Clinical_Center Petrolina Clinical_Center Petrolina

Enquanto ministro tenta justificar corte na educação, manifestações tomam conta do país

Cartazes, gritos de protesto contra o desmanche da educação podem ser observados em cidades como Salvador (BA), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Brasília, entre muitas outras.

Enquanto o ministro da Educação, Abraham Weintraub, tentava “explicar” no Congresso as razões que levaram o governo a promover cortes profundos na educação, as manifestações contra o bloqueio das verbas tomavam conta do país.

Brasília – Foto: Reprodução

Curitiba – Foto: Eduardo Matysiak

Salvador – Foto: Reprodução

Todos os estados, além de Brasília, registram manifestações. Pela manhã e à tarde houve atos em, pelo menos, 150 cidades. Universidades e escolas também fizeram paralisações após convocação de entidades ligadas a sindicatos, movimentos sociais e estudantis e partidos políticos.

Cartazes, gritos de protesto contra o desmanche da educação podem ser observados em cidades como Salvador (BA), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Brasília, entre muitas outras.

Acompanhe alguns locais de manifestações:

Neste momento acontece o Abraço ao instituto Federal Porto Alegre. Foto: Marcelo Ferreira. http://bit.ly/LevantedaEducacao 

Vídeo incorporado

Ver imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no Twitter
“O verdadeiro pacote anticrime é a Educação” defende manifestante em cartaz durante ato em Amargosa, Bahia, Foto: @mpa_campesinato http://bit.ly/LevantedaEducacao 

Vídeo incorporado

em Recife: Ato em defesa da Educação pública e contra a reforma da Previdência, na rua da Aurora.

Ver imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no Twitter

Ato em São Paulo, capital, começou às 14h e já reúne milhares de estudantes, professores e defensores da educação. http://bit.ly/LevantedaEducacao 

Vídeo incorporado

Mais de 100 mil participaram do ato em Belo Horizonte (MG) contra os ataques à educação do governo Bolsonaro. Mobilizações em todo o Brasil continuam na tarde desta quarta em defesa da educação pública. https://www.brasildefato.com.br/especiais/levante-da-educacao/ 





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *