Como ser um bom prefeito?

DilmaPrefeitosFabioPozzebomABr   Nesta semana o Governo Federal está promovendo o “Encontro Nacional com Novos Prefeitos e Prefeitas – Municípios Fortes, Brasil Sustentável”. Como já foi amplamente divulgado, o objetivo da presidente Dilma Rousseff é reunir mais de 3,5 mil prefeitos e prefeitas de todo o país para apresentar os inúmeros programas oferecidos às prefeituras.

Oferecidos é mesmo a palavra correta para essa situação. A separação que muitos tentam fazer ao classificar uma obra como municipal, estadual ou federal é desfeita por essa iniciativa da presidente. O dinheiro é do contribuinte e as obras são do povo e para o povo. É assim que deve ser, é assim que realmente é.

Um bom exemplo disso é o programa Minha Casa, Minha Vida. O programa foi criado pelo governo federal para ser aplicado em cada município brasileiro. No entanto, para que ele cumpra sua meta é indispensável a atuação de cada prefeitura.

Vale ressaltar que nenhuma prefeitura vai pactuar e/ou construir mais unidades habitacionais só porque é de partido A, B ou C. É função do governo municipal seguir todos os tramites e proporcionar a sua cidade o maior número de casas para diminuir ou acabar com o seu déficit habitacional.

A cada ano que passa os ministérios estão mais acessíveis aos prefeitos e, mesmo se assim não fosse, as verbas são disponibilizadas, pela internet, para todas as cidades brasileiras. Só é preciso projetos. O papel do prefeito é estudar as necessidades da sua cidade, criar projetos para beneficiar a população e conhecer os caminhos até a obtenção das verbas.

Claro que ter o apoio de um deputado (federal ou estadual) ajuda, mas o prefeito que tem projetos e iniciativa pode conseguir diversos benefícios para sua cidade sem a intervenção de “padrinhos”. O que todos esperam é que encontros como estes que está sendo realizado em Brasília ensinem aos prefeitos de todo o Brasil que prefeito é prefeito e candidato é candidato.

Ouça o comentário de Vinicius:

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

<