Dia da Consciência Negra é celebrado em Juazeiro

 

A Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES) com o apoio do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial (COMPIR), da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes (SECULTE) e de diversas entidades representativas realizou na tarde dessa segunda-feira (20), Dia da Consciência Negra, uma extensa programação dentro do Novembro Negro.

A I Marcha do Povo Negro de Juazeiro abriu as atividades que trouxeram momentos de reflexão e conscientização acerca das políticas públicas voltadas para o negro. Os grupos ‘Encrespa’ e ‘Quidé Falaê’ animaram a marcha com músicas representativas da cultura negra. “Essa marcha demonstra o esforço coletivo de diversas entidades que diariamente lutam pela afirmação do negro na sociedade. É momento de nos reunirmos e refletirmos sobre os avanços das políticas públicas voltadas para nós negros”, destacou o gerente de Cultura, Ramon Raniere.

Para a secretária Cida Gama, a marcha representa um marco de luta para o povo negro de Juazeiro, que hoje corresponde a 73% da população na cidade. “Somos agentes públicos e temos obrigação de lutar pelo direito do outro. Viemos para as ruas para mostrar que somos todos iguais e que o respeito será sempre o melhor caminho”, afirmou.

A Marcha percorreu a Avenida Adolfo Viana, Rua da 28 e encerrou-se na Praça São Tiago Maior onde foi realizado o desfile da beleza negra.  “Hoje é o nosso dia. Dia da Consciência de que temos história, que somos filho da África, de indígenas e que temos muito que comemorar. Esse é um momento de fortalecer nossa luta”, ressaltou a vice-presidente do COMPIR, Márcia Guena, destacando ainda a criação do SOS Racismo que vai funcionar através do CREAS, no número 0800-284-7033. “Hoje lançamos, junto com a prefeitura, esse que é o fruto de muita luta e dedicação. A partir de hoje temos mais um importante canal de denúncia para casos de racismo. Juntos, vamos transformar Juazeiro em uma cidade sem racismo”, completou.

As comemorações pelo Dia da Consciência Negra tiveram ainda a participação dos povos de terreiros, Samba de Véio do Rodeadouro, Grupo Três da Matina e Afoxé Filhos de Zaze.

As ações voltadas ao Novembro Negro acontecem em Juazeiro desde 2013 trazendo um calendário com diversas atividades que buscam fortalecer a identidade do Povo Negro, combatendo o racismo e a intolerância religiosa dando visibilidade também às ações dos povos de terreiro da cidade. A programação continua na próxima quinta-feira (23) com o Seminário de Saúde da População Negra e segue durante todo o mês. (Ascom)

Convocação Geral


Em Petrolina, alunos de graduação e mestrado aprendem sobre metodologia aplicada no “Orla Nossa”

 

Cresce o número de multiplicadores de conhecimento sobre o trabalho realizado pelo projeto “Orla Nossa”, em Petrolina. Cerca de 50 alunos da graduação de Geografia da Universidade de Pernambuco (UPE) e do mestrado Dinâmicas de Desenvolvimento do Semiárido da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), conheceram a metodologia aplicada pelo programa, no último sábado (18).

Durante a visita com um técnico da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA), os alunos puderam entrar em contato com informações sobre os processos já realizados em 2017, observaram a melhoria da qualidade do solo e até a informações do que será feito.  O programa foi idealizado pela Prefeitura de Petrolina e realizado através AMMA.

Para o diretor de Projetos da AMMA, Victor Flores, o Orla Nossa acontece graças as parcerias que há entre a gestão e as instituições, como as universidades. “A troca com as instituições de ensino superior tem permitido que aperfeiçoemos o projeto. Esse conhecimento fez com que transformássemos as baronesas e sedimentos retirados do rio, em composto orgânico que hoje ajuda a corrigir as deficiências do solo nas margens do Velho Chico e também serve como adubo para plantas de outro programa, o Nossa Árvore”, explica.

A aula de campo do mestrado fez parte de uma das atividades da disciplina de Ética e Desenvolvimento Sustentável do Programa de Pós-Graduação em Dinâmicas do Desenvolvimento do Semiárido, como afirma a professora Alvany Santiago.  “A visita ao projeto Orla Nossa foi importante para conhecer as atividades de cuidado com o rio São Francisco e a abordagem de recomposição da Mata Ciliar adotada”, aborda.

Sobre o Orla Nossa:

O Programa Orla Nossa é um projeto de revitalização do Rio São Francisco que vem sendo desenvolvido desde o início da gestão. Entre os trabalhos realizados pela Prefeitura de Petrolina, estão o estudo e a retirada das baronesas, a inserção de 35 mil alevinos, a operação que identificou e solucionou ligações clandestinas e tubulações que despejavam esgoto no rio. O projeto entra agora na fase de recuperação da mata ciliar degradada na extensão da Orla e no processo de educação ambiental.

Entre as parcerias firmadas, o programa conta com o auxílio do Instituto Federal do Sertão Pernambucano, 72º Batalhão de Infantaria Motorizada e a Codevasf. (Ascom)

Convocação Geral


Em Juazeiro, Secretaria de Educação aplica a segunda prova do SAEJ nas escolas da Rede Municipal de Ensino

A Secretaria de Educação e Juventude (SEDUC) vai aplicar quinta e sexta-feira (23 e 24), a segunda prova este ano do Sistema de Avaliação Educacional de Juazeiro – SAEJ, em todas as escolas do município que trabalham com as turmas do Infantil V ao 9º ano. Cerca de 25 mil alunos, de 134 unidades escolares da Rede Municipal de Ensino irão responder questões de Língua Portuguesa e Matemática.

“No primeiro semestre realizamos a primeira avaliação com os alunos da rede, e esta semana realizaremos a segunda avaliação do ano, com uma novidade, os alunos do Infantil V também farão parte do diagnóstico do SAEJ. Este sistema, implantado pela SEDUC em 2009, oferece dados para uma análise ampla e precisa da Rede e fornece as informações necessárias para as intervenções e melhorias na qualidade do ensino, e também norteia a formação do professor e a criação de programas pedagógicos”, ressaltou a secretária da SEDUC, Lucinete Alves.

Nesta segunda-feira (20), a superintendência pedagógica da SEDUC, realizou uma formação para os profissionais que irão trabalhar na aplicação das provas. “Orientamos os gestores e coordenadores pedagógicos sobre o manual de aplicação, e anteriormente, solicitamos aos professores que mobilizassem os alunos, explicando o objetivo e a importância da participação de todos nessa segunda etapa da avaliação, para que o resultado seja mais eficaz”, disse a superintendente pedagógica, Rosilda Carvalho.

A superintendente também destacou a importância do trabalho que está sendo realizado pelos gestores, coordenadores e professores para que o ambiente escolar seja preparado adequadamente, assegurando a tranquilidade dos alunos no momento da aplicação das provas. Na quinta-feira (23) os estudantes farão a prova de Português e na sexta-feira (24) a de Matemática.

As provas são elaboradas pela equipe de formadores da Escola de Formação dos Educadores de Juazeiro – EFEJ. Na avaliação são mensuradas, além dos diagnósticos de escrita e produção de texto, a capacidade de interpretação do aluno, a evolução na aprendizagem dos conteúdos e a habilidade dos estudantes ao estabelecer relações lógico-discursivas. Assim, além de retratar o desempenho do aluno ao longo da sua escolaridade e os eventuais pontos vulneráveis do sistema de ensino, o SAEJ busca, também, envolver docentes, gestores, coordenadores e pais ou responsáveis, através da divulgação do Boletim Pedagógico, onde cada escola encontra um retrato fiel do desempenho de seus alunos, e do Boletim Aluno, que mostra o desempenho individual de cada aluno em Língua Portuguesa e Matemática. (Ascom)

Convocação Geral


‘Não é bonito, é porcaria’, diz Silvio Santos, sobre pernambucano namorado de Fátima Bernardes

Dono do SBT costuma alfinetar colegas de televisão. Foto: SBT/Instagram/Reprodução

O aprentador e dono do SBT, Silvio Santos, continua com a língua afiada. No programa deste domingo (19/11), direcionou críticas ao relacionamento da apresentadora Fátima Bernardes com o advogado pernambucano Túlio Gadêlha.

Ao pedir para que a produção mostrasse uma imagem do rapaz, Silvio declarou: ”Ele não é bonito, é por ele que vocês gritam? Bonito é o Tom Cruise, o Leonardo DiCaprio. Nacional tem o Celso Portiolli, o César Filho. Até o William Bonner, marido dela. Isso aqui não, é porcaria”.

Depois, Silvio perguntou a idade de Fátima (que tem 55 anos) e a do namorado (de 30). ”Com 55, não vou dizer que está velha, mas não é mais uma menina de 22. Ela está bem arrumada de namorado”, disse.

Empolgado, o apresentador ainda deu dicas para não virar notícia quando “tiver encontros às escondidas”. ”A melhor maneira de entrar no motel, aqui em São Paulo, não falha: Eu vou, a pessoa vê que sou eu e fala ‘tá sozinho, Silvio Santos?’. Eu falo ‘é, tô sozinho, mas tem alguém que vai me telefonar para cá’. Depois, eu saio e falo: ‘A pessoa que eu estava esperando não me ligou’. Aí a pessoa está abaixada no carro e sai. Você sabe de todo mundo que vai no motel. De mim, você nunca soube”, divertiu-se.

Convocação Geral


Cinco vereadores são presos em operação do MP nas cidades de Remanso e Juazeiro

O Ministério Público da Bahia (MP-BA), em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), deflagrou nesta terça-feira (21) uma operação contra fraudes em licitações nas cidades de Juazeiro e Remanso, no norte baiano.

No total, a força-tarefa prevê o cumprimento de 12 mandados de prisão e seis de condução coercitiva. Mandados de busca e apreensão também devem ser cumpridos pela operação.

Entre os presos, segundo fonte do BNews, estão cinco vereadores de Remanso e alguns funcionários públicos.

 

O grupo é acusado de fraudar licitação e desviar verba pública. Na ação, foi apreendida uma quantia considerável em dinheiro.Vídeos mostraram parte do que os agentes encontoram durante a operação:

 

Convocação Geral


Juazeiro inicia nesta terça-feira(21) campanha pelos 16 dias de ativismo pelo fim da Violência contra a Mulher

 

A Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES) inicia nesta terça-feira (21), a programação dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra Mulher. Até o dia 11 de dezembro serão desenvolvidas atividades de conscientização abordando o tema da violência doméstica, desde a prevenção ao enfrentamento.

A Campanha é uma mobilização que acontece anualmente, e é realizada com a participação de diversos atores da sociedade civil e poder público. O objetivo é instituir uma ligação entre violência de gênero e direitos humanos, ressaltando que a violência contra a mulher é uma violação aos direitos humanos. Em Juazeiro, parceiros como Diocese, Polícia Militar, Univasf, Pastoral da Mulher e diversas entidades de luta contra a violência atuarão junto à gestão municipal.

A abertura da campanha será com uma palestra sobre violência doméstica familiar e acontecerá no Centro de Recuperação e Resgate de Juazeiro, a partir das 14h, nesta terça-feira. A programação trará também rodas de conversas, torneio de futsal feminino, diversas ações educativas, além de estar inserida na caminhada da paz realizada pela Diocese de Juazeiro no próximo sábado, 25. O encerramento será no dia 11 de dezembro, no Juá Garden Shopping, com a exibição do filme “Quebrando o silêncio”, que aborda de forma crítica a violência contra a mulher na sociedade atual. (Ascom)

Convocação Geral


Total de ações trabalhistas cai mais de 90%

 

Estadão

A nova legislação trabalhista, que entrou em vigor no último dia 11, teve um efeito perceptível em sua primeira semana: derrubou drasticamente o número de ações na Justiça do Trabalho. Dados de cinco tribunais regionais consultados – Rio Grande do Sul, Bahia, Paraíba, Distrito Federal/Tocantins e Pernambuco – apontam uma queda de cerca de 60% no número de processos ajuizados em relação à média do primeiro semestre.

Se for levada em consideração apenas a semana anterior à entrada em vigor da nova lei, essa queda é ainda mais drástica: chega a mais de 90%. O resultado não surpreende o presidente da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), Guilherme Feliciano. Ele explica que a queda dos números era esperada diante do grande movimento visto nos últimos dias da antiga CLT.

Para Feliciano, muitos trabalhadores entraram com ações na reta final para garantir que o processo seja julgado com base nas regras antigas. Como a legislação vale para os contratos vigentes, a interpretação da maioria dos magistrados é que contratos encerrados no período da CLT serão julgados pela legislação antiga.

Outro motivo apontado pelo presidente da Anamatra para a queda no fluxo de ações é a persistência de dúvidas e incertezas sobre a reforma. “Advogados devem estar estudando a legislação para entender como agir”, diz o magistrado.

Entre advogados trabalhistas, prevalecem dúvidas sobre a aplicação das novas regras e alguns têm sinalizado que preferem aguardar a criação de jurisprudência sobre tópicos polêmicos. Entre os assuntos que mais geram debate está a aplicação da nova litigância de má-fé, que pode multar o trabalhador em até 10% do valor da causa, e o entendimento sobre a prevalência do princípio da condição mais benéfica ao trabalhador – situação que determina que, quando há mudança da legislação, prevalece a que for mais favorável ao empregado.

Maior queda. Entre os Estados consultados, o que apresentou a maior queda no número de ações foi o Rio Grande do Sul. O TRT gaúcho registrou média diária de 173 novos processos trabalhistas entre 11 e 17 de novembro. O volume é 93% menor do que o registrado na última semana de vigência da antiga versão da CLT, quando a média ficou em 2.613 ações por dia.

Nos outros Estados o movimento também despencou. Na Bahia, o volume de novas ações caiu 91% nos primeiros dias da reforma ante a semana anterior. A queda chegou a 88% na Paraíba e a 74% no Distrito Federal e Tocantins. O feriado de 15 de novembro pode até ter influenciado, mas o fato não é encarado como determinante, pois na Justiça do Trabalho é possível ajuizar ação eletronicamente, mesmo nos feriados.

Em relação à média do primeiro semestre, a queda é menor, mas também expressiva. No Rio Grande do Sul, o número de novas ações na primeira semana da reforma é 67% menor que a média de todo o primeiro semestre. O fenômeno se repete em outros Estados: queda de 64% na Bahia, 63% na Paraíba e 56% em Pernambuco.

Entre os maiores tribunais regionais do País, São Paulo e Rio de Janeiro informaram que os dados só são tabulados em prazos que variam de quatro a oito semanas. Em Minas Gerais, um problema no sistema eletrônico impediu o levantamento.

A forte queda do movimento na Justiça do Trabalho, porém, ainda não é considerada uma tendência. Em nota, o TRT do Rio Grande do Sul avalia que, “para se constatar os efeitos no número de processos ajuizados, será necessário analisar as estatísticas em um intervalo de tempo maior”.

Convocação Geral


Bandidos explodem mais um banco no sertão de Pernambuco. Agora foi em Moreilândia

IMG-20171121-WA0021 IMG-20171121-WA0026-horz IMG-20171121-WA0022

Madrugada de terça-feira foi de pânico e medo para os moradores de Moreilândia, sertão de Pernambuco na divisa com o estado do Ceará. Antes da fuga o grupo fortemente armando ainda arrombou o Fórum da cidade

Na madrugada desta terça-feira (21), os moradores da cidade de Moreilandia, sertão de Pernambuco, acordaram com barulhos de explosivos e muitos tiros. O posto avançado do banco do Bradesco da cidade foi alvo de ataque de uma quadrilha de assaltantes, que chegou por volta de 1:30 e explodiram ao menos um caixa eletrônico. Ainda de acordo com informações os bandidos ao chegar foram fazendo vários disparos com arma de fogo, na fuga soltaram grampos na pista para dificultar uma possível perseguição policial.

Antes da fuga os assaltantes ainda arrombaram as portas do Forum da cidade, a Policia Militar de Moreilandia acredita que a ação no Forum seria em busca de armas. Não há confirmação se foi levado alguma coisa do prédio da justiça, ainda de acordo com informações da Policia a quadrilha fugiu em direção ao estado do Ceará em um veiculo Hilux. Não foi divulgado se os bandidos conseguiram  levar o dinheiro e a quantia, tambem não foi divulgado nada a respeito dos reféns. Lembrando que essa não é a primeira vez que assaltantes praticam esse tipo de crime em Moreilndia, no mês de junho a agencia local do banco do Brasil foi alvo dos criminosos.(Blog do Didi Galvão)

Convocação Geral


Aumento de empregos em outubro foi puxado por comércio, indústria e serviços

Resultado de imagem para Aumento de empregos em outubro foi puxado por comércio, indústria e serviços
Olga Bardawil – Repórter da Agência Brasil

O aumento do número de empregos formais em outubro foi puxado pelos setores de comércio, indústria de transformação e serviços. De acordo com números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados hoje (20) pelo Ministério do Trabalho, 76.599 vagas foram criadas no mês passado. O resultado de outubro é o melhor do ano até agora.

O comércio foi o setor que mais se expandiu no último mês, com 37.321 novos empregos formais, dos quais 30.187 no comércio varejista.

A indústria de transformação teve o segundo melhor desempenho, com 33,2 mil novos postos de trabalho, graças sobretudo ao desemprenho da indústria de produtos alimentícios, que abriu 20.565 vagas.

Já o setor de serviços criou 15.915 vagas de emprego formal em outubro.

Saiba Mais

No acumulado do ano, o saldo de empregos chega a 302.189 novas vagas, crescimento de 0,79% em relação ao mesmo período de 2016. Para o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, os resultados de outubro do Caged indicam consolidação da recuperação econômica. “Mostra que as politicas adotadas pelo governo estavam corretas”, destacou.

Reforma trabalhista

Segundo Nogueira, a entrada em vigor da nova legislação trabalhista vai influir positivamente no mercado de trabalho formal do país. “Em que pese os 45 milhões de trabalhadores na informalidade, nós temos a convicção de que só os contratos nas novas modalidades, como a jornada parcial, jornada de trabalho intermitente e teletrabalho, teremos mais 2 milhões de empregos novos.”

De acordo com o ministro, os empregos com jornada intermitente, por exemplo, devem surgir em setores de serviço como bares e restaurantes e de Tecnologia da Informação (TI).

Em relação à contagem dos empregos formais com jornada intermitente, uma vez que o trabalhador poderá ter mais de um contrato, Nogueira disse que a regra será “um trabalhador, uma vaga [computada pelo Caged]”.

Para se adaptar às novas modalidades de contratação, o sistema de dados do Caged passará a incluir informações sobre salário/hora/atividade.

Nogueira reconheceu que o trabalhador intermitente ainda não pode ser contado na série histórica do Caged, e disse que, em dezembro, quando forem incluídas as modalidades criadas pela nova lei trabalhista, a divulgação dos números do cadastro será feita separadamente.

Convocação Geral


Confira o preço das principais verduras cultivadas no Vale do São Francisco e comercializadas no Mercado do Produtor de Juazeiro para hoje

O preço da cebola roxa nesta terça-feira, 21 de Novembro está bem abaixo do preço esta semana cotada por R$1 real o quilo, o tomate está custando R$ 1,15 o quilo. Já a batatinha está cotada por R$65  reais o saco com 50 quilos e o melão Orange R$1,30 o quilo.

Confira aqui a tabela completa. (Ascom Mercado do Produtor de Juazeiro)

Convocação Geral


Relação das vagas de emprego da Agência do Trabalho de Petrolina para Hoje

emprego 1

 RELAÇÃO DAS VAGAS 21/11/2017
VAGAS FUNÇÃO ESCOLARIDADE EXPERIÊNCIA OBSERVAÇÕES
01 Auxiliar administrativo ENS. MEDIO COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Auxiliar de pizzaiolo FUNDAMENTAL COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Chefe de Cozinha ENS. MEDIO COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Comprador ENS. MEDIO COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Consultor de vendas ENS. MEDIO COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Mecânico de automóvel SUPERIOR COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Mecânico de máquinas pesadas FUNDAMENTAL COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Operador de caixa ENS. MEDIO COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Pizzaiolo FUNDAMENTAL COMPLETO 6 meses CTPS  
01 Supervisor de Embalagem e Etiquetagem SUPERIOR COMPLETO 6 meses CTPS EXPERIÊNCIA EM PACKING HOUSE E FORMAÇÃO EM AGRONOMIA OU ÁREAS AFINS
01 Supervisor de vendas comercial ENS. MEDIO COMPLETO 6 meses CTPS HABILITAÇÃO “AB”


Horário de atendimento para o público: 07:00h às 13:00h.   Telefone – 3866-6540
Obs: vagas sujeitas a alterações no decorrer do dia.

Site da Secretaria—http://www.sempetq.pe.gov.br/

Facebook da Secretaria —https://www.facebook.com/sempetqgovpe

 

Convocação Geral


Finalista, Petrolina participa de votação popular do programa Conviva que premia boas práticas de gestão na Educação no Brasil

Petrolina está concorrendo a mais um prêmio na área de Educação. Desta vez, é na 3ª Ação de Reconhecimento do programa Conviva Educação.

A cidade está entre os dez municípios selecionados, dos 199 inscritos, por conta do projeto ‘Inserção tecnológica de dados do RH (Recursos Humanos)’ como iniciativa que impactou positivamente a gestão da educação municipal. O objetivo da Ação de Reconhecimento é valorizar as iniciativas que promoveram melhorias na gestão da educação pública municipal por meio do uso da plataforma.

Para se consagrar vencedora da premiação, a votação nesta etapa será popular e online. A partir desta segunda-feira, 20 de novembro, está aberta a votação para escolha a partir dos vídeos produzidos. A votação deve ser realizada por meio do link:  http://bit.ly/2zgMJOa. Para votar, é necessário ter conta no Facebook. Só é permitido um voto por usuário e não será possível alterá-lo. O prazo final da votação é 27 de novembro.

A divulgação final do resultado com os três municípios vencedores será realizada no dia 30 de novembro. Os vencedores serão premiados com uma viagem ao exterior para que possam conhecer projetos e iniciativas educacionais de sucesso. “Nossa equipe fez uma bela apresentação do uso do Conviva que iniciamos este ano e agora está na fase da votação popular. Petrolina está representando Pernambuco. Peço a cada um de vocês que nos ajudem mobilizando sua rede de contatos para votar”, ressalta Maéve Melo, secretária de Educação. (Ascom)

Convocação Geral


Produtos do Sul da Bahia atraem consumidores ao Mercado do Produtor de Juazeiro

O Mercado do Produtor de Juazeiro tem atraído cerca de 4 mil pessoas diariamente devido aos acessíveis preços e diversificados produtos encontrados no Ceasa, entre eles estão as frutas do sul da Bahia que tem atraído a clientela.

Produtos como cacau, graviola,  cupuaçu, banana da terra e rambotan  são produzidos no baixo sul da Bahia e podem ser encontrados por um valor abaixo dos mercados tradicionais.

O produtor e comerciante Tenafly Melo, trabalha há cerca de um ano no Mercado do Produtor e destaca que os produtos são bem procurados em Juazeiro. “Toda semana estamos aqui trazendo produtos de boa qualidade e encontramos grande demanda. Fico muito feliz de ver nossos produtos sendo consumidos pelos juazeirenses”, disse Tenafly

De acordo com dados do setor de Estatísticas do Mercado do Produtor de Juazeiro o preço do cacau está custando R$ 3,00 o quilo, o cupuaçu pode ser encontrado por R$4,00 o quilo, e o quilo da graviola por R$ 4,50. A banana da terra de primeira é vendida por R$70,00 o cento e a caixa da fruta rambotam custa R$ 5,00.

“Faço compras para minha família toda semana no Ceasa. Vale muito a pena para quem quer economizar e ter um produto bom. Gosto muito dos produtos do sul da Bahia que são diferenciados da nossa região e aqui encontro com um preço menor”, diz o aposentado João Claudio, 61 anos.

Segundo a Comissão Executiva de Planejamento da Lavoura Cacaueira – CEPLAC, o Brasil é o sexto maior produtor de cacau do mundo. Os benefícios do cacau provêm do poderoso conjunto de substâncias, vitaminas e sais minerais presentes em sua composição. Outro produto benéfico à saúde é a graviola – alguns componentes bioativos contidos no fruto, seriam capazes de neutralizar a ação de células cancerosas, sem afetar as saudáveis.

Além desses produtos, o Mercado do Produtor é um canal de escoamento da produção agrícola, são produzidos vários tipos de verduras, legumes e frutas na região como: melão amarelo, melão pele de sapo, melão orange, pinha, tamarindo, uva Itália, uva benitaka, uva patrícia, melancia, maracujá, banana nanica, banana pacovan, banana prata, banana maçã, goiaba, manga. (Ascom)

Convocação Geral


Bandidos roubam caminhão da empresa Souza Cruz com carga avaliada em mais de R$ 130 mil em Serra Talhada

Bandidos ousados realizaram um mega furto de carga em Serra Talhada nesta segunda (20), levando R$ 134.776.74 mil em produtos, e de acordo com o Farol de Notícias, o crime aconteceu nesta madrugada vitimando um caminhão da empresa Souza Cruz.
O condutor do caminhão, de 36 anos, informou à polícia que havia estacionado o veículo no pátio de um posto de combustíveis na Avenida Vicente Inácio, no bairro Borborema.
A ousadia dos criminosos foi tamanha que eles conseguiram invadir o caminhão entrando pelo teto do veículo onde foi aberto um buraco com espessura confortável para a retirada da carga.
 
A polícia não soube dizer, com precisão, com que tipo de equipamento os bandidos poderiam ter furado o teto do caminhão. Esse só é mais um, dentre dezenas de roubos de carga que vêm sendo registrados na Capital do Xaxado nos últimos anos.
PRODUTOS: Dentre os produtos furtados, os criminosos levaram 415 caixas contendo carteiras de cigarros avaliadas em R$ 131,339 mil e ainda 32 pacotes de fumo avaliados em R$ 958; 22 caixas de papel no valor de R$ 667; 174 unidades de Red Bull que somadas ao furto de 276 unidades de isqueiros foram avaliados em R$ 1.812,24; e 7 unidades de licor Mentos.
CÂMERAS: A Polícia Civil irá traçar para tentar encontrar pistas dos suspeitos. Agentes informaram que o crime foi flagrado por imagens de câmeras de segurança instaladas próximo ao local. do crime.
Pelas imagens, é possível ver os criminosos usando outro caminhão, o qual foi estacionado ao lado do veículo da Souza Cruz para transportar a carga e também dificultar o registro das câmeras. (Via: Farol de Notícias)
Convocação Geral


Reaja ou será morto: 6º Coletivo na Rua abordará extermínio da juventude negra

 

RESUMO: Dia 24 (sexta-feira) deste mês de novembro, às 18h30min, a Praça da Juventude do bairro João de Deus será palco de diálogo entre o Mandato Coletivo e a comunidade sobre políticas públicas e questões raciais no contexto das injustiças e violências sofridas pela população negra.

O Mandato Coletivo, do vereador Gilmar Santos e sua equipe,  realizará a 6ª edição do Coletivo na Rua, dentro da programação do Festival “Afrocoletividade”, no mês das consciências negras, intitulado “Reaja ou será morto/a: redução da maioridade penal, encarceramento e extermínio da juventude negra”. A ação será no dia 24/11, uma sexta-feira e se iniciará às 18h30min, contando com apresentações artísticas e participação de estudiosos e moradores em torno da temática.

O local será a Praça da Juventude do bairro João de Deus. Através de projeto protocolado pelo vereador Gilmar Santos na manhã do dia 16/11(quinta-feira)  e conforme reivindicação dos moradores da comunidade, a quadra poliesportiva que se encontra na Praça levará o nome do jovem José Alex Soares da Silva. José Alex, um jovem negro da comunidade, acusado injustamente de assalto, foi cruelmente espancado e morto por policiais, acionados pela dona de um posto de gasolina quando voltava de um jogo de futebol no ano de 2010, juntamento com o amigo Diego Pereira, que sobreviveu ao crime e ainda reside no bairro.

O tema desta edição – “Reaja ou será Morto/a”, convoca a juventude negra a compreender a luta contra os contextos sociais, culturais e políticos que violentam e marginalizam as pessoas negras no país. O racismo institucionalizado pelo estado brasileiro revela-se nos números divulgados no Atlas da Violência 2017, documento aponta que os jovens negros entre 12 e 29 anos estão mais vulneráveis ao homicídio do que brancos na mesma faixa etária.  A cada 100 pessoas que sofrem homicídio no Brasil 71 são negras. Os assassinatos de jovens brancos diminuíram, ao passo que o de jovens negros aumentaram e o texto do documento diz: “ a juventude negra é assassinada no Brasil como se estivesse em uma situação de guerra”. Essa é a situação do racismo em nosso país.

A plenária popular é um espaço de debate e reflexão de pautas importantes para a vida em sociedade e que tem como objetivo estabelecer o diálogo entre a população e o Mandato Coletivo, a partir de demandas locais e questões de grande relevância para a cidade e seus moradores. Através do Coletivo na Rua é possível perceber maior apropriação dos cidadãos sobre o que é o mandato do vereador e o caráter coletivo de sua representatividade.(Ascom)

Convocação Geral