Vereadores, não é assim que o povo quer!

Vereadores de Petrolina, Manoel da Acosap(PTB) e Cristina Costa(PT) se desentendem

Vereadores de Petrolina, Manoel da Acosap(PTB) e Cristina Costa(PT) se desentendem

Vinicius de Santana

Constrangedor e deselegante a agressão física e moral que os dois vereadores de Petrolina, Cristina Costa(PT) e Manoel da Acosap(PTB),  promoveram no estúdio de uma rádio local em Petrolina, quando eram entrevistados nessa sexta-feira(06), defendendo  posições políticas e administrativas de seus mandatos .

O fato que chamou mais a atenção da sociedade Petrolinense,  não foi a discussão em si, mas, a maneira estranha em que os ânimos se alteraram no decorrer da entrevista, resultando em farpas grosseiras,intempestivas e com agressões físicas e  pessoais que não deveriam ter ocorrido entre os dois parlamentares.  Como se sabe , os dois  vereadores, Cristina e Manoel, somam na Câmara, um histórico desempenho de lutas em defesa de associações, entidades e movimentos populares, portanto, impróprio e desnecessário o embate.

Passado o primeiro momento do tão desagradável episódio,que nada somará na trajetória política dos dois vereadores, é hora de desarmar os espíritos, apagar as mágoas e promover um ato pessoal entre ambos, onde possam se desculparem, dissolvendo a melancólica desavença ocorrida, procurando manter a postura de respeito mútuo que o cargo exerce.

Missão que pode ser muito bem promovida e coordenada pelo Presidente da Câmara, Osório Siqueira, antes de qualquer resolução de penalidade da casa, para ambos.

A Câmara de Vereadores de Petrolina não merece esses desencontros, nem muito menos os dois combativos vereadores e os eleitores, que deram a eles a oportunidade de continuarem defendendo os interesses da comunidade na casa Plínio Amorim.

Humildade para reconhecer os erros, não faz mal a ninguém. Quer apostar?

Publicado em Pernambuco, Petrolina, Politica por vinicius de santana. Marque Link Permanente.

Sobre vinicius de santana

Vinicius de Santana é radialista a 30 anos em Petrolina-PE. Trabalhou na Emissora Rural, no Jornal o Sertão e atualmente trabalha na Rádio Grande Rio AM, na Rádio Rio Pontal FM de Afrânio-PE e na Rádio Dormentes FM, comunitária da cidade de Dormentes-PE.É formado em Administração de Empresas(FACAPE) e é pós graduado em Gestão de Pessoas(FACAPE). Tem especialização em Marketing Politico com passagens em várias cidades do sertão como coordenador de campanhas politicas. É Jualina: nascido em Juazeiro-BA, mas mora em Petrolina.

Uma ideia sobre “Vereadores, não é assim que o povo quer!

  1. Que nível! Olhem a diferença linguística da informação apresentada num ambiente ético!
    Parabéns!
    E como vc diz, o povo ñ quer assim. Mas, como de tudo que é um ruim reconenda-se tirar uma Boa lição; Folgo em dizer que a vereadora Cristina, deixou a máscara cair.
    Que preconceituosa! Racista e autoritária.
    Está explícito em sua fala quando diz; “ñ sou nega dele” “segurei no colarinho e rasguei a camisa, mas ele correu, covarde”.
    Ela tava mesmo querendo brigar, já saiu de casa preparada e até no debate é perceptível o uso de estratégias imorais para desestruturar a vítima, Manuel ta ACOSAP. Isso é golpe aplicado numa emboscada!
    Vergonha! Uma mulher negra, vereadora, professora, defensora e militante na luta contra as desigualdades, denuncia através da sua postura inconcebível um ser arrogante e perverso.
    Vereadora a ecpressão; ñ sou nega sua é cruel, além de criminosa. Se ñ sabe é CRIME associar condutas imorais à cor da pele de gente.
    As mulheres de Petrolina ñ se sentem contempladas na sua representatividade. Aliás convido-a a refletir sobre o feminismo midiático e romântico. Ele pode destruir uma nação. Veja a sua atitude: Uma pessoa que que segura e bandeira do direito à igualdade, agride física e verbalmente em público um homem que é chamado de covarde por ñ ter revidado a sua agressão e saciado o seu desejo de praticar a violência.
    Vereadora, a senhora já pensou se a violência apenas mudar de sexo? E como a senhora, as mulheres passaram a ser as agressoras?
    Tome cuidado com o que faz com sua falsa ideologia viu?Lidamos com gente, seres humanos.
    #umdiaamascaracai#

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *