Home Sem categoria Alepe é homenageada nos 200 anos do Tribunal de Justiça

Alepe é homenageada nos 200 anos do Tribunal de Justiça

52
0

Resultado de imagem para Alepe é homenageada nos 200 anos do Tribunal de Justiça

Os duzentos anos de criação do Tribunal de Justiça de Pernambuco foram comemorados, nesta segunda, com celebração ecumênica de Ação de Graças e entrega de Medalha Comemorativa do Mérito Judiciário a todos os desembargadores e diversas personalidades. Entre os homenageados, o governador Paulo Câmara e o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eriberto Medeiros, do PP.

A solenidade ocorreu na Sala de Sessões do Pleno do Tribunal de Justiça e, devido à pandemia, foi de forma híbrida – presencial e virtual. Em seu discurso, o presidente da Alepe, Eriberto Medeiros, destacou a importância do diálogo e da parceria entre os Poderes para que a população tenha mais conquistas.  Ele destacou que essa questão ganha mais importância ainda devido ao momento de enfrentamento à Covid-19 e citou alguns programas que a Assembleia já vem realizando com essas parcerias. “A união do Executivo, do Legislativo e Judiciário, principalmente, tem sido constante e essas parcerias não param só por aí. Tivemos a oportunidade de fazer algumas parcerias, como o Alepe Acolhe, o Alepe Cuida, tratando e cuidando dos adolescentes que estavam em estado de vulnerabilidade, com dificuldades. A Assembleia pôde acolhê-los para um estágio e para colocá-los no mercado de trabalho”.

O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Fernando Cerqueira, também reforçou o diálogo entre os Poderes e ressaltou que, hoje, o Judiciário, sem esquecer o seu passado, busca as melhores condições tecnológicas para atender bem a população. “O Tribunal tem um compromisso muito grande com a sociedade, sempre teve, e, mirando-se no passado e com os olhos para o futuro, nós temos o desafio muito grande, de dotar o Poder Judiciário do Estado de Pernambuco de todas as condições, hoje tecnológicas, para que atenda bem a população e possa realmente representar, ser um ícone da Justiça dentro de Pernambuco”.

O Tribunal de Justiça de Pernambuco – o quarto do Brasil e o último do período colonial – foi criado em 6 de fevereiro de 1821. Mas a Justiça no Estado foi instalada no período das capitanias hereditárias e, antes, era subordinada ao Estado da Bahia, conforme lembrou o desembargador Fernando Cerqueira.(Ascom)