em questão já havia sido destinada ao projeto de irrigação SALITRE. Neste ano ainda, a Codevasf entrou com uma ação judicial pedindo a reintegração de posse, porém, penas recentemente, já no ano de 2019, o processo judicial foi sentenciado. A decisão foi expedida pela Justiça Federal de Juazeiro, que também determinou ao INCRA o assentamento das pessoas que ocupavam irregularmente a área da CODEVASF.

A desocupação ocorreu de maneira pacífica em todas as áreas, sem confronto entre os invasores e policiais. A Codevasf disponibilizou ônibus para conduzir as pessoas até a nova área destinada e caminhões para conduzir os bens pessoais até essa nova localidade.

A ação contou com a participação do COT, CAOP, PRF, GPIs de BA, PB, CE, SE, TO, MG e MA, CODEVASF, PMBA, PMPE e CBM/BA. Ainda segundo Barconi, os agentes da Polícia Federal distribuíram lanches e cestas de alimentação para famílias, em especial aquelas com crianças e idosos. “Reiteramos, não houve nenhum confronto com as pessoas que saíram da área pacificamente” concluiu.(Blog de Geraldo Jose)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui