Clinical_Center Petrolina Clinical_Center Petrolina

Veja a repercussão do ataque a escola em Suzano-SP

Políticos e personalidades lamentaram o ataque em uma escola na cidade de Suzano (SP), onde dois adolescentes encapuzados mataram a tiros oito pessoas e depois cometeram suicídio. As fotos são do Portal G1.

Veja abaixo a repercussão do ataque:

Alessandro Molon, deputado federal (PSB)

“Chocado e entristecido com as primeiras notícias do tiroteio numa escola em Suzano. As informações até agora dão conta de crianças mortas… Que tragédia!”

Carla Zambelli, deputada federal (PSL)

“Estamos consternados com a notícia do assassinato de várias pessoas, incluindo crianças, na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano. Aguardando informações sobre as vítimas. Que Deus proteja a todos nós!”

Ciro Gomes, político brasileiro

“Uma tragédia que aconteceu em Suzano. Que Deus conforte as famílias e amigos”.

Davi Acolumbre, presidente do Senado Federal

“É com perplexidade que recebi, a notícia do tiroteio no Colégio Estadual Raul Brasil, em Suzano-SP. Eu me solidarizo às famílias das vítimas e espero que as reais causas dessa tragédia sejam descobertas”.

Fernando Haddad, político e ex-ministro da Educação

“Que tristeza! Minha solidariedade à comunidade da escola em Suzano. Que um dia tenhamos PAZ!”

Guilherme Boulos, coordenador do MTST e da Frente Povo Sem Medo

“Tragédia em Suzano: ao menos 5 jovens mortos a tiros por 2 adolescentes, que depois se mataram. Nossa solidariedade aos familiares e a toda comunidade escolar neste momento tão doído. É preciso dar um basta ao culto da violência, que apresenta armas como “ideal de força”.

Janaina Paschoal, deputada estadual, professora de direito e advogada

“Meu Pai, não há o que dizer diante das crianças e da diretora mortas em Suzano! Muita tristeza!”

Jandira Feghali, deputada federal (PCdoB)

“A quem interessa um país dividido pelo ódio e armado? Quantas tragédias mais teremos que viver? Quando haverá paz para as famílias destroçadas pela violência? Armas não são a solução”.

João Doria, governador de São Paulo

“Acabo de receber a triste notícia de que crianças foram cruelmente assassinadas na escola estadual Professor Raul Brasil, em Suzano. Até o momento temos informações preliminares. Cancelei toda agenda e estamos a caminho de Suzano p/ acompanhar o resgate e atendimento aos feridos”.

João Amoedo, fundador do partido Novo

“Lamentável este ato bárbaro que ocorreu na escola estadual em Suzano. Meus sentimentos e solidariedade às famílias das vítimas”.

Joice Hasselman, deputada federal (PSL)

“Tiroteio em escola estadual em Suzano: 8 mortos. Dois homens encapuzados seriam os autores. Ainda não há detalhes. Minha solidariedade aos pais, neste momento angústia”.

Luiza Erundina, deputada federal (PSol)

“É um absurdo a incompetência desse governo de SP que não garante segurança sequer nas escolas do Estado. A tragédia que ocorreu hoje em Suzano é prova disso e motivo de indignação. Nossa profunda e sentida solidariedade à direção, professores, pais, funcionários e alunos”.

Maisa, artista

“Não acredito 🙁 Meus sentimentos a todos. Estou orando por Suzano”.

Manuela D’Ávila, política

“Nossa solidariedade à comunidade escolar, famílias e à população de Suzano. Que tristeza!”

Maria do Rosário, deputada federal (PT)

“Este terrível atentado na escola em São Paulo é um dos resultados do ódio que vem sendo estimulado no Brasil. Mais armas geram mais violência, e não menos mortes, como dizem. Nós queremos paz. Minha solidariedade às famílias das vítimas”.

Marcelo Freixo, deputado federal (PSol)

“Minha solidariedade às famílias e amigos das vítimas da Escola Estadual Raul Brasil, em SP. Dois jovens assassinaram cinco estudantes, um funcionário e depois de suicidaram. Tragédias como essa mostram como o debate sobre o controle de armas precisa ser mais responsável”.

Marina Silva, ex-senadora

“É difícil conter as lágrimas diante do trágico ataque a tiros numa escola em Suzano, que causou a morte de alunos e uma funcionária. Este é um retrato perverso de uma crise maior em que a vida perde seu valor. Que Deus sustente as famílias e a todos nós nesse momento de dor”.

Paulo Teixeira, deputado federal (PT)

“Triste e lamentável! Espero que as crianças sobrevivam. E o governo Bolsonaro propondo liberar armas. Oito crianças são baleadas dentro de escola em Suzano, na Grande SP”.

Ricardo Vélez, ministro da Educação

“Recebo com muita tristeza a notícia de que crianças e um funcionário foram brutalmente assassinados na escola Prof. Raul Brasil, em Suzano, SP. Meus sentimentos às famílias. Expresso meu repúdio a essa manifestação de violência. Acompanharei de perto a apuração dos fatos”.

Rogério Carvalho, senador (PT)

“A cultura das armas não pode existir! O massacre em #Suzano expõe a fragilidade em se armar a população. É muito triste ver as crianças mortas. Somos contra a posse de armas e num decreto legislativo da bancada do @PTnoSenado exigimos isso. A luta em defesa da vida continua!”.

Sâmia Bomfim, deputada federal (Psol)

“Ao menos 8 crianças baleadas dentro de uma escola estadual em Suzano, região metropolitana de São Paulo. O ataque foi agora há pouco. As informações ainda são escassas. Seguimos acompanhando. Tudo indica uma tragédia”.

Wilson Witzel, governador do Rio de Janeiro

“Quero manifestar, mais uma vez, acabei de mandar mensagem para o governador João Doria, manifestar aqui a minha solidariedade irrestrita ao povo do Rio e de São Paulo e se preciso for estaremos à disposição. Essa trágica violência contra pessoas…A gente não consegue imaginar o que levam essas mentes doentias a fazer esse tipo de coisa. Estamos trabalhando muito pra combater a violência é muito triste ver essas coisas acontecerem”, disse o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel”.

Veja quem são as vítimas do ataque a escola de Suzano

Apolícia identificou as oito vítimas do massacre na escola estadual Raul Brasil, em Suzano (SP). Trata-se de duas funcionárias da instituição, cinco estudantes do ensino médio e um comerciante da região, além dos dois agressores, que se suicidaram na sequência do ataque.

Veja a lista das vítimas:

Funcionárias

Marilena Ferreira Vieira Umezo

Eliana Regina de Oliveira Xavier

Alunos

Pablo Henrique Rodrigues

Clayton Antônio Ribeiro

Samuel Melquíades Silva de Oliveira

Douglas Murilo Celestino

Caio Oliveira

Dono da loja de carros

Jorge Antônio Moraes, tio de um dos assassinos, Guilherme Taucci Monteiro, foi morto antes dos jovens entrarem na escola.

Assassinos

Guilherme Tauci Monteiro (17 anos)

Luiz Henrique de Castro (25 anos)

 





2 comments on “Veja a repercussão do ataque a escola em Suzano-SP”

  • Adriano disse:

    Presto minhas condolências aos familiares das vítimas do desumano atentado ocorrido hoje na Escola Professor Raul Brasil, em Suzano, São Paulo. Uma monstruosidade e covardia sem tamanho. Que Deus conforte o coração de todos!

    #JairBolsonaro
    Já que não foi postado pelo responsável pelo blog!

  • Adriano disse:

    “Presto minhas condolências aos familiares das vítimas do desumano atentado ocorrido hoje na Escola Professor Raul Brasil, em Suzano, São Paulo. Uma monstruosidade e covardia sem tamanho. Que Deus conforte o coração de todos!”

    #JairBolsonaro

    Palavras do nosso presidente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *