Mais de 5.000 vagas em cursos a distância gratuitos


Começaram nesta segunda-feira (18) as inscrições para 5.670 vagas em cursos técnicos a distância. Ao todo, são 5.090 para estudantes a partir do 2º ano do ensino médio de escolas públicas ou privadas (EAD-PE) e 580 para servidores administrativos de escola pública (Profuncionário). os interessados em participar podem se inscrever  através do site da Secretaria de Educação e Esportes do Estado (SEE).

Para os alunos de ensino médio as oportunidades são para cursos nas áreas de Administração, Biblioteca, Informática, Logística, Multimeios Didáticos, Recursos Humanos, Secretaria Escolar, Segurança do Trabalho, e Serviço de Restaurante e Bar, espalhados por 60 polos presenciais do litoral ao sertão. As 580 vagas do Profuncionário estão distribuídas entre os cursos técnicos de Secretaria Escolar e de Multimeios Didáticos, em 29 polos presenciais em todo o estado.

Na inscrição, o candidato deve agendar a data da prova objetiva, necessariamente entre os dias 1 e 10 de setembro. As matrículas acontecem de 17 a 23 de setembro para estudantes, e de 22 a 23 do mesmo mês para servidores, de acordo com o curso selecionado.(JC)

Frutec informa: cotação de preços do Mercado do Produtor de Juazeiro-BA


frutec

Abobora Comum  Kg 1,00 1,00 1,00 1,00 1,00
Abobora Jacarezinha  Kg 1,00 1,00 1,00 1,00 1,00
Cebola Pera  Sc 20,00 25,00 27,00 26,00 1,30
Cebola Roxa  Sc 20,00 35,00 39,00 37,00 1,85
Pimentão  Cx 12,00 15,00 15,00 15,00 1,25
Tomate  Cx 26,00 40,00 40,00 40,00 1,54
Acerola  Cx 20,00 30,00 30,00 30,00 1,50
Atemoia  Cx 4,50 28,00 28,00 28,00 6,22
Banana d`agua  Ct 15,00 13,00 13,00 13,00 0,87
Banana Pacovan  Ct 18,00 17,00 19,00 18,00 1,00
Banana Prata  Ct 13,00 10,00 12,00 11,00 0,85
Coco Verde  Ct 200,00 30,00 40,00 35,00 0,18
Goiaba  Cx 20,00 25,00 25,00 25,00 1,25
Graviola  Cx 20,00 70,00 70,00 70,00 3,50
Laranja  Ct 20,00 13,00 13,00 13,00 0,65
Limao Comum  Cx 20,00 11,00 15,00 13,00 0,65
Limão Tahiti  Sc 20,00 18,00 20,00 19,00 0,95
Mamão Formosa  Cx 20,00 15,00 15,00 15,00 0,75
Mamão Havaí  Cx 8,00 16,00 16,00 16,00 2,00
Manga Tommy  Cx 26,00 50,00 50,00 50,00 1,92
Manga Palmer  Cx 26,00 50,00 50,00 50,00 1,92
Maracujá  Cx 16,00 23,00 25,00 24,00 1,50
Melancia  Kg 1,00 0,40 0,40 0,40 0,40
Melão Amarelo  Kg 1,00 0,80 0,80 0,80 0,80
Melão orange  Kg 1,00 1,00 1,20 1,10 1,10
Melão pele de sapo  Kg 1,00 0,90 1,00 0,95 0,95
Uva Italia (1ª)  Cx 20,00 48,00 50,00 49,00 2,45
Uva Benitaka (1ª)  Cx 20,00 50,00 50,00 50,00 2,50
Uva Kioho  Cx 5,00 50,00 50,00 50,00 10,00
Uva Red Globe  Cx 8,00 75,00 79,00 77,00 9,63
Feijão de Corda  Sc 60,00 80,00 80,00 80,00

frutec

Emoção marca missa de sétimo dia de Eduardo Campos no Recife


 / Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Missa de sétimo dia da morte de Eduardo Campos em Recife-PE. Foto JC

Emoção e homenagens marcaram a missa de sétimo dia de morte do ex-governador do Estado de Pernambuco, Eduardo Campos, morto em um acidente de avião na última quarta-feira (13), em Santos (SP). A cerimônia foi realizada na Igreja de Casa Forte.

A solenidade começou às 19h e contou com a presença de vários políticos locais, aliados ou não, que prestaram a última homenagem a Eduardo. Entre os presentes, estavam o prefeito da cidade do Recife, Geraldo Julio, o candidato a governador do Estado, Paulo Câmara, e o presidente do PSB na Câmara, oficializado vice da chapa do PSB à Presidência nesta terça-feira (19), Beto Albuquerque, do Rio Grande do Sul.

Na Praça de Casa Forte, em frente à igreja, uma tenda foi montada para os admiradores do político, que lotaram o local. Os cinco filhos de Eduardo Campos participaram da cerimônia e homenagearam o pai. José Henrique, quarto filho de Eduardo, leu uma mensagem emocionada, assinada pelos cinco irmãos. “Seguiremos na tua luta e seremos semente da tua esperança”, disse o jovem.

A missa foi celebrada pelo Padre Edvaldo Gomes, da paróquia de Casa Forte. O pároco relembrou momentos na história política de Eduardo Campos, que frequentava a igreja com a família. “Esse homem partiu quando estava em plena luta, querendo dar ao Brasil o melhor de si mesmo. Era motivo de esperanças”, disse.

A mãe de Eduardo, Ana Arraes, e a esposa, Renata Campos, foram consoladas por Edvaldo. Serena, Renata amparou os filhos. “Nesse tempo de tanta coisa fora do lugar, você pode dizer: obrigada, senhor. Conheceram um exemplo de respeito a nosso plano. Você era unida a Eduardo, e ele a você”, consolou.(Foto JC)

Sem Eduardo, Dilma e Lula tramam avançar mais no NE


Com a substituição de Eduardo Campos por Marina Silva na disputa pelo Palácio do Planalto, a presidente Dilma Rousseff vai voltar boa parte de sua atenção para o Nordeste, segundo informa Clarissa Oliveira, no blog Poder Online. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva terá um papel fundamental nesse plano. A avaliação do alto comando da campanha petista é que, no novo cenário eleitoral, ficará mais fácil ganhar votos na região.

A campanha petista entende que, com Lula no horário eleitoral gratuito, pedindo votos para Dilma, dificilmente a ex-senadora Marina Silva ou o senador Aécio Neves serão capazes de ter um desempenho semelhante em solo nordestino.

Enquanto isso, mergulhados numa série de reuniões para definir a nova chapa presidencial, o PSB e a Rede da ex-senadora Marina Silva têm demonstrado preocupação específica com o Nordeste. Sem Campos no cenário eleitoral, o PT da presidente Dilma Rousseff já remanejou a estratégia justamente para ampliar a votação na região. O quadro tem ampliado o poder do PSB pernambucano nas discussões.

Papa diz que lhe restam apenas “2 ou 3 anos” de vida


http://am730.com.br/wp-content/uploads/2014/08/FRANCISCO-2-OU-3.jpg

Francisco disse sobre possibilidade de se aposentar, caso suas condições de saúde lhe sirvam como obstáculo para concluir suas ações
Foto: Gregorio Borgia / AP

De  maneira inédita, o Papa Francisco conversou com jornalistas sobre sua saúde e perspectiva de vida. Durante coletiva de imprensa que aconteceu no voo de retorno ao Vaticano da viagem à Coreia do Sul, nesta segunda-feira, ele disse que tenta observar seus erros e pecados para não ser orgulhoso, já que lhe restam apenas “dois ou três anos de vida”.  As informações são do Daily Mail.

Francisco tem 77 anos e, apesar da idade avançada, é um dos mais ativos que já passaram pelo cargo. Na entrevista, ele considerou a possibilidade de se aposentar, caso suas condições de saúde física e mental lhe sirvam como obstáculo para concluir suas ações. No ano passado, o Papa Bento XVI renunciou ao cargo, sendo o primeiro em mais de 600 anos a tomar tal atitude (o último que havia abdicado foi Celestino V, em 1294, por causas políticas). Francisco disse que “há 60 anos, era praticamente impossível um bispo católico se aposentar, mas hoje em dia é comum”.

O Papa argentino teve de retirar um de seus pulmões durante a adolescência por causa de uma infecção grave. Porém, ele contou aos jornalistas nesta segunda-feira, que sofre por doenças de nervos e que, de vez em quando, precisa tratá-los com mate (o chá bastante tomado em seu país de origem). “Uma dessas minhas neuroses é ser muito caseiro”, brincou já que suas últimas férias fora da Argentina foram em 1975, quando visitou uma comunidade jesuíta.

Ainda nesta viagem, ele afirmou que pretende se aproximar dos católicos na China, que, desde a instauração do comunismo, não obedecem à autoridade máxima de sua Igreja e, sim, à supervisão da Administração Estatal para Assuntos Religiosos(Terra).

Prefeito Julio Lossio lança concurso em homenagem ao ex governador Eduardo Campos


Julio Lossio conversa com os pr

Julio Lossio conversa com os gestores municipais

Durante a reunião de gestores da rede municipal de ensino, onde foram assinadas Ordens de Serviços para a reforma para mais cinco escolas do município, o prefeito de Petrolina, Julio Lossio lançou um concurso de desenho e redação sobre o tema da frase   “Não vamos desistir do Brasil” .  O concurso dirigido aos alunos da rede municipal é em homenagem a memória do ex governador Eduardo Campos. A frase  marcou a entrevista do ex governador Eduardo Campos , em sua última entrevista antes de falecer em um acidente aéreo no último dia 13.

O concurso será realizado com premiações do primeiro ao nono ano, entre desenhos e redações. Todos os alunos da rede municipal poderão participar. O resultado e a premiação  estão previstos para a segunda quinzena de outubro e o prefeito Julio Lossio garantiu aos gestores e aos profissionais da Seduc que vai empreender esforços para alguém da família do ex governador Eduardo Campos  participe e entregue pessoalmente o prêmio ás  nove  crianças vencedoras do concurso lançado por ele hoje.
No final da reunião, o prefeito ainda convocou os gestores e funcionários da Seduc presentes ao evento para fazer uma oração em memória do ex governador
A Seduc está à frente da organização do concurso e até o final da semana as regras, programação e regulamento serão  pulicadas e enviadas aos gestores de todas as escolas municipais de Petrolina.

Agenda de Armando Monteiro (PTB), candidato a governador da coligação Pernambuco Vai Mais Longe, nesta quarta-feira (20/08/2014)


Na foto João Paulo, candidato a Senador, Armando Monteiro, candidato a Goverandor e Paulo Rubem, candidado a Vice-governador

Na foto João Paulo, candidato a Senador, Armando Monteiro, candidato a Governador e Paulo Rubem, candidato a Vice-governador

​Quarta-feira (20)
 
9h – ​Visita ao mercado de Cavaleiro
Concentração:  Praça Murilo Braga (ao lado do Metrô de Cavaleiro) – Jaboatão dos Guararapes, Recife/PE
Roteiro: Segue pela Agamenon Magalhães, em seguida pela Silvino Macedo, visita o mercado e encerra na Praça Rita Coelho
14h – Gravação do Guia Eleitoral
 
20h – Encontro com lideranças da candidata a deputada federal Isabella de Roldão (PDT)
Local: Clube das Pás – Rua Odorico Mendes, 263, Campo Grande – Recife/PE
 

Agredida pelo Jornal Nacional, Dilma se defende


:

247 – Com posturas até então desconhecidas do grande público, os apresentadores William Bonner e Patrícia Poeta deixaram a elegância de lado e partiram para o ataque sobre a presidente Dilma Rousseff, na entrevista ao Jornal Nacional concedida no Palácio da Alvorada, em Brasília, nesta segunda-feira 18. Ambos estavam vestidos de preto, indicando luto pela morte do ex-governador Eduardo Campos, cujo último compromisso eleitoral foi a entrevista da quarta-feira 13. Eles não dirigiram nenhuma pergunta sobre o fato à presidente.

Bonner parecia o mais irritado, mas Patrícia não quis ficar atrás. Ela chegou a apontar, em riste, o dedo para a face próxima da presidente, insistindo que o governo dela e do ex-presidente Lula não fizeram “nada” na área da saúde. A presidente conseguiu dizer, entre interrupções da entrevistadora, que hoje, ao contrário do passado, o atendimento de saúde pública atinge 50 milhões de brasileiros.

No início da entrevista, Bonner perguntou, por mais de um minuto, sobre “corrupção e malfeitos”, citando uma série de ministérios e também a Petrobras.

- Qual a dificuldade de formar uma equipe de governo com gente honesta?, questionou ele, mais ao estilo botequim de esquina do que o que emprega normalmente, todos os dias, à exceção dos domingos, na bancada do JN. O jogo de apertar a presidente ficou claro desde o primeiro momento.

A própria Dilma percebeu e não se intimidou com a postura da dupla. Procurou responder a todas as perguntas e manter a calma, mas não dando as respostas que Bonner e Patrícia esperavam. Dilma tinha argumentos na ponta da lingua.

- Fomos o governo que  mais estruturou o combate à corrupção e aos malfeitos, respondeu ela.

- Nenhum procurador geral da República foi chamado no meu governo de engavetador geral da República”, acrescentou, numa referência nada sutil a Geraldo Brindeiro, dos tempos do governo Fernando Henrique.

BONNER NUNCA FIZERA PERGUNTAS TÃO LONGAS E EM TOM TÃO DURO

O âncora do Jornal Nacional insistiu no tema da corrupção, usando cada vez mais ênfase sobre a presidente:

- Um grupo de elite do seu partido foi condenado por corrupção, são corruptos, posso dizer por que a Justiça já julgou, mas o seu partido protegeu essas pessoas. O que a sra. acha dessa postura do seu partido?

Dilma não respondeu diretamente, optando por lembrar sua posição institucional:

- Enquanto eu for presidente da República, não externarei opinião pessoal sobre decisões do Supremo Tribunal Federal. Eu tenho a minha opinião, mas não vou externá-la.

- Mas o que a sra. diz sobre a postuta do seu partido? A sra. não diz nada?

- Olha, Bonner, eu não vou entrar nisso de me manifestar contra a decisão de um poder constitucional. Isso é muito delicado, merece o meu maior respeito.

PATRÍCIA APONTOU O DEDO EM RISTE PARA A  PRESIDENTE

Patrícia, que até então estava calada, perguntou sobre saúde, afirmando que “nada fora feito” nos governo Dilma e Lula, e que “as filas se multiplicam nos hospitais e postos de saúde”. Dilma, outra vez, procurou responder sem aceitar a indagação como provocação.

Patrícia não gostou do que ouviu, e lá veio Bonner atacar de novo:

- A sra. considera justo culpar ora a crise econômica internacional, ora os pessimistas pelo baixíssimo crescimento da economia brasileira, pela inflação alta?

- A inflação cai desde abril, Bonner, agora mesmo saiu um dado oficial mostrando que houve zero por cento de aumento de preços em julho. Por outro lado, todos os dados antecedentes ao segundo semestre, aqueles que anunciam o que vai acontecer na economia, mostram que haverá crescimento em relação ao primeiro semestre.

Bonner não pareceu satisfeito com a resposta, mas em razão do tamanho das perguntas que havia feito antes, percebeu que o tempo de 15 minutos estava estourando. Foram, de fato, questionamentos quilométricos os que ele fez.

- Eu vou garantir um minuto para a sra. encerrar, disse ele, visivelmente insatisfeito.

- Obrigado, Bonner, eu quero dizer que acredito no Brasil, reiterou Dilma, que ainda foi mais duas vezes interrompida para que fosse cumprido o tempo estabelecido.

- Eu compreendo, vou suspender a minha fala, encerrou Dilma, com classe, diante dos entrevistadores que se mostraram em pleno ataque de nervos.

 

Biblioteca pública promove encontro, ao ar livre, entre as crianças os livros


biblio salgueiro - 2

Com o objetivo de incentivar a leitura e comemorar a Semana do Folclore, a Secretaria Municipal de Cultura e Esportes, por meio da Biblioteca Francisco Augusto, promoveu, neste dia 19, mais uma ação do projeto Biblioteca Itinerante.

Ao ar livre, foi montada uma tenda na praça da Academia das Cidades, onde os alunos dos 2º e 3º anos, da Escola Cecília Meireles, cercados por livros infantis, fantoches e uma amarelinha colorida, ouviram o conto A Festa no Céu, de autoria de Ângela Lago.

Para atrair as crianças, as contadoras de histórias capricham na caracterização visual – que ganha tons de ludicidade – nas expressões corporais e interpretações das falas dos personagens.

biblio - salgueiro - 1

Este é o momento de apresentar um novo universo que é bem diferente dos games, tablets, celulares e computadores, mas que, também, tem seus encantos. “Quando a gente vem aqui, eles (os alunos) ficam muito empolgados. É bom porque desenvolve a fala, a escrita e ajuda a valorizar os livros”, atesta a professora Francisca de Aquino.

Um dos ouvintes atentos, Eduardo Pilé, tem sete anos, faz 2º ano do ensino fundamental e já está habituado a ouvir as contações da mãe, antes de dormir. “É bom porque eu me divirto”, falou.

Durante a manhã desta terça-feira, pularam corda, jogaram peteca, saltaram amarelinha, representaram, através dos fantoches, e, entre uma atividade e outra, interagiram com os livros. “A intenção é que eles descubram, através da brincadeira, o que a leitura proporciona de bom”, justificou a chefe do Setor de Museus e Bibliotecas, Nivaneide Costa.

Qualquer escola, instituição ou programa social pode participar da programação, bastando, para isso, realizar o agendamento, por meio de e-mail ou telefone.

Inscrições abertas para os Jogos Estudantis da Rede Pública da Bahia (JERP)


jogo da bahiaEstão abertas até o dia 22 de agosto , as inscrições para a etapa regional dos Jogos Estudantis da Rede Pública da Bahia 2013 (JERP). O objetivo do projeto é realizar uma ação de participação e integração de educandos da rede pública, em uma experiência fomentadora de valores, como respeito à diversidade e cooperação, bem como socializadora da diversidade cultural, além de valorizar a corporeidade, o lúdico, os esportes e o movimento na formação humana dos sujeitos na sua diversidade juvenil.

A proposta dos Jogos Estudantis fundamenta-se em pressupostos considerados de relevância para a concepção do Esporte Escolar: ética, participação, diversidade, cooperação, regionalismo e emancipação. Estes são os norteadores da construção e realização dessa ação que, antes de tudo, é educacional.

Os Jogos Estudantis acontecem em três etapas: jogos nas unidades escolares, jogos nos pólos/ municípios e etapa regional, que acontecerá em cada uma das 33 Diretorias Regionais de Educação (Direc), em suas respectivas sedes, envolvendo os educandos representantes dos municípios/polos de sua circunscrição.

A Etapa Regional – (DIREC-15) ocorrerá no período de 29 a 31 de agosto, com a participação de nove cidades sobre a jurisdição da 15ª Diretoria Regional de Educação (DIREC-15), em Juazeiro–Bahia, envolvendo os educandos representantes dos municípios de Juazeiro, Uauá, Casa Nova, Remanso, Pilão Arcado, Sobradinho, Sento-Sé, Curaçá e Campo Alegre de Lourdes.

Para efetuar a inscrição, cada unidade escolar deverá entregar o termo de adesão e a ficha de inscrição dos educandos, segundo especificações de cada modalidade, devidamente carimbados e assinados pelo gestor da unidade escolar e pelo professor responsável. Os formulários estão disponíveis no endereço http://institucional.educacao.ba.gov.br/fichasdeinscricao

CATEGORIAS E MODALIDADES 

Os jogos serão realizados em duas categorias: A (15 a 17 anos – nascidos de 1997 a 1999) e B (12 a 14 anos – nascidos de 2000 a 2002). Já as modalidades são formadas por experiências comuns e inovadoras. As experiências comuns são constituídas de modalidades tradicionais, com adaptações em suas regras, para melhor atender aos princípios e objetivos dos Jogos Estudantis: basquetebol (feminino e masculino), futsal (feminino e masculino), futebol de campo (masculino), handebol (feminino e masculino), voleibol (feminino e masculino), torneio de atletismo (feminino e masculino), festival de xadrez (misto), tênis de mesa (feminino e masculino), natação (feminino e masculino) e judô (masculino e feminino).

 

No Torneio de Atletismo e no Festival de Xadrez haverá educandos de todas as cidades participantes, em quantidade definida no regulamento de cada modalidade, independentemente da Etapa. 

 

Nas experiências inovadoras serão realizadas propostas de superação de problemáticas que têm envolvido o esporte escolar e outros conhecimentos da cultura corporal, cujo foco trate da diversidade, do território, da pessoa deficiente, dentre outras possibilidades. Portanto, jogos abertos às especificidades regionais e experiências territoriais. Deverão ser propostas pelas Direc, na Etapa Regional, e escolhida uma dessas experiências para ser socializada na Etapa das Regionais Integradas.

Medalha Dom Malan para Petrolinense que mora no Rio de Janeiro trabalhando com projetos sociais para crianças e jovens carentes


 

O jovem petrolinense Charles Siqueira que será homenageado hoje na Câmara de Vereadores de Petrolina com a ´Medalha Dom Malan´

O jovem petrolinense Charles Siqueira que será homenageado hoje na Câmara de Vereadores de Petrolina com a ´Medalha Dom Malan´

Charles Lançamento Esporte SeguroPremier Skills com Primeiro-Ministro inglês

Charles Siqueira no  lançamento ‘Esporte SeguroPremier Skills’ com Primeiro-Ministro inglês

A Vereadora de Petrolina Maria Elena Alencar entrega hoje ao jovem Petrolinense Charles de Siqueira Barbosa ‘Medalha de Honra ao Mérito Legislativo Dom Malan”  pelos relevantes serviços sociais que o mesmo presta  junto  a crianças e jovens cariocas em bairros carentes implantando projetos que ofertam dignidade a todos os que deles participam.

Petrolina se orgulha do filho e da capacidade técnica e cultural que o mesmo desempenha no Rio de Janeiro.

Veja o convite que a  Câmara expediu a toda a sociedade Petrolinense

O Excelentíssimo Senhor Vereador Osório Ferreira Siqueira, Presidente da Câmara Municipal de Petrolina e a Excelentíssima Senhora Vereadora Maria Elena de Alencar, autora do Decreto Legislativo nº. 389/2014, têm a honra de convidar Vossa Senhoria e Ilustríssima Família, para a Sessão Solene de Concessão da Medalha de Honra ao Mérito Legislativo Dom Malan ao Senhor CHARLES DE SIQUEIRA BARBOSA, a realizar-se às dezenove horas do dia dezenove de agosto de dois mil e quatorze (terça-feira), no Plenário da Câmara Municipal, Praça Santos Dumont, s/n, centro – Petrolina/PE.

Veja o histórico e a caminhada do homenageado petrolinense

Charles e o Copa Zico 10 (1)

Charles e o Copa Zico 10 (1)

Charles de Siqueira Barbosa

Nascido em Petrolina (PE), em 19 de agosto de 1969 (44 anos).

Diretor da Praça do Conhecimento de Triagem – projeto de inovação e tecnologia da Secretaria Especial de Ciência e Tecnologia da Prefeitura do Rio de Janeiro que será inaugurado em 07 de maio de 2014.

Prêmio “Carioca Nota 10” – Revista Veja Rio (Jan-2014).

Co-produtor dos livros “Meu Rio Fotográfico” e “Ação Jovem”, lançados em Nova York em 2011 e 2012 (Galera.com/Brazil Foundation/LCM Commodities).

Membro da ABDL (Associação Brasileira para o Desenvolvimento de Lideranças) e LEAD International (ONU), desde 2008.

Conselheiro da Universidade das Quebradas – Projeto de Extensão do Programa Avançado de Cultura Contemporânea da UFRJ, desde 2011.

Gravação Globo Ecologia

Gravação Globo Ecologia

Co-produtor da 1ª edição da Flupp – Festa Literária Internacional das Periferias (Prêmio Faz Diferença do Jornal O Globo, 2013)

Membro-fundador do Fórum de Santa Teresa, primeira Agenda 21 de Bairro do Brasil (2004).

Estudante de Gestão Ambiental no Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro e Filosofia na Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Presidente do Instituto Cultural Pólen desde 2005, ONG promotora de projetos de educação para crianças e jovens e desenvolvimento comunitário do morro dos Prazeres, entre eles:

Prazeres Tour (2)

Charles e  o projeto ‘Prazeres Tour’ (2)

Programa Premier Skills (desde 2011) – Parceria com a Premier League inglesa e British Council, em atividades de futebol e prática cidadã para 200 crianças e jovens de comunidades do bairro de Santa Teresa. Destaque mundial nas atividades do British Council em 2012.

Galera.com (desde 2004) – Espaço de aprendizagem, desenvolvimento de tecnologias e produção audiovisual para jovens e adultos. Produziu curtas e longas documentais sobre a vida nas comunidades do Rio de Janeiro. Prêmios no Anima Mundi 2006 e Festival de Recife (curta de animação “Qual é”), European Student Film Festival 2009 e Festival de Cinema do Rio 2009 (curta metragem “Afeto”). Produziu o vídeo “Esporte Seguro” em Londres (Inglaterra), em março de 2012 e a transmissão da cerimônia dos Jogos Olímpicos de Londres 2012, na comunidade dos Prazeres para o Consulado do Reino Unido no Rio.

Prazeres Tour (desde 2011) – Arranjo produtivo local pelo Turismo, englobando grupo de jovens guias e articulação comunitária de produtores de artesanato e comerciantes do morro dos Prazeres (parceria com SEBRAE e SESI/FIRJAN).

Jardim dos Prazeres (2013) – Transformação de antigo lixão em jardim e espaço de lazer e educação ambiental em parceria com o Jardim Domain Du Rayol (Paris). Patrocínio da Total E& P do Brasil Ltda.

Copa Zico 10 (2)

Charles no projeto da Copa Zico 10 (2)

Caminho do Graffiti (2014) – 50 casas reformadas e grafitadas por 40 artistas plásticos de renome internacional, criando uma cadeia econômica pelo Turismo.

Dança pra Galera (2002 a 2008) – Grupo de dança de rua, formada por crianças e jovens do morro dos Prazeres (Prêmio “Destaque na Educação do Rio” – Prefeitura do Rio nos anos de 2003 e 2004)

Outros projetos desenvolvidos em favelas e periferias do Rio de Janeiro:

Copa Zico 10 (2013)– Série de oficinas profissionais ligadas ao futebol, desenvolvidas em comunidades do Rio de Janeiro. Parceria com a Escola Social Zico 10 e Rio de Negócios.

Eu jovem carioca tenho uma história pra contar (2013) – Concurso de criação literária e ilustração envolvendo jovens de 50 escolas de ensino médio da rede estadual na cidade do Rio. Foram chamados a escrever uma história original onde 15 vencedoras foram ilustradas por outros jovens da Escola de Artes do SENAI. Desenvolvido para a Brazil Foundation, secretaria de Estado de Educação, Firjan e jornal O Dia.

Ação Jovem na Arte Urbana Carioca (2012) – Concurso de obras artísticas concebidas por 42 jovens artistas de 34 comunidades do Rio, agrupados em 8 equipes com o objetivo de conhecerem uns aos outros e aos seus territórios, articular linguagens diversas, dialogar com questões sociais comuns a todas. Parceria com Brazil Foundation e Firjan e LCM Commodities (NYC).

Meu Rio Fotográfico (2011) – Concurso de registros fotográficos feitos por coletivos das comunidades do morro dos Prazeres, Providência e Chapeu Mangueira, partindo de uma pergunta fundamental: que Rio de Janeiro você quer mostrar? Parceria com Brazil Foundation e LCM Commodities (NYC).

Centro Comunitário Júlio Otoni (2006 a 2011) – Rede de instituições e indivíduos de suporte ao desenvolvimento da comunidade Júlio Otoni (Santa Teresa), através da criação de espaços de mobilização e capacitação dos moradores para a gestão participativa. Iniciativa das ONGs REDEH/CEMINA.

Dançarino da Companhia de Dança Paula Nestorov, de 1995 a 2003.

Grupo de dança contemporânea referência na cena carioca, pelo qual se apresentou pelo Brasil e Europa. Melhor Dançarino na Bienal de Dança de Lyon (França), 2002.

Coordenador dos seguintes projetos culturais:

Horizontes Culturais (secretaria de Educação do Rio) – Projeto de ampliação cultural dos professores da rede municipal, em atuação de 1997 a 2006.

Plateias do Futuro (Programa Escolas de Paz/Governo do Rio/UNESCO – 2001) – Projeto de Formação de Plateias em escolas dos municípios de São João de Meriti, Rio de Janeiro e Niterói.

AMMA leva palestra sobre “Sustentabilidade e Desenvolvimento” para alunos de escola municipal do bairro João de Deus


amma-100

A equipe de Educação Ambiental da Agência do Meio Ambiente de Petrolina (AMMA) entra em campo mais uma vez e vai levar informações sobre “Sustentabilidade e Desenvolvimento” a alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da escola Luiza de Castro, no bairro João de Deus, zona oeste deste município. A ação acontece às 19h30 desta quarta (20) e vai contemplar, também, a distribuição de mudas de espécies da caatinga que deverão contribuir para o processo de arborização da área. A palestra foi solicitada pela própria unidade de ensino.

“Vamos trabalhar junto aos alunos questões como a importância da coleta seletiva; reciclagem; uso correto da água, pilares da sustentabilidade. Também abordaremos sobre o processo de arborização da cidade, quais as espécies mais indicadas, como preparar um local para arborização, como fazer a muda, o acompanhamento”, explica a integrante do setor de Educação Ambiental da AMMA, Naedja Ferraz.

A disponibilização de palestras para a comunidade é uma das missões da agência ambiental. “A AMMA desenvolve diversos projetos voltados à preservação e conservação do Meio Ambiente, e é preciso que a comunidade tenha conhecimento destes projetos para que possa se tornar parte essencial na luta por um desenvolvimento sustentável. É dentro desse contexto que palestras e oficinas surgem como mecanismos eficientes de propagação de informações relacionadas a projetos, à Legislação Ambiental, dentre outros assuntos relacionadas a área. Ficamos felizes quando vemos que a própria comunidade nos aciona, porque esse é um dos primeiros passos para a consciência ambiental”, pontua o diretor presidente da AMMA, Gleidson Castro.

Santa Cruz conta agora com feira agroecológica


Feira Agroecológica (2)A população do município de Santa Cruz da Venerada conta agora com um espaço de vendas de produtos da agricultura familiar local. É a feira agroecológica. Com barracas padronizadas, no espaço que funciona junto com a feira livre, os consumidores podem encontrar frutas, legumes e hortaliças produzidos sem uso de agroquímicos por agricultores e agricultoras familiares do município.

Inicialmente, são 04 bancas, mas a ideia é envolver mais famílias na feira, que tem tido boa aceitação dos moradores. A iniciativa é do Núcleo de Educadores Populares do Semiárido (NEPS) com apoio da Ong Caatinga.

Para o agricultor, Francisco Gomes, mais conhecido como Francisquinho que reside no Assentamento Boa Vista, esse é um espaço de interação com o público da cidade. “Pra mim essa feira é boa porque a gente vende e conscientiza quem vem comprar o produto sobre o trabalho da agroecologia. Alimento é vida e a gente trabalha essa ideia de propagar a ideia da saúde alimentar”, destaca.

Feira Agroecológica (3)

“Os próximos passos são envolver mais pessoas das nossas comunidades pra que a gente venha a continuar a feira com mais pessoas. Eu acredito que a gente vá continuar com a feira mais animada e não só vender, mas fazer amizades também”, completa, o agricultor.

Com a recente inauguração da feira, realizada no último dia 09 de agosto, o Araripe pernambucano soma oito espaços de comercialização de produtos agroecológicos distribuídos nos municípios de Araripina, Ipubi, Granito, Exu, Bodocó, Ouricuri e Trindade.

Comunicação Caatinga

Guia eleitoral começou nesta terça-feira(19)


Faltando menos de 50 dias para as eleições, os eleitores terão a partir desta terça-feira, a oportunidade de conhecerem melhor as propostas e ideais dos candidatos a presidente da República, senador, governador e Senador.

Começou nesta terça-feira (19) e segue até 2 de outubro a propaganda eleitoral gratuita na televisão e no rádio de candidatos às eleições conforme prevê a   Lei nº 9.504/1997 . O Horário Eleitoral Gratuito começará com a propaganda para Presidente da República e deputados federais, que será exibida às terças, quintas e sábados. A propaganda para governador, senador e deputados estaduais será às segundas, quartas e sextas-feiras. No rádio, a exibição será das 7h às 7h50 e das 12h às 12h50. Na televisão os programas irão ao ar das 13h às 13h50 e das 20h30 às 21h20.

Caso aconteça o segundo turno, a propaganda terá início a partir de 48 horas após a proclamação dos resultados do primeiro turno e vai até o dia 24 de outubro. O candidato pela Coligação “Renovação de Verdade”, Cássio Cunha Lima (PSDB), Major Fábio (Pros) e Vital do Rêgo Filho (PMDB) terão suas inserções durante a programação das TVs e rádios.

Das três sobras destinadas ao cargo de governador, uma foi para a coligação “A Vontade do Povo”, que passou de 198 para 199 inserções. Outra ficou com o Pros, que saiu de 41 para 42 inserções. Já a coligação “Renovação de Verdade” saiu de 79 para 80 inserções.

O PSB de Eduardo Campos, morto na última quarta-feira (18) em acidente aéreo, irá abrir o primeiro dia de exibição. Com 2 minutos e 3 segundos, o partido é o que terá menos tempo entre as três principais candidaturas à Presidência.

No PSB, a propaganda precisou ser refeita após a morte de Eduardo Campos. A equipe de marketing da candidatura redesenhou a propaganda, que teve ajustes feitos até a última hora e precisou passar pelo crivo da família, segundo a assessoria de imprensa da campanha. O presidente interino do partido, Roberto Amaral, informou que o primeiro programa será destinado exclusivamente a homenagear Campos.

Marina Silva, que era candidata a vice de Campos e agora é tida por lideranças do PSB como o novo nome do partido para a Presidência, não deverá ser anunciada como candidata a no primeiro dia de propaganda. A sigla irá se reunir na terça e na quarta-feira para bater o martelo sobre quem se candidatará a vice-presidente.

Tempo de propaganda

No primeiro dia de horário eleitoral, serão transmitidos os programas dos 11 presidenciáveis. A Coligação Muda Brasil, da presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição, lidera com o tempo de exposição: 11 minutos e 24 segundos de um total de 25 minutos destinados para os que disputam a vaga para o Palácio do Planalto. A Coligação Muda Brasil, do candidato do PSDB, Aécio Neves, apresentará propaganda de 4 minutos e 35 segundos.

Depois do programa do PSB abrir o horário eleitoral, a ordem das propagadas nesta terça, definida por meio de sorteio, será esta: PCB, PSTU, PSDB, PT, PRTB, PSDC, PCO, PSC, PV e PSOL. Nos dias seguintes, a ordem será mantida, mas o partido que for o último a se apresentar será sempre o primeiro no dia seguinte, e assim sucessivamente.

As propagandas presidenciais serão exibidas sempre às terças, às quintas-feiras e aos sábados das 13h às 13h25 e das 20h30 às 20h55 na televisão. No rádio, os programas serão transmitidos das 7h às 7h25 e das 12h às 12h25

O tempo de cada coligação é definido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com base em resolução que considera o número de partidos políticos ou coligações que solicitaram registro de candidato a presidente da República e a respectiva representação na Câmara dos Deputados.

Nas terças, nas quintas-feiras e nos sábados, além dos 25 minutos destinados aos presidenciáveis, outros 25 serão usados logo em seguida para a campanha dos candidatos a deputado federal.

As segundas, quartas e sextas-feiras serão usadas para as propagandas dos candidatos a governador, senador e deputado estadual ou distrital. Ao todo, serão 50 minutos de programa, que também começa às 7h e às 12h no rádio. Na TV, sempre a partir de 13h e 20h.

Fora os candidatos que concorrem à Presidência da República, o tempo de propaganda para cada coligação na disputa pelos demais cargos eletivos é dividido conforme resolução do Tribunal Regional Eleitoral de cada estado.

Dilma posta na roda no JN: perguntas demolidoras


Em entrevista ao ‘Jornal Nacional’, realizada na biblioteca do Palácio da Alvorada, a presidente e candidata à reeleição, Dilma Rousseff, admitiu que a situação na área da Saúde ‘não é minimamente razoável’, mas defendeu as ações do governo, como o programa Mais Médicos. Apesar da insistência, Dilma se recusou a responder sobre a atitude do PT diante do escândalo do mensalão, que tratou os condenados como heróis. Por repetidas vezes, Dilma disse que não comenta decisões do Supremo Tribunal Federal (STF) por ser presidente da República e respeitar a independência entre os Poderes.

Em certos momentos, a presidente se mostrava tensa e incomodada em ser interrompida com novas perguntas. Ao final, Dilma disse que a economia vai melhorar no segundo semestre, rebateu o pessimismo e pediu votos aos eleitores.

A presidente, visivelmente contrariada, disse várias vezes que nunca comentou a condenação dos petistas pelo STF, como o ex-ministro José Dirceu. Ela não quis responder nem mesmo à pergunta sobre o PT tratar os condenados como ‘vítimas’.

— Vou te falar uma coisa: sou presidente da República. Não faço nenhum observação sobre julgamentos realizados pelo STF. Por um motivo muito simples: a Constituição Federal exige que o presidente da República e os demais chefes de Poder respeitem e considerem a autonomia dos outros órgãos. Não julgo ações do Supremo. Tenho minhas opiniões pessoais. Durante o processo inteiro, não manifestei nenhuma opinião sobre o julgamento. Não vou tomar nenhum posição que me coloque em confronto, conflito com a Suprema Corte. Isso não é uma questão objetiva — disse Dilma.

Ao ser perguntada sobre escândalos em ministérios e as irregularidades na Petrobras, a presidente repetiu que seu governo foi aquele que mais combateu a corrupção. Dilma disse que foi o governo do PT que criou a CGU. Na verdade, a CGU foi criada em 2001 pelo governo Fernando Henrique, com o nome de Corregedoria Geral da União. O presidente Lula sempre disse que om PT criou a CGU.

— Fomos aquele governo que mais estruturou os mecanismos de combate à corrupção, aos malfeitos. Além disso, tivemos uma relação muito respeitosa com o Ministério Público. Porque também escolhemos com absoluta isenção os procuradores. Fomos nós que criamos a Controladoria Geral da União. Criamos um Portal da Transparência — disse ela.

Ao falar de ministros afastados, Dilma lembrou que nem todos os acusados foram condenados na Justiça, e ressaltou que muitos pediram demissão por pressão da família. Ela disse que só aceita as exigências dos partidos quando acredita nas pessoas, citando os casos de César Borges e Paulo Sérgio Passos, ex e atual ministro dos Transportes, indicados pelo PR:

— Nem todas as pessoas foram punidas pelo Judiciário e tiveram culpa comprovada, Muitos se afastaram por pressão da família. Os partidos podem fazer exigências, mas só aceito quando são pessoas íntegras, competentes, têm tradição na área e têm minha confiança.

Na questão da Saúde, Dilma reconheceu que há ainda muitos problemas a enfrentar.

— Não acho (que a situação da saúde é minimamente razoável). Porque o Brasil precisa de uma reforma federativa (…) Mas resolvemos o problema dos 50 milhões de brasileiros (que passaram a ter atendimento) e dos 14 mil médicos. Temos de melhorar a Saúde, não tenho dúvida — disse Dilma, acrescentando:

— Ainda temos muitos problemas e desafios a enfrentar na Saúde. Enfrentamos um dos mais graves que há na Saúde. Porque na Saúde se precisa ter médicos. A população sempre reclamou da falta de médicos. Tivemos uma atitude muito corajosa (…) Chamamos médicos cubanos, e conseguimos chegar a 14462 médicos. E 50 milhões de brasileiros não tinham tratamento médico.

Dilma também foi enfática ao defender a política econômica.

— Primeiro, enfrentamos a crise, pela primeira vez no Brasil, não desempregando, não arrochando os salários, não aumentando tributos. Pelo contrário, desoneramos, reduzimos a incidência de tributos sobre a cesta básica. Enfrentamos a crise também sem demitir. E qual era o padrão anterior? — disse Dilma, mostrando irritação com números negativos apontados pelos entrevistadores:

— Não sei dá onde são os seus dados. Mas temos uma melhoria prevista no segundo semestre. Tem uma coisa em economia que são os índices antecedentes e os índices que evidenciam como está a situação atual. Todos esses índices indicam uma recuperação no segundo semestre vis-à-vis o primeiro semestre. Se não olhar para o retrovisor e o que está acontecendo hoje, ela está e zero por cento. Estamos superando a dificuldade de superar uma crise sem demitir, sem reduzir a renda

Ao final, Dilma pediu que todos acreditem no Brasil e não sejam pessimistas, acusação que sempre faz à oposição.

— Fui eleita para dar continuidade ao governo Lula. Ao mesmo tempo, preparamos o Brasil para um novo ciclo de crescimento: moderno, mais produtivo, mais competitivo. Criamos as condições para o Brasil dar um salto. Queremos continuar a ser um país de classe média, cada vez maior a participação da classe média, mais oportunidade para todos. Eu acredito no Brasil. Mais do que nunca, todos nós precisamos acreditar no Brasil e diminuir o pessimismo. E peço votos dos telespectadores — encerrou a presidente.(Blog de Magno Martins)