A pedido da Prefeitura de Petrolina, Eclusa da Barragem de Sobradinho volta a atender turistas dia de domingo

194339_192934330738047_100000644445367_543962_452437_o

Eclusa da Barragem de Sobradinho-BA

Com a ideia de valorizar e incentivar o turismo na região, a Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte, entrou em contato com a Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), que administra o reservatório de Sobradinho, solicitando que a eclusa da Barragem voltasse a funcionar aos domingos, já que desde fevereiro só estava funcionando até os sábados.

De acordo com a secretária Maria Elena, o fluxo de turistas é maior aos fins de semana e muitos estavam indo embora sem conhecer uma das belezas da nossa região: “Um dos passeios mais procurados é o de barco pelo Rio São Francisco. O ponto mais alto deste passeio é quando chega a eclusa da barragem de Sobradinho, por isso, para valorizar a nossa região e em respeito ao turista, solicitei o retorno dessa atividade aos domingos também”, explicou.

De acordo com Rogério Rocha, empresário do segmento de turismo, o serviço estava indisponível aos domingos desde fevereiro quando ocorreu um problema nos portões da eclusa do reservatório de Sobradinho. Ele informou ainda que com o retorno do passeio aos fins de semana, o turismo ficará mais aquecido na região.

Governo do estado


Paralisação UNEB no Campus Juazeiro-BA

foto2

Os   técnicos administrativos da Universidade do Estado da Bahia, campus III/Juazeiro, saíram ontem (22/03) às ruas como forma de mobilização em prol da defesa de suas pautas, Progressões, Promoções, Reajuste Salarial e contra a Reforma da Presidência.

A UNEB continua de portões fechados até esta sexta-feira (24/05), assim como as Universidades Estaduais da Bahia (UEBAS) que também paralisaram as atividades em apoio as reivindicações da categoria dos técnicos.

Governo do estado


Janot e Gilmar brigam! tirem as crianças da sala

captura-de-tela-2017-03-22-axxs-13.41.34

Blog do Josias

Antes de qualquer coisa, um aviso: esse comentário contém linguagem rasteira. Convém tirar as crianças da sala. Duas das mais altas autoridades de Brasília —o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, e o procurador-geral da República Rodrigo Janot— decidiram se angalfinhar em público. Gilmar usou uma notícia de jornal para acusar procuradores de vazar deliberadamente para a imprensa nomes de encrencados na lista da Odebrecht. O vazamento, disse ele, é crime previsto no Código Penal. Janot negou a notícia. E atribuiu as declarações de Gilmar à “decrepitude moral” do ministro, que sofre, segundo ele, de “desinteria verbal.”

Se essa troca de ataques evidencia alguma coisa é que Janot e Gilmar consideram-se um ao outro sujeitos desprezíveis. Um, responsável por processar a bandidagem engravatada, não conseguiria enxergar o crime de “violação de segredo funcional” praticado ao seu redor. Outro, responsável por julgar os delinguentes do poder, “corteja desavergonhadamente” os acusados, disse Janot, mantendo com eles uma “relação promíscua”.

Nesse ritmo, Janot e Gilmar vão acabar se despachando mutuamente para lugares desagradáveis. Um pode enviar o contendor ao excremento. Outro talvez mande o rival à presença da pessoa que, tendo lhe dado à luz e exercendo a profissão de prostituta, não sabe dizer ao certo quem é seu pai. Atônita, a plateia se pergunta: não seria melhor se autoridades como Janot e Gilmar se unissem para honrar o salário que recebem do contribuinte, punindo os corruptos? O ruim de duas autoridades se ofenderem em público é o pessoal que passa achar que ambas têm razão.

Convocação Geral


MPPE e DETRAN promovem encontros regionais sobre Transporte Público Escolar. Em Petrolina será nesta quinta-feira(23)

Encontro Transporte Escolar

Para sensibilizar a efetiva fiscalização da prestação do serviço de Transporte Público Escolar (TPE) e a implantação da Legislação Pública Municipal e do Sistema de Mobilidade Urbana, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e o Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (DETRAN-PE) vão realizar encontros regionais sobre a temática. Os dois primeiros serão realizados, no dia 22 de março, em Salgueiro, na Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) e, no dia 23, em Petrolina, no SEST-SENAT.

Serão debatidos os temas: legislação de Trânsito (Código de Trânsito Brasileiro, Portarias e Resoluções) e procedimentos para a vistoria semestral, ambos pelo DETRAN; e atuação do MPPE na fiscalização da oferta do serviço, bem como a importância sobre a implantação da legislação municipal regulamentando o Sistema de Mobilidade Urbana, especialmente sobre o TPE, pelo MPPE.

Os Encontros se destinam aos promotores de Justiça, servidores do MPPE, funcionários do DETRAN, representantes da Secretaria Municipal e Estadual da Educação, coordenadores das Ciretrans, representantes das Câmaras de Vereadores, comandos dos Batalhões Municipais e conselheiros tutelares. Para cada evento, estão sendo disponibilizadas 100 vagas, a ser preenchidas por ordem de inscrição, a qual deverá ser realizada pelo envio de e-mail para caopij@mppe.mp.br.

Em Salgueiro, o I Encontro Regional abrangerá também os municípios de Araripina, Bodocó, Granito, Exu, Ipubi, Moreilândia, Ouricuri, Santa Cruz, Santa Filomena, Parnamirim, Serrita, Cedro, Terra Nova, Trindade e Verdejante. Já o II Encontro, em Petrolina, os de Afrânio, Dormentes, Cabrobó, Santa Maria da Boa Vista, Orocó e Lagoa Grande.

Estão previstos ainda encontros em Caruaru, Arcoverde, Palmares, Garanhuns, Macaparana e Surubim, ainda a se confirmar datas e locais.

Mais informações entrar em contato com o Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Defesa da Infância e Juventude (Caop Infância e Juventude) do MPPE, pelo (81) 3182.7419 ou pelo e-mail caopij@mppe.mp.br.

Panorama do transporte escolar em Pernambuco – De acordo o DETRAN-PE, atualmente o Estado dispõe de 1.809 veículos de transporte escolar devidamente cadastrado, vistoriado e aprovado pelo Órgão, atendendo todas as exigências de segurança estabelecida na legislação atual. Já o Sindicato do Transporte Escolar de Pernambuco – Sintespe, estima que existe o dobro desse número atundo em Pernambuco de forma irregular, sem garantir a segurança adequada para os transportados.

Convocação Geral


VIOLÊNCIA: Atentado em Londres deixa 5 mortos e 40 feridos

Resultado de imagem para Atentado em Londres deixa 5 mortos e 40 feridos

Por: AFP – Agence France-Presse

O atentado ocorrido nesta quarta-feira em Londres deixou cinco mortos – incluindo um policial – e 40 feridos, informou Mark Rowley, comandante da unidade antiterrorista, em entrevista diante da Scotland Yard.

“Não vou fazer comentários sobre a identidade do agressor (…) mas privilegiamos a pista do terrorismo islâmico”, acrescentou Rowley.

“Assumimos que é um terrorista islâmico”, declarou Rowley sobre o agressor, que foi morto pelas forças de segurança após atropelar pedestres e esfaquear um policial diante do Parlamento.

O ataque aconteceu no início da tarde em pleno coração de Londres, logo depois de a primeira-ministra, Teresa May, discursar ante os deputados no Parlamento.

A Scotland Yard anunciou ter sido chamada por volta das 14h40 locais (11h40 de Brasília) por um “incidente na Westminster Bridge”.

A Polícia confirmou mais tarde que considerava o ocorrido um incidente “terrorista” até que se tenha mais informações sobre o caso.

“A investigação foi confiada ao comando de combate ao terrorismo” e “reforços policiais serão mobilizados nesta (quarta-feira) à noite”, acrescentou o comandante da Polícia, BJ Harrington.

Segundo várias testemunhas, primeiro o homem atropelou vários pedestres na ponte de Westminster, que leva ao Parlamento e ao Big Ben, principal atração turística da capital inglesa.

“Ao menos dez pessoas foram atendidas na Westminster Bridge”, anunciaram os serviços de emergência.

Uma mulher, que teria saltado no rio Tâmisa para escapar do veículo, foi resgatada gravemente ferida, segundo a imprensa local.

E o ministério das Relações Exteriores francês indicou que três estudantes franceses estão entre os feridos.

Os estudantes estavam em viagem escolar e dois deles se encontram em estado grave, informou a prefeitura de Finistère, região de origem dos alunos.

Deputados evacuados

No local do ataque, o ex-chanceler polonês Radoslaw Sikorski filmou pessoas feridas deitadas no chão.

Após o atropelamento, o homem abandou seu veículo na calçada e correu em direção às grades do Parlamento, antes de esfaquear um policial. A polícia atirou contra ele quando tentava atacar um segundo agente.

“Nós estávamos tirando fotos do Big Ben quando todo mundo começou a correr e vimos um homem de cerca de 40 anos portando uma faca de cerca de vinte centímetros. Então ouvimos três tiros. Atravessamos a rua e vimos o homem sangrando no chão”, relatou Jayne Wilkinson à agência britânica Press Association.

“Eu claramente ouvi tiros. Vi alguém vestido de preto caindo. Acho que era um policial”, declarou um funcionário do Parlamento à AFP. A pessoa, que se recusou a revel sua identidade, disse ter visto a cena de seu escritório.

Os deputados foram confinados no Parlamento, antes de o edifício ser evacuado.

Governo do estado


Aposta de Pernambuco leva sozinha prêmio de quase R$ 6 milhões da Mega-Sena

30-07-2014-megasena-foto-rafael-neddermeyer-fotos-publicas-6-1024x768

Uma aposta do estado de Pernambuco acertou as seis dezenas do concurso 1.914 da Mega-Sena, realizado na noite desta quarta-feira (22) em Teodoro Sampaio (SP). O ganhador é da cidade de Vitória de Santo Antão e faturou R$ 5.805.678,69.

Veja as dezenas sorteadas: 16 – 29 – 33 – 39 – 42 – 44.

A quina teve 27 apostas ganhadoras, e cada uma vai levar R$ 60.549,38 . Outras 2.403 apostas acertaram a quadra e vão receber R$ 971,90 cada uma. A estimativa de prêmio para o próximo sorteio, no sábado (25), é de R$ 16 milhões.

Governo do estado


Juiz Sérgio Moro pisou na bola ao criminalizar blogueiro

xguimaraes-moro-blogueiro.jpg.pagespeed.ic.yQLenqxu09

Helena Chagas – Blog Os Divergentes

A liberdade de expressão e de imprensa é um assunto extremamente sensível para jornalistas, veículos de comunicação, dirigentes e proprietários de órgãos da imprensa. Não é surpresa nenhuma, portanto, ver em altos de página de grandes jornais a notícia da condução coercitiva de Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania. Atitudes desse tipo são sempre consideradas ameaças ao princípio da liberdade de informação, e se há algo que une o sempre disperso establishment midiático é isso – mesmo quando atingem um blogueiro de campo ideológico oposto ao deles.

O juiz Sergio Moro tem sido sempre hábil na relação com a mídia, alimentando-a de informação e tendo nela um dos principais sustentáculos do sucesso da Lava Jato. Graças a isso, conquistou o apoio que ainda tem hoje da maior parte da sociedade. Mas não há dúvidas de que pisou na bola ao determinar a condução coercitiva de Guimarães e, principalmente, com a nota da Justiça Federal justificando o episódio poucas horas depois.

Não cabe à Justiça, nas circunstâncias, dizer se a informação postada num blog é jornalística ou não, e se o sujeito, que faz o Blog há mais de dez anos, é jornalista ou não. Muito menos qualificar o tipo de blog que ele faz. Depois que o Supremo Tribunal Federal decretou que não é necessário o diploma de jornalismo para exercer a profissão, ficou tudo muito fluido no nosso mercado.

O certo é que Guimarães, como tantos outros fazem todos os dias, deu uma informação que se comprovou correta, a de que o ex-presidente Lula seria levado em condução coercitiva. E, assim como tantos outros que antecipam informações, não pode ser criminalizado por isso. Ao ir em cima do blogueiro, que divulgou uma informação incômoda, e deixar todos os demais vazamento impunes, Curitiba passa a impressão de que age com dois pesos e duas medidas, e de que quer controlar não só a informação, mas a imprensa.

O melhor caminho para o juiz, agora, seria reconhecer o erro e pedir desculpas.

Governo do estado


Parceria entre a UPAE/IMIP de Petrolina e o INSS garante atualização para os profissionais do Serviço Social da Unidade

DSC02575
 
Uma parceria entre a Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE/IMIP) e o INSS, que surgiu há 3 anos, tem garantido aos profissionais do Serviço Social estarem sempre bem informados sobre as mudanças referentes às políticas sociais no âmbito da previdência. Como consequência positiva, os usuários da UPAE passam a contar com uma equipe ainda mais apta à prestar esclarecimentos sobre os direitos sociais.
 
Neste mês, a assistente social do Instituto, Mônica Suely Tenório, trouxe como tema as alterações necessárias para o requerimento do Benefício de Prestação Continuada (BPC), que é garantido ao idoso acima de 65 anos (que nunca tenha trabalhado ou contribuído com a previdência) e à pessoa com deficiência de qualquer idade com impedimentos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo (que produza efeitos pelo prazo mínimo de 2 anos).
 
Entre as principais novidades, a alteração na previdência exige que o requerente faça a inscrição no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico) e abre um precedente quanto à renda per capta exigida. Atualmente, para se ter direito ao BPC a renda por pessoa do grupo familiar (em casos específicos) pode ser superior a ¼ do salário vigente, desde que haja comprovação de que os gastos com o usuário comprometem o sustento da família, e o acesso a medicamentos, por exemplo, tenha sido negado pelo município e estado. 
 
“Acredito que essa seja uma parceira relevante, até porque os usuários do INSS, muitas vezes, são os mesmos usuários dos serviços de saúde como a UPAE. Então, é importante que a gente fale a mesma linguagem e que os assistentes sociais passem as informações ao público da forma mais fiel possível. Nós realizamos essa capacitação uma vez ao ano, pois as políticas públicas sofrem alterações, avanços e nós temos que estar sempre atualizados. Estamos à disposição e acho a iniciativa da UPAE bastante louvável”, pontuou a representante do Instituto durante a capacitação.
 
De acordo com a supervisora do Serviço Social, Nazaré Cunha, o objetivo realmente é capacitar a equipe e preparar os profissionais da Unidade para atender de forma eficiente a demanda que surge do ambulatório, da urgência e emergência, onde as assistentes sociais atuam. “A nossa intenção é que o usuário saia daqui só com a saúde restabelecida, e também bem informado sobre os direitos sociais que possui. A ideia da parceria surgiu das dificuldades que a gente percebe no dia a dia e da necessidade de atualização em serviço”, esclarece.
 
A assistente social Cintia Oliveira aprovou a parceria. “Sem dúvida, a capacitação é de suma importância para nós, pois são os assistentes sociais que estão na ponta e absorvem a demanda que ultrapassa as questões de saúde e passam a ser da assistência. Então, é de extrema relevância que a gente possa apontar os caminhos e direcionar bem essas pessoas dentro da rede”, conclui.
 
A assistente social do INSS deixou o Instituto à disposição para maiores informações e esclarecimentos e a supervisora do serviço social da UPAE já adiantou que outros momentos importantes como esse acontecerão durante o ano.  

 

Convocação Geral


Em Londres, ex-prefeito Júlio Lóssio será alvo de investigação criminal em Petrolina

Prefeito de Petrolina, Júlio Lóssio

Júlio Lóssio

Sem alarde, duas investigações criminais sobre o Júlio Lóssio (PMDB), que estavam tramitando na Procuradoria Geral de Justiça do Estado, foram enviadas para a Central de Inquérito de Petrolina, após ex-prefeito ter perdido o foro privilegiado, com o final do mandato.

Segundo despacho da promotora Cristiane Caetano, assessora criminal da Procuradoria Geral de Justiça, as investigações contra o ex-prefeito, por supostos crimes de responsabilidade e crimes da lei de licitações, devem continuar na primeira instância, pois Lóssio não exerce mais mandato que garanta a prerrogativa de foro.

Lóssio está em Londres, fazendo durante todo o primeiro semestre um curso numa universidade do Reino Unido. O ex-prefeito tem investido em redes sociais e blogs para continuar influenciando na política do Estado. Recentemente, familiares do mesmo teceram duras críticas contra o atual prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB).

“Fica evidente que o discurso do atual prefeito é só uma retórica falaciosa e que não encontra respaldo na realidade”, atacou Júlio Lóssio Filho, em artigo enviado ao Blog, em 13 de março deste ano.

Segundo informações de bastidores, Lóssio tem um projeto de se candidatar a deputado federal em 2018. Com grande inserção na direção nacional do PMDB, quer reforçar em 2019 a bancada do partido.

Esta semana, o Ministério Público Federal (MPF) divulgou que ingressou com uma ação penal contra o ex-prefeito de Olinda, Renildo Calheiros (PCdoB). Renildo, como Lóssio, perdeu o foro privilegiado ao deixar o cargo de prefeito. Em Olinda, a motivação da ação foram irregularidades na prestação de contas de recursos federais recebidos por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

A responsável pelo caso é a procuradora Silvia Regina Pontes Lopes, que atua na primeira instância do MPF.(Blog de Jamildo)

Governo do estado


IF Baiano inscreve para concurso com 80 vagas; salários de R$ 1.834 a R$ 9.114

concurso-if-baiano

As inscrições para o concurso público do Instituto Federal Baiano (IF Baiano) estão abertas até o próximo dia 9 de abril. São oferecidas 80 vagas, sendo 37 para técnicos-administrativos (em cargos de níveis médio, técnico e superior) e 43 para professores (nível superior).   O edital nº 69/2016 é voltado aos cargos de nível E (analista de tecnologia da informação, economista, bibliotecário – documentalista, médico veterinário, relações públicas, tecnólogo em cooperativismo e tecnólogo em gestão pública), nível D (assistente em administração, revisor de texto braille, récnico em alimentos e laticínios, técnico em contabilidade e tradutor e intérprete de linguagens de sinais) e nível C (assistente de aluno).

Já o edital nº 70/2016 é destinado ao cargo de professor de ensino básico, técnico e tecnológico, nas áreas de música, atendimento educacional especializado, matemática, história, inglês, meio ambiente, cooperativismo, agronomia, engenharia química e gastronomia.

VEJA O EDITAL PARA TÉCNICO   O vencimento básico para cargos de nível C será de R$ 1.834,69, para cargos de nível D será R$ 2.294,81 e para cargos de nível E será R$ 3.868,21. Para professor, o vencimento básico varia de R$ 2.129,80 a R$ 9.114,67. Os aprovados recebem ainda percentual de Incentivo à Qualificação se possuir escolaridade superior à exigência mínima para ocupação do cargo, auxílio alimentação de R$ 458, auxílio transporte e assistência suplementar à saúde.

VEJA O EDITAL PARA PROFESSOR   A inscrição deve ser feita por meio do site da empresa organizadora. A taxa custa R$ 100 (nível E), R$ 80 (nível D), R$ 60 (nível C) e R$ 150 (carreira de professor). As provas estão previstas para o dia 9 de julho.

Dúvidas sobre o concurso podem ser enviadas para o e-mail ifbaiano@fundacaocefetminas.org.br. O prazo de validade do certame é de um ano, podendo ser prorrogado por mais um ano, contado a partir da data de homologação do resultado final.

Governo do estado


Deputado Adalberto Cavalcanti despacha com a Presidente da Codevasf e pede ações para os sertanejos de Pernambuco

x

O Deputado Federal  Adalberto Cavalcanti(PTB) manteve audiência na manha desta quarta-feira(22) em Brasília, com a Presidente da Codevasf, Kênia Marcelino,  que estava acompanhada de sua equipe técnica, para atender as reivindicações do parlamentar sertanejo  de Pernambuco.

Adalberto Cavalcanti estava acompanhado do Sr. Aurivalter Cordeiro, Superintendente da 3ª Superintendência/Petrolina e fez a Presidente, diversas solicitações de desenvolvimento  para a sua área de atuação, envolvendo Petrolina e as cidades sertanejas.

O Deputado aproveitou para falar sobre as liberações de recursos, provenientes das emendas parlamentares, ao Orçamento Geral da União de sua  autoria, que já totalizam até o momento R$ 8.300.000,00 (oito milhões e trezentos mil reais), destinados  a projetos de `Desenvolvimento Sustentável Local Integrado e Infraestrutura Hídrica no Estado de Pernambuco´ durante o seu  mandato, referentes aos anos de 2015, 2016 e 2017, com entrega de tratores, recuperação de poços, recuperação de barreiros e contratação de horas máquinas para que o pequeno agricultar possa melhorar a zona hídrica de sua propriedade como limpeza de barreiros e outros.

Adalberto Cavalcanti  relatou a difícil situação que hora se encontra o semiárido pernambucano, com as dificuldades que a população enfrenta no abastecimento de água e na produção de alimentos.

Saiu animado da reunião  com a Presidente Kênia e   espera uma parceria mais direta nos pleitos que apresentou a diretoria da Codevasf em Brasília.

Convocação Geral


Agência do Empreendedor (AGE) reforça parceria com a CDL Petrolina

Reunião CDL - AGE!

O diretor-presidente da Agência do Empreendedor (AGE), Sebastião Amorim, recebeu na manhã desta terça-feira (21), o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Petrolina, Manoel Vilmar, e o diretor executivo, Valdivo Carvalho. O encontro serviu para consolidar a cooperação entre as duas entidades, reforçando a parceria na prestação de serviços nas consultas de Proteção ao Crédito (SPC) e SERASA, que auxiliará no andamento dos processos administrativos e financeiros da AGE.

Essa parceria com a CDL é importante para o trabalho que estamos desenvolvendo na AGE. Vamos também desenvolver ações no sentido de oportunizar alternativas de negócios em nossa cidade e potencializar as capacitações na gestão do comércio e serviços das empresas associadas a nossa instituição”, relatou o diretor-presidente da AGE, Sebastião Amorim.

Para o presidente da CDL, Manoel Vilmar, a reunião foi produtiva. “Estamos com muitas ideias para trabalharmos em conjunto. Tudo bem pensado, no sentido de desenvolver e fortalecer o empreendedor”, adiantou Vilmar.

Governo do estado


Mar avança sobre Rio São Francisco e afeta população ribeirinha em Alagoas

José Anjo, como é conhecidona região, conta que o tipo de peixe que se pesca no rio mudou, agora é peixe de água salgada – Foto: Jonathan Lins/G1

José Anjo, como é conhecidona região, conta que o tipo de peixe que se pesca no rio mudou, agora é peixe de água salgada – Foto: Jonathan Lins/G1

G1 –

A estiagem prolongada tem feito o Rio São Francisco perder força na divisa de Alagoas e Sergipe, permitindo que o mar avance sobre a água doce. O fenômeno é conhecido como salinização e, segundo pesquisadores da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), está transformando o ecossistema da região e prejudicando a população ribeirinha.

Sem chuvas e com menos água no leito, o rio acaba sendo empurrado pela maré nos pontos onde encontra o mar.

É no trecho da Área de Preservação Ambiental (APA) da Foz do São Francisco, entre os municípios de Piaçabuçu (AL) e Brejo Grande (SE), que o fenômeno pode ser percebido com mais intensidade pelos quase 25 mil habitantes da região.

“A gente pescava surubim, piau, dourado e todas as espécies de água doce. Era tanto peixe na rede que a gente não podia nem carregar. Nessa época, a gente também plantava arroz, que dava era muito. Hoje a coisa tá diferente, a água está tão salgada que arde até os olhos”, relata o pescador alagoano José Anjo.

O que o pescador percebe no dia a dia também foi apontado pelo oceanógrafo Paulo Peter, pesquisador da Ufal que analisa os impactos ambientais e sociais da salinização do Rio São Francisco. “É possível notar no estuário a morte da vegetação típica de água doce, substituição dos peixes de água doce pelos de água salgada e inviabilização da água para o consumo humano”.

Em Piaçabuçu, outro problema vem afetando os ribeirinhos: o esgoto no rio (Foto: Jonathan Lins/G1)

Para o pesquisador, a redução da vazão das águas do Rio São Francisco pela hidrelétrica de Sobradinho, na Bahia, agrava o problema. O volume de água liberado pela usina já superou 2.900 m³/s, mas nos últimos anos vem sendo reduzido gradativamente para prolongar a vida útil dos reservatórios.

Em janeiro, a pedido da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) e autorizado pela Agência Nacional de Águas (ANA), a vazão passou para 700 m³/s, a menor da história, segundo o Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHRS).

“Se a vazão do São Francisco permanecer como está, a situação será cada vez pior, tanto do ponto vista humano quanto ambiental”, avalia Peter.

O CBHRS diz estar em alerta, porque novos estudos avaliam reduzir ainda mais o volume da água do rio para uma vazão que pode chegar a 600m³/s. Contudo, ainda não há nenhuma definição neste sentido.

Saúde
O problema da salinização também se reflete na saúde dos ribeirinhos, como afirma a agente de saúde Suely Santos, que trabalha há 17 anos em Piaçabuçu. “A água do Rio São Francisco é para muitos moradores da região o único recurso hídrico que se tem para cozinhar e beber. Por conta da salinização, a água está provocando doenças. Nos últimos meses, aumentou bastante os casos de hipertensão entre os moradores, inclusive jovens”.

O povoado Potengy é o que mais sofre, porque fica bem próximo da foz e a captação da água distribuída para população ocorre no trecho onde há um maior efeito da água salgada do mar sobre a água doce. Para piorar o problema, esgoto é lançado sem tratamento no leito do rio.

“A ação de saúde que hoje é feita com os moradores da região é de conscientização, para que eles evitem tomar a água do rio no período que a maré está mais cheia. Além disso, orientamos para que as pessoas tratem a água antes de consumir com hipoclorito ou fervura, para evitar a proliferação de doenças”, afirma Suely.

Famílias inteiras navegam rio acima para conseguir água doce (Foto: Jonathan Lins/G1)

Viagem em busca da água doce
Encontrar famílias inteiras dentro de barcos, dividindo espaço com garrafas e baldes, é comum na região. Elas precisam atravessar o rio para buscar água doce em pontos mais distantes da foz, uma viagem que pode durar até três horas.

“Sem dinheiro para comprar água, temos mesmo é que viajar de barco para buscar. Do contrário, é tomar água ruim, que faz a gente adoecer. Minha esposa está com hipertensão, e minha filha já teve disenteria por tomar água daqui”, afirma o pescador Jorge de Souza Santos, que faz esse trajeto a cada dois dias.

A dona de casa Maria Eunice chega ao porto de Potengy carregada com bacias de roupas e baldes de água. Com a maré alta, ela foi até o outro lado do rio lavar roupas e buscar água para beber.

“A caixa de água de casa está cheia, mas está tão salgada que não serve para nada. Essa água só vai melhorar quando a maré baixar. Não é que ela vai ficar doce, vai ficar salobra, e servir ao menos para um banho e para um lavado de roupa”, afirma a dona de casa.

O pesquisador Paulo Peter, da Ufal, avalia que a estratégia de captar água para consumo na maré baixa não é adequada. “Constatamos que, mesmo na maré baixa, o sal permanece na água do rio, não desce para o mar como esperado. Com isso, na maré alta seguinte, esse sal que havia permanecido acaba sendo empurrado para trechos mais altos do rio”.

“Para os padrões técnicos, a água doce pode ter até 1/2 grama de sal por litro. Nas coletas que fizemos próximo ao povoado Potengy, encontramos variações de 6 a 7 gramas de sal por litro. Salinidade que deixa o líquido impróprio para o consumo humano”, alerta Peter.

Pescadores dizem que está cada vez mais difícil encontrar espécies de água doce na região do povoado Potengy, em Piaçabuçu (Foto: Jonathan Lins/G1)

Solução e políticas públicas
Peter afirma que as pesquisas realizadas pela Ufal estão à disposição dos gestores públicos para traçar ações e políticas públicas que permitam a utilização mais adequada das águas do São Francisco.

O secretário de Meio Ambiente de Piaçabuçu, Otávio Augusto, afirma que o município vem buscando parcerias para minimizar o problema.

“Estamos com o governo do Estado e a Casal [Compahia de Saneamento de Alagoas] buscando estratégias para mudar o ponto de captação de água no município para um ponto onde não há o efeito da salinização. No entanto, os prejuízos já são enormes, porque a pesca na região diminuiu e lavouras tiveram que ser abandonadas por conta do sal”, diz o secretário.

Já a Casal diz que a água captada e distribuída em Piaçabuçu é tratada e analisada antes de seguir para o consumidor com os padrões exigidos pelo Ministério da Saúde. Para isso, técnicos seguem estratégias para captar água apenas na maré baixa e em determinados horários onde a concentração de sal é menor.

Sobre a redução da vazão na hidrelétrica de Sobradinho, o superintendente adjunto de Regulação da ANA, Patrick Thomas, diz que a Agência autorizou a Chesf, subsidiária da Eletrobras, a operar em 700 m³/s.

“Essa redução foi necessária para fazer com que o reservatório não esvaziasse. Se isso acontecesse, poderia prejudicar totalmente o abastecimento não só em Piaçabuçu, mas em todas as cidades que dependem do reservatório de Sobradinho”, afirma.

Ele reconhece que municípios que ficam na região da bacia do São Francisco estão enfrentando uma das piores secas dos últimos anos e que isso tem deixado baixa a fluência do rio, mas ressalta que, desde 2013, órgãos gestores se reúnem para discutir ações para prolongar a vida dos reservatórios.

“A vazão nos reservatórios vem sendo reduzida porque a quantidade de água que entra é pelas chuvas e, como não chove muito, é preciso armazenar a água controlando a saída”, diz.

Ainda segundo a ANA, até que haja chuvas com mais intensidade e por um longo período na região dos reservatórios, a situação deve permanecer como está. “A tendência é que seja mantida essa vazão nos próximos meses”, avalia Thomas.

A reportagem não conseguiu contato com a Chesf.

Banco de areia se formou no leito do Rio São Francisco em Piaçabuçu (Foto: Jonathan Lins/G1)

Fonte: G1

Governo do estado


Em Petrolina, mulher é jogada de um veiculo em movimento na Avenida 7 de Setembro

MULHER CAI DE CARRO

 

Mulher é jogada de um veiculo em movimento na Avenida 7 de Setembro próximo a Rádio Grande Rio AM.  segundo informações era um Fusca branco, que seguia sentido contorno do trevo, ela afirmou que, o homem tentou tirar sua roupa, ela resistiu e ocorreu o atrito.

O nome dela é Geysa. Uma unidade do SAMU prestou socorro a vitima.Aguardem novas informações.(Fonte: Grupo Notícias do Vale 24 H.)

Convocação Geral


Encontro discute melhorias para o atendimento odontológico oferecido nas unidades básicas de saúde de Petrolina

21-03-ENCONTRO-ODONTO-II

Nesta terça-feira (21), o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, juntamente com a diretora de saúde bucal do município, Roberta Teixeira Araújo, recebeu os integrantes da diretoria do Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco (CRO-PE) e da Associação Brasileira de Odontologia (ABO). O objetivo do encontro foi firmar parcerias visando oferecer a população um atendimento odontológico com maior qualidade.

O presidente do conselho, Dr. Alfredo Gaspar Júnior, ressaltou a importância da atuação do órgão e da visita ao município. “Essa é a primeira viagem da nova diretoria. Fizemos questão de vir a Petrolina para saber as condições da saúde bucal e conversar com a representante da área na Secretaria de Saúde. Estamos colocando o conselho a disposição para ajudar no que for preciso para as melhorias nas condições de saúde bucal da população de Petrolina. A nossa função é fiscalizar e com isso garantir um atendimento e um serviço de qualidade”, frisou.

Segundo a diretora de saúde bucal do município, Roberta Teixeira Araújo, é importante que o município trabalhe em parceria com o órgão fiscalizador. “A primeira demanda que já passamos para o conselho é a questão da regularização da unidade do bairro Cohab VI que foi interditada na gestão passada. Já estamos resgatando, através deles, o relatório dessa interdição. Vamos pegar todos esses dados, regularizar e colocar a unidade em funcionamento”, destacou.

A diretora ressaltou ainda, a contribuição que esse trabalho em conjunto pode trazer para os profissionais que atuam no município. “O CRO sempre promove cursos para os profissionais e é muito importante contarmos com dentistas cada vez mais capacitados. A gente tem informações que na gestão anterior os profissionais não eram liberados para esses eventos. Então, vamos tentar resgatar essa parte de humanização e capacitação. Outro ponto importante é a garantia que todos os nossos profissionais estejam inscritos no CRO, para que ninguém atue de forma irregular”, concluiu.

Governo do estado